A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Impactos com geração de energia Marlene Boscatto PLANEJAMENTO INTEGRADO DE RECURSOS Estudos dos impactos ambientais envolvidos na produção de energia na.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Impactos com geração de energia Marlene Boscatto PLANEJAMENTO INTEGRADO DE RECURSOS Estudos dos impactos ambientais envolvidos na produção de energia na."— Transcrição da apresentação:

1 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto PLANEJAMENTO INTEGRADO DE RECURSOS Estudos dos impactos ambientais envolvidos na produção de energia na Região de Araçatuba Apresentar alguns impactos Conforme fonte energética

2

3 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto É Sede da 9ª Região Administrativa do Estado e fica a 530,5 km da capital. Sua superfície territorial é de km 2, sendo 60,44 km 2 correspondem ao perímetro urbano e 1.269,56 km 2 ao perímetro rural. O clima é quente e seco com registro de temperatura máxima de 40 o C e mínima de 3 o C. A média pluviometria anual é de mm e a umidade relativa do ar é de 69%. Sua hidrografia é constituída pelos rios: Tietê, Aguapeí e São José dos Dourados e seu principal manancial, que inclusive abastece a cidade, é o Ribeirão Baguaçu.

4 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto Recurso Potencial Teórico (MWh/ano) Potencial Realizável (MWh/ano) Custo da Energia Gerada (US$/MWh) Bagaço de Cana 1200 mil 73 mil 45 – 105 Álcool 3600 mil 1800 mil 150 Cascas de Arroz Biodiesel 154 mil 15 mil 200 Fotovoltaica mil 657 mil 500 – 1160 Coletores Solares 72 mil 7 mil 30 – 60 Eólica de Pequeno Porte 9000 mil 2000 mil 100 – 200 Eólica de Grande Porte 50 – 95 Pico Centrais Hidrelétricas 1300 mil 130 mil 60 – 250 Micro centrais hidrelétricas 45 – 200 Pequenas centrais hidrelétricas 35 – 145 Resíduos Rurais Animais 60 mil 6 mil 60 – 120 Aterros Sanitários 37 mil 7,4 mil 160 – 400 Esgoto 18 mil 4,8 mil 250 Gás Natural (termelétricas) mil 100 – 180 Gás Natural (veicular) mil 200 – 300 Gas Natural (industrial) mil 80 – 150 Potencial Energético

5 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto Emissões e seus efeitos

6 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto

7 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto Queima dos canaviais - Atingem cerca de 3,5 milhões de hectares gás carbônico Ozônio gases de nitrogênio e de enxofre (DESCONHECIDA) fuligem da palha queimada (cancerígenas) anualmente, 150 mil toneladas de nitrogênio são perdidos pela combustão reduz a quantidade de caldo de cana, rico em açúcar, mas essa perda é compensada pela redução dos custos no corte. FONTE: CANA – DE - AÇUCAR IMPACTOS

8 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto Total de cana moída (safra de dois anos) das 29 Usinas analisadas 32,507 milhões de toneladas (2005/2006)

9 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto Insolação diária

10 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto Considerando que 0,02% da área do Estado de São Paulo, com km 2, seja disponibilizada para instalação de aquecedores solares, e conforme estudos IEE/USP, a incidência solar no plano Horizontal produz kWh/m 2 ano, neste caso temos um potencial energético solar no estado de 78,06 GWh/ano. FONTE: ENERGIA SOLAR

11 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto METRO QUATRADO DE COLETOR SOLAR inundar 55 m2 de área 215 M3 DE LENHA 73 LITROS DE GASOLINHA 63 LITROS DE DIESEL UTILIZANDO ENERGIA SOLAR

12 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto SETOR INDUSTRIAL 46% 20% AQUECIMENTO AQUECIMENTO DE ÁGUA 9,2 SETOR RESIDENCIAL 9,2 ALEMANHA 80 MILHÕES DE HABITANTES 4 MILÕES DE M2 DE COLETORES SOLARES ENERGIA SOLAR BRASIL 184 MILHÕES DE HABITANTES 3 MILÕES DE M2 DE COLETORES SOLARES Com uma política de melhor aproveitamento da energia solar EMPREGOS - 17 mil pessoas e a expectativa é de que até 2010 o setor empregue 30 mil profissionais

13 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto O biogás, também conhecido como gás dos pântanos é o resultado da decomposição de matérias orgânicas, em meio anaeróbio, por bactérias denominadas metagogênicas, sendo uma mistura, onde seus principais componentes são o gás metano, com valores médios na ordem de 55 a 65%, e o dióxido de carbono com aproximadamente 35 a 45% de sua composição. BIOGÁS

14 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto Para cada MegaWatt/hora de produção de energia elétrica são emitidos para a atmosfera 129 quilogramas de CO2, segundo cálculo realizado pelo Departamento de Energia Elétrica da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS). Redução de impactos Relatório técnico emitido pela Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) a pedido do Ministério Público informa que existem sistemas que reduzem as emissões dos poluentes das termelétricas. Existem dois sistemas de geração de energia nas termelétricas, o convencional e o de cogeração. No sistema de cogeração é possível a eliminação da emissão de dióxido de enxofre (SO2) e redução das emissões de monóxido de nitrogênio (NO) em dez vezes. As com o sistema também é possível eliminar 50% do dióxido de carbono (CO2) emitido durante a queima do gás natural. Mas a própria UEMS adverte que, ainda que as emissões de CO2 em uma termelétrica a gás natural sejam mais baixas, é necessário lembrar que o tempo de vida do CO2 na atmosfera é muito maior do que o tempo de vida dos outros dois poluentes (NO2 e SO2). FONTE: TERMOELÉTRICAS A GÁS NATURAL

15 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto IMPACTOS EM TERMOELÉTRICAS

16 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto

17 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto A energia eólica é a energia obtida pelo movimento do ar (vento). É uma abundante fonte de energia, renovável, limpa e disponível em todos os lugares. A energia eólica é a energia obtida pelo movimento do ar (vento). É uma abundante fonte de energia, renovável, limpa e disponível em todos os lugares. Os moinhos de vento foram inventados na Pérsia no séc. V. Eles foram usados para bombear água para irrigação. Os mecanismos básicos de um moinho de vento não mudaram desde então: o vento atinge uma hélice que ao movimentar-se gira um eixo que impulsiona uma bomba (gerador de eletricidade). Os moinhos de vento foram inventados na Pérsia no séc. V. Eles foram usados para bombear água para irrigação. Os mecanismos básicos de um moinho de vento não mudaram desde então: o vento atinge uma hélice que ao movimentar-se gira um eixo que impulsiona uma bomba (gerador de eletricidade). FONTE: ENERGIA EÓLICA

18 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto MAPA DE VENTOS

19 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto O cultivo do arroz irrigado é um dos grandes responsáveis pela emissão de gás metano no planeta. Isso decorre da ação de bactérias anaeróbias nos arrozais e pode ser amenizado através de técnicas de cultivo específicas. Quando a casca do arroz é descartada a céu aberto, seu processo de decomposição também libera gás metano na atmosfera. Da mesma forma, a incineração da casca em ambientes fechados emite gases poluentes. Uma das alternativas para contornar este problema é o uso da casca de arroz como fonte de energia limpa em usinas termoelétricas. O aproveitamento da biomassa como combustível representa mais do que a utilização inteligente de um resíduo agrícola: representa também a substituição do uso de combustíveis fósseis, que são altamente poluentes, por combustíveis orgânicos. Por tal motivo, a queima da casca de arroz para produção de energia é uma atividade passível de geração de Certificados de Emissão Reduzida (CERs), os chamados créditos de carbono. FONTE: CASCA DE ARROZ

20 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto A queima da casca do arroz em sistemas termoelétricos poderia gerar mais de 200 MW de energia no Brasil, que equivalem a aproximadamente 1% de toda a energia produzida no país (incluindo o lado paraguaio de Itaipu), segundo a Koblitz, empresa de engenharia especializada em geração e co-geração de energia. Este volume de energia seria suficiente para abastecer uma cidade de mais de 800 mil habitantes. No Rio Grande do Sul, responsável por 51% da produção Agrícola nacional, de 75 MW a 95 MW de energia poderiam ser gerados a partir da queima de 760 mil toneladas de casca que sobram da industrialização do arroz no estado - a casca representa aproximadamente 20% do peso do grão. Se toda a produção gaúcha fosse beneficiada no Rio Grande do Sul, haveria a formação de mais de 1 milhão de toneladas de resíduo, que, queimado, poderia gerar de 109 MW a 136 MW de energia. FONTE: CASCA DE ARROZ

21 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto Arroz (milhões de t) Casca (milhões de t) Energia (MW) Produção - Brasil10,65*2,07200** a 258 Produção - RS5,46*1,09109 a 136 Beneficiamento - RS3,800,7676 a 95

22 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto COMBUSTÍVEL - ETANOL É OPÇÃO COM FUTURO INCERTO DO ÓLEO - Folha de SP - 18/08/06 O avanço do uso do etanol como combustível em substituição ao petróleo é um fato irreversível. Bastante difundida no Brasil, a utilização desse combustível já se alastra pelas principais economias do mundo. A oferta mundial de etanol ainda é incipiente e depende basicamente do Brasil. O desenvolvimento dessa indústria, no entanto, vai dar um equilíbrio maior na oferta mundial desse combustível do que ocorre atualmente com o petróleo. Com reservas limitadas, a produção de petróleo está restrita a poucas regiões do planeta. Qualquer instabilidade política nas regiões produtoras é motivo de elevação de preços. É o que ocorre no momento, quando o barril já atingiu US$ 77, com alta de 20% sobre os valores de há um ano. Renovável, a produção de etanol pode ocorrer em todos os continentes. Ele pode vir da cana-de-açúcar, do milho, do trigo, da beterraba, da mandioca e até de alguns tipos de gramíneas. Essa indústria ficará ainda mais competitiva com o desenvolvimento do álcool de celulose e o aproveitamento de cascas e restos de madeira. Nos Estados Unidos, os números não são muito diferentes dos do Brasil. Os projetos previstos por lá já atingem uma centena. A produção de etanol nos Estados Unidos depende do milho.

23 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto o gás natural não é energia limpa, ele é apenas 20% menos poluente do que o petróleo. Para cada GWh produzido com gás natural, são emitidas em torno de 500 toneladas de CO2 para a atmosfera. E para que essas 500 toneladas sejam lançadas ao ar do Brasil, basta apenas duas horas de operação de cada uma dessas usinas que querem desnecessariamente espalhar pelo País. Os gases poluentes emitidos agora para a atmosfera demorarão 150 anos para se dissipar. Além de todo esse dano, a termoelétrica ainda tem capacidade de causar outros enormes prejuízos ao ambiente. Uma termoelétrica necessita de enormes volumes de água para a refrigeração de seus equipamentos e por causa disso ela sempre é instalada perto de grandes mananciais, como rios e lagos. A termoelétrica pega a água fria do rio e a devolve muito quente ao caudal, cuja água então aquecida é capaz de destruir a sua fauna e flora. GÁS NATURAL

24 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto O consumo de gás natural no país deverá crescer cerca de 17% ao ano até 2011, saltando dos 38,8 milhões de metros cúbicos consumidos diariamente em 2005 para cerca de 99,2 milhões de metros cúbicos ao final dos próximos cinco anos. As informações constam do Plano de Negócios da Petrobras , detalhado nesta terça-feira (4), no Rio de Janeiro, pelo presidente da estatal José Sergio Gabrielli. As estimativas feitas pela Petrobras incluem também o consumo potencial de gás natural para geração elétrica. No caso específico das termoelétricas, a previsão indica que a demanda aumentaria dos atuais 7,1 milhões de metros cúbicos/dia, relativos a 2005, para 48,4 milhões de metros cúbicos/dia em 2011.

25 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto Emissões de UTs Potencial realizavel em Araçatuba MWh/ano Com uma emissão de 129 quilogramas de CO2 por MWh Temos quilogramas de CO2

26 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto Exemplo de Uts e consumo de água

27 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto O protocolo de Kyoto começou a vigorar em fevereiro de 2005 e tem por objetivo a redução da emissão de gases na atmosfera, principalmente gás carbônico. Países desenvolvidos, por serem maiores poluidores, precisam adquirir de países em desenvolvimento, como o Brasil, créditos de carbono para atingir metas estabelecidas pela ONU. O PROTOCOLO DE KYOTO

28 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto PROJETOS Dos 207 projetos de crédito de carbono registrados na ONU, 45 são brasileiros, disse Junqueira, sendo 21 negociados pela Econergy. Entre os projetos está o que poderá ser o maior parque eólico da América Latina, no Rio Grande do Sul, com 150 megawatts, da empresa Ventos do Sul, e o da Cia Açucareira Vale do Rosário, que prevê a geração de energia elétrica e vapor através da queima do bagaço de cana-de-açúcar. A usina tem capacidade instalada de 101 megawatts e fechou um contrato de carbono com a Agência Sueca de Energia

29 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto UM EXEMPLO (Ganhos em Redução de Emissões) GANHOS EM REDUÇÃO DE EMISSÕES (caso MTBE - USA/EU) mais de ton/ano de CO 2 (caso 100 mil carros BR) mais de ton/ano de CO 2 AUMENTO DO CONSUMO DE 500 MILHÕES de LITROS - ANO: novos carros movidos è álcool ou Substituição do uso do MTBE por etanol (20%) em 1 milhão de carros movidos à gasolina 2 milhões de carros /10% álcool - caso USA 4 milhões de carros / 5% álcool - caso EU

30 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto REDUÇÃO DE EMISSÕES NA PRODUÇÃO DE MW DE ENERGIA ELÉTRICA COM BAGAÇO DE CANA MW ( GWh) - com uso de gás natural (uso calculado com tecnologia de ponta atual: 900MW = consumo de 4.5 milhões m 3 /dia de gás natural) emissões evitadas equivalentes ao consumo de 2.9 bilhões m 3 /ano de gás natural ou 3.5 milhões de TEP/ano 20.4 milhões de barris equivalentes/dia

31 Impactos com geração de energia Marlene Boscatto 06/04/ h59 Brasil fecha maior contrato de crédito de carbono com alemão KFW RIO DE JANEIRO (Reuters) - O Brasil fechou nesta quinta-feira o maior contrato de créditos de carbono gerado já registrado pela Organização das Nações Unidas (ONU), numa operação entre a Biogás, sócia da Prefeitura de São Paulo no Aterro Bandeirantes, e o banco alemão KFW, informou a Econergy, responsável pelo negócio. O Aterro Bandeirantes, um dos maiores projetos em geração de energia elétrica a partir do lixo do mundo, vendeu para o KFW 1 milhão de toneladas de crédito de carbono. Isso será repassado para empresas clientes do banco europeu. No total, o projeto prevê gerar 8 milhões de toneladas de crédito de carbono até 2012, que serão posteriormente negociadas. O Aterro recebe metade do lixo de São Paulo, ou 80 mil toneladas diárias, e utiliza o metano liberado para gerar energia elétrica. A usina termelétrica do Aterro gera 22 megawatts. "É o maior contrato mundial já assinado. Estamos desde 2004 negociando e agora recebemos auditoria e aprovação da ONU", explicou à Reuters o vice-presidente de transações da Econergy International, Marcelo Junqueira. ATERROS


Carregar ppt "Impactos com geração de energia Marlene Boscatto PLANEJAMENTO INTEGRADO DE RECURSOS Estudos dos impactos ambientais envolvidos na produção de energia na."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google