A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVI

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVI"— Transcrição da apresentação:

1 OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVI
FÁBIO UM LIVRE PENSADOR PESSOA OBSERVADA FÁBIO, NAS ÚLTIMAS HORAS DO CORPO MATERIAL TIPO DE ATENDIMENTO AUXILIAR NO PROCESSO DESENCARNATÓRIO DE FÁBIO OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVI

2 OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVI
LOCAL RESIDÊNCIA DE FÁBIO NA CROSTA TERRESTRE ESPÍRITOS MAGNETIZADORES INSTRUTOR : JERÔNIMO AUXILIAR: ANDRÉ LUIZ OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVI

3 OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVI
RESIDÊNCIA DE FÁBIO PAZ BEM-ESTAR HARMONIA SUA EXISTÊNCIA - EXISTÊNCIA MODESTA - DÓCIL AOS DESÍGNIOS SUPERIORES - LIMITARA O VÔO DAS AMBIÇÕES - CULTIVOU A ESPIRITUALIDADE REDENTORA - FORA ACICATADO POR DIFICULDADES SEM CONTA - ESFORÇARA-SE PELA TRANQÜILIDADE FAMILIAR - DEIXAVA A FAMÍLIA AMPARADA NA FÉ OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVI

4 OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVI
DEIXAVA O CORPO FÍSICO JUBILOSO E CONFORTADO HAVIA VIVIDO O EVANGE- LHO DO CRISTO COM TODAS AS POSSIBILIDA- DES AO SEU ALCANCE FRAGILIDADE FÍSICA DE FÁBIO ÁREA PULMONAR - PNEUMONIA DUPLA - TUBERCULOSE CAUSA - AUSTERO COM OS ESCRAVOS NA EXISTÊNCIA PASSADA - CONGREGAVA-OS NA SENZALA - MUITOS MORRERAM DEVIDO AO AR VICIADO OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVI

5 ASSISTÊNCIA ESPIRITUAL OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVI
ESTADO DO ENFERMO - PROFUNDAMENTE ABATIDO - RESPIRAVA COM DIFICULDADE - INDEFINÍVEL MAL-ESTAR - MUITO ENFRAQUECIDO - AGONIZAVA ASSISTÊNCIA ESPIRITUAL PASSES LONGITUDINAIS AUXILIÁ-LO NO DERRADEIRO CULTO DOMÉSTICO PRECE EM FAMÍLIA ESPOSA FILHOS DESPEDIDA OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVI

6 REFLEXÃO DESCRIÇÃO DO PROCESSO DESENCARNATÓRIO
- JERÔNIMO APLICOU PASSES ANESTESIANTES - DETEVE-SE EM COMPLICADA OPERAÇÃO MAGNÉTICA SOBRE OS ÓRGÃOS DA RESPIRAÇÃO - AÇÃO MAGNÉTICA SOBRE O PLEXO SOLAR, CORAÇÃO, E CÉREBRO - PROSSEGUIU SEPARANDO O ORGANISMO PERISPIRI- TUAL DO CORPO FÍSICO - UMA HORA APÓS A DESENCARNAÇÃO FOI CORTADO O CORDÃO LUMINOSO - RECÉM-LIBERTO, FÁBIO, DESCANSAVA, SONOLENTO, SEM CONSCIÊNCIA DA SITUAÇÃO REFLEXÃO MORRE A FORMA, MAS REBRILHA A ALMA - ESSE GNOMO DE LUZ; E O QUE É ESSA EXISTÊNCIA DO CORPO - UM SOPRO - PERANTE A EXISTÊNCIA DA ALMA - A ETERNIDADE ? OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVI

7 ALBINA - PRESBITERIANA
PACIENTE - D. ALBINA - CUJO DESENCARNE ESTAVA EM ORGA- NIZAÇÃO FINAL - PRESBITERIANA, VIÚVA - DESDE CEDO CONSAGRADA AO LABOR EDUCATIVO - INFÂNCIA E JUVENTUDE NO IDEAL CRISTÃO LOCAL - RESIDÊNCIA DE D. ALBINA - APARTAMENTO EM MODERNO ARRANHA-CÉU - ELEGANTE BAIRRO DO RIO DE JANEIRO OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVII

8 ESPÍRITOS MAGNETIZADORES CAUSA DA MAGNETIZAÇÃO ESTADO DA PACIENTE
INSTRUTOR: JERÔNIMO AUXILIAR: ANDRÉ LUIZ CAUSA DA MAGNETIZAÇÃO RECUPERAR AS ENERGIAS DE D. ALBINA QUE RECEBERA PRORROGAÇÃO NO PRAZO DE VIDA ESTADO DA PACIENTE - INSUFICIÊNCIA CARDÍACA - ANEURISMA EM CONDIÇÕES AMEAÇADORAS - CORAÇÃO E ARTÉRIA APRESENTAVAM SINTOMAS GRA- VES, ASSIM COMO FÍGADO, RINS E APARELHO GASTRO- INTESTINAL - A DISPNÉIA CASTIGAVA-A INTENSAMENTE - A ZONA PERIGOSA DO CORPO ABATIDO ERA ONDE SITUA- VA O ANEURISMA - O TUMOR PROVOCARA DEGENERESCÊNCIA DO MÚSCULO CARDÍACO E AMEAÇAVA RUPTURA IMEDIATA OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVII

9 O TRATAMENTO MAGNÉTICO EFEITOS DA MAGNETIZAÇÃO
- JERÔNIMO APLICOU PASSES DE RESTAURAÇÃO AO SISTEMA DE CONDUÇÃO DO ESTÍMULO - FORNECEU CERTA QUANTIDADE DE FORÇAS AO PE- RICÁRDIO, ASSEGURANDO RESISTÊNCIA AO ÓRGÃO - MAGNETIZOU A ZONA EM QUE SE LOCALIZAVA O TU- MOR, ISOLANDO CERTOS COMPLEXOS CELULARES EFEITOS DA MAGNETIZAÇÃO - O CORAÇÃO FUNCIONAVA COM EQUILÍBRIO - AS VÁLVULAS CARDÍACAS PASSARAM DENOTAR REGULARIDADE - CESSOU A AFLIÇÃO - A MELHORA DEVERÁ DURAR ALGUNS MESES OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVII

10 OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVII
CAUSA DA PRORROGAÇÃO EVITAR O ABORTO QUE LOIDE, FILHA DE D. ALBINA PODERIA VIR A SOFRER QUEM PEDIU A PRORROGAÇÃO - JOÃOZINHO, MENINO DE 8 ANOS - NETO ADOTIVO DE D. ALBINA - COMPANHEIRO DE MUITOS SÉCULOS DA MENINA QUE IA NASCER - AMBOS POSSUÍAM ADMIRÁVEL PASSADO DE SER- VIÇO NA CROSTA TERRESTRE - SERÃO OS CONTINUADORES DA OBRA DE EDUCA- ÇÃO EVANGÉLICA INICIADA POR D. ALBINA OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVII

11 QUEM CONCEDEU A PRORROGAÇÃO REFLEXÃO DE ANDRÉ LUIZ
AUTORIDADE ESPIRITUAL SUPERIOR REFLEXÃO DE ANDRÉ LUIZ ALI, NUMA CÂMARA DE MOLÉSTIA GRAVE, A ORAÇÃO, FILHA DO TRABALHO COM AMOR, VENCIA O VIGOROSO PODER DA MORTE.

12 CAVALCANTE CATÓLICO-ROMANO
PESSOA OBSERVADA CAVALCANTE, EM PROCESSO FINAL DE DESENCARNAÇÃO LOCAL ENFERMARIA DE UM HOSPITAL NA CROSTA TERRESTRE OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVIII

13 TIPO DE ATENDIMENTO ESPÍRITOS MAGNETIZADORES
AUXILIAR NO PROCESSO DESENCARNATÓRIO DE CAVALCANTE ESPÍRITOS MAGNETIZADORES INSTRUTOR: JERÔNIMO AUXILIAR: ANDRÉ LUIZ OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVIII

14 OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVIII
ESTADO DO PACIENTE - APÊNDICE INFLAMADO, ESTENDERA A SUPURAÇÃO AO PERITÔNIO. - DEBALDE SE COMBATIA A RÁPIDA INFECÇÃO. - O INTESTINO INSPIRAVA REPUGNÂNCIA. CONTINHA TRILHÕES DE BACILOS DE VARIADAS ESPÉCIES. - GRANDE DESEQUILÍBRIO NAS FUNÇÕES DOS VASOS SANGÜÍNEOS E LINFÁTICOS NO INTESTINO DELGADO. - AS VILOSIDADES PERMANECIAM CHEIAS DE SANGUE PURULENTO. - ABRIAM-SE VEIAS MAIS FRÁGEIS, PROVOCANDO ABUNDANTE HEMORRAGIA. - O PÂNCREAS NÃO TOLERAVA QUALQUER TRABALHO. - AS GLÂNDULAS GÁSTRICAS JAZIAM QUASE INERTES. - O ESTÔMAGO MOSTRAVA AVANÇADA INCAPACIDADE. - DISTÚRBIOS DESTRUTIVOS CAMPEAVAM NO FÍGADO. - NÃO SUPORTAVA NENHUMA ALIMENTAÇÃO. - ACESSOS DE VÔMITOS DEIXAVA-O EXAUSTO. OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVIII

15 O PODER DA MENTE DESCARIDOSA INCOMPREENSÃO
PERMANECIA AGARRADO AO CORPO PELA VIGOROSA VONTADE DE PROSSEGUIR JUNGIDO À CARNE DESCARIDOSA INCOMPREENSÃO PROFISSIONAIS DA CIÊNCIA E DA RELIGIÃO A FAVOR DA EUTANÁSIA OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVIII

16 RECORDAÇÃO E REFLEXÕES PROFUNDAS
- PERCORRERA AS ESTRADAS TERRENAS, DE CORA- ÇÃO ABERTO À PRÁTICA DO BEM. - VALERA-SE DE TODA OPORTUNIDADE PARA TESTE- MUNHAR ENTENDIMENTO CRISTÃO. - AMARA O EXERCÍCIO DO BEM. - DESENVOLVERA A FÉ, MAS IGNORAVA AS LIÇÕES DO ALÉM-TÚMULO. - RECEAVA A MORTE. - AS CONCEPÇÕES CATÓLICAS DO INFERNO E PUR- GATÓRIO ENCHIA-O DE TEMOR. - DESEJAVA ALGO DE MAIS BELO QUE O VELHO MUNDO QUE VIVERA ATÉ ENTÃO. - SENTIA FOME E SEDE DE COMPREENSÃO. OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVIII

17 OS PARENTES E A ESPOSA SUPLICAVA A PRESENÇA DA ESPOSA NÃO SABIA
CONSIDERAVAM-NO : - FANÁTICO - DESEQUILIBRADO - IMPRESTÁVEL PERSEVERAVA MESMO ASSIM SUPLICAVA A PRESENÇA DA ESPOSA A FIM DE APAZIGUAR A CONSCIÊNCIA NÃO SABIA QUE A ESPOSA HAVIA DESENCARNADO HÁ MAIS DE UM ANO OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVIII

18 PROVIDÊNCIAS PARA FACILITAR O DESENCARNE ASSIM :
- JERÔNIMO ABRIU PEQUENOS VASOS DO INTESTINO PARA QUE A HEMORRAGIA SE FIZESSE ININTERRUPTA. - PEDIU QUE FOSSE TRAZIDA A ESPOSA DESENCARNADA. ASSIM : - O ENFRAQUECIMENTO FÍSICO ACENTUARÁ AS PERCEP- ÇÕES ESPIRITUAIS DE CAVALCANTE. - VERÁ A ESPOSA ANTES DO DESENCARNE. - E DORMIRÁ MENOS INQUIETO. OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVIII

19 O AMBIENTE DA ENFERMARIA VISTO POR ANDRÉ LUIZ
ENTIDADES INFERIORES, RETIDAS PELOS PRÓPRIOS ENFERMOS, POSTAVAM-SE EM LEITOS DIVERSOS INFLINGIAM - PADECIMENTOS ATROZES - SUGAVAM VAMPIRESCAMENTE AS FORÇAS - ATORMENTAVAM - PERSEGUIAM OUTRAS ENTIDADES - PEDIAM BENEFÍCIOS - RECLAMAVAM MELHORAS - EXPLODIAM EM LAMÚRIAS OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVIII

20 OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVIII
PERGUNTA DE ANDRÉ LUIZ COMO MELHORAR A SITUAÇÃO ? RESPOSTA DE JERÔNIMO - É INÚTIL QUALQUER ESFORÇO. CAUSA - AUSÊNCIA DE EDUCAÇÃO MENTAL DOS ENFERMOS. - ATRAIRIAM NOVAMENTE OS VERDUGOS. OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVIII

21 DIANTE DA VISÃO ESPIRITUAL DA ENFERMARIA
LIÇÃO DE JERÔNIMO SÓ NOS COMPETE IRRADIAR BOA-VONTADE E PRATICAR O BEM, TANTO QUANTO POSSÍVEL, SEM, CONTUDO, VIOLAR AS POSIÇÕES DE CADA UM REAÇÃO DE CAVALCANTE DIANTE DA VISÃO ESPIRITUAL DA ENFERMARIA ESTAREI NO INFERNO ? NÃO FOSSE A FRAQUEZA FÍSICA, TER-SE-IA LEVANTADO COM IMPULSOS DE LOUCO OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVIII

22 OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVIII
O REENCONTRO COM A ESPOSA - A EX-CONSORTE, SEMELHAVA-SE A UM FANTASMA - PENETROU NO RECINTO, QUASE ARRASTANDO-SE. - NÃO VIA JERÔNIMO, MAS OBEDECIA-LHE À ORDEM. - FITOU CAVALCANTE COM IMPRESSÃO DE HORROR. - ABEIROU-SE DO LEITO E AFLITA PEDIU PERDÃO. REAÇÃO DE CAVALCANTE - ALEGRE SORRISO ESTAMPOU-SE-LHE NO ROSTO. - A TERNURA COM QUE SE DIRIGIA A TÃO MISERÁVEL FIGURA CAUSAVA COMPAIXÃO. - AQUELE ENTENDIMENTO LHE FAZIA IMENSO BEM. - A MENTE ENCONTRAVA PAZ. OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVIII

23 OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVIII
CONTUDO ... - PÔS-SE A BRADAR, ALUCINADO QUANDO A ESPOSA FOI AFASTADA. SOLUÇÃO INFELIZ EUTANÁSIA OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVIII

24 OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVIII
OS EFEITOS DA EUTANÁSIA - CAVALCANTE, PARA O EXPECTADOR COMUM ESTA- VA MORTO. - A PERSONALIDADE DESENCARNANTE ESTAVA PRE- SA AO CORPO INERTE. - INCONSCIENTE E INCAPAZ DE QUALQUER REAÇÃO. EXPLICAÇÕES DE JERÔNIMO - A MEDICAÇÃO, POR ATUAR DIRETAMENTE NO SISTEMA NERVOSO, REPERCUTE NOS CENTROS DO ORGANISMO PERISPIRITUAL. - CAVALCANTE PERMANECE COLADO A TRILHÕES DE CÉLULAS NEUTRALIZADAS. - PERMANECE INVADIDO DE ESTRANHO TORPOR QUE O IMPOSSIBILITA DE DAR QUALQUER RESPOSTA. - SÓ PODEREMOS LIBERTÁ-LO DEPOIS DE DOZE HORAS. OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVIII

25 REFLEXÃO A LIBERTAÇÃO - SOMENTE FOI POSSÍVEL APÓS VINTE HORAS, DE-
POIS DE LABORIOSO TRABALHO. - CAVALCANTE NÃO SE RETIROU EM CONDIÇÕES FAVORÁVEIS. - APÁTICO, SONOLENTO, DESMEMORIADO. - FOI CONDUZIDO AO ASILO DE FABIANO, NECESSI- TANDO DE MAIORES CUIDADOS. REFLEXÃO PARA LIBERTAR-SE DO TEMOR DA MORTE É NECESSÁ- RIO TER PENETRADO PELO PENSAMENTO NO MUNDO ESPIRITUAL, FAZENDO DELE UMA IDÉIA TÃO EXATA QUANTO POSSÍVEL, O QUE DENOTA DA PARTE DO ES- PÍRITO ENCARNADO UM TAL DESENVOLVIMENTO E APTIDÃO PARA DESPRENDER-SE DA MATÉRIA. ALLAN KARDEC ( “O CÉU E O INFERNO” - CAP. II)

26 ADELAIDE - ESPÍRITA CRISTÃ
PESSOA OBSERVADA ADELAIDE, ESPÍRITA CRISTÃ, PRESTES A DESENCARNAR LOCAL INSTITUTO EVANGÉLICO NA CROSTA TERRESTRE TIPO DE ATENDIMENTO AUXILIAR NO PROCESSO DESEN- CARNATÓRIO DE ADELAIDE OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XIX

27 ESPÍRITOS MAGNETIZADORES ESTADO DA PACIENTE
INSTRUTOR: JERÔNIMO AUXILIAR: ANDRÉ LUIZ ESTADO DA PACIENTE - PARECIA NÃO DEPENDER DE ALGEMAS FÍSICAS. - AVANÇADO ENFRAQUECIMENTO ORGÂNICO. - ABANDONAVA O CORPO FÍSICO FACILMENTE DIANTE DA PRESENÇA DOS AMIGOS ESPIRI- TUAIS. OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XIX

28 VISITA DE DR. BEZERRA DE MENEZES
PREOCUPAÇÕES DE ADELAIDE - ESTIMARIA CONSERVAR BOA FORMA ESPIRITUAL NO SUPREMO INSTANTE. - SENTIA-SE SOCORRIDA, AMPARADA, MAS COM MEDO DE SI MESMA. CONSELHOS DE DR. BEZERRA - LIBERTE-SE DOS ELOS QUE A IMANTAM A - PESSOAS - ACONTECIMENTOS - COISAS E - SITUAÇÕES TERRENAS - NÃO SE DETENHA - NÃO OLHE PARA TRÁS OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XIX

29 OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XIX
A EXPERIÊNCIA DE DR. BEZERRA DE MENEZES - BUSQUEI INSULAR-ME, CERRAR OS OUVIDOS AOS CHA- MAMENTOS DO SANGUE. - FECHEI OS OLHOS À VISÃO DOS INTERESSES TERRENOS. - PENSEI NO MESTRE, AO CHAMAR LÁZARO: “LÁZARO, SAI PARA FORA!” - CENTRALIZEI A ATENÇÃO NA PASSAGEM EVANGÉLICA. - AFASTEI-ME DO CORPO FÍSICO SEM OBSTÁCULO ALGUM. EXCURSÃO ANTES DO DESENCARNE VISITA À IRMÃ ZENÓBIA, ADMINISTRADORA DA CASA TRANSITÓRIA DE FABIANO - INSTITUIÇÃO ESPIRITUAL. OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XIX

30 OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XIX
AS PREOCUPAÇÕES DE ADELAIDE - SENTIA-SE FORTEMENTE LIGADA : - À OBRA INICIADA - AOS AMIGOS E - AUXILIARES - TORNARA-SE A ESCORA ESPIRITUAL DE MUITOS. AS ORIENTAÇÕES DE ZENÓBIA - A MORTE É O MELHOR ANTÍDOTO DA IDOLATRIA. - COM A SUA VINDA OPERAR-SE-Á A NECESSÁRIA DES- CENTRALIZAÇÃO DO TRABALHO. - DAR-SE-Á A IMPOSIÇÃO NATURAL DE NOVO ESFORÇO A CADA UM. OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XIX

31 OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XIX
DECISÃO DE ZENÓBIA REUNIÃO ESPIRITUAL APELO À COMPREENSÃO GERAL PREPARATIVOS PARA A REUNIÃO ESPIRITUAL ESFORÇO MAGNÉTICO PARA A ORGANIZAÇÃO FISIOLÓGICA DE ADELAIDE CONDUÇÃO DO PESSOAL DE ADELAIDE À REUNIÃO OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XIX

32 AS PALAVRAS DE ZENÓBIA LIBERTEMO-LA, OFERECENDO-LHE
- ADELAIDE NECESSITAVA PASSAGEM LIVRE A CAMINHO DA ESPIRITUALIDADE SUPERIOR. - OS PENSAMENTOS ANGUSTIOSOS DOS COMPANHEIROS ESTAVAM IMPEDINDO A SUA PARTIDA. - O EGOÍSMO GERA TIRANIA SENTIMENTAL. - PRETEXTAVAM ORFANDADE ESPIRITUAL. - RECEIO DE ENFRENTAR AS DORES E OS TESTEMUNHOS. LIBERTEMO-LA, OFERECENDO-LHE PENSAMENTOS DE PAZ E JÚBILO. OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XIX

33 OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XIX
RESPOSTA DO ALTO CAÍAM RAIOS DE LUZ BALSAMIZANTE SOBRE TODOS GERAVAM SENSAÇÕES DE FELICIDADE E CONTENTAMENTO EXTINGUIRAM-SE AS CORRENTES MENTAIS DE RETENÇÃO RETORNO DE ADELAIDE AO CORPO FÍSICO GANHOU ENERGIA NO CORPO PERISPIRITUAL SENSAÇÃO ANGUSTIOSA NO CONTACTO COM O CORPO DOENTIO OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XIX

34 O DESENCARNE DE ADELAIDE EXPLICAÇÕES DE JERÔNIMO
ADELAIDE ROGOU PARA ELA MESMA DESLIGAR OS LAÇOS FLUÍDICOS NO DERRADEIRO MINUTO INTERVEIO JERÔNIMO PARA DESATAR O CORDÃO PRATEADO EXPLICAÇÕES DE JERÔNIMO É POSSÍVEL QUANDO HAJA ADQUIRIDO TREINAMENTO COM A VIDA ESPIRITUAL ELEVADA OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XIX

35 REFLEXÃO NÃO BASTA CRER NA IMORTALIDADE DA ALMA.
INADIÁVEL É A ILUMINAÇÃO DE NÓS MESMOS, A FIM DE QUE SEJAMOS CLARIDADE SUBLIME. ANDRÉ LUIZ ( NO MUNDO MAIOR )

36 CREMILDA - A NOIVA PESSOA OBSERVADA LOCAL TIPO DE ATENDIMENTO
CREMILDA, JOVEM DE MENOS DE 30 ANOS, RECÉM-DESENCARNADA LOCAL NECROTÉRIO NA CROSTA TERRESTRE TIPO DE ATENDIMENTO SOCORRER CREMILDA, ESPÍRITO, QUE SE ENCONTRAVA UNIDA AOS DESPOJOS FÍSICOS ANDRÉ LUIZ - OS MENSAGEIROS - CAP. 48

37 ESPÍRITOS SOCORRISTAS ANDRÉ LUIZ - OS MENSAGEIROS - CAP. 48
INSTRUTOR : ANICETO AUXILIARES : ANDRÉ LUIZ E VICENTE ESTADO DA RECÉM-DESENCARNADA - ESTAVA UNIDA AOS DESPOJOS FÍSICOS SOB FORTE IMPRESSÃO DE TERROR HÁ 6 HORAS - CERRAVA AS PÁLPEBRAS, RECEOSA DE OLHAR EM TORNO - SEU CORPO ESPIRITUAL ESTAVA TOTALMENTE DESLIGADO DO CORPO FÍSICO - CONTINUAVA ESTENDIDA, COPIANDO A POSIÇÃO CADAVÉRICA CAUSA AUSÊNCIA DE PREPARAÇÃO ESPIRITUAL ANDRÉ LUIZ - OS MENSAGEIROS - CAP. 48

38 ANDRÉ LUIZ - OS MENSAGEIROS - CAP. 48
O NOIVO - CAVALHEIRO DESENCARNADO PERMANECIA JUNTO DELA EM ATITUDE DE ZELO - ESPERAVA-A HÁ MUITO TEMPO - CHAMAVA-A SEM CESSAR, IDENTIFICANDO-LHE O TERROR ORIENTAÇÃO DE ANICETO AO NOIVO É PRECISO ATENDÊ-LA DOUTRO MODO O ATENDIMENTO - ANICETO APROXIMOU-SE DA RECÉM-DESENCARNADA FALANDO COM INFLEXÃO PATERNAL. - APÓS O DIÁLOGO, RECOMENDOU AOS AUXILIARES QUE PERMANECESSEM EM ORAÇÃO - MINISTROU-LHE O PASSE RECONFORTADOR. - A JOVEM DORMIU QUASE IMEDIATAMENTE. - ANICETO DESLOCOU-A, AFASTANDO-A DOS DESPOJOS, COM ZELO AMOROSO DUM PAI. - ENTREGOU-A CARINHOSAMENTE AO NOIVO. ANDRÉ LUIZ - OS MENSAGEIROS - CAP. 48

39 A PARTIDA CONSIDERAÇÕES DE ANICETO
O NOIVO AGRADECEU COM LÁGRIMAS DE JÚBILO E RETIROU-SE DE SEM- BLANTE ILUMINADO, UTILIZAN- DO A VOLITAÇÃO, A CARRE- GAR CONSIGO O FARDO SUAVE DO SEU AMOR CONSIDERAÇÕES DE ANICETO - BONDADE NATURAL DO CORAÇÃO - ESPONTÂNEO CULTIVO DA VIRTUDE - NÃO PRECISARÁ DE PROVAS PUR- GATORIAIS - EM BREVE TER-SE-Á ADAPTADO À VIDA NOVA CONDIÇÃO ESPIRITUAL DE CREMILDA É DE SE LAMENTAR, CONTUDO, A AUSÊNCIA DE EDUCAÇÃO RELIGIOSA, PORÉM, OS BONS NÃO ENCONTRAM OBSTÁCULOS INSUPERÁVEIS ANDRÉ LUIZ - OS MENSAGEIROS - CAP. 48

40 PERTURBAÇÕES ESPIRITUAIS
DURANTE E APÓS A MORTE P. - PROPORCIONA A MORTE MUDANÇAS RÁPIDAS E INES- PERADAS ? R. - A MORTE NÃO PRODIGALIZA ESTADOS MIRACULOSOS. ( EMMANUEL - O CONSOLADOR - PÁG. 92) P A ALMA TEM CONSCIÊNCIA DE SI MESMA IMEDIA- TAMENTE DEPOIS DE DEIXAR O CORPO ? R. - IMEDIATAMENTE NÃO. A ALMA PASSA ALGUM TEMPO EM ESTADO DE PERTURBAÇÃO. (O LIVRO DOS ESPÍRITOS - ALLAN KARDEC) P A PERTURBAÇÃO QUE SE SEGUE À SEPARAÇÃO DA ALMA DO CORPO É DO MESMO GRAU E DA MESMA DURAÇÃO PARA TODOS OS ESPÍRITOS ? R. - NÃO; DEPENDE DA ELEVAÇÃO DE CADA UM. (O LIVRO DOS ESPÍRITOS - ALLAN KARDEC)

41 CONSIDERAÇÕES DE EMMANUEL
OS DE EXISTÊNCIA MATERIALISTA MAIS FORTE É O DESEQUILÍBRIO DE SIMPLES DEPRESSÃO À TERRÍVEIS PROCESSOS DE TORTURA MENTAL VARIA OS QUE VIVEM EM FUNÇÃO DO BEM PODEM GUARDAR IMPRESSÕES INCOMODATIVAS CONTUDO ... PRONTAMENTE SE REINTEGRAM NO EQUILÍBRIO ESPIRITUAL ANDRÉ LUIZ - OS MENSAGEIROS - CAP. 48

42 POSIÇÃO DA ALMA APÓS A MORTE
A ALMA DESPREPARADA E CULPADA CRISTALIZA A MENTE EM SITUAÇÕES, PESSOAS E SENTIMENTOS. VERDADEIROS DRAMAS DE CONSCIÊNCIA SE DESEN- ROLAM NA MENTE QUE FALIU DELIBERADAMENTE. A CRISTALIZAÇÃO MENTAL DEFINE-SE POR UMA PARADA NO TEMPO E NO ESPAÇO. VIBRAÇÕES PESADAS E ANGUSTIOSAS CONSTITUEM CATIVEIRO PARA A ALMA. AMIGOS ESPIRITUAIS OBSERVAM, ACOMPANHAM E AJUDAM OS QUE INGRESSAM NO MUNDO ESPIRITUAL EM POSIÇÃO DE DESAJUSTE O PENSAMENTO DE EMMANUEL - MARTINS PERALVA - PÁG. 238

43 REFLEXÃO - ACENDA A LUZ DO BEM, PARA QUE NÃO
HAJA PROLONGADO ATURDIMENTO, APÓS A MORTE FÍSICA. - USE O COMBUSTÍVEL DO AMOR, PARA QUE MENOR SEJA A PERTURBAÇÃO E, ASSIM, MAIS RÁPIDO SE DÊ O DESPERTAMENTO E MAIS BREVE A RECUPERAÇÃO DO EQUILÍ- BRIO ALÉM-FRONTEIRAS. EMMANUEL

44 A DESENCARNAÇÃO DE FERNANDO
PESSOA OBSERVADA FERNANDO, QUE SE ENCONTRAVA MORIBUNDO. TIPO DE ATENDIMENTO AUXILIAR NO PROCESSO DESENCARNATÓRIO DE FERNANDO. ESPÍRITOS MAGNETIZADORES INSTRUTOR : ANICETO AUXILIARES : ANDRÉ LUIZ E VICENTE OS MENSAGEIROS - ANDRÉ LUIZ - CAP. 50

45 RESIDÊNCIA DE FERNANDO NA OS MENSAGEIROS - ANDRÉ LUIZ - CAP. 50
LOCAL RESIDÊNCIA DE FERNANDO NA CROSTA TERRESTRE A EXISTÊNCIA DE FERNANDO - PASSOU LIGADO ÀS SATISFAÇÕES DO CORPO. - ATRAVESSOU A VIDA OBEDECENDO MAIS AO INSTINTO QUE À RAZÃO. ESTADO DO PACIENTE - INCOMPREENSÃO DOLOROSA E TERRÍVEL. - PRESO ÀS SENSAÇÕES DE SOFRIMENTO FÍSICO. - VASTOS COMPLEXOS DE INDISCIPLINA NO MUNDO CELULAR. - O DESPRENDIMENTO INTEGRAL ACONTECERIA EM POUCOS MINUTOS. OS MENSAGEIROS - ANDRÉ LUIZ - CAP. 50

46 OS MENSAGEIROS - ANDRÉ LUIZ - CAP. 50
O DESTINO ESPIRITUAL DE FERNANDO - NÃO PODERÁ ACOMPANHAR A MÃE DESENCARNADA QUE ESTAVA ALI, SOCORRENDO-O. - FICARÁ ENTREGUE A SI MESMO DURANTE ALGUM TEMPO. - PRECISARÁ RECONSIDERAR O PASSADO, IDENTIFI- CAR OS VALORES QUE DESPREZOU. - AS LÁGRIMAS E OS REMORSOS, NA SOLIDÃO DO ARREPENDIMENTO, SERÃO PORTADORES DE CALMA AO SEU ESPÍRITO IRREFLETIDO. - DEVIDO A INTERCESSÃO MATERNA, SERÁ ASILADO EM ZONA VIBRATÓRIA INACESSÍVEL ÀS INFLUÊN- CIAS INFERIORES, EMBORA SITUADA EM REGIÕES BAIXAS. OS MENSAGEIROS - ANDRÉ LUIZ - CAP. 50

47 A INFLUÊNCIA DOS FAMILIARES SOLUÇÃO AS COMPANHIAS ESPIRITUAIS
- A AFLIÇÃO DOS FAMILIARES DIFICULTAVA A AÇÃO DA ESPIRITUALIDADE. - REDE DE FIOS CINZENTOS LIGAVA OS PARENTES AO ENFERMO. SOLUÇÃO MODIFICAR O QUADRO DO COMA. AS COMPANHIAS ESPIRITUAIS - COMO É? FERNANDO VEM OU NÃO VEM ? CADA UM TEM O SÉQUITO INVISÍVEL A QUE SE DEVOTA NA TERRA. OS MENSAGEIROS - ANDRÉ LUIZ - CAP. 50

48 OS MENSAGEIROS - ANDRÉ LUIZ - CAP. 50
O PROCESSO DESENCARNATÓRIO - ANICETO COMEÇOU A RETIRAR O CORPO ESPIRITUAL DE FERNANDO, DESLIGANDO-O DOS DESPOJOS FÍSI- COS. - INICIOU A OPERAÇÃO PELOS CALCANHARES, TERMI- NANDO NA CABEÇA. - CORTOU O ÚLTIMO CORDÃO COM ESFORÇO. - A OPERAÇÃO NÃO FORA CURTA NEM FÁCIL. - ANICETO DEMOROU LONGOS MINUTOS, DURANTE OS QUAIS EMPREGOU TODO O CABEDAL, ATENÇÃO E SUAS ENERGIAS MAGNÉTICAS. OS MENSAGEIROS - ANDRÉ LUIZ - CAP. 50

49 CARTAS E CRÔNICAS - HUMBERTO DE CAMPOS - PÁG. 21
TREINO PARA A MORTE COMECE PELO PRATO DE CADA DIA. EVITE OS ABUSOS DO FUMO E DAS BEBIDAS. NÃO RENDA À TENTAÇÃO DOS NARCÓTICOS. PRESERVE O SEU EQUILÍBRIO EMOTIVO. OBSERVE CAUTELA COM TESTAMENTOS. NÃO SE APEGUE DEMASIADO AOS LAÇOS CONSAGÜÍNEOS. VIVA DE ACORDO COM OS PRECEITOS QUE ABRAÇA. FAÇA O BEM QUE PUDER. CONSERVE O SEU NOBRE SORRISO. TRABALHE SEMPRE, TRABALHE SEM CESSAR. CARTAS E CRÔNICAS - HUMBERTO DE CAMPOS - PÁG. 21

50 REFLEXÃO A MORTE DA FORMA NÃO SANTIFICA O SER QUE A HABITOU !
SE O RAIO DE SOL NÃO SE CONTAMINA AO CONTACTO DO PÂNTANO, TAMBÉM O DOENTE REBELDE É O MESMO ENFERMO SE APENAS TROCA A RESIDÊNCIA. ANDRÉ LUIZ “MISSIONÁRIOS DA LUZ”


Carregar ppt "OBREIROS DA VIDA ETERNA - ANDRÉ LUIZ - CAP. XVI"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google