A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Aline A. Torres Aline Iara Sousa Valesca Pastore Dias

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Aline A. Torres Aline Iara Sousa Valesca Pastore Dias"— Transcrição da apresentação:

1 Aline A. Torres Aline Iara Sousa Valesca Pastore Dias
4-Coordenando um grupo... Aline A. Torres Aline Iara Sousa Valesca Pastore Dias

2 ATRIBUTOS DESEJÁVEIS PARA UM COORDENADOR DE GRUPO
Gostar de trabalhar com grupos; Ter o amor às verdades; Coerência; Senso de ética; Respeito;

3 ATRIBUTOS DESEJÁVEIS PARA UM COORDENADOR DE GRUPO
Paciência; Ser continente; Ter comunicação e a empatia; Ter capacidade de síntese e integração.

4 OS PAPÉIS GRUPAIS Líder de mudança Bode expiatório silencioso
Participante Porta-voz

5 Tipos de registro: Pode ser através de livro ata, filmagem ou gravação de áudio; O importante é que exista uma forma de registrar os encontros, a avaliação do encontro e o planejamento das próximas atividades.

6 Registro: Livro Ata Filmagem Gravação de Áudio Vantagens Baixo custo
Simples de executar; Fácil de encontrar as informações. Possibilidade de avaliar o não-verbal. -Capacidade de captar todas as falas. Desvantagens -Não é possível captar todas as falas. Necessidade de equipamento; Alto custo.

7 AVALIANDO O GRUPO Uma forma de avaliar o grupo é a sondagem dos membros do grupo por intermédio de algumas questões objetivas feitas pelo coordenador.

8 AVALIANDO O GRUPO Outro meio seriam as entrevistas individuais ou o preenchimento de instrumentos como um questionário de satisfação, ao final do grupo ou da permanência do participante.

9 Atenção!!! O feedback do coordenador sobre o grupo deve considerar o desempenho do grupo sob a perspectiva do coordenador. É um recurso utilizado principalmente a partir da observação do mesmo frente aos fatos que ocorrem no desenvolvimento do trabalho.

10 O sistema de registro no grupo...
Uma estratégia de complementação dessa forma de avaliação seria a avaliação das impressões do coordenador com as opiniões dos participantes, que é um importante meio de oferecer feedback ao grupo sobre seu desempenho e funcionamento.

11 AVALIANDO O GRUPO O grupo também pode ser avaliado por supervisor externo.

12 Atenção!!! O término do grupo é um evento tão importante quanto o seu percurso.

13 Avaliando o grupo... Ao cuidarmos de um término digno ao grupo é importante permitir que as pessoas possam experimentar as vicissitudes da separação como um momento inerente à vida.

14 AVALIANDO O GRUPO Muitos evitam essas situações acreditando com isso que irão evitar a dor. Assim não se despedem dos outros, iludindo-se que será mais fácil para não sentir saudades.

15 REFERÊNCIAS ANDER-Egg AS. In: OMISTE et al. Formação de grupos populares: uma proposta educativa. Rio de Janeiro: DP&A; 2000. BERSTEIN, M. Contribuições de Pichón-Rivière à psicoterapia de grupo. In: OSÓRIO, L.C. e col. Grupoterapia hoje. Porto Alegre: Artes Médicas, 1986. CAMPOS, G.W. S. Um método para analise e co-gestão de coletivos: a constituição do sujeito, a produção de valor de uso e a democracia em Instituições: o método da roda. São Paulo: HUCITEC, p. DIAS, V.P.; Silveira, D. T.; Witt, R. R. Educação em saúde: o trabalho de grupos em atenção primária- Health education: primary health care workgroups. Rev. APS, v. 12, n. 2, p , abr./jun. 2009

16 REFERÊNCIAS DUNCAN, Bruce B.; SCHMIDT, Maria Inês; GUIGLIANI, Elsa R. J. Medicina ambulatorial: condutas de atenção primária baseadas em evidências. [et al] 3. ed. Porto Alegre: Artmed, 2004. MUNARI, D.B.; FUREGATO, A.R.F. Enfermagem e grupos. Goiania: AB, 2003. OSÓRIO, LC. Psicologia grupal: uma nova disciplina para o advento de uma era. Porto Alegre (RS): Artmed; 2003. OSÓRIO, Luiz Carlos et al. Grupos: teorias e práticas. Acessando a era da grupalidade. Porto Alegre: Artes Médicas, 2000, cap. 3. TORRES H.C., Avaliação de um Programa Educativo em Diabetes Mellitus com Indivíduos Portadores de Diabetes Tipo 2 em Belo Horizonte,MG. Tese de Doutorado. Escola Nacional de Saúde Pública/ FIOCRUZ, Rio de Janeiro, 2004.

17 Segue o conteúdo no modulo 5
REFERÊNCIAS ZIMERMAN, David E.; OSÓRIO, Luiz Carlos et al. Como trabalhamos com grupos. Porto Alegre: Artes Médicas, 1997, cap. 3.   Segue o conteúdo no modulo 5


Carregar ppt "Aline A. Torres Aline Iara Sousa Valesca Pastore Dias"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google