A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Aos Espíritas : Reflexões acerca da doutrina e do movimento Espírita Federação Espírita do Paraná União Regional Espírita Seminário Lins de Vasconcelos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Aos Espíritas : Reflexões acerca da doutrina e do movimento Espírita Federação Espírita do Paraná União Regional Espírita Seminário Lins de Vasconcelos."— Transcrição da apresentação:

1 Aos Espíritas : Reflexões acerca da doutrina e do movimento Espírita Federação Espírita do Paraná União Regional Espírita Seminário Lins de Vasconcelos

2 Que dias são esses? Estais encarnados na Terra em momento crucial da evolução humana... Joanna de Ângelis Dilatam-se as oportunidades de serviço que nos não compete adiar. Lins de Vasconcellos

3 Que dias são esses? 90 % dos cientistas que já passaram na face da Terra ainda estão reencarnados; 90 % dos cientistas que já passaram na face da Terra ainda estão reencarnados; 300 anos de edição de jornais podem ser transmitidas em 1 segundo; 300 anos de edição de jornais podem ser transmitidas em 1 segundo; desde 1995 a venda de computadores supera a de TVs; desde 1995 a venda de computadores supera a de TVs; desde 1995 envia-se mais s que correspondências; desde 1995 envia-se mais s que correspondências;

4 Que dias são esses? O homem moderno, enriquecido pelo conhecimento e detentor de inúmeros títulos de enobrecimento, encontra-se sob os camartelos das dificuldades morais que o assaltam todos os dias. Vianna de Carvalho A horizontal nas realizações científicas promoveu a cultura e a civilização, mas a vertical do amor não arrancou o ser do báratro no qual se debate em agonia. Joanna de Ângelis

5 Que dias são esses? Vivemos os dias tormentosos anunciados pelas Escrituras. Experimentamos as glórias da ciência e da tecnologia, do pensamento, da arte. No entanto, caminhamos pela senda de espinhos que assinalam sofrimentos, reduzindo a criatura humana à violência, ao despautério, à loucura. Bezerra de Menezes

6 Se o mundo fosse uma aldeia de 100 habitantes Asiáticos; 57 Asiáticos; 21 Europeus; 21 Europeus; 14 Americanos (Norte, Centro e Sul) ; 14 Americanos (Norte, Centro e Sul) ; 8 Africanos; 8 Africanos; 52 seriam mulheres, 48 homens; 52 seriam mulheres, 48 homens; 70 não brancos, 30 brancos; 70 não brancos, 30 brancos; 70 não cristãos, 30 seriam cristãos; 70 não cristãos, 30 seriam cristãos;

7 Se o mundo fosse uma aldeia de 100 habitantes... 6 pessoas possuiriam 59% da riqueza do mundo inteiro... 6 pessoas possuiriam 59% da riqueza do mundo inteiro... E todos os 6 seriam dos EUA; E todos os 6 seriam dos EUA; 80 viveriam em casas inabitáveis; 80 viveriam em casas inabitáveis; 70 seriam analfabetos; 70 seriam analfabetos; 50 sofreriam de desnutrição; 50 sofreriam de desnutrição; Somente 1 teria computador; Somente 1 teria computador; Somente 1 teria formação universitária; Somente 1 teria formação universitária;

8 Se o mundo fosse uma aldeia de 100 habitantes... Quem acordou hoje mais saudável que doente, tem mais sorte que um milhão de pessoas que não verão a próxima semana. Quem acordou hoje mais saudável que doente, tem mais sorte que um milhão de pessoas que não verão a próxima semana. Se nunca experimentou o perigo de uma batalha, a solidão de uma prisão, a agonia da tortura, a dor da fome, essa pessoa tem mais sorte que 500 milhões de habitantes no mundo. Se nunca experimentou o perigo de uma batalha, a solidão de uma prisão, a agonia da tortura, a dor da fome, essa pessoa tem mais sorte que 500 milhões de habitantes no mundo. Se puder sair de casa sem o medo de ser bombardeado, preso ou torturado, tem-se mais sorte que 3 milhares de pessoas no mundo. Se puder sair de casa sem o medo de ser bombardeado, preso ou torturado, tem-se mais sorte que 3 milhares de pessoas no mundo.

9 Se o mundo fosse uma aldeia de 100 habitantes... Quem tem comida na geladeira, roupa no armário, um teto sobre sua cabeça, um lugar para dormir, é mais rico que 75% dos habitantes deste mundo. Quem tem comida na geladeira, roupa no armário, um teto sobre sua cabeça, um lugar para dormir, é mais rico que 75% dos habitantes deste mundo. Quem tem dinheiro no banco, na carteira ou um trocado em alguma parte, está entre os 8% das pessoas com a melhor qualidade de vida no mundo. Quem tem dinheiro no banco, na carteira ou um trocado em alguma parte, está entre os 8% das pessoas com a melhor qualidade de vida no mundo.

10 Qual o papel do espiritismo nos dias de hoje?

11 Ao espiritismo compete a tarefa indeclinável de espalhar nova luz sobre a humanidade inquieta e atormentada. Vianna de Carvalho Há muita angústia aguardando a contribuição espírita, e muita loucura necessitando de socorro espírita. Vianna de Carvalho

12 Qual o papel do espiritismo nos dias de hoje? O espiritista possui nos conteúdos doutrinários, os instrumentos hábeis para mudar a situação que vivemos, por intermédio da educação da gerações novas, da auto- educação, mediante a transformação moral que se deve impor e também dos esclarecimentos que tornam-na capaz de mudar as estruturas perturbadoras da sociedade. Bezerra de Menezes

13 KARDEC Consolidação do corpo doutrinário: - LE, LM, ESE, CI, GEN, 1868 Organizar o Movimento Espírita: - SPEE, Troca de experiências: - Viagens espíritas, Set/1860Divulgar: Movimento e doutrina espírita - RE (1858 a 1869)

14 1. Consolidação doutrinária Quais os mecanismos para garantir e promover a consolidação (fidelidade) doutrinária em nossas casas? Quais os mecanismos para garantir e promover a consolidação (fidelidade) doutrinária em nossas casas? –Estudo –?? Há problemas de fidelidade doutrinária em nossas casas? Há problemas de fidelidade doutrinária em nossas casas? –Qual a solução?

15 1. Consolidação Doutrinária ESTUDO Estudo individual: A casa tem que garantir que todos os trabalhadores estudem sozinhos Grupos de estudo: a casa tem que garantir a presença de todos os trabalhadores participando dos estudos a casa tem que garantir a presença de todos os trabalhadores participando dos estudos E se o estudo não for uma exigência da casa?

16 2. Divulgar o espitirismo Biblioteca / livraria / feiras de livros Biblioteca / livraria / feiras de livros –Cuidado nas obras que são ofertadas em nossas bibliotecas e livrarias Palestras Palestras –Treinamento / reuniões com os expositores; –Escolha dos temas; Rádio / TV / internet Rádio / TV / internet –Cuidado doutrinário; –contaminar o mundo com o espiritismo e não o contrário, contaminando o espiritismo com as coisas do mundo

17 3. Organizar o movimento espírita Centro espírita: criado com a finalidade de congregar os adeptos ao espiritismo (SPEE, 1858) Centro espírita: criado com a finalidade de congregar os adeptos ao espiritismo (SPEE, 1858) Sociedade dos adeptos ao espiritismo. Logo: Sociedade dos adeptos ao espiritismo. Logo: –Não tem dono; –Todos devem ser participantes –Mantido / cotizado por todos (em sociedade) –Decisões democratizadas –Rotatividade nos cargos de comando –Preocupação com a sucessão Deve atuar o centro espírita Deve atuar o centro espírita –Escola –Oficina –Hospital –Santuário

18 4. Troca de experiências Organização do movimento espírita: Organização do movimento espírita: –FEB –Federativas estaduais –UREs / CREs –Sociedades/Centros espíritas Eventos internacionais, nacionais, estaduais, regionais, locais... Eventos internacionais, nacionais, estaduais, regionais, locais... –Qual a finalidade disso tudo?

19 1-...consolidação / fidelidade doutrinária Algumas pessoas parecem enganadas quanto ao verdadeiro objetivo e o caráter da Sociedade. Permiti-me recordá-los em poucas palavras. (...) Esse objetivo é, essencialmente e, pode dizer- se, com exclusividade, o estudo da ciência espírita. O que queremos, antes de tudo, não é nos convencer, pois já o estamos, mas instruir-nos e aprender o que não sabemos. Allan Kardec, Revista Espírita de abril de 1860

20 2-...divulgação da doutrina espírita Há algo de mais pernicioso ao Espiritismo do que os ataques apaixonados dos seus adversários. É o que os pseudo-adeptos publicam em seu nome. Certas publicações são simplesmente lamentáveis, uma vez que oferecem da doutrina espírita uma idéia falsa e a expõem ao ridículo. É de se perguntar por que Deus permite essas coisas e não esclarece todos os homens da mesma forma. Haverá algum meio de se remediar esse inconveniente, que nos parece um dos maiores escolhos da doutrina? Allan Kardec,Viagem Espírita em 1862

21 3 -...organizar o movimento Espírita Lembrai-vos, Senhores, da maneira pela qual se formou a Sociedade. Eu recebia em minha casa algumas pessoas em pequeno comitê. Com o crescimento do grupo, acharam que era preciso um local maior. Para consegui-lo, teríamos de pagar; tivemos, portanto, que nos cotizar. Disseram mais: é preciso ordem nas sessões; não se pode admitir o primeiro que chegar; é necessário, portanto, um regulamento. Allan Kardec, Revista Espírita de abril de 1860

22 4 -...troca de experiências Se, entre vós, há dissidências, causas de antagonismos, se os grupos que devem todos marchar para um objetivo comum, estiverem divididos, eu o lamento, sem me preocupar com as causas, sem examinar quem cometeu os primeiros erros e me coloco, sem hesitar, do lado daquele que tiver mais caridade, isto é, mais abnegação e verdadeira humildade, pois aquele a quem falta a caridade está sempre errado, assistido embora por qualquer espécie de razão, pois Deus maldiz quem diz a seu irmão: racca. Allan Kardec, Viagem Espírita em 1862

23 Qual a função da Soc Espírita? Em resumo, o que devemos buscar é remover todas as causas de perturbação e de interrupção; manter entre nós as boas relações, de que os espíritas sinceros, mais que outros, devem dar exemplo; opor-nos, por todos os meios possíveis, ao afastamento da Sociedade de seus objetivos, à abordagem de questões que não são de sua alçada, e que degenere em arena de controvérsias e de personalismo. Allan Kardec, Revista Espírita de abril de 1860

24 É chegada a hora em que deveis sacrificar à sua propagação os vossos hábitos, os vossos trabalhos, as vossas ocupações fúteis. Aproxima-se o tempo em que se cumprirão as coisas anunciadas para a transformação da Humanidade. ESE, cap XX, itens 4 e 5

25 Ditosos serão os que houverem trabalhado no campo do Senhor, com desinteresse e sem outro móvel, senão a caridade! [...] Ditosos os que hajam dito a seus irmãos: "Trabalhemos juntos e unamos os nossos esforços, a fim de que o Senhor, ao chegar, encontre acabada a obra", porquanto o Senhor lhes dirá: "Vinde a mim, vós que sois bons servidores, vós que soubestes impor silêncio aos vossos ciúmes e às vossas discórdias, a fim de que daí não viesse dano para a obra! (...)

26 Mas, ai daqueles que, por efeito das suas dissensões, houverem retardado a hora da colheita, pois a tempestade virá e eles serão levados no turbilhão! Clamarão: "Graça! graça!" O Senhor, porém, lhes dirá: "Como implorais graças, vós que não tivestes piedade dos vossos irmãos e que vos negastes a estender-lhes as mãos, que [...] Nada mais vos cabe pedir; as recompensas celestes são para os que não tenham buscado as recompensas da Terra. ESE, cap XX, item 5 ESE, cap XX, item 5


Carregar ppt "Aos Espíritas : Reflexões acerca da doutrina e do movimento Espírita Federação Espírita do Paraná União Regional Espírita Seminário Lins de Vasconcelos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google