A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

SOMA VETORIAL Regra do Paralelogramo. Regra do paralelogramo Sejam e dois vetores. A soma desses vetores é um terceiro vetor, o vetor resultante: Sejam.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "SOMA VETORIAL Regra do Paralelogramo. Regra do paralelogramo Sejam e dois vetores. A soma desses vetores é um terceiro vetor, o vetor resultante: Sejam."— Transcrição da apresentação:

1 SOMA VETORIAL Regra do Paralelogramo

2 Regra do paralelogramo Sejam e dois vetores. A soma desses vetores é um terceiro vetor, o vetor resultante: Sejam e dois vetores. A soma desses vetores é um terceiro vetor, o vetor resultante: Para determinarmos o módulo, a direção e o sentido desse vetor resultante, utilizamos a regra do paralelogramo. Primeiramente, desenhamos o paralelogramo definido a partir dos vetores e. Para determinarmos o módulo, a direção e o sentido desse vetor resultante, utilizamos a regra do paralelogramo. Primeiramente, desenhamos o paralelogramo definido a partir dos vetores e.

3 Regra do Paralelogramo Módulo do vetor resultante: Módulo do vetor resultante: É dado pelo comprimento da diagonal indicada na figura. Portanto, v 2 = v v v 1 v 2 cos, onde é o ângulo entre os dois vetores. Portanto o vetor resultante é obtido desenhando-se uma das figuras abaixo: Portanto o vetor resultante é obtido desenhando-se uma das figuras abaixo:

4 Resultantes Máxima =0 o e Mínima =180 o I : vetores componentes de mesma direção e sentido. Vetor Resultante Máximo de direção e sentido iguais aos dos vetores componentes e módulo igual à soma dos módulos dos vetores componentes. I : vetores componentes de mesma direção e sentido. Vetor Resultante Máximo de direção e sentido iguais aos dos vetores componentes e módulo igual à soma dos módulos dos vetores componentes. II : vetores componentes de mesma direção e sentidos opostos. Vetor Resultante Mínimo de direção igual aos dos vetores componentes, sentido do maior vetor componente e módulo igual à diferença dos módulos dos vetores componentes. II : vetores componentes de mesma direção e sentidos opostos. Vetor Resultante Mínimo de direção igual aos dos vetores componentes, sentido do maior vetor componente e módulo igual à diferença dos módulos dos vetores componentes.

5 Vetores perpendiculares - = 90 0 Vetor Resultante terá direção e sentido determinados por uma das regras (polígono ou paralelogramo) e o módulo pelo teorema de Pitágoras Vetor Resultante terá direção e sentido determinados por uma das regras (polígono ou paralelogramo) e o módulo pelo teorema de Pitágoras

6 Vetores de mesma Intensidade e =120 o Se os vetores componentes possuírem módulos iguais e entre eles o ângulo for de 120 o, então o módulo do Vetor Resultante será igual ao módulo dos vetores componentes. Se os vetores componentes possuírem módulos iguais e entre eles o ângulo for de 120 o, então o módulo do Vetor Resultante será igual ao módulo dos vetores componentes. Nesse caso : F 1 =F 2 =R Nesse caso : F 1 =F 2 =R

7 Subtração de Vetores Para subtrair dois vetores adicionamos um deles ao oposto do outro. Para subtrair dois vetores adicionamos um deles ao oposto do outro.

8 Vetor x Número Real O produto de um número real n por um vetor A, resulta em um vetor R com sentido igual ao de A se n for positivo ou sentido oposto ao de A se n for negativo. O módulo do vetor R é igual a n x |A|.


Carregar ppt "SOMA VETORIAL Regra do Paralelogramo. Regra do paralelogramo Sejam e dois vetores. A soma desses vetores é um terceiro vetor, o vetor resultante: Sejam."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google