A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Ciências. Aula 01 Astronomia. Ciências. Aula 01 Astronomia Em termos científicos, não existe uma verdade absoluta. Como demonstrou o filósofo Karl Popper.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Ciências. Aula 01 Astronomia. Ciências. Aula 01 Astronomia Em termos científicos, não existe uma verdade absoluta. Como demonstrou o filósofo Karl Popper."— Transcrição da apresentação:

1 Ciências. Aula 01 Astronomia

2 Ciências. Aula 01 Astronomia Em termos científicos, não existe uma verdade absoluta. Como demonstrou o filósofo Karl Popper ( ) Plutão era um planeta, mas...

3 Ciências. Aula 01 Segunda Divisão Astrônomos reduzem total de planetas para oito. Astronomia Em agosto de 2006 Plutão foi reduzido a planeta-anão pela União Astronômica Internacional (IAU). Mas por quê?

4 Ciências. Aula 01 Astronomia Origem do nome Plutão Nome sugerido por uma garotinha, através de concurso e como nada ocorre por acaso, Plutão na mitologia romana, é o nome do deus do mundo subterrâneo e de tudo o que está oculto. Plutão é o nome latino para Hades, o senhor dos infernos na mitologia grega. Representa o local para onde se dirigiam e permaneciam as almas de todos os mortais. Na mitologia, os infernos ficavam numa ilha do Ocidente onde era frio e a noite imperava eternamente. Plutão estava tão longe do Sol que sugeriu ser o inferno da mitologia.

5 Ciências. Aula 01 Período de ascensão de Plutão Descoberta: Astronomia Descoberto, pelo jovem Clyde Tombaugh de 24 anos, em fevereiro de 1930 após exaustivas buscas pelo Sistema Solar. Logo denominado de planeta Plutão. Mas por que Plutão recebeu o título de planeta?

6 Ciências. Aula 01 Astronomia Plutão recebeu o título de planeta por vários motivos, entre eles: Não existia, ainda, um conceito formado para planeta pela comunidade astronômica. Plutão indicava tratar-se de um objeto com órbita independente ao redor do Sol. Em algumas respeitáveis publicações indicavam que Plutão seria do mesmo tamanho da Terra. Período de ascensão de Plutão Título de Planeta:

7 Ciências. Aula 01 Astronomia Plutão não é tão grande quanto se pensava. A caminho da Segundona Controvérsias: Os astrônomos, muitas vezes, utilizam a quantidade de luz que um corpo reflete para definir o seu tamanho. Como Plutão é coberto de gelo, ele reflete muita luz, e pareceu ser bem maior. Plutão tem apenas 0,2% da massa da Terra.

8 Ciências. Aula 01 Comparação das dimensões de Plutão e seu satélite, Caronte, com o território norte-americano. Astronomia

9 Ciências. Aula 01 Astronomia Outro ponto é que há muita matéria disponível ao redor de Plutão. Sugerindo que a sua ação gravitacional não é suficientemente forte para agregar a matéria dispersa em sua órbita. A caminho da Segundona Controvérsias:

10 Ciências. Aula 01 Astronomia A queda... O termo planeta nunca teve, até 26 de agosto de 2006, uma definição cientificamente estabelecida, gerando várias discussões e polêmicas. Ao estabelecer a definição de planeta seguindo as características físicas necessárias para que um astro corresponda a essa condição, a IAU acaba com as polêmicas e elimina Plutão da lista de planetas do Sistema Solar.

11 Ciências. Aula 01 Astronomia Conceito de PLANETA segundo a IAU Depois de uma longa discussão e várias alterações à proposta inicialmente apresentada, o aprovado define como planeta do Sistema Solar o corpo celeste que: orbite em torno do Sol; tenha massa suficiente para que a sua própria gravidade lhe confira uma forma esférica; tenha limpo da sua órbita qualquer outro objeto.

12 Ciências. Aula 01 O novo Sistema Solar Astronomia O Sistema Solar passa assim a ter 8 planetas: Mercúrio, Vênus, Terra, Marte, Júpiter, Saturno, Urano e Netuno.

13 Ciências. Aula 01 Enfim, o que é Plutão? Astronomia Em 2006, também foi igualmente aprovada pela IAU a criação de uma nova de categoria de planetas, à qual Plutão se encaixa: a de planetas-anões. Um planeta anão do Sistema Solar será um corpo celeste que: orbite em torno do Sol; tenha massa suficiente para que a sua própria gravidade lhe confira uma forma esférica; não tenha uma órbita limpa sem outros objetos na sua vizinhança; não seja um satélite.

14 Ciências. Aula 01 Controvérsias nas definições Astronomia Michael Brown, astrônomo do Instituto de Tecnologia da Califórnia, explicou em palestra no encontro anual da AAAS (Associação Americana para o Avanço da Ciência) como fez em 2003 para descobrir Eris, asteróide maior que Plutão e que foi um dos estopins para o debate que culminou no rebaixamento de Plutão a "planeta-anão". Termo estúpido, segundo Brown. Para Brown, tirar Plutão da lista foi uma decisão perfeitamente sensata, mas o termo usado para defini-lo foi infeliz.

15 Ciências. Aula 01 Astronomia Segundo Brown planeta-anão é um termo bem estúpido". "Não dá para chamar algo de coisa-anã, se esse algo não é uma coisa (no caso, um planeta). Durante vários anos usamos, não oficialmente, a expressão "planetóide", que é mais adequada, pois significa algo que "parece" um planeta. Como podemos observar a definição de planeta está longe de agradar a todos, mas é assim que se faz Ciência: questionando e investigando. Controvérsias nas definições

16 Ciências. Aula 01 Astronomia Brown ainda posiciona-se dizendo ser desnecessária uma definição científica para planeta para seu uso cultural. A partir de agora, o assunto poderá ser tratado como a geografia trata dos continentes, diz, já que não há um limite de tamanho estabelecido para uma ilha passar a ser chamada de continente. Controvérsias nas definições

17 Ciências. Aula 01 Curiosidades sobre Plutão Astronomia 1.Visto de Plutão, o Sol não passa de uma estrela brilhante. Um dia ensolarado nesse mundo nada mais é que uma noite pálida de luar em Plutão. 2.Estima-se que a temperatura na superfície de Plutão atinja os inconcebíveis - 230°C. Frio o bastante para que sua própria atmosfera congele. 3.A rotação de Plutão demora 6,4 dias terrestres e a translação 248 anos. 4.A gravidade é de 0,4 m/s 2 enquanto na Terra é de 9,8 m/s 2.

18 Ciências. Aula 01 Astronomia Conclusões: 1.Após a reunião da União Astronômica Internacional (IAU) em 2006, Plutão não mais pertence ao Sistema Solar. 2.A IAU formulou um conceito de planeta no qual Plutão não se encaixa. 3.Plutão passou a pertencer a um novo grupo de astros denominado: planetas-anões.

19


Carregar ppt "Ciências. Aula 01 Astronomia. Ciências. Aula 01 Astronomia Em termos científicos, não existe uma verdade absoluta. Como demonstrou o filósofo Karl Popper."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google