A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CIn- UFPE 1 Redação Científica Conteúdo do módulo: Estratégias de leitura/compreensão de texto Pesquisa Científica e Pesquisa bibliográfica Normas técnicas.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CIn- UFPE 1 Redação Científica Conteúdo do módulo: Estratégias de leitura/compreensão de texto Pesquisa Científica e Pesquisa bibliográfica Normas técnicas."— Transcrição da apresentação:

1 CIn- UFPE 1 Redação Científica Conteúdo do módulo: Estratégias de leitura/compreensão de texto Pesquisa Científica e Pesquisa bibliográfica Normas técnicas para elaboração de referências bibliográficas Tipos de texto científico Normas para publicações científicas Aulas baseadas no livro Redação Científica: a prática de fichamentos, resumos, resenhas

2 CIn- UFPE 2 Plano da aula de hoje Pesquisa Científica conceitos principais Pesquisa Bibliográfica Tipos de documentação Fichamento Bibliotecas Convencionais e Digitais

3 CIn- UFPE 3 Pesquisa Científica Objetivo principal Contribuir para a evolução do conhecimento humano em todos os setores Deve seguir normas metodológicas consagradas pela Ciência Deve ser sistematicamente planejada Executada de acordo com critérios rigorosos de processamento das informações Técnicas especializadas de verificação, interpretação e inferência da realidade

4 CIn- UFPE 4 Pesquisa Científica Classificações Considerando a classificação das Ciências, temos Pesquisa Lógica (formal) e Pesquisa Empírica (factual) Considerando o objeto da pesquisa, temos Pesquisa de campo –Ciências sociais Pesquisa de laboratório –Experimental Pesquisa bibliográfica –Baseada em textos Considerando o objetivo, temos pesquisa Exploratória, Descritiva e Explicativa

5 CIn- UFPE 5 Pesquisa Científica considerando o objetivo Pesquisa Exploratória Estabelece critérios, métodos e técnicas para elaboração de uma pesquisa Objetivo: –Oferecer informações sobre o objeto da pesquisa –Orientar a formulação de hipóteses Pesquisa Descritiva Registra, analisa e interpreta fatos do mundo físico sem a interferência do pesquisador –E.g., Pesquisa mercadológica e de opinião Pesquisa Explicativa Registra, analisa e interpreta fatos identificando suas causas

6 CIn- UFPE 6 Pesquisa Científica: Fases Planejamento, execução e apresentação dos resultados 1.Estabelecimento do problema Escolha do assunto, formulação do problema, revisão bibliográfica sobre o problema a ser resolvido/investigado 2.Organização da pesquisa Formulação de hipóteses, descrição do método empregado, definição do corpus (dados da pesquisa) 3.Execução da pesquisa de campo Estabelecimento do plano de trabalho, coleta de dados, análise dos resultados obtidos 4.Redação dos resultados Redação preliminar, revisão gramatical e de conteúdo, redação final, bibliografia

7 CIn- UFPE 7 Pesquisa Científica Fase 1: Estabelecimento do problema 1.1 Escolha do assunto Selecionar o tema Delimitar a extensão da pesquisa em termos de –Tempo e Abrangência 1.2 Formulação do problema – depende do tipo… Descritivo Explicativo 1.3 Pesquisa Bibliográfica Identificação do material, Seleção, Compilação, Fichamento, Redação da Revisão Bibliográfica, Redação do Plano da Pesquisa a ser realizada

8 CIn- UFPE Escolha do assunto Selecionar o tema relacionado ao seu trabalho de mestrado/doutorado/IC Delimitar a extensão da pesquisa em termos de Duração (tempo) Abrangência: definir termos e conceitos a pesquisar

9 CIn- UFPE Formulação do problema Problema Descritivo Quais as propriedades e quais as características do assunto? Ex.: revisões bibliográficas, surveys... Problema Explicativo Como o problema será tratado? Por dedução ou por indução? Como se procederá à análise dos fatos? Como se fará a demonstração?

10 CIn- UFPE Pesquisa Bibliográfica É o levantamento da bibliografia (documentos) referente ao tema de pesquisa escolhido –Na Web, em bibliotecas digitais ou convencionais –Livrarias, Universidades, Hospitais, Museus,… –Nas referências bibliográficas de livros e artigos consultados É um passo decisivo em qualquer pesquisa científica Elimina a possibilidade de se perder tempo investigando o que já foi solucionado!

11 CIn- UFPE 11 Tipos de Documentos: Uma classificação Documentação Direta: Documentos que ainda não foram utilizados como base de pesquisas científicas –Encontrados em museus, arquivos públicos, escolas, instituições religiosas, filmotecas, videotecas, correspondências, coleções de fotografias, etc Pode ser obtida também pela observação direta intensiva –E.g., entrevistas, pesquisas de campo ou de laboratório Documentação Indireta: obtida pela pesquisa bibliográfica baseia-se em documentos pré-existentes

12 CIn- UFPE 12 Tipos de Informação encontrada nos Documentos Textos primários: texto original, baseado em resultados novos de pesquisas ou fruto da criação do autor –E.g., livros, jornais, periódicos, relatórios, dissertações, artigos Textos secundários: Apresentam repetição de informação, material de segunda mão –E.g., listas bibliográficas, resumos, traduções, obras de referência (dicionários, enciclopédias, …) Textos terciários Estudos recapitulativos

13 CIn- UFPE 13 Pesquisa Bibliográfica: Etapas 1. Identificação: Onde posso encontrar material do meu interesse? –Livrarias, Bibliotecas,Web, Universidades, Hospitais, Museus,… –Nas referências bibliográficas de livros e artigos 2. Seleção: Como selecionar o material que encontrei? –Por título, autor, edição, prefácio, resumo, índice, bibliografia… –Os documentos selecionados devem ser confiáveis –Coletados de fontes reconhecidamente aceitas 3. Compilação: Obtenção e reunião do material desejado 4. Fichamento: Transcrição dos dados de interesse em fichas, para posterior consulta e referência.

14 CIn- UFPE 14 Pesquisa Bibliográfica: Etapas (cont.) 5. Redação da Revisão Bibliográfica Análise e interpretação do que foi lido, resultando em um texto/resumo 6. Redação do Plano da Pesquisa a ser realizada (quando for o caso...) Introdução –Formulação do tema, sua importância, justificativa da pesquisa, metodologia a ser empregada Desenvolvimento –Fundamentação lógica do trabalho, explicação do tema, discussão, demonstração –Deve ser dividido em seções/subseções Conclusão –Síntese do que foi apresentado

15 CIn- UFPE 15 Pesquisa Bibliográfica: Etapas (cont.) 1. Identificação 2. Seleção 3. Compilação 4. Fichamento 5. Redação da Revisão Bibliográfica 6. Redação do Plano da Pesquisa a ser realizada (ou de um artigo científico)

16 CIn- UFPE 16 O que é Fichamento? Fichas de leitura Registram o levantamento bibliográfico realizado pelo leitor Podem estar em papel ou digitalizadas O tempo inicial é longo, mas o ganho futuro é grande –As fichas auxiliam nos estudos e na redação do trabalho final Exemplo A seguir…

17 CIn- UFPE 17 Exemplo de ficha Título genérico: A evolução dos computadores Título específico: O S.O. MS Windows Referência Bibliográfica: SMITH, John E. Introdução a MS Windows. 1a ed. São Paulo: Editora Royal, P Texto Local onde está a obra: Biblioteca do IMECC/UNICAMP Plano de trabalho: 1.2 N. ficha: A

18 CIn- UFPE 18 Fichamento Tipos de fichas De leitura Temáticas –Separadas por tema Por autor De citações –Contendo apenas citações De trabalho –Sugestões, ligações entre as idéias, … Bibliográficas –Contêm apenas as informações bibliográficas necessárias para se localizar um livro

19 CIn- UFPE 19 Fichamento Fichas de Leitura Registram informações bibliográficas completas, anotações sobre tópicos da obra, resumo do texto lido e comentários O corpo da ficha pode conter –Citações diretas (transcrições) –Resumo do texto –Informações sobre o autor –Comentários apreciativos O conteúdo da ficha pode ser indicado no seu cabeçalho

20 CIn- UFPE 20 Fichas de leitura: Fichamento de transcrição Atenção: Essas fichas obedecem as mesmas normas utilizadas para fazermos citação direta (transcrição) de textos de outros autores dentro de textos de nossa autoria Normas gerais: A citação deve vir entre aspas Traz a reprodução fiel do texto do autor citado

21 CIn- UFPE 21 Fichas de leitura: Fichamento de transcrição Normas gerais - continuação: Se já houver um trecho entre aspas no texto sendo transcrito, essas aspas transformam-se em aspas simples, exemplo: Lembremos a recomendação de Bacon ao leitor: Leia, não para contradizer ou refutar, nem para acreditar ou aceitar como verdade indiscutível, nem para ter assunto para conversa e discurso, mas para pensar e considerar (Adler & Doren, 1990:117) Deve-se indicar o número da página de onde o texto foi copiado –Nas citações, deve-se também incluir o nome do autor e o ano de publicação da obra –Isso aparece no cabeçalho das fichas…

22 CIn- UFPE 22 Fichas de leitura: Fichamento de transcrição Normas gerais – continuação: Se for necessário suprimir palavras do texto original, isso deve ser indicado com três pontos entre parênteses, e.g., Lembremos a recomendação de Bacon ao leitor: Leia, não para contradizer ou refutar, (…) nem para ter assunto para conversa e discurso, mas para pensar e considerar (Adler & Doren, 1990:117) A supressão de parágrafos intermediários é indicada por uma linha pontilhada. Não se deve alterar o texto original sendo citado –Respeitar aspas, letras maiúsculas, pontuação, itálico, etc

23 CIn- UFPE 23 Fichas de leitura: Fichamento de transcrição Normas gerais – continuação: No trabalho científico –As citações com até duas linhas podem ser incluídas no parágrafo em que é feita a referência ao autor –Citações com mais de 2 linhas devem vir em parágrafo próprio, com recuo (exemplo anterior)

24 CIn- UFPE 24 Fichas de leitura: Fichamento de Resumo Resumo Condensação do texto –Deve apresentar todo o pensamento exposto no texto, não apenas um fragmento Engloba duas fases –Compreensão do texto –Técnicas de leitura já apresentadas –Elaboração de um novo texto Ver aula passada –Anotações resumidas!

25 CIn- UFPE 25 Fichas de leitura: Fichamento de Comentário Comentários analisam o texto sob aspectos Quantitativos –Tamanho do texto (n. de páginas) –Sua constituição (exemplos, figuras, bibliografia) –Conceitos abordados Qualitativos –Detecção e análise da hipótese do autor –Objetivos do texto –Idéias que fundamentam o texto –Avaliação da obra –Verificar se: –A organização do texto é clara e consistente –A exposição das idéias é formal ou informal –A terminologia é precisa –Se há pontos fracos na argumentação –A conclusão é convincente

26 CIn- UFPE 26 Fichas de leitura: Fichamento Informatizado Vantagens: Não há limite de linhas na ficha É possível/fácil copiar textos (para fazer citações) É possível consultar dicionários on-line Facilita a troca de informação

27 CIn- UFPE 27 Bibliotecas Podem ser Especializadas (IMECC) ou Gerais (Biblioteca Central) Convencionais ou Digitais Guardam um acervo bibliográfico conjunto de obras que formam o patrimônio de uma biblioteca –Livros, periódicos, mapas, fitas de vídeo, CD-Roms, entre outros As obras são classificadas e depois registradas no catálogo (espécie de índice) da biblioteca –O acervo deve ser catalogado, a fim de possibilitar a localização e a rápida obtenção das obras desejadas

28 CIn- UFPE 28 Bibliotecas: Classificação das obras Cada obra é classificada segundo seu conteúdo Existem dois sistemas para classificação das obras de uma biblioteca Sistema Melvil Dewey (Classificação Decimal de Dewey – CDD) Sistema de Classificação Decimal Universal (CDU) Ambos são decimais –As obras são distribuídas em 10 classes –E.g., matemática, história, etc.

29 CIn- UFPE 29 Bibliotecas: Catálogos Catálogos: São índices para as obras disponíveis na Biblioteca Podem ser manuais ou digitalizados Bibliotecas convencionais: Catálogos manuais –Utilizam fichas de papelão como índices –As fichas contêm –Número de classificação da obra em CDD ou CDU, título, autor (sobrenome, nome), editora, ano da edição, número de páginas Catálogos digitalizados –Índice digital para acervo em papel –Normalmente, são armazenados em um banco de dados –Possibilitam busca automática por: –Palavras-chaves no título, assunto, autor, tipo de publicação editora, ano, …

30 CIn- UFPE 30 Bibliotecas: Catálogos Bibliotecas Digitais: O acervo está digitalizado também! –Normalmente, o acesso é feito via um browser na Web –Com ou sem password (pagamento ) O Catálogo –Pode ser construído manualmente ou (semi)automaticamente –Possibilita busca automática por: –Palavras-chaves no título, assunto, autor, tipo de publicação editora, ano, … Alguns sistemas permitem busca por palavras no texto ou por partes do texto –Semelhantes ao Engenhos de Busca na Web (e.g., Google)

31 CIn- UFPE 31 Tarefa 1 - Pesquisa Científica Fase 1: Estabelecimento do problema 1.1 Escolha do assunto Selecionar um tema relativo ao trabalho de vocês Delimitar o tempo e a abrangência da pesquisa 1.2 Formulação do problema Descritivo (survey) ou Explicativo (trabalho experimental)? 1.3 Pesquisa Bibliográfica Identificação do material, Seleção, Compilação –produzir lista de referências bibliográficas relacionadas ao tema escolhido obedecendo uma norma –a lista deve conter de 10 a 20 itens Fichamento, redação da revisão bibliográfica e do plano de pesquisa – depois...

32 CIn- UFPE 32 Tarefa 2 - Pesquisa Científica Fase 1: Estabelecimento do problema 1.3 Pesquisa Bibliográfica Identificação do material, Seleção, Compilação - OK Fichamento –produzir fichas de leitura para 3 ou 4 artigos selecionados na tarefa anterior –prazo de entrega: 15 dias Redação da revisão bibliográfica e do plano de pesquisa – depois...


Carregar ppt "CIn- UFPE 1 Redação Científica Conteúdo do módulo: Estratégias de leitura/compreensão de texto Pesquisa Científica e Pesquisa bibliográfica Normas técnicas."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google