A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Abertura do Setor de Astronomia - CDCC. Setor de Astronomia - CDCC Setor de Astronomia (OBSERVATÓRIO) (Centro de Divulgação da Astronomia - CDA) Centro.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Abertura do Setor de Astronomia - CDCC. Setor de Astronomia - CDCC Setor de Astronomia (OBSERVATÓRIO) (Centro de Divulgação da Astronomia - CDA) Centro."— Transcrição da apresentação:

1 Abertura do Setor de Astronomia - CDCC

2 Setor de Astronomia - CDCC Setor de Astronomia (OBSERVATÓRIO) (Centro de Divulgação da Astronomia - CDA) Centro de Divulgação Científica e Cultural - CDCC Universidade de São Paulo - USP Endereço: Av. Trabalhador São-Carlense, n.400 Tel: 0-xx (Observatório) Tel: 0-xx (CDCC) Localização: Latitude: 22° 00' 39,5"S Longitude: 47° 53' 47,5"W

3

4 O Que é a Sessão Astronomia? As Sessões Astronomia são palestras proferidas por monitores do Setor de Astronomia todos os sábados às 21h00. Iniciadas em 1992, foram criadas com o objetivo de falar sobre Astronomia ao nosso público em uma linguagem simples e acessível a todas as faixas etárias. Estas palestras se tornaram uma opção de diversão e informação para a comunidade local e também para visitantes de nossa cidade. Os temas abordados são os mais variados possíveis. O material multimidia contido aqui consiste numa opção áudiovisual complementar que o proferssor do Sistema de Ensino pode utilizar como auxílio a suas aulas. O conteúdo das Sessões Astronomia podem ser Acessos no seguinte endereço:

5 O que sabemos sobre os Cometas ? Autor: Eslley Scatena

6 Identificação do Tema: Título : O que sabemos sobre os Cometas? Autor : Eslley Scatena Gonçales Data da Apresentação: 11 de Dezembro de 2004 Apresentador : Eslley Scatena Gonçales Resumo: Créditos imagem: Fonte:

7 O que sabemos sobre os Cometas ? Autor: Eslley Scatena

8 As primeiras observações Giotto - século XIII Tridentum - século XVII

9 Acontecimentos associados a Cometas *O cometa de 1665 foi considerado o responsável pela Peste Negra que matou 90 mil pessoas em Londres. *A aparição do Cometa Halley em 1835 foi culpada por várias coisas: A destruição de 530 construções em Nova York devido a um incêndio que durou vários dias; O massacre de mais de 280 pessoas na África por 10 mil guerreiros Zulu; As guerras que começaram na América Latina, como em Cuba, Mexico, Equador, Peru, Argentina e Bolivia.

10 Primeiras observações científicas ( ) Peter Apian

11 Primeiras observações científicas

12 Notou semelhanças entre os cometas de 1533, 1607 e Previu a passagem do mesmo cometa em 1758, a qual foi comfirmada

13 Movimento aparente dos Cometas no céu

14 Origem dos Cometas

15 UA ~ 100 UA

16 Origem dos Cometas ~100 UA

17 Órbitas e tipos de Cometas Cometas de curto período : Órbitas excêntricas e provavelmente pertenciam ao cinturão de Kuiper. Cometas de longo período : Órbitas quase parabólicas, provavelmente provenientes da Nuvem de Oort

18 A estrutura de um Cometa - Núcleo Núcleo : Superfície irregular; Cerca de 10 km de diâmetro; Composto basicamente por gelo, poeira, minerais, óxido e dióxido de carbono.

19 A estrutura de um Cometa - Núcleo Núcleo Monolítico Núcleo Multi-Componente Núcleo Diferenciado

20 A estrutura de um cometa A estrutura de um Cometa - Núcleo Imagens da missão StardustExemplo de poeira interestelar

21 A estrutura de um Cometa - Coma Coma : Nuvem esférica de poeira e moléculas neutras que circundam o núcleo; Raio típico de de km (depende da proximidade do Sol); Possui então dois constituintes principais : - Coma Gasosa (responsável pela cauda de íons) e - Coma de Poeira (responsável por meteoros).

22 A estrutura de um Cometa - Cauda Os cometas apresentam dois tipos de cauda : Íons Poeira

23 Formação da Cauda de um Cometa Cauda de Gás : Os gases presentes na coma são ionizados pelas partículas do vento solar, e carregadas pelo campo magnético solar. O íon mais comum é o CO+, que espalha a luz azul melhor do que a vermelha, o que geralmente dá uma cor azulada à cauda de íons. O vento solar atinge o cometa a uma velocidade de aproximadamente 500 km/s, fazendo com que a cauda ionizada seja direcionada exatamente na direção oposta.

24 Formação da Cauda de um Cometa Cauda de Poeira : Consiste de partículas de poeira que foram arrancadas da coma pela pressão de radiação do Sol. Comparada com a cauda de íons, a cauda de poeira é mais difusa e aparece um pouco esbranquiçada ou rosada. As partículas de poeira estão individualmente em órbita em torno do Sol, cada uma sofrendo uma força de atração levemente diferente devido o efeito da pressão de radiação. Isto faz a cauda se curvar conforme o cometa passa pelo Sol.

25 Asteróides e Cometas e Meteoros Nuvem de Oort Cinturão de Kuiper Cinturão de Asteróides

26 Extinção dos Dinossauros

27 Tunguska

28

29 Cometa Shoemaker-Levy 9 O cometa Shoemaker-Levy 9 se fragmentou em 22 pedaços, os quais atingiram o planeta Júpiter durante os dias Julho de 1994

30 Cometa Shoemaker-Levy 9

31

32 Cometas famosos West

33 Halley cda Cometas famosos

34 Hyakutake Cometas famosos

35 Hale-Bopp Cometas famosos

36 Sondas para cometas Missão Stardust : 7 de fevereiro de 1999

37 Sondas para cometas Missão Stardust :

38 Sondas para cometas Missão Stardust :

39 Sondas para cometas Missão Rosetta :

40 Sondas para cometas Missão Rosetta : Lançada em 2 de Março de 2004

41 Sondas para cometas Missão Rosetta :

42 Sondas para cometas Missão Deep Impact : 8 de Janeiro de 2005 Observar como se formam crateras Medir a profundidade e diâmetro Medir a composição interior de uma cratera e seu material ejetado Determinar as mudanças no material ejetado naturalmente pelo impacto

43 Sondas para cometas Missão Deep Impact :

44 Descobrindo Cometas

45 Don MachholzC/2004 Q2 (Machholz))

46 Cometas visíveis atulamente C/2004 Q2 (Machholz))

47 Final da Apresentação Cometas, que são temidos tanto quanto o trovão, Deixem de assustar os povos da Terra, Em uma imensa elipse completem seu curso, Levantem-se, desçam, perto da estrela do dia Acendam seus fogos, voem para longe, e voltem sem cessar, Reacendam a idade antiga de mundos esgotados. -Voltaire -Voltaire

48 Referências : The Cambridge Atlas of Astronomy NASA / JPL ESA


Carregar ppt "Abertura do Setor de Astronomia - CDCC. Setor de Astronomia - CDCC Setor de Astronomia (OBSERVATÓRIO) (Centro de Divulgação da Astronomia - CDA) Centro."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google