A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Grupo coerente de proposições gerais usadas como princípios de explicação para uma classe de fenônemos. (Turato, E.R.) Conjunto de idéias com as quais.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Grupo coerente de proposições gerais usadas como princípios de explicação para uma classe de fenônemos. (Turato, E.R.) Conjunto de idéias com as quais."— Transcrição da apresentação:

1 Grupo coerente de proposições gerais usadas como princípios de explicação para uma classe de fenônemos. (Turato, E.R.) Conjunto de idéias com as quais os pensadores querem construir explicações sobre os fatos ou compreender os fenômenos. (Turato, E.R.)

2 Modelo conceitual Conjunto de conceitos gerais e relativamente abstratos, inter-relacionados com o objetivo de apresentar maneiras globais de perceber um fenômeno de interesse central a uma disciplina.

3 Estrutura do conhecimento contemporâneo da Enfermagem: componentes e níveis de abstração (Fawcett, J.) Componentes Nível de abstração Metaparadigma mais abstrato Filosofias Modelos Conceituais Teorias Indicadores empíricos Mais concreto

4 Processo de Enfermagem É a dinâmica das ações sistematizadas e inter-relacionadas, visando a assistência ao ser humano. Caracteriza-se pelo inter- relacionamento e dinamismo de suas fases ou passos (Horta, W.A.) Fases : Histórico – coletar dados. Diagnóstico – análise, interpretação dos dados, conclusão sobre as necessidades/problemas de saúde do ser humano. Planejamento – seleção das intervenções de Enfermagem. Implementação – execução das intervenções planejadas. Avaliação – do resultado das intervenções ; determinação do quanto as metas de cuidados foram alcançadas.

5 1. Coleta de Dados 5. Avaliação Teoria 2. Diagnóstico 3. Planejamento 4. Intervenção

6 Métodos de Ajuda Agir ou fazer para o outro. Guiar o outro. Apoiar o outro. Promover o desenvolvimento pessoal. Ensinar o outro.

7 Tipos de Sistemas de Enfermagem Sistema totalmente compensador Ação do compensa a incapacidade Enfermeiro do paciente Sistema parcialmente compensador Ação do compensa limitações Enfermeiro do paciente Sistema de apoio – educação Ação do regula, educa e apoia a ação Enfermeiro do paciente

8 Modelo – Processo de Enfermagem Coleta de dados 1.Demanda de autocuidado. 2.Existe déficit entre a habilidade do indivíduo e a demanda de autocuidado? 3.O déficit é devido a falta de conhecimento? 4.4. Julgamento do quanto o presente estado do indivíduo permite-lhe engajar-se no autocuidado. 5.Avaliar o potencial do indivíduo para restabelecer o autocuidado no futuro. Planejamento 1.Estabelecer objetivos para adquirir ou manter o autocuidado. 2.Planejar a intervenção: a) totalmente compensador; b) parcialmente compensador; c) suporte educativo. Intervenção Implementação do plano de cuidados: fazer, agir pelo paciente; guiar ou dirigir; prover conforto físico; apoio psicológico; ambiente favorável ao desenvolvimento; ensinar Avaliação O paciente é capaz de manter ou recomeçar o autocuidado ?


Carregar ppt "Grupo coerente de proposições gerais usadas como princípios de explicação para uma classe de fenônemos. (Turato, E.R.) Conjunto de idéias com as quais."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google