A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Setor de Astronomia - CDCC Setor de Astronomia (OBSERVATÓRIO) (Centro de Divulgação da Astronomia - CDA) Centro de Divulgação Científica e Cultural.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Setor de Astronomia - CDCC Setor de Astronomia (OBSERVATÓRIO) (Centro de Divulgação da Astronomia - CDA) Centro de Divulgação Científica e Cultural."— Transcrição da apresentação:

1

2

3 Setor de Astronomia - CDCC Setor de Astronomia (OBSERVATÓRIO) (Centro de Divulgação da Astronomia - CDA) Centro de Divulgação Científica e Cultural - CDCC Universidade de São Paulo - USP Endereço: Av. Trabalhador São-Carlense, n.400 Tel: 0-xx (Observatório) Tel: 0-xx (CDCC) Localização: Latitude: 22° 00' 39,5"S Longitude: 47° 53' 47,5"W Crédito do logo: Setor de Astronomia, CDCC-USP/SC, criado por Andre Fonseca da Silva.

4 Sessão Astronomia

5 O Que é a Sessão Astronomia? As Sessões Astronomia são palestras proferidas por monitores do Setor de Astronomia todos os sábados às 21h00. Iniciadas em 1992, foram criadas com o objetivo de falar sobre Astronomia ao nosso público em uma linguagem simples e acessível a todas as faixas etárias. Estas palestras se tornaram uma opção de diversão e informação para a comunidade local e também para visitantes de nossa cidade. Os temas abordados são os mais variados possíveis. O material multimidia contido aqui consiste numa opção áudiovisual complementar que o proferssor do Sistema de Ensino pode utilizar como auxílio a suas aulas. O conteúdo das Sessões Astronomia podem ser acessados no seguinte endereço: Crédito do logo: Sessão Astronomia, CDCC-USP/SC, criado por Andre Fonseca da Silva

6 Apresentação: Victor Robin

7 Identificação do Tema: Título : Von Braun – Autor : Victor Raphael de Castro Mourão Roque Data da Apresentação: 17/06/2004 Apresentador : Victor Raphael de Castro Mourão Roque Resumo/ABSTRACT: Nessa Sessão Astronomia vamoscontar um pouco da história desse grande cientista que foi Wernher Magnus Maximilian von Braun Nome do Arquivo: Disponível em: Acesso em:

8 Barão Magnus von Braun e da Baronesa Emmy von Quistorp Nasce o Gênio 23/03/1912 Wyrzysk

9 Nasce o gênio Comentários:Wernher Maximillian Magnus von Braun nasceu em 23 de março de 1912 numa cidade chamada Wyrzysk, Leste da Prússia, atualmente pertencente a Polônia. Filho do meio do Barão Magnus von Braun e da Baronesa Emmy von Quistorp. Seu pai foi um grande político na sua época sendo Secretário da agricultura e Economia da República de Weimar. Sua mãe, astronôma amadora, teve grande influência no despertar do interresse científico e cultural do filho. Ainda pequeno sua mãe lhe deu um telescópio o qual ele passa várias noites observando o céu e imaginando viagens espaciais. Além disso ela o introduziu na música e arte. Nome do Arquivo: Wyrzysk Disponível em: Acesso em: 24/05/2005 Nome do Arquivo: Von Braun e irmãos Disponível em: Acesso em: 24/05/2005 Nome do Arquivo: Barão von Braun Disponível em:

10 Mudança para Berlin 10/01/1920 Tratado de Versalhes (1919): Devolução de terras aos países ocupados; Proibição da fabricação de arsenal bélico; Proibição da força aérea.

11 Mudança para Berlin Comentários: Em 1919, ocorreu o tratado de Versalhes, onde, após a I Grande Guerra, as grandes potências européias se reuniram e chegaram à alguns acordos. Entre eles, os mais influentes para essa palestra são a devolução de algumas terras ocupadas, a proibição da fabricação de armas aéreas e bélicas. Em razão desse tratado, em 1920, Wyrzysk se tornou parte da Pôlonia, assim a Família von Braun, como muitas outras famílias alemãs se mudaram para a Berlin.

12 Com 10 anos Ele decide que iria Mudar a Roda da História Em seus projetos estavam: Compor músicas; Escrever Poesias; Em seus projetos estavam: Compor músicas; Escrever Poesias;

13 Com 10 anos Comentários: Com 10 anos Wernher von Braun decidiu que iria Mudar a roda da história. Entre os seus projetos, ele compos músicas, escreveu poesias e montou um carro com peças antigas que o próprio reformava. Por causa do tempo gasto com esse carro ele se tornou um fracasso em física e matemática

14 E com 12 anos Começa a colocar foguetes em tudo o que andava

15 E com 12 anos… Comentários: Com 12 anos von Braun começa a brincar com foguetes. Tudo o que podia andar von Braun colocava foguetes. Logo a vizinhança começo a pegar no pé do garoto pois não aguentavam mais janelas quebradas e jardim queimando.

16 Agora com 13 anos

17 Agora com 13 anos… Comentários: Com essa idade ele se meteu em confusão de novo, quando amarrou 6 foguetes em um carrinho e soltou no centro da cidade. O carro atravessou 5 quarteirões até que explodiu. Por causa dessa explosão ele ficou sob custódia da polícia até o seu pai ir pegá-lo. Mais tarde, numa entrevista o pai confessou que não sabia mais o que fazer para conter o filho e suas práticas, as quais para ele não serviriam para nada. Então decidiu mandá-lo para um internato ao norte de Berlin. O garoto fez esse esboço falando que nessa nave o homem iria a Lua e além. Nome do Arquivo: desenho Disponível em: Acesso em: 24/05/2005

18 No internato em Berlin

19 No internato em Berlin Comentários: Durante os anos do internato, Wernher revelou uma maturidade precoce, sendo um lider nato organizava time, vendas e vários projetos. Braun e seus colegas formavam um grupo de astronomia na escola e observavam o céu com um pequeno telescópio. Foi daí que surgiu a idéia de construir um observatório na escola. Wernher e seus colegas convenceram o diretor da escola, arrumaram patrocínio e o montaram. Esse é considerado o primeiro grande projeto de von Braun. Apesar de tudo isso, ele não erra um aluno excepcional na escola, tirava apenas notas suficientes para passar. Mas isso até que com aproximadamente 16 anos ele leu vários livros interessantes, entre eles, Guerra dos Mundos, do H. G. Weels, Viagem a Lua do Julio Verne e o mais importante, o livro do cientista chamado Hermann Oberth "Rocket into Interplanetary Space" e decidiu se tornar um físico e pioneiro do espaço. Apesar de se empolgar com o livro de Oberth, ele não entendeu muita coisa, principalmente uns "números e simbolos" (matemática e física). Então ele decidiu mandar uma carta para o Oberth perguntando como ele poderia se tornar um cientista e o que eram aqueles símbolos. Oberth lhe respondeu dizendo que ele teria que estudar muita física e muita matemática para entender aqueles "símbolos". Com isso von Braun começou a estudar muito, ficando sempre a frente dos seus colegas e algumas vezes até dava aula no lugar dos professores..

20 No internato em Berlin (fotos) Nome do Arquivo: von Braun e telescópio Disponível em: Acesso em: 25/05/2005 Nome do Arquivo: Obert Disponível em: Acesso em: 24/05/2005

21 Medicina Espacial

22 Medicina Espacial Comentários: Talvez Von Braun tenha sido a primeira pessoal a começar o estudo da medicina espacial. Junto com seu colega de quarto, montou uma centrifuga a partir de uma bicicleta. Numa cabine montada na borda da roda colocavam ratinhos e estudavam o comportamento do rato conforme a aceleração da roda. Eles calculavam a velocidade da cabine e faziam uma curva conforme o comportamento do rato: morto ou vivo. Ele vez também alguns cálculos da velocidade de escape da Terra e a aceleração necessária para atingi- la. Não satisfeito mandou suas conclusões para o Einstein, que lhe respondeu comentando sobre o problema. Mas essa pesquisa foi encerrada quando a governanta viu pequenas manchas de sangue na parede do quarto. Quando questionado, von Braun respondeu Preciso saber se um homem aguentaria os rigores da viagem para foro do planeta, argumento que, logicamente não foi muito digerido pela govenanta. Nome do Arquivo: desenho Disponível em: Acesso em: 28/05/2005

23 Sem brincadeiras Entra na Verein für Raumschiffahrt (VfR) Sociedade para Vôos Espaciais Conhece - Hermann Oberth; - Willy Lev (escritor e divulgador); - Rudolf Nebel e Johannes Winkler(experimentais); - Max Valier (piloto de carros-foguetes). Engenharia mecânica Instituto de Tecnologia de Berlin

24 Sem Brincadeiras Comentários: Com 18 anos Wernher ingressa no Instituto de Tecnologia de Berlin para fazer engenharia mecânica, o qual terminou em 2 anos. A essa altura seu interesse por astronômia e viagem espacial já tinha crescido muito. Conheceu o pioneiro Hermann Oberth, o escritor e divulgador Willy Lev e os experimentais Rudolf Nebel e Johannes Winkler. Seguiu também as façanhas de Max Valier, que tinham ganhado publicidade dirigindo os automóveis e os carros de trilho movidos por foguetes de combustível-sólido. Nessa época havia muitos clubes de exploração espacial, onde o maior objetivo era uma viagem a Marte. Com isso ele se junta a Verein für Raumschiffahrt (VfR, Sociedade de Vôos Espaciais) como ajudante do Oberth, responsável em combustível liqüído. Os dois cientistas acreditavam muito na potência desse motor e o estudavam arduamente. Nome do Arquivo: Instituto de Tecnologia de Berlin Disponível em: Acesso em: 29/05/2005

25 Primeiros Avanços Rudolf Nebel (esquerda, de branco), Hermann Oberth (chapéu), Klaus Riedel (segurando o foguete), Wernher von Braun (atrás de Riedel) (1930) Alemanha tenta achar uma maneira de burlar o Tratado de Versalhes

26 Primeiros Avanços Comentários: Durante essa época o Exército alemão tentava achar alguma forma de burlar o Tratado de Versalhes, que colocava fortes restrições à produção bélica após a I Guerra. Uma maneira foi financiar os grupos de fogueteiros amadores. O encarregado de cuidar dessa parte era até então capitão Walter Dornberger (mais tarde General Major ). O grupo de von Braun recebeu um pouco de dinheiro do governo para que esses construissem um foguete. Na demonstração do foguete vários testes deram errado, mas os militares ficaram realmente impressionados com o jovem von Braum. Ele reconhecia todas as falhas e o melhor de tudo era que ele tinha a solução para todas, só não tinha capital o suficente para corrigi-las. Nisso Dornberger viu em von Braun uma grande aliado e um lider na artilharia militar. Nome do Arquivo: VfR Disponível em: Nome do Arquivo: Dornberger Disponível em: Nome do Arquivo: VfR Disponível em: Acesso em: 29/05/2005

27 A Sociedade se desfaz

28 Sociedade se desfaz Comentários: Depois disso em 1932 Dornberger oferece mais dinheiro para a VfR, em troca eles fariam uma pesquisa secreta na qual focariam as suas experiências para aplicações militares. Inicialmente a sociedade discordou, mas sem financiamento não podiam avançar mais suas experiências, um ano mais tarde a sociedade acabou de uma vez por todas, quando Hitler entrou no poder e proibiu experiências de tais cunho feitas por civis. Nome do Arquivo: Sociedade se desfaz Disponível em: Acesso em: 29/05/2005

29 Dr. von Braun Universidade de Berlin

30 Dr. von Braun Comentários: Mas von Braun aceitou a ajuda desde o início e começou logo o seu doutoramento em Física na Universidade de Berlin, em Dois anos após ele já recebe o título de Doutor (Ph.D.). Nome do Arquivo: Universidade de Berlin Disponível em: Acesso em: 29/05/2005

31 Primeiros Foguetes - Kummersdorf Max Moritz Série A1 Max Moritz Série A – 80 engenheiros von Braun, alguns da VfR e Dornberger

32 Primeiros Foguetes Comentários: Em 1934 von Braun, alguns amigos da VfR e,Dornberger foram construir foguetes em Kummersdorf, aproximadamente 96 km ao sul de Berlin. Com o lançamento bem sucedido de dois foguetes, Max e Moritz, mais tarde a série foi chamada de A1, os quais subiram mais de 2,4 km, a proposta de von Braun para trabalhar em um dispositivo para decolagem de grandes bombardeiros, foguetes maiores foi aceita. Em 1935 a equipe já era de aproximadamente 80 engenheiros e Kummersdorf tinha se tornado pequena para os teste e era preciso construir uma nova instalação. Nome do Arquivo: A1 Disponível em: Acesso em: 30/05/2005

33 A grande jogada 1936 Diretor do Programa Militar de Desenvolvimento de Foguetes (24 anos) Luftwaffe

34 A grande jogada Comentários:Em 1936, já com o título de Diretor do Programa Militar de Desenvolvimento de Foguetes da Alemanha, que von Braun fez uma da maiores jogadas políticas da sua vida. Para construir uma instalação maior, precisava de muito dinheiro, para isso ele manipulou a Luftwaffe (Força Aérea) e o Exército. Quando a Força Aérea percebeu o movimento do Exército, decidiu investir uma quantia fantástica para a época no projeto, tentando apoderar-se da tecnologia e do time. Ao perceber isso, o Exército investiu uma quantia ainda maior para garantir a sua supremacia. Com isso, estabelecida uma competição, da noite para o dia, von Braun tinha recursos e poder para criar as máquinas com que tanto sonhara.

35 E nasce Peenemünde

36 E nasce Peenemünde Comentários: Um lugar seguro e isolado foi sugerido pela mãe de von Braun e foi chamado de Peenemünde. Localizado numa parte quieta da Alemanha no mar Báltico no delta do rio Peene na ilha de Usedom. O exécito e a Luftwaffe não pouparam dinheiro para o desenvolvimento de Peenemünde. Um enorme complexo de casas, áreas de teste, manufatura e desenvolvimento foi contruido e abrigou por volta de cientistas e trabalhadores. Aqui von Braun se torna Diretor Técnico e Dornberger Comandante. Nessas instalações foram desenvolvidos o missil-balistico A-4 (mais tarde chamado de V-2) e míssil guiado anti- aéreo Wasserfall, que era uma miniatura do V2, cerca de ¼, usado contra bonbardeiros e seus antecessores A-2, A-3, A-4 e V-1. Nome do Arquivo: Peenemünde Disponível em: Acesso em: 30/05/2005 Nome do Arquivo: escritório Disponível em: enemunde_01.jpg Acesso em: 30/05/2005

37 V1

38 Nome do Arquivo: V1 Disponível em: Acesso em: 30/05/2005

39 V2 (Vergeltungswaffe 2)

40 V2 Nome do Arquivo: V2 Disponível em: Acesso em: 30/05/2005 Nome do Arquivo: impacto Disponível em: Acesso em: 31/05/2005 Nome do Arquivo: video Disponível em: Acesso em: 31/05/2005

41 Enquanto isso... (Wernher nazista???) 11/1937 – Partido Socialista Nacional 01/05/1933 – Cavalaria da SS 04/05/1940 – 28/07/1943 Untersturmführer – Sturmbannführer Oficial (50-100) Major 04/05/1940 – 28/07/1943 Untersturmführer – Sturmbannführer Oficial (50-100) Major Heinrich Himmler

42 Comentários: Em maio de 1937 se junta ao Partido Nazista e em novembro, ao Partido Socialista Nacional. Em maio de 1933 ingressa na cavaleria da SS. De maio de 1940 a junho de 1943, ele sobe 4 posições, de SS Untersturmführer (oficial com 50 a 100 soldados) até a máxima SS Sturmbannführer (Major da SS). Mais tarde quando questionado a respeito dessa época, von Braun falou que foi obrigado a se juntar ao partido Socialista, pois a recusa significaria o fim do seu trabalho. Apesar de pertencer ao partido ele não tinha participação política nenhuma. Em 1940, já como diretor técnico de Peenemünde, von Braun foi intimado pelo SS-Standartenführer (SS Coronel) Mueller a entrar para a SS, a mando do SS-Reichsführer (SS Comandante) Himmler. Indignado von Braun foi falar com o seu superior militar imediato Major General Dornberger, que o aconselhou a se juntar e continuar a trabalho mutuo, pois ele não tinha muita alternativa. Em troca de todas essas patentes é lógico que a SS queria alguma coisa, e era obter o comando de Peenemünde. Uma vez um oficial de alta patente da SS visitou as instalações e perguntou a von Braun quando teria um novo teste, e esse respondeu que haveria um daqui a 3 meses. O oficial então perguntou: - E se eu te enviasse 200 homens da SS?. von Braun respondeu rapidamente: Ah, aí levaria uns 8 meses. Isso demonstrava o quanto von Braun tentava manter a SS longe do comando de Peenemünde, mesmo porque o seu sonho não era produzir armas em massa, mas sim chegar até a Lua.

43 Enquanto isso… (nasista???) Comentários: Nome do Arquivo: Himmler Disponível em: Disponível em: Acesso em: 31/05/2005 Nome do Arquivo: Visita Disponível em: Acesso em: 31/05/2005 Nome do Arquivo: Dornberger, Himmler, von Braun Disponível em: Acesso em: 31/05/2005

44 Voltando a Peenemünde 08/1943 Bombardeiro RAF O foguete trabalhou perfeitamente exceto que ele aterissou no planeta errado.

45 Voltando a Peenemünde Comentários Menos de um ano de sucesso do primeiro A4, os britânicos ficaram suspeitos com o que acontecia em Peenemünde. Na metade de agosto de 1943 milhares de bombardeiros RAF atacaram o lugar e causaram vários danos. No mesmo ano Hitler decidiu usar o A4 como arma de vingança e o grupo teve que produzir o A4 para carregar explosivos e atacar Londres. Quando o primeiro A4 atingiu Londres, von braun falou para os seus colegas o foguete trabalhou perfeitamente exceto que ele aterissou no planeta errado Nome do Arquivo: Bombardeiro RAF Disponível em: Acesso em: 31/05/2005

46 Nova Fábrica 1944 Hans Kammler Mittelwerk

47 Nova fábrica Comentários 14 meses depois Hitler ordenou a produção em massa do A4, agora chamado de V2 ("Vergeltungswaffe 2" significando "retaliation weapon 2") e que esse atacasse toda a Europa Ocidental. Os danos de Peenemünde não foram tão exorbitantes, e de rápido reparo, mas foi decidido que a produção em massa do V2 seria feito em outro lugar, mais seguro dos ataques de bombardeiros. Dornberger e von Braun eram contra essa a produção em massa pois sabiam que, apesar do bom desempenho do foguete, ele ainda tinha muito o que evoluir. Mas o esforço dos dois era inútil pois o comando estava na mão de Himmler e numa fábrica subterranea chamada de Mittelwerk, na Alemanha Central, começou a produzir o V1 e V2. Para trabalhar o General da SS Hans Kammler (engenheiro responsável por construir vários campos de concentração) colocou os prisioneiros trabalhando como escravos. Agora Kammler comandava todos os projetos de pesquisa inclusive o V2. Nome do Arquivo: Kammler Disponível em: Nome do Arquivo: mittelwerk Disponível em: Acesso em: 31/05/2005

48 Traição e prisão 02/1944

49 Traição e Prisão Comentários: No começo de fevereiro de 1944 Himmler chamou von Braun, para ir até seu posto em Hochwald. Himmler recomendou que von Braun trabalhasse mais com Krammer, para solucionar mais rápido os problemas ainda existente no V2, mas Braun falou que não precisava, pois só faltava alguns acertos técnicos e ele tinha certeza que Dornberger o ajudaria a resolver. Depois disso von Braun e seus amigos Riedel e Grotrupp ficaram sendo espionados pela Gestapo durante muito tempo. Numa noite, na casa de amigos, o grupo estava comentando que eles gostariam de estar trabalhando em uma nave espacia, não em armas de guerra e também falaram que a guerra não estava indo bem. Uma jovem e bonita dentista denunciou esses comentários. Então, no dia 22 de fevereiro, a SS e Gestapo (polícia secreta) prenderam von Braun por crimes contra o Estado pois ele continuava a falar em construir foguetes que orbitavam a Terra e que talvez chegariam a Lua. Esses sonhos estariam atrapalhando o seu trabalho, desconcentrando-o enquanto ele deveria estar pensando em construir armas mais potentes para a Alemanha. von Braun, sem saber qual era a acusação, foi levado a Stettin, onde foi aprisionado e seu julgamento sob pena de enforcamento já estava sendo encaminhado. Ele só foi solto duas semanas depois, quando Dornberger convenceu a Hitler que sem von Braun o V2 não seria terminado.

50 Fuga (Op. Paperclip) 06/1945 Cordell Hull Cientistas da Operação Paperclip

51 Fuga para o Estado Unidos Comentários: Voltando para Peenemünde, von Braun percebeu que a sua vida e de seus colegas estava em perigo. Então prepara uma fuga juntamente com seus companheiros. Com documentos forjados e um trem roubado, von Braun e mais 500 pessoas fogem para serem capturados pelos aliados. Alguns cientístas fogem para a União Soviética, mas a maioria, com medo do Stalin, preferem ir para o lado do Estados Unidos. Aproveitando essa fuga, os americanos invadiram Peenemünde e levaram consigo muitos V2 e suas partes, armas químicas, bombas e muitos documentos, ao todo foram 300 carros do trem. Em 20 de junho de 1945, o secretário de Estado Cordell Hull, sob aprovação do presidente Roosevelt, aprovou a transferência dos especialistas para a América. Essa operação ficou conhecida como Operação Paperclip. Nome do Arquivo: Cordell Hull Disponível em: Nome do Arquivo: cientístas Disponível em: http: en.wikipedia.org/wiki/Image%3AProject_Paperclip_scientists.jpg Nome do Arquivo: von Braun se entrega Disponível em: Acesso em: 01/06/2005

52 Chegando no Estados Unidos... 20/09/1945 Base da Força Aérea de New Castle, Delaware...eles foram levados... Forte Strong, Porto de Boston Base de Aberdeen, Maryland organizar papéis Base de Aberdeen, Maryland organizar papéis

53 Chegando no Estado Unidos Comentários: Os primerios a chegar, foram levados à Base da Força Aérea de New Castle em Delaware. Depois eles foram levados de navio ao Forte Strong no porto de Boston. E depois, com exceção de von Braun, todos foram levado prar Aberdeen para organizar os documentos com a finalidade de continuar a pesquisa da onde parou.

54 Até que finalmente Forte Bliss

55 Até que finalmente Comentários: von Braun e 126 cientistas foram transferidos para sua nova casa, Forte Bliss, Texas, sob o comando do Major James P. Hamill. Aqui eles se auto- intitularam PoPs, Prisioneiros da Paz, pois eles não tinham muita liberdade e não podiam sair do forte a não ser com escolta militar. Aqui eles treinavam militares, industriais e universitários nas artimanhas dos foguetes e mísseis guiados, e ajudavam a reformar, montar e lançar os V2s que tinham sido trazidos da Alemanha para a Base de Areia Branca, Novo México. E também estudavam cada vez mais o potencial dos mísseis e suas aplicações militares. Nome do Arquivo: Fort Bliss Disponível em: https://www.bliss.army.mil/Museum/FortBlissTexas.htm Acesso em: 01/06/2005

56 Casamento 01/03/1947

57 Casamento Comentários: Em 1947, von Braun consegue permissão para voltar a Alemanha para se casar com sua prima Maria von Quistorp e trazer seus parentes. Em dezembro de 1948, no hospital do Forte Bliss, nasce sua filha Iris. Nome do Arquivo: casamento Disponível em: Acesso em: 01/06/2005 Nome do Arquivo: família Disponível em: Acesso em: 01/06/2005

58 Redstone - Huntsville, Alabama 1950 Redstone 1956 Cidadão Americano

59 Redstone Comentários: E em 1950 os cientistas foram transferidos para Huntsville Alabama, por onde ele viveu 20 anos. Até 1956, von Braun liderou o desenvolvimento do primeiro míssel balístico dos Estados Unidos, o RedStone. Nome do Arquivo: redstone Disponível em: Acesso em: 01/06/2005 Nome do Arquivo: Redstone Arsenal Disponível em: Acesso em: 01/06/2005 Nome do Arquivo: cidadão Disponível em: Acesso em: 12/06/2005

60 E o sonho continua 1952

61 Sonho continua Comentários: Mas o sonho de von Braun, levar o homem a Lua, continuava. E ele sabia que teria de convencer o povo americano a gastar o dinheiro do governo na exploração espacial. Então logo começou uma campanha para motivar os americanos, não só o povo mais também seus políticos. Em 1952, von Braun escreveu um artigo explicando como seria uma estação espacial. Na sua cabeça a estação teria 75 metros, orbitaria a 1730 kilometros e giraria em torno de si mesma provocando uma gravidade artificial. Para ele essa estação seria uma parada perfeita para expedições lunares. Uma aliança muito efetiva, foi com Walt Disney, juntos fizeram vários filmes, documentários. Nome do Arquivo: redstone Disponível em: Nome do Arquivo: redstone Disponível em: Nome do Arquivo: redstone Disponível em: Acesso em: 01/06/2005

62 Primeira vez Comemoração do Explorer I-31/01/1958

63 Primeira vez Comentários: Com a série Redstone pronta desde 1953, von Braun queria passar para o próximo passo, colocar uma carga em órbita. Mas o presidente da época, Eisenhower, não permitiu pois queria o Estados Unidos colocassem o objeto por um projeto puramente americano (apesar de todo conhecimento do projeto americano, na época, prover dos V2s capturados na guerra). Então mais uma vez von Braun ficou aprimorando o seu foguete esperando a hora certa. No final de 1957 a Marina foi autorizada lançar o seu foguete Vanguard. Foi um fracasso total. O foguete explodiu na plataforma diante de todos e deixou a América envergonhada. O problema se agravou mais ainda no final desse mês quando os soviéticos colocaram a Laika em orbita. Então os americanos não tiveram outra alternativa para fugir do vexame, a não ser recorrer à von Braun. Então em 31 de janeiro de 1958, com uma versão modificada do Redstone, chamada de Jupiter, a América coloca o seu primeiro satélite em orbita, o Explorer I. Essa data é considerada o nascimento do programa espacial americano.

64 Primeira vez Nome do Arquivo: JUPITER Disponível em: 01.jpg Acesso em: 02/06/2005 Nome do Arquivo: comemoração do explorer I Disponível em: Acesso em: 01/06/2005

65 NASA 29/07/1958

66 NASA Comentários: E em 29 de julho de 1958 é fundada a NASA. Dois anos depois a NASA abriu o Centro de Vôo Espacial Marshall e von Braun e toda a sua equipe se transferiram para lá. Von Braun foi o primeiro diretor do centro de julho de 1960 até fevereiro de Apesar da criação da NASA, Eisenhower não era muito fã da exploração do espaço e não dedicou muitos investimentos como os russos. Havia muitos grupos dedicados a exploração ao mesmo tempo, mas nenhuma ação coordenada. Nome do Arquivo: inauguração do Marshall Disponível em: Nome do Arquivo: tour com Eisenhower Disponível em: Nome do Arquivo: mfsc Disponível em: https://rockettest.ssc.nasa.gov/MSFC_Capabilities_Include/images/msfc_aerial _view.gif Acesso em: 01/06/2005

67 Tudo Muda - Kennedy 1961

68 Tudo Muda - Kennedy Comentários: mas em 1961, tudo muda. Agora quem está na presidência é John Kennedy, que tinha ficado impressionado quando Yuri Gagari entrou em orbita. Ele chamou von Braun e pediu para que ele coordenasse um plano para exploração espacial. von Braun aceitou, mas alertou, como os russos estão bem a frente tecnologicamente, as primeiras batalhas seriam facilmente perdidas, mas com um plano contínuo e a longo prazo com certeza o estados Unidos iram para ganhar. E como plano von Braun prometeu que levaria o homem à Lua até o final da década. A corrida espacial foi muito importante para a indústria americana, pois obrigou-a a evoluir e ao mesmo tempo lhe proveu muito dinheiro, caso que não ocorria com na União Soviética, onde o programa espacial era somente um grande gasto de dinheiro. Nome do Arquivo: encontro, von Braun-Keneddy Disponível em: Nome do Acesso em: 01/06/2005

69 Saturno

70 Tudo Muda - Kennedy Comentários: durante esses anos von Braun e sua equipe desenvolveram o lançador Saturno e em especial o Saturno V, a maior máquina já feita para vencer a gravidade da Terra. O que mais impressiona nesse foguete é a sua precisão, nenhum saturno nunca falhou, e a potência dos seus motores era impressionante. Em 1961, um Redstone colocou o primeiro americano em orbita e em 1968 três americanos foram levado até o espaço no Saturno V. E em 16 de julho de1969, tivemos pela primeira vez o homem na Lua. Com isso von Braun se empolgou e já planejava, nos anos 80, levar o homem há Marte com uma frota de Saturno V. Nome do Arquivo: lançamento Saturno V Nome do Arquivo: von Braun Disponível em: Acesso em: 01/06/2005

71 Deixa a NASA

72 Tudo Muda - Kennedy Comentários: Após o sucesso da missão apollo von Braun se empolga e já organiza um plano para levar o homem a Marte com uma frota de Saturno V. Mas ele percebe que agora os planos da NASA eram outros e não estavam mais compatíveis ao seu sonho. Então em junho de 1972 ele sai da NASA deixando seu amigo Rocco Petrone como diretor e e se torna vice-presidente das indústrias Fairchild em Germantown, Maryland. Em 31 de dezembro de 1976, von braun se ve obrigado a se retirar da Fairchild em razão de um cancer provocado pelo cigarro. Nome do Arquivo: encontro, von Braun-Keneddy Disponível em: Nome do Acesso em: 01/06/2005

73 16/06/1977

74

75 Comentários: E em 16 de junho de 1977, com 65 anos, von Braun morre em Alexandria, Virginia Nome do Arquivo: homenagem Disponível em: Acesso em: 01/06/2005

76 Referências


Carregar ppt "Setor de Astronomia - CDCC Setor de Astronomia (OBSERVATÓRIO) (Centro de Divulgação da Astronomia - CDA) Centro de Divulgação Científica e Cultural."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google