A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Os livros poéticos II – O livro de Provérbios O terceiro livro dos cinco livros poéticos da Bíblia (Um dos livros sapienciais da Palavra de Deus)

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Os livros poéticos II – O livro de Provérbios O terceiro livro dos cinco livros poéticos da Bíblia (Um dos livros sapienciais da Palavra de Deus)"— Transcrição da apresentação:

1 Os livros poéticos II – O livro de Provérbios O terceiro livro dos cinco livros poéticos da Bíblia (Um dos livros sapienciais da Palavra de Deus)

2 Introdução Quando se lê sobre a sabedoria de Salomão e de como ele a recebeu de Deus, só a podemos compreender no contexto daquela época, como algo que realmente proveio do Senhor, tal o volume de princípios, conceitos e expressões verbais que ele nos transmite através de seus provérbios.

3 Vejam o registro bíblico: 1Rs 4.29,31 Ora, Deus deu a Salomão sabedoria e muitíssimo entendimento, e conhecimentos múltiplos como a areia que está na praia do mar. A sabedoria de Salomão era maior do que a de todos... E a sua fama correu por todas as nações em redor.

4 Num dos capítulos de nossa leitura de hoje, vamos ler um exuberante texto sobre a criação do mundo, algo inigualável em outro trecho da Bíblia. Nos demais capítulos vamos conseguir ressaltar cerca de 40 provérbios que se referem às mais diversificadas situações do viver do ser humano, algo inédito para a época e até para hoje.

5 É interessante, no entanto, verificar que, como justificando a escolha que fez diante de Deus sobre o seu desejo principal, Salomão em seus escritos vai exaltar sempre a sabedoria (o conhecimento, a instrução), como algo primordial e fundamental para o viver do ser humano

6 Este será então o segundo livro dos chamados poéticos (II) que estudaremos neste 1T12, conforme podemos ver no Suplemento acima: o livro de Provérbios.

7 Os livros poéticos II O livro de Provérbios Estudo 08 O temor do Senhor é o princípio da sabedoria A exaltação ao saber Texto bíblico Provérbios 8 a 15 Texto áureo: Provérbios 9.10: O temor do Senhor é o princípio da sabedoria; e o conhecimento do Santo é o entendimento

8 O Senhor me criou como a primeira de suas obras [a sabedoria]... O princípio dos seus feitos mais antigos. Desde a eternidade fui constituída, desde o princípio, antes de existir a terra... Antes de haver abismos fui gerada, e antes ainda de haver fontes cheias de águas... Antes que os montes fossem firmados, antes dos outeiros eu nasci... Quando ele não tinha feito a terra com seus campos nem qualquer princípio do pó do mundo... Quando ele preparava os céus aí estava eu; quando traçava um círculo sobre a face do abismo; quando estabelecia o firmamento em cima; quando se firmavam as fontes dos abismos; quando ele fixava ao mar o seu término, para que as águas não traspassassem o seu mando; quando traçava os fundamentos da terra... Então eu estava ao seu lado como arquiteto... Achando as minhas delícias com os filhos dos homens." Vejam que texto magnífico (Pv ) Isto é Gênesis 1 e 2 em linguagem poética

9 O elogio à sabedoria (Pv ) A sabedoria já edificou a sua casa, já lavrou as suas sete colunas, já imolou as suas vítimas, misturou o seu vinho, e preparou a sua mesa. Já enviou as suas criadas a clamar sobre as alturas da cidade, dizendo: Quem é simples volte-se para cá... Deixai a insensatez e vivei... E andai pelo caminho do entendimento... Instrui ao sábio e ele se fará mais sábio ainda... Ensina ao justo e ele crescerá em entendimento... O temor do Senhor é o princípio da sabedoria; o conhecimento do santo é o entendimento... Porque por mim se multiplicam os teus dias e anos de vida se te acrescentarão.

10 Uma concisa enciclopédia (Provérbios 10) 1.Sobre os relacionamentos do ser humano: Um filho sábio alegra o seu pai... mas um filho insensato é a tristeza de sua mãe 2. Sobre a solidariedade e a justiça: A impiedade para nada aproveita... mas a justiça livra da morte". 3. Sobre o valor do trabalho: "O que trabalha com mão remissa [sem disposição] empobrece... mas a mão do diligente enriquece 4. Sobre a importância da poupança: "O que ajunta no verão é filho prudente... mas o que dorme na sega é filho que envergonha 5. Sobre a graça de Deus para o crente: "Bênçãos caem sobre a cabeça dos justos... porém a boca dos ímpios esconde a violência. 6. Sobre a dignidade no viver: Quem anda em integridade anda seguro... mas o que perverte os seus caminhos será conhecido 7. Sobre a luta do bem contra o mal: O ódio excita contendas... mas o amor cobre todas as transgressões 8. E finalmente uma pérola para o viver: "A bênção do Senhor é que enriquece... e ele não a faz seguir de dor alguma."

11 Ensinamentos diversos (Provérbios 11) 1. Sobre a correção nos negócios: "A balança enganosa é abominação para o Senhor... mas o peso justo é o seu prazer 2. Sobre o orgulho fátuo: "Quando vem a soberba, então vem a desonra... mas com os humildes está a sabedoria" 3. Sobre a recompensa para o crente: "O justo é libertado na angústia... e o ímpio fica em seu lugar 4. Sobre a diferença entre o bom e o mau: "Quando o justo prospera exulta a cidade... quando perece o ímpio há júbilo 5. Sobre a discrição no falar: "O que anda mexericando revela segredos... mas o fiel de espírito encobre o negócio 6. Sobre a liderança eficaz: "Quando não há sábia direção o povo cai... mas na multidão de conselheiros há segurança". 7. Sobre o resultado da bondade: "O homem bondoso faz bem à sua própria alma... mas o cruel faz mal a si mesmo 8. Sobre a fidelidade nos negócios: "Quem é fiel na retidão encaminha para a vida... e aquele que segue o mal encontra a morte 9. Sobre ser agradável a Deus: "Abominação para o Senhor são os perversos de coração... mas os que são perfeitos em seu caminho são o seu deleite 10. Sobre a liberalidade: "Um dá liberalmente, e se torna mais rico... outro retém mais do que é justo, e se empobrece"

12 Um breviário para o viver (Pv. 12) 1. Sobre o valor da disciplina na vida: "O que ama a correção ama o conhecimento... mas o que aborrece a repreensão é insensato" 2. Sobre a esposa previdente: "A mulher virtuosa é a coroa do seu marido... porém a que procede vergonhosamente é como o apodrecimento nos seus ossos 3. Sobre o cuidado com o pensar: "Os pensamentos dos justos são retos...mas os conselhos do ímpio são falsos 4. Sobre o benefício da sabedoria: "Segundo o seu entendimento é louvado o homem... mas o perverso de coração é desprezado 5. Sobre o trabalhar com as próprias mãos: "O que lavra a sua terra se fartará de pão... mas o que segue os ociosos é falto de entendimento 6. Sobre a recompensa do falar e agir retamente: "Do fruto de suas palavras o homem se farta de bem; e das obras de sua mão se lhe retribui 7. Sobre o testemunho verdadeiro: "Quem fala a verdade manifesta a justiça... porém a testemunha falsa produz a fraude 8. Sobre a vontade primeira de Deus: "Nenhuma desgraça sobrevém ao justo... mas os ímpios ficam cheios de males 9. Sobre a modéstia no homem sábio: "O homem prudente encobre o conhecimento... mas o coração dos tolos proclama a estultícia"

13 Um manual para o dia-a-dia (Pv 13) 1.Sobre o valor da obediência filial: "O filho sábio ouve a instrução do pai... mas o escarnecedor não escuta a repreensão" 2. Sobre a discrição pessoal no falar: "O que guarda a sua boca preserva a sua vida... Mas o que muito abre os seus lábios traz sobre si a ruína. 3. Sobre a dedicação ao trabalho e o progresso: "O preguiçoso deseja e coisa nenhuma alcança... mas o desejo do diligente será satifeito 4. Sobre a bênção de andar na retidão: "A justiça guarda o que é reto no seu caminho... mas a perversidade transtorna o pecador; 5. Sobre a alegria daquele que anda retamente: "A luz dos justos alegra;... porém a lâmpada dos ímpios se apagará 6. Sobre como olhar o futuro: "A esperança adiada entristece o coração... mas o desejo cumprido é árvore de vida 7. Sobre o cuidado com a lei do Senhor: "O que despreza a palavra traz sobre si a destruição... mas o que teme o mandamento será galardoado 8. Sobre a bênção da prudência na vida: "Em tudo o homem prudente procede com conhecimento... mas o tolo espraia a sua insensatez 9. Sobre as boas companhias: "Quem anda com os sábios, será sábio... mas o companheiro dos tolos sofre afliçã o.

14 Conselhos práticos para o viver (Pv. 14) 1. Sobre o bom caráter: Quem anda na sua retidão, teme ao Senhor Sobre falar a verdade: A testemunha verdadeira não mentirá Sobre a busca do bom senso: Para o prudente o conhecimento é fácil Sobre a distância do pecador: Vai-te da presença do homem insensato Sobre como viver: A sabedoria do prudente é entender o seu caminho... 6.Sobre evitar a raiva: Quem facilmente se ira, fará doidices... 7.Sobre o fruto do trabalho: Em todo trabalho há proveito Sobre o bem viver: O temor do Senhor é uma fonte de vida.. 9. Sobre paz interior: O coração tranqüilo é a vida da carne Enfim, No coração do prudente repousa a sabedoria.

15 Uma sublime sabedoria (Pv. 15) 1. " Os caminhos do homem são limpos aos seus olhos...- mas nem sempre aos olhos de Deus! 2.Os olhos do Senhor estão em todo lugar... - sua onipresença me vê sempre aqui e ali, 3."O coração alegre aformoseia o rosto... - e, assim, eu e você podemos levar bênção, alegria e paz aos que estão ao redor! 4."O coração do inteligente busca o conhecimento... - será que eu e você estamos buscando este conhecimento? 5."Melhor é o pouco com o Senhor... - ou nós estamos sempre querendo mais e mais e com isto nos estressando e afastando de Deus? 6."O filho sábio alegra o seu pai... - Será que eu e você estamos alegrando os nossos pais, nossos cônjuges, nossos filhos, irmãos, amigos? 7."Onde não há conselho, frustram-se os projetos... - Será que nós estamos procurando planejar com cuidado e oração o nosso viver? 8.O coração do justo medita no que há de responder... - Será que estamos sendo comedidos no falar, para não magoar, irritar, afastar? 9.A luz dos olhos alegra o coração... - Será que eu e você como crentes, transmitimos aos que estão ao redor a alegria de nosso coração pelo olhar?

16 CONCLUSÃO O melhor exercício que podemos fazer para a nossa vida cristã, ao lermos um livro como este, será sempre o de nos indagar intimamente, se estamos vivendo ou não segundo tais conceitos. Leia versículo a versículo, pare um pouco e feche os olhos. Indague-se então: Isto está acontecendo comigo? Isto chama-se reflexão! E é a isto que nos convida o livro de Provérbios!!!


Carregar ppt "Os livros poéticos II – O livro de Provérbios O terceiro livro dos cinco livros poéticos da Bíblia (Um dos livros sapienciais da Palavra de Deus)"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google