A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Deize Costa Cardoso Mestranda em Estudos Linguísticos, Faculdade de Letras, Universidade Federal de Minas Gerais. Professora de língua inglesa, Ensino.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Deize Costa Cardoso Mestranda em Estudos Linguísticos, Faculdade de Letras, Universidade Federal de Minas Gerais. Professora de língua inglesa, Ensino."— Transcrição da apresentação:

1

2 Deize Costa Cardoso Mestranda em Estudos Linguísticos, Faculdade de Letras, Universidade Federal de Minas Gerais. Professora de língua inglesa, Ensino Médio, Escola Estadual Maurício Murgel – B.H.

3 LETRAMENTO CRÍTICO: HISTÓRIA O termo LC foi desenvolvido pelos teóricos críticos sociais. Crenças: Acreditam que a escola e o governo perpetuam determinadas ideologias ao legitimar alguns conhecimentos e excluir outros. Objetivos: lutar contra as relações desiguais de poder que prevalecem e contra aqueles que escolhem que verdades devem ser privilegiadas.

4 LETRAMENTO CRÍTICO: BASE TEÓRICA: PAULO FREIRE: Educação tradicional: conceito de educação bancária – a instituição considera os alunos containers ou recipientes que serão preenchidos pelo professor. Paulo Freire propõe um sistema em que os estudantes tornam-se mais socialmente conscientes através da crítica as múltiplas formas de injustiças. O autor acredita que os alunos precisam ter a oportunidades de explorar e construir o seu conhecimento.

5 LETRAMENTO CRÍTICO - OBJETIVOS: Desmantelar as injustiças e desigualdades sociais promovidas por aqueles que geralmente escolhem qual verdade será privilegiada. Permitir que as pessoas leiam os textos de uma forma ativa e reflexiva a fim de interpretarem as mensagens através de um olhar crítico.

6 LETRAMENTO CRÍTICO – OBJETIVOS: Compreender as injustiças e desigualdades inseridas nas mensagens. Relacionar linguagem, poder, práticas sociais e acesso a bens e serviços. Avaliar quais conhecimentos estão sendo privilegiados nos textos. Desafiar os leitores a questionarem as relações de poder.

7 COMO O PROFESSOR PODE DESENVOLVER O LETRAMENTO CRÍTICO NOS ALUNOS? Criando experiências que ofereçam oportunidades aos estudantes de construírem ativamente seu conhecimento. Encorajando os alunos a olharem os textos de uma perspectiva diferente e recriá-los do ponto de vista de grupos marginalizados a fim de analisar as relações de poder e as desigualdades sociais promovidas pelos textos.

8 COMO O PROFESSOR PODE DESENVOLVER O LETRAMENTO CRÍTICO NOS ALUNOS? Desenvolvendo um diálogo com os alunos sobre suas necessidades e interesses. Mostrando aos alunos que os textos não são neutros uma vez que eles representam um meio pelo qual os indivíduos se comunicam usando códigos e convenções sociais. Reavaliando e redefinindo os processos pedagógicos de acordo com o desenvolvimento de aprendizagem.

9 Referência Bibliográfica COFFEY, H. Critical Literacy Disponível em:.


Carregar ppt "Deize Costa Cardoso Mestranda em Estudos Linguísticos, Faculdade de Letras, Universidade Federal de Minas Gerais. Professora de língua inglesa, Ensino."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google