A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

QUALIFICAÇÃO DE ONG COMO OSCIP MOTIVOS E DESAFIOS VMC CONSULTORIA

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "QUALIFICAÇÃO DE ONG COMO OSCIP MOTIVOS E DESAFIOS VMC CONSULTORIA"— Transcrição da apresentação:

1 QUALIFICAÇÃO DE ONG COMO OSCIP MOTIVOS E DESAFIOS VMC CONSULTORIA

2 DO LIMBO À LEGALIDADE Vantagens do Título de OSCIP Reconhece uma entidade de novo tipo. Reconhece uma entidade de novo tipo. Implanta um processo simples de obtenção do título. Implanta um processo simples de obtenção do título. Institui o Termo de Parceria. Institui o Termo de Parceria. Possibilita a remuneração dos Dirigentes. Possibilita a remuneração dos Dirigentes. Exige transparencia – acesso público irrestrito. Exige transparencia – acesso público irrestrito.

3 DO LIMBO À LEGALIDADE Vantagens do Título de OSCIP Consagra o microcrédito como uma prática de motivação social. Consagra o microcrédito como uma prática de motivação social. A experimentação, não lucrativa, de novos modelos sócio-produtivos e de sistemas alternativos de produção, comércio, emprego e crédito. Art. 3o. Inciso IX. A experimentação, não lucrativa, de novos modelos sócio-produtivos e de sistemas alternativos de produção, comércio, emprego e crédito. Art. 3o. Inciso IX. Exige maior consciência e compromisso dos Conselhos. Exige maior consciência e compromisso dos Conselhos.

4 UM CAMINHO A PERCORRER A microfinança é reconhecida hoje, como instrumento de combate à pobreza, e de integração social. A microfinança é reconhecida hoje, como instrumento de combate à pobreza, e de integração social. No Brasil, não haverá superação da pobreza, sem apoio amplo e integral aos pequenos empreendimentos, do qual a microfinança faz parte. No Brasil, não haverá superação da pobreza, sem apoio amplo e integral aos pequenos empreendimentos, do qual a microfinança faz parte. Esse caráter, estabelece um vínculo imediato aos direitos pétreos e fundamentais da Constituição brasileira, o que exige: Esse caráter, estabelece um vínculo imediato aos direitos pétreos e fundamentais da Constituição brasileira, o que exige:

5 UM CAMINHO A PERCORRER O estabelecimento de políticas públicas integradas voltadas para o desenvolvimento da economia popular, que contemple os cinco acessos: O estabelecimento de políticas públicas integradas voltadas para o desenvolvimento da economia popular, que contemple os cinco acessos: a crédito a crédito a formação a formação ao mercado ao mercado a tecnologia a tecnologia a representação. a representação.

6 UM CAMINHO A PERCORRER a criação de um sistema alternativo de crédito com motivação social, sustentável, com base nas OSCIP, Cooperativas e outras formas de organização da economia popular; a criação de um sistema alternativo de crédito com motivação social, sustentável, com base nas OSCIP, Cooperativas e outras formas de organização da economia popular; a integração das microfinanças em políticas de desenvolvimento local; a integração das microfinanças em políticas de desenvolvimento local;

7 UM CAMINHO A PERCORRER A definição, no governo, de um centro de poder forte (Ministério), que articule e coordene a construção dessa política; A definição, no governo, de um centro de poder forte (Ministério), que articule e coordene a construção dessa política; o marco legal deve avançar, em amplitude e flexibilidade, para garantir a concussão desses objetivos. o marco legal deve avançar, em amplitude e flexibilidade, para garantir a concussão desses objetivos.


Carregar ppt "QUALIFICAÇÃO DE ONG COMO OSCIP MOTIVOS E DESAFIOS VMC CONSULTORIA"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google