A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Tango. Origem do tango A origem do tango, assim como a de outros ritmos, é popular, sofrendo preconceito inicial por parte da camada mais favorecida da.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Tango. Origem do tango A origem do tango, assim como a de outros ritmos, é popular, sofrendo preconceito inicial por parte da camada mais favorecida da."— Transcrição da apresentação:

1 Tango

2 Origem do tango A origem do tango, assim como a de outros ritmos, é popular, sofrendo preconceito inicial por parte da camada mais favorecida da população. É uma dança sensual, trágica, elegante e performática, em que a emoção prevalece. O tango apareceu em Buenos Aires a partir do final do século passado derivando da habanera, da milonga e de certas melodias populares européias. Inicialmente, o tango era dançado nos bares, nos cafés e em locais de prostituição.

3 Nos salões, ele começou a ser dançado nas décadas de 30 e 40. A maneira de dançar o tango foi se modificando e evoluindo de acordo com a época. Á partir do fim de 1880 que surge o tango como música. A coreografia que se dançava era totalmente improvisada, com muitas paradas chamadas "cortes" (o dançarino parava de dançar para fazer poses com a sua parceira) e "quebradas" (movimentos de cintura imitados dos negros). Os pares dançavam muito unidos, o que era escândalo para a época.

4

5 Idioma Castelhano é a língua utilizada no tango. Castelhano (castellano) ou espanhol(español) são os nomes atribuídos a uma língua românica originária da Espanha e que hoje é a língua mais falada das Américas. O idioma castelhano tem essa denominação por ser originário da região de Castela. Junto com o inglês é a língua ocidental que possui mais falantes.

6 Vestimentos É caracteristico as mulheres usarem saias de todos os estilos, desde que permitam o movimento: desde saias longas e com racha até saias curtas. As blusas e vestidos tem quase sempre decotes acentuados e sensuais. Uma peça fundamental na indumentária da mulher são os sapatos, que devem ser sempre sapatos de tango. Outros acessórios que podem ser usados em ocasiões especiais ou em espectáculos são as flores, de tecido ou penas, que se podem prender aos cabelos ou à perna, e também a meia de renda.

7 A roupa típica para o homem que dança tango é a camisa fina, normalmente de seda e calças afuniladas. Este traje para estar completo requer um bom par de sapatos de dança. Como complemento o homem pode ainda usar outros acessórios, como suspensórios, coletes, e chapéu, todos eles parte do imaginário do tango

8

9 Algumas dicas - Adentrem a pista de dança sempre no sentido em que os outros dançarinos estão dançando ( geralmente isto acontece no sentido anti-horário ); - Respeitem quem já está na pista e ocupem um espaço disponível na mesma; - Tentem, ao adentrar a pista de dança, se adaptarem ao ritmo da música e a partir daí começarem a dançar; a dama deve deixar que o cavalheiro inicie os movimentos e acompanhá-lo; - Não repousem o corpo sobre o parceiro; - Não mexam excessivamente os ombros ;

10 - Durante a dança, não executem movimentos em que as pernas se abram excessivamente; - Não deixem os braços muito abaixados nem acima dos ombros; - Alguns ritmos exigem uma ginga maior, no entanto os movimentos com um requebrado mais acentuado, na maioria das vezes, devem ser executados pela dama; - Não dancem com as mãos, esquerda ( o cavalheiro ) e direita (a dama) abertas, nem com os dedos entrelaçados; - Não olhem para os pés enquanto estiverem dançando.

11 Postura adequada do casal na dança - O cavalheiro deve deixar a sua face direita voltada para a face direita da dama; - Exceto em algumas variações em que o casal tem a sua lateral como referência os dois devem olhar para frente; - O espaço individual de dança deve ser dividido pela mão esquerda do cavalheiro e a mão direita da dama, estas devem estar dispostas exatamente no centro do espaço que separa um corpo e outro, não devendo nem um nem outro invadir o espaço de dança do parceiro. As mãos devem estar na altura média dos ombros do casal e devem estar seguras de palmas.

12 - Os cotovelos devem estar dispostos formando um ângulo de 45 graus em relação ao corpo. - A mão direita do cavalheiro deve estar com os dedos abertos e repousar na altura média das costas da dama, lembrando que esta deve ter resistência para melhor conduzir a dama e dependendo do ritmo aumentará ou diminuirá a distância entre o casal; a mão esquerda da dama deve repousar sobre o ombro do cavalheiro; da dama.

13 Técnicas de condução Diante dos diversos itens que constituem as técnicas de dança, com certeza a condução ocupa um lugar de destaque, pois é imprescindível que o cavalheiro conduza a dama de forma consistente e elegante, deve efetuar movimentos de mãos, pernas e deslocamento claros, para que a dama, que deve estar suscetível as vontades do parceiro, perceba com clareza os passos que devem ser executados. A condução clara com certeza levará o casal a ter um melhor sincronismo em suas coreografias.

14 Principais movimentos: No núcleo da estrutura da dança do tango podemos definir e identificar quatro conjuntos de movimentos: la salida, la caminada, el giro e el cierre.Simplificando, há apenas três passos no tango: o passo ao lado (para a direita ou para a esquerda), o passo em frente (avançar) e o passo atrás (recuar).

15 Bibliografia tango.asp

16 Trabalho desenvolvido pelos alunos da 8ª série C E.E. Dr. André Cortez Granero - Guaxupé Bruna Caroline Bruno Daiane Elisabete Giovane Helena Jéssica Larissa Rodrigo Veronica - Coordenação: Profª Janete Prado


Carregar ppt "Tango. Origem do tango A origem do tango, assim como a de outros ritmos, é popular, sofrendo preconceito inicial por parte da camada mais favorecida da."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google