A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O DESENVOLVIMENTO INFANTIL E O BRINCAR Centro Universitário Fundação Santo André Pos-Graduação em Educação e Prática Docente Autoras: Adriana Flávia Kátia.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O DESENVOLVIMENTO INFANTIL E O BRINCAR Centro Universitário Fundação Santo André Pos-Graduação em Educação e Prática Docente Autoras: Adriana Flávia Kátia."— Transcrição da apresentação:

1 O DESENVOLVIMENTO INFANTIL E O BRINCAR Centro Universitário Fundação Santo André Pos-Graduação em Educação e Prática Docente Autoras: Adriana Flávia Kátia Vanessa

2 O DESENVOLVIMENTO INFANTIL E O BRINCAR BRINCADEIRA...É O ADULTO QUE, POR METÁFORA, BATIZOU DE BRINCADEIRA TODOS OS COMPORTAMENTOS DE DESCOBERTAS DA CRIANÇA... BRINCADEIRA...É O ADULTO QUE, POR METÁFORA, BATIZOU DE BRINCADEIRA TODOS OS COMPORTAMENTOS DE DESCOBERTAS DA CRIANÇA...WALLON

3 ENTENDE-SE QUE, PELO BRINCAR, A CRIANÇA APRENDE EXPRESSAR IDÉIAS, GESTOS, EMOÇÕES, A TOMAR DECISOES, A INTERAGIR E VIVER ENTRE PARES, A CONHECER E A INTEGRAR-SE NO SEU AMBIENTE PRÓXIMO, A ELABORAR IMAGENS CULTURAIS E SOCIAIS DE SEU TEMPO E, EM DECORRÊNCIA DESENVOLVE-SE COMO SER HUMANO DOTADO DE COMPETÊNCIAS SIMBÓLICAS. EMILIA CIPRIANO SANCHES O DESENVOLVIMENTO INFANTIL E O BRINCAR

4 O brinquedo é oportunidade de desenvolvimento. Brincando a criança: Experimenta; Descobre; Inventa; Aprende; Confere Habilidades; Alem de estimular a: Curiosidade; AutoConfiança; Autonomia;

5 O DESENVOLVIMENTO INFANTIL E O BRINCAR Brincar é indispensável a saúde física, emocional e intelectual da criança. Contribuindo assim para a formação de um adulto equilibrado.

6 O DESENVOLVIMENTO INFANTIL E O BRINCAR O brinquedo proporciona o aprender-fazendo e para ser melhor aproveitado é conveniente que proporcione atividades dinâmicas e desafiadoras que exijam a participação ativa da criança.

7 CONCEPÇÃO SÓCIO-HISTÓRICO Gilles Brougére... a brincadeira é um processo de relações individuais, portanto de cultura. É preciso partir dos elementos que ela vai encontrar em seu ambiente imediato, em parte estruturado por seu meio, para se adaptar às suas capacidades. A brincadeira pressupõe uma aprendizagem social. Aprende- se a brincar. A brincadeira não é inata, pelo menos nas formas que ela adquire junto ao homem. A criança pequena é iniciada na brincadeira por pessoas que cuidam delas. O DESENVOLVIMENTO INFANTIL E O BRINCAR

8

9 O BRINCAR E A BRINCADEIRA DEVEM SER PENSADOS DE FORMA AMPLA, ISTO É, MENOS COMO UMA ATIVIDADE DETERMINADA E MAIS COMO UMA QUALIDADE DA RELAÇÃO QUE UM INDIVÍDUO ESTABELECE COM OS OBJETOS DO MUNDO EXTERNO. O BRINCAR NÃO COMO RECURSO FACILITADOR DA APRENDIZAGEM, MAS MUITO MAIS COMO POSSIBILIDADE DE ABERTURA DE UM CAMPO ONDE OS ASPECTOS DA SUBJETIVIDADE SE ENCONTRAM COM OS ELEMENTOS DA REALIDADE EXTERNA PARA POSSIBLITAR UMA EXPECTATIVA CRIATIVA COM O CONHECIMENTO(...) POR TODO O SEU POTENCIAL CRIATIVO COMO UM CAMPO DE POSSIBILIDADES DO VIVER E DO CONHECER É QUE PODEMOS AFIRMAR, SEM MEDO DE INCORRER EM ERRO, QUE BRINCAR É COISA SÉRIA SANNY O DESENVOLVIMENTO INFANTIL E O BRINCAR

10 ´... É NO BRINCAR, E TALVEZ APENAS NO BRINCAR, QUE A CRIANÇA OU ADULTO FLUEM DE SUA LIBERDADE DE CRIAÇÃO. AS BRINCADEIRAS SEVEM DE ELO ENTRE, POR UM LADO, A RELAÇAO DO INDIVÍDUO COM A REALIDADE INTERIOR, E POR OUTRO LADO, A RELAÇÃO DO INDIVÍDUO COM A REALIDADE EXTERNA OU COMPARTILHADA WINNICOT

11 Através de uma brincadeira de criança, podemos compreender como ela vê e constrói o mundo – o que ela gostaria que ele fosse, quais suas preocupações e que problemas a estão assediando. Pela brincadeira ela expressa o que teria dificuldade em colocar em palavras. Nenhuma criança brinca só para passar o tempo, sua escolha é motivada pro processos íntimos, desejos, problemas, ansiedades. O que está acontecendo com a mente da criança determina suas atividades lúdicas; Brincar é sua linguagem secreta que devemos respeitar mesmo se não entendemos. Bruno Betteleim O DESENVOLVIMENTO INFANTIL E O BRINCAR

12 Pesquisadores de países como Brasil (Kishimoto, Canholato, Rubiano, Wajskop), França (Brougere), Canadá (Theriault) e Estados Unidos (Christie) têm demonstrado que as condições materiais e ambientais são componentes fundamentais para o desenvolvimento de uma educação infantil de qualidade. O DESENVOLVIMENTO INFANTIL E O BRINCAR

13 A organização da sala de aula e a presença de certos objetos e materiais educativos parecem influenciar direta ou simbolicamente seus usuários determinando, em parte, a maneira como os adultos e as crianças sentem, pensam e interagem neste espaço. O impacto dos materiais e sua organização no espaço, incide nas interações infantis como nas relações que se estabelecem entre crianças e adultos definindo formas diversas de socialização e apropriação de cultura. O DESENVOLVIMENTO INFANTIL E O BRINCAR

14 O brinquedo estimula a inteligência, porque faz com que as crianças solte sua imaginação e desenvolva a criatividade. Possibilita exercício de concentração, atenção e engajamento. Distrai, porque oferece uma saída para a tensão provocada pelo pressão do contexto adulto. O DESENVOLVIMENTO INFANTIL E O BRINCAR

15 O Brinquedo e as brincadeiras são excelentes oportunidades para nutrir a linguagem das criança. O contato com diferentes objetos e diferentes situações estimula também a linguagem interna e o aumento do vocabulário. O DESENVOLVIMENTO INFANTIL E O BRINCAR

16 ...a arquitetura e o cenário onde se desenvolvem o conjunto das relações pedagógicas, ampliando ou limitando as suas possibilidades é uma discussão importante em um projeto de escola que se propõe a levar em conta as dimensões sócio-culturais do processo educativo. Dayrell O DESENVOLVIMENTO INFANTIL E O BRINCAR

17 ... a mãe de Sócrates era parteira, e o próprio Sócrates, costumava comparar atividade que exercia com a de uma parteira. Não é parteira quem dá à luz ao bebê. Ela só fica por perto para ajudar durante o parto. Sócrates achava, portanto, que sua tarefa era ajudar as pessoas a parir uma opinião própria, mais acertada, pois o verdadeiro conhecimento tem de vir de dentro e não pode ser obtido espremendo-se os outros. Só o conhecimento que vem de dentro é capaz de revelar o verdadeiro discernimento. Jostein Gaarder O DESENVOLVIMENTO INFANTIL E O BRINCAR

18 Verdade A porta da verdade estava aberta, mas só deixava passar Meia pessoa de cada vez. Assim não era possível atingir toda a verdade, porque a meia pessoa que entrava só trazia o perfil de meia verdade. E sua segunda metade voltava igualmente com meio perfil E os meios perfis não coincidiam. O DESENVOLVIMENTO INFANTIL E O BRINCAR

19 Arrebentaram a porta. Derrubarram a porta. Chegaram ao lugar luminoso onde a verdade esplendia seus fogos. Era dividida em metades Diferentes uma das outra. Chegou-se a discutir qual a metade mais bela. Nenhuma das duas era totalmente bela. E carecia optar. Cada um optou conforme seu capricho, sua ilusão, sua miopia Carlos Drummond de Andrade


Carregar ppt "O DESENVOLVIMENTO INFANTIL E O BRINCAR Centro Universitário Fundação Santo André Pos-Graduação em Educação e Prática Docente Autoras: Adriana Flávia Kátia."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google