A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A Pós-Graduação como Instrumento do Desenvolvimento A contribuição das IFES Francisco César de Sá Barreto (Professor Emérito da UFMG)

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A Pós-Graduação como Instrumento do Desenvolvimento A contribuição das IFES Francisco César de Sá Barreto (Professor Emérito da UFMG)"— Transcrição da apresentação:

1 A Pós-Graduação como Instrumento do Desenvolvimento A contribuição das IFES Francisco César de Sá Barreto (Professor Emérito da UFMG)

2 Assimetrias do Sistema O PNPG destaca que: o sistema apresenta enormes assimetrias no seu funcionamento, tanto do ponto de vista regional, intra- regional e entre estados,como também no que concerne à evolução de várias áreas disciplinares tradicionais e de novas áreas na fronteira do conhecimento. Ainda que os planos anteriores tenham manifestado preocupações com as mesmas (assimetrias), inclusive com sugestões de políticas direcionadas, a realidade mostra que os seus executores não conseguiram implementá-las

3 Matrículas e Concluintes (2005) Matriculados Concluintes Fundamental: Médio : Graduação : Mestrado : Doutorado : Engenharia(G): Engenharia(M): Engenharia(D):

4 Fluxo Educacional De alunos matriculados no Ensino Fundamental 1 obtém o Doutorado. De 450 alunos matriculados na Graduação 1 obtém o Doutorado. De 800 alunos matriculados no Ensino Fundamental 1 obtém a Graduação em Engenharia De alunos matriculados no Ensino Fundamental 1 obtém o Doutorado em Engenharia

5 Matrículas Globais por Nível de Formação 2005 NívelNúmero de Matrículas% Fundamental Médio ,7 Superior Mestrado ,22 Doutorado ,13

6 O Potencial Jovem Numero em 2006 (em milhões) 1: Pós-graduandos 2: Jovens entre 24 e 31 anos 12 (0,5%)

7 Exemplos de Assimetrias

8 Cursos de Doutorado por região

9 Cursos de Doutorado por grande área do conhecimento,

10 Algumas conclusões Existem 1222 cursos de Doutorado no país e apenas 28 estão no Norte, ou seja, 2%. Dos 1222 cursos de Doutorado no país 131 são em Engenharia, ou seja, 11%. Logo, existem 3 Doutorados em Engenharia na região Norte.

11 Doutores Titulados em Engenharia. Proposto pelo PNPG e Realizado.

12 Produção Qualificada em Engenharia no Brasil, Coréia e Taiwan

13 Um e xemplo positivo ?! Território, população e economia

14 Austrália Canadá Espanha Coréia do Sul Itália Reino Unido Holanda Alemanha França Índia México Japão Nigéria Paquistão Bangladesh Indonésia Rússia EUA Brasil China Área > 4 milhões km 2 População > 100 milhões PIB* > US$ 400 bilhões Fonte: Investe Brasil *PIB nominal Brasil - Território, população e economia: combinação vitoriosa R. Dauscha (ANPEI) 3ª CNCTI

15 PESQUISA Publicações e Patentes são outros Produtos da Pós-Graduação

16 A correlação entre as Teses de Doutorado e a Produção Científica.

17 Publicações e Patentes

18 Produção Científica de todas as áreas

19 Pesquisa e Desenvolvimento. Artigos publicados/população

20 Declínio Tecnológico Patentes concedidas no USPTO No período : Malásia-359, Índia-1410, China-2775, Brasil-288. Em comparação com cresceram : China (53%), Índia(48%), Malásia(94%), Brasil (decresceu 13%) No quadro histórico o Brasil perde posições para emergentes : Taiwan(1975), Córeia(1983), China(1986), Cingapura(1996), Índia(1998), Malásia(2007) O Brasil ocupa o 29º lugar. (Fonte : R. Nicolsky)

21 Um Alerta! Efeito Rainha de Copas. Inicialmente usada em Teoria de Populações, vem da situação descrita por Lewis Carroll em Alice Através do Espelho: Pois bem, aqui, veja, tem de se correr o mais depressa que se puder, quando se quer ficar no mesmo lugar. Se se quiser ir a um lugar diferente, tem de se correr pelo menos duas vezes mais depressa do que agora.".

22 Outro alerta ?! Onde está o nosso Premio Nobel? o novo !... o 7 da Capes !... o 1A do CNPq !

23 As IFES no país Norte 8 Nordeste 16 Centro-Oeste 5 Sudeste 20 Sul 8

24 A importância das IFES Cursos de Doutorado por dependência administrativa

25 O que ainda falta às IFES: Qualificação de Docentes As IFES tem docentes no ensino superior (18%); Desse total, são doutores e são mestres; Há, portanto, um conjunto considerável de docentes que necessitam de apoio para alcançar o nível de doutorado.

26 O custo da qualificação Para titular com o Doutorado todos os Mestres em atividades nas IFES seria necessário um investimento de 5% da folha de pagamento dos professores, durante 4 anos.

27 Proposta de um Projeto de Apoio à Pós-Graduação das IFES. O programa terá duração de 4 anos ( ) e tem como objetivo: Resolver as Assimetrias e Contribuir para o Desenvolvimento da Nação.

28 A Proposta.Políticas e ações assimétricas para resolver situações assimétricas. Equalização de oportunidades X Equalização de resultados Serão disponibilizados para cada IFES os instrumentos de apoio necessários para que o objetivo seja alcançado. A proposta de cada IFES será apresentada através de projeto institucional o qual deverá ser dividido em subprojetos (associados a programas de pós-graduação) que fixarão as metas físicas que deverão ser alcançadas. Cada IFES poderá apresentar um subprojeto que não esteja vinculado a programa de pós-graduação existente, desde que vise contemplar atividade de pós-graduação futura, estratégica para a instituição e/ou região.

29 A Proposta.Políticas e ações assimétricas para resolver situações assimétricas. Equalização de oportunidades X Equalização de resultados Os subprojetos serão avaliados por comissão da área. A coerência da proposta e a demonstração clara da sua capacidade de consolidar e expandir as atividades de pós- graduação na área definirão o mérito de cada subprojeto. Os subprojetos aprovados no mérito serão priorizados de acordo com o impacto esperado com a sua implantação. A cada meta física estabelecida será associado o cronograma de execução e indicadores de realização que permitirão o monitoramento da sua execução por comissão de acompanhamento.

30 A Proposta.Políticas e ações assimétricas para resolver situações assimétricas. Equalização de oportunidades X Equalização de resultados Projeto de duração de 4 anos ( ) Obtenção de um diagnóstico das regiões através das Pró-Reitorias. Usar instrumentos de apoio existentes e propor novos instrumentos. As propostas das IFES serão avaliadas por comissão. As propostas deverão indicar colaboração entre grupos fortes e fracos. A implementação das propostas aprovadas será acompanhada por comissão.

31 Parcerias Estratégicas Inmetro Universidades Estaduais, Confessionais e Privadas Confea (junho) FAPs CNI (empresas)

32 APOIO MEC MCT MDIC(maio)


Carregar ppt "A Pós-Graduação como Instrumento do Desenvolvimento A contribuição das IFES Francisco César de Sá Barreto (Professor Emérito da UFMG)"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google