A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

oÉ uma forma racional de comer que assegura variedade, equilíbrio e quantidade justa de alimentação, escolhidos pela sua qualidade nutricional e higiénicas,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "oÉ uma forma racional de comer que assegura variedade, equilíbrio e quantidade justa de alimentação, escolhidos pela sua qualidade nutricional e higiénicas,"— Transcrição da apresentação:

1

2 oÉ uma forma racional de comer que assegura variedade, equilíbrio e quantidade justa de alimentação, escolhidos pela sua qualidade nutricional e higiénicas, submetidos a benéficas manipulações culinárias. (DGS)

3 VARIADA: VARIADA: comer alimentos diferentes dentro de cada grupo variando diariamente, semanalmente, e nas diferentes épocas do ano.

4 EQUILIBRADA: EQUILIBRADA: comer maior quantidade de alimentos pertencentes aos grupos de maior dimensão e menor quantidade dos que se encontram nos grupos de menor dimensão, de forma a ingerir o número de porções recomendados.

5 COMPLETA: COMPLETA: comer alimentos de cada grupo e beber água diariamente.

6 Bem estar do indivíduo; Aumentar as defesas; Bom desenvolvimento ao longo de toda a vida; Prolongar a longevidade; Dar prazer.

7 oOs Alimentos e a Água são as condições essenciais para nos mantermos vivos; oOs constituintes dos alimentos designam-se nutrientes; oA alimentação dos jovens deve assegurar o crescimento e desenvolvimento.

8 Hidratos de Carbono Proteínas Fibras Vitaminas Água Gorduras Sais Minerais

9 oPlástica ou Construtora – São importantes para a construção do organismo, como os nossos ossos, pele e músculos; (Proteínas)

10 oEnergética – Fornecem energia para as actividades do dia- a-dia; Hidratos de Carbono e Gorduras

11 oReguladora – São necessários ao bom funcionamento do organismo, auxiliando na prevenção de doenças e no crescimento. (Vitaminas e Sais Minerais)

12 oDe Origem Animal: oLacticínios; oCarne, aves, peixe, ovos, marisco.

13 oDe Origem Vegetal: oLeguminosas; oCereais e frutos secos.

14 oCereais; oPão; oMassas; oBatatas; oAçúcar; oMel.

15 oManteiga; oÓleo; oAzeite.

16 oCálcio; oFósforo; oSódio; oFerro; oPotássio.

17 Vitamina A Vitamina do complexo B Vitamina C Vitamina D Vitamina E Vitamina K

18 oPão; oFruta com casca; oVegetais crus; oLeguminosas; oCereais.

19 oÉ essencial para a nossa sobrevivência; oÉ o nutriente necessário em maior quantidade; oHidrata o nosso corpo; oO corpo perde água através do suor, urina e fezes; o1/3 da ingestão diária de água provém de alimentos que comemos; oDeve-se beber um 1.5 L de água por dia.

20 Grupo I Grupo II Grupo III Grupo IV Grupo V Grupo VI Grupo VII

21 Principal fonte de Hidratos de Carbono

22 Fornecedores de Fibras, Vitaminas e Minerais

23 Ricos em Proteínas, Cálcio e Fósforo

24 Ricos em Proteínas, Vitaminas e Sais Minerais

25 Ricas em Hidratos de Carbono, Sais Minerais, Vitaminas e Fibras

26 Fornecem Gordura e algumas Vitaminas

27 oAntes de comer as mãos vou lavar oE depois de comer os dentes vou lavar…

28

29 Tomar sempre o pequeno-almoço Iniciar o dia com um pequeno-almoço completo, equilibrado e saudável: Leite ou seus derivados, Pão Cereais integrais Fruta fresca

30 Começar o dia sem tomar o pequeno almoço pode causar: -Hipoglicemias matinais (falta de açúcar no sangue), podendo mesmo desmaiar; -Falta de atenção nas aulas; -Diminuição do rendimento intelectual na escola e no trabalho.

31 Evitar estar mais de 3 horas sem comer  Pequeno-almoço  Lanche da manhã  Almoço  Lanche da tarde  Jantar  Ceia O ideal é fazer 6 refeições:

32 Saltar alguma refeição provoca aumento do apetite que leva a comer demais na refeição seguinte.

33 Diminuir o consumo de sal Não adicionar sal à comida; Evitar comer alimentos muito salgados.

34 O elevado consumo de sal é responsável por doenças como: - A hipertensão arterial; - O cancro do estômago; - Doenças cardiovasculares.

35 Evitar ingerir açúcar e produtos açucarados Evitar consumir produtos ricos em açúcar (ex.: bolos, chocolates, gelados, rebuçados, mel, gomas, refrigerantes); Estes alimentos só devem ser consumidos ocasionalmente e de preferência após uma refeição.

36 O elevado consumo de açúcar pode contribuir para:  Obesidade  Diabetes  Doenças cardiovasculares  Cárie dentária

37 Consumir de preferência peixe e carnes magras

38 Aumentar o consumo de hortaliças e legumes Iniciar sempre o almoço e o jantar com uma sopa rica em hortaliças e legumes; No prato principal, acompanhar sempre com saladas e legumes.

39 Reduzir o consumo de gordura - Diminuir o consumo de alimentos com elevado teor de gordura; (ex.: manteiga, salsichas, natas, maionese) - Evitar o consumo de alimentos fritos, pois estes contêm grandes quantidades de gordura; - Utilizar o azeite, em relação às outras gorduras, para temperar os pratos..

40 Ingerir muitas gorduras provoca:  obesidade  alguns tipos de cancro  doenças do coração

41 Beber água em abundância ao longo do dia

42 Praticar regularmente exercício físico Para além de terem uma alimentação saudável, é muito importante fazerem exercício físico. A actividade física é importante porque ajuda: - a regular o apetite; - a dormir; - a trabalhar melhor; - na formação óssea.


Carregar ppt "oÉ uma forma racional de comer que assegura variedade, equilíbrio e quantidade justa de alimentação, escolhidos pela sua qualidade nutricional e higiénicas,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google