A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

TREEMAPS (Computação Gráfica 2 – Bloco2/2002)

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "TREEMAPS (Computação Gráfica 2 – Bloco2/2002)"— Transcrição da apresentação:

1 TREEMAPS (Computação Gráfica 2 – Bloco2/2002)
Aluno: Eduardo Barrére

2 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
Motivação Como apresentar um grande conjunto de informações de forma simultânea? Este problema deve ser resolvido (adaptado?) na minha tese de doutorado. Paper de referência: Shneiderman, B. “Tree Visualization with Tree-Maps: 2-d Space-filling Approach.” ACM Transactions on Graphics, 11(1), pp , 1992 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

3 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
Conteúdo Introdução Método Treemap Algumas variações Outros métodos Conclusão Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

4 Visualização de Informações Objetivos
permitir que uma grande quantidade de informações possa ser visualizada pelo usuário num mesmo contexto (mesma tela) utilizar com eficiência o espaço (tela) permitir interatividade ser de fácil compreensão ser visualmente atrativo possibilitar que o usuário encontre a informação desejada e possa tomar decisões sobre os dados apresentados (pesquisas) Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

5 Visualização de Informações Tipos de Dados
1-D Linear Document Lens, SeeSoft, Info Mural, Value Bars 2-D Map GIS, ArcView, PageMaker, Medical imagery 3-D World CAD, Medical, Molecules, Architecture Multi-Dim Parallel Coordinates, Spotfire, XGobi, Visage, Influence Explorer, TableLens, DEVise Temporal Perspective Wall, LifeLines, Lifestreams, Project Managers, DataSpiral Tree Cone/Cam/Hyperbolic, TreeBrowser, Treemap Network Netmap, netViz, SeeNet, Butterfly, Multi-trees Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

6 Visualização de Informações Aplicações
Sistema de Arquivo em computadores Mapas geográficos Bases de dados complexas (IBGE, FVG, etc.) Aplicações Industriais ( Estoques ) Educacionais, etc. Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

7 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
Visualização Textual Listings (ex. dir) Ponto Positivo: o conteúdo pode ser detalhado Ponto Negativo: dificuldade de navegação Outlines (ex. explorer) Ponto Positivo: apresenta a estrutura dos diretórios e seus conteúdos Ponto Negativo: apenas um pequeno número de diretórios e arquivos podem ser apresentados ao mesmo tempo Listing e Outlines Ponto Negativo: a necessidade de espaço na tela é proporcional a quantidade de itens apresentados Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

8 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
Visualização Textual Diagramas na forma de árvore Ponto Positivo: eficiência e suavidade para pequenas hierarquias Ponto Negativo: Utilização ineficente do espaço Conexões entre nós 50% da tela é background O processo de zoom nem sempre é bem sucedido Falta de conteúdo nas grandes hierarquias Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

9 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
Dados hierárquicos: estrutura e conteúdo Ênfase na estrutura e níveis Um Treemap é construído através de subdivisões recursivas do retângulo original O tamanho de cada subretângulo corresponde ao “tamanho” do nó cores e anotações podem ser utilizadas para complementar a informação Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

10 Treemap Pontos Positivos
Utilização eficiente da área do display A estrutura esta implícita no display Não precisa desenhar em separado os nós internos Mais espaço para os nívies e mensagens Resumo da hierarquia total Movimentação rápida para qualquer nó. Preservação do contexto Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

11 Treemap Pontos Negativos
não apresenta boa visualização da estrutura da árvore O pior caso é uma árvore balanceada, onde cada nó tem o mesmo número de filhos e cada nó folha tem o mesmo tamanho. Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

12 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
Treemap Método Informação estrutural particionada O tamanho do nó pode ser proporcional ao interesse do usuário na informação ( zoom ). Propriedades Sobreposição de nós somente entre antecessores e predecessores A área do nó é proporcional ao seu tamanho O tamanho do nó é >= a soma do tamanho do seus filhos Informação estrutural Implícita através de slice-and-dice (fatias) Explícito através de aninhamento adicional Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

13 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
Treemap Algoritmo x1 x2 x5 x3 x4 x9 x7 x8 x6 x1 x2 x3 x4 x5 X 6 x7 x8 x9 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

14 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
Treemap Algoritmo P1(x1,y1) P2(x3,y1) x1 x5 x7 x8 x9 x4 x3 X 6 x2 Q2(x1,y2) Q1(x2,y2) x3=x1+(Tamanho(filhos[1])/Tamanho(árvore))*(x2-x1) Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

15 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
Treemap Algoritmo x1 x2 x5 x3 x4 x9 x7 x8 x6 x1 x2 x3 x4 x5 X 6 x7 x8 x9 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

16 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
Ferramenta Treemap Disponível em: Estratégia de manipulação dos dados: Apresentação visual de componentes de consulta Apresentação visual dos resultados Ações rápidas, incrementais e reversíveis Feedback imediato e contínuo Redução de erros Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

17 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
Ferramenta Treemap Zoom: Ampliação dos itens de interesse Filtro: Descarta os itens que não se tem interesse Detalhe sob demanda: Seleciona um item (ou grupo) e obtem os detalhes necessários Relação: apresenta a realação entre itens Histórico: mantém um histórico das ações executadas, visando suportar o cancelamento das ações Extrato: permite extrair uma subcoleção dos parâmetros de consulta Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

18 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

19 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
Squarified Treemap Bruls, M., Huizing, K., & van Wijk, J. J. (2000). Squarified Treemaps. Joint Eurographics and IEEE TCVG Symp. on Visualization (TCVG 2000) IEEE Press, pp A apresentação de todos os nós e níveis como “retângulos quase quadrados” tem as seguintes vantagens: o espaço da tela é utilizado mais eficientemente itens quadrados são facilmente detectados e apontados, retângulos finos tumultuam e aumentam os erros de seleção. comparação do tamanho dos retângulos é fácil quando seus aspectos são similares Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

20 Squarified Treemap Algoritmo
Aspectos a serem considerados: altura/largura, largura/altura A idéia básica é: não considerar a subdivisão para todos os níveis simultaneamente. Busca-se produzir “retângulos quadrados” para um conjunto de “irmãos”, dado o retângulo onde ele se encontra, e aplicamos o mesmo método recursivamente. Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

21 Squarified Treemap Algoritmo
Problema: Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

22 Squarified Treemap Algoritmo
Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

23 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
PARENT Sistema desenvolvido no laboratório CLIPS-IMAG (França) É baseado em Treemaps Busca também resolver o problema de retângulos finos e suas implicações. Tem como idéia básica o cálculo de um passo intermediário a cada etapa de montagem do mapa Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

24 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
PARENT =5.5 =4.1 =6.7 . Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

25 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
PARENT Comparação Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

26 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
PARENT Comparação Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

27 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
Centros de Pesquisa Xerox PARC 3-D cone trees, perspective wall, spiral calendar table lens, hyperbolic trees, document lens, butterfly Univ. of Maryland dynamic queries, range sliders, starfields, treemaps zoombars, tight coupling, dynamic pruning, lifelines IBM Yorktown, AT&T-Lucent Technologies Georgia Tech, MIT Media Lab Univ. of Wisconsin, Minnesota, Calif-Berkeley Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

28 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

29 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
Conclusão Treemap é um Projeto de referência na área Tem bom desempenho quando conhecemos o domínio do problema A representação através de retângulos não é satisfatória para todos os casos Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére

30 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére
Referência Shneiderman, B. “Tree Visualization with Tree-Maps: 2-d Space-filling Approach.” ACM Transactions on Graphics, 11(1), pp , 1992 Bruls, D.M., C. Huizing, J.J. van Wijk. “Squarified Treemaps”. Data Visualization 2000 (Eurographics and IEEE TCVG Symposium on Visualization, p , 2000 Vernier F., Nigay L., “Modifiable Treemaps Containing Variable-Shaped Units”. 2000 Shneiderman, B., & Wattenberg, M. “Ordered Treemap Layouts”. Tech Report CS-TR-4237, Computer Science Dept., University of Maryland, College Park, MD., 2001 Treemaps (CPS751 – Bloco2/2002) Barrére


Carregar ppt "TREEMAPS (Computação Gráfica 2 – Bloco2/2002)"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google