A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx – DEPA – CMF DISCIPLINA: HISTÓRIA 2º ANO DO ENSINO MÉDIO ASSUNTO: O IMPERIALISMO JAPONÊS OBJETIVOS RELACIONAR A MODERNIZAÇÃO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx – DEPA – CMF DISCIPLINA: HISTÓRIA 2º ANO DO ENSINO MÉDIO ASSUNTO: O IMPERIALISMO JAPONÊS OBJETIVOS RELACIONAR A MODERNIZAÇÃO."— Transcrição da apresentação:

1 EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx – DEPA – CMF DISCIPLINA: HISTÓRIA 2º ANO DO ENSINO MÉDIO ASSUNTO: O IMPERIALISMO JAPONÊS OBJETIVOS RELACIONAR A MODERNIZAÇÃO DO JAPÃO COM A ERA MEIJI RELACIONAR O DESENVOLVIMENTO DO JAPÃO COM A CORRIDA IMPERIALISTA INTRODUÇÃO: O JAPÃO MEDIEVAL

2 Isolados num arquipélago, os japoneses viviam completamente à margem da influência ocidental, numa sociedade organizada ainda segundo os rígidos padrões feudais; o governo era exercido formalmente pelo Imperador, mas o poder de fato estava concentrado nas mãos do Shogun (supremo chefe militar), a quem todos os senhores feudais (Daimios) deviam cega obediência; seguiam-se os samurais, os mercadores e finalmente os camponeses Foi na época das grandes navegações (séculos XV e XVI) que o Japão estabeleceu seus primeiros contatos com a civilização ocidental, mas o isolamento japonês perdurou até 1853, ano em que a Esquadra Negra norte-americana, comandada pelo Comodoro Perry, forçou a abertura dos portos ao comércio Ao contrário da China, a reação à intromissão ocidental no Japão foi diferente Em 1868, uma revolta nacionalista liderada pelo Príncipe Mutsuhito rompeu com o passado feudal, inaugurando a Era Meiji Tendo à frente uma elite disposta a empreender a modernização do Estado e da economia, o Japão viveu grandes mudanças: os feudos foram abolidos, foi promulgada uma Constituição, foi feita uma reforma agrária no país, criada uma moeda única, o Iene, foram desenvolvidas as comunicações, construídas estradas de ferro e criados imprensa, o serviço postal e o telégrafo

3 o próprio Estado criou empresas, recebeu técnicos ocidentais e enviou jovens japoneses ao Ocidente, o que permitiu uma assimilação mais rápida da tecnologia europeia Foi a compra destas empresas por empresas privadas que formou os Zaibatsu (concentrações industriais e comerciais), que controlaram os negócios e passaram a dominar a economia japonesa até o final da Segunda Guerra Mundial Do desenvolvimento da Indústria e das Forças Armadas para o Imperialismo foi um passo rápido, com o Japão entrando em guerras contra a China (1895) e contra a Rússia (1905), saindo vitorioso em ambos os conflitos e anexando ao seu império, Taiwan, a Ilha Sacalina, a Manchúria e a Coreia No início do século, o Japão já era um dos países mais avançados e poderosos do mundo graças ao seu desenvolvimento, mas seu expansionismo foi barrado pelos Estados Unidos, originando atritos entre os dois nas três próximas décadas CONCLUSÃO: O Japão entrou na 2ª Guerra Mundial por motivos econômicos

4 SAMURAIS

5

6

7 ARQUEIRO E ARMADURA SAMURAIS

8 ARMAMENTO NINJA

9 MUTSUHITO – O IMPERADOR MEIJI

10 ERA MEIJI

11 QUIMONOS

12 GUEIXAS JAPONESAS

13 EXPANSIONISMO JAPONÊS

14 MILITARISMO JAPONÊS

15 HIROSHIMA E NAGASAKI


Carregar ppt "EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx – DEPA – CMF DISCIPLINA: HISTÓRIA 2º ANO DO ENSINO MÉDIO ASSUNTO: O IMPERIALISMO JAPONÊS OBJETIVOS RELACIONAR A MODERNIZAÇÃO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google