A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Processo de Enfermagem: Verdades e Desafios na Pesquisa Profa Dra Alba Lucia Bottura Leite de Barros.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Processo de Enfermagem: Verdades e Desafios na Pesquisa Profa Dra Alba Lucia Bottura Leite de Barros."— Transcrição da apresentação:

1 Processo de Enfermagem: Verdades e Desafios na Pesquisa Profa Dra Alba Lucia Bottura Leite de Barros

2 ... uma disciplina científica nasce como uma nova maneira de considerar o mundo e essa nova maneira se estrutura em ressonância com as condições culturais, econômicas e sociais de uma época. (Fourez, 1995, p.105)

3 Um saber não nasce do nada Inquietação pessoal Ambiente positivo: recursos humanos recursos materiais

4 ... os elementos de enfermagem são muito pouco conhecidos. (Nightingale, 1989)

5 Não existe saber acabado, definitivo, o que torna impossível elaborar teorias perenes, pois a capacidade humana tem limites, e a realidade é processual, um vir a ser constante. (Souza, 2002)

6 A Enfermagem conta com teorias ou modelos de enfermagem como uma estrutura para orientar a prática profissional. O método que possibilita esta utilização é o Processo de Enfermagem.

7 O PE é um contínuo ciclo de coleta de dados, diagnóstico, implementação e avaliação do cliente. (Carpenito, 1997)

8 Repercussões do uso do processo e das Teorias de Enfermagem Desenvolvimento de modelos assistenciais para a prática clínica. Direcionamento da tomada de decisão independente. Desenvolvimento de currículos de enfermagem apoiados nestes modelos. Unificação da profissão.

9 Repercussões do uso do processo e das Teorias de Enfermagem Avaliação da qualidade da assistência. Desenvolvimento de métodos próprios de pesquisa. Construção das classificações de enfermagem.

10 As gerações do Processo de Enfermagem e a evolução das Teorias na Enfermagem

11 As gerações do Processo de Enfermagem 1ª geração: resolução de problemas 2ª geração: hipóteses diagnósticas 3ª geração: definição dos resultados esperados

12 O conhecimento vem evoluindo das grandes teorias para a ênfase no estudo e desenvolvimento de conceitos, para a construção de teorias de médio porte e para as específicas a uma dada situação. (Meleis, 1987)

13 A consciência do esforço de organização teórica influi na percepção da necessidade de nomenclaturas, de linguagens, da classificação dos fenômenos pertinentes à área de enfermagem. (Souza, 2002)

14 Os sistemas de classificação são instrumentos tecnológicos que nos fornecem uma linguagem padronizada a ser utilizada no Processo de Enfermagem e na documentação da prática profissional. Os conceitos incluídos nesses sistemas de classificação fazem parte da linguagem profissional da Enfermagem. (Garcia; Nóbrega, 2004)

15 Linguagem O funcionamento da sociedade é feito pela linguagem, a qual é um mecanismo indispensável à vida humana e torna o progresso possível. Se não houvesse comunicação pela linguagem das experiências, das descobertas, teríamos que estar sempre recomeçando tudo na existência. (Hayakawa; Hayakawa, 1990)

16 O ICN (1996) aponta os elementos inerentes ao PE: O que as enfermeiras fazem (intervenções de enfermagem) Tendo como base o julgamento sobre fenômenos específicos (diagnósticos de enfermagem) Para alcançar os resultados pelos quais elas respondem (resultados de enfermagem)

17 A fundamental importância que tem a linguagem não pode levar-nos a pensar que os conceitos que a formam são verdades essenciais, imutáveis. Eles não são fotografias perfeitas da realidade, mas possuem atributos comuns e semelhantes aos observados nos fenômenos do real. (Souza, 2002)

18 Nomes científicos são necessários porque o uso das palavras varia de região para região. De uma unidade para outra, dentro do próprio hospital, podemos denominar eventos com palavras diferentes.

19 Argumentação teórica para o uso de linguagens padronizadas Três perspectivas teóricas mostram a importância do uso das linguagens padronizadas: 1. Teoria Lingüística (Hayakawa; Hayakawa, 1990) 2. Pensamento crítico (Brokkfield, 1991; Scheffer; Rubenfeld, 2000) 3. Precisão diagnóstica (Lunney, 2001)

20 1. Teoria Lingüística Classificações são ferramentas necessárias para a comunicação de uns com os outros. Enfermeiras, como outras pessoas, pensam com palavras, então elas necessitam de palavras para pensar acerca de fenômenos pelos quais elas respondem. Enfermeiras não podem discernir eventos pelas quais elas não têm palavras ou frases para pensar. (Lunney, 2003)

21 Teoria Lingüística De acordo com a teoria lingüística, nomear é classificar, assim, toda vez que um nome é dado a um fenômeno, a classificação está ocorrendo. Isto significa que, mesmo sem a padronização de termos, a classificação ocorre. (Lunney,2003)

22 2. Pensamento crítico O uso dos conceitos NNN ajuda as enfermeiras a gerar hipóteses, imaginar alternativas, e usar o ceticismo reflexivo (incerteza a respeito do pensamento).

23 3. Precisão diagnóstica O uso de linguagens padronizadas favorece a precisão diagnóstica.

24 O desenvolvimento de classificações implica no abandono das Teorias de Enfermagem propostas?

25 O desenvolvimento das taxonomias representa um marco na construção de teorias. Os grandes modelos conceituais não são contestados, mas transcendidos. (McCloskey; Bulechek; Tripp-Reimar, 1995)

26 Pesquisas em Teorias, Processo e Classificações de Enfermagem

27 Pesquisas exploratórias sobre as Teorias, PE e classificações; Análises/avaliações da aplicabilidade das teorias e do PE Estudos de validação; Pesquisas que contribuem para o desenvolvimento das Taxonomias; Pesquisa transculturais. (Michel; Barros, 2002)

28 Pesquisas exploratórias sobre as teorias, PE e classificações Abordagem / aproximação inicial dos pesquisadores e usuários com as diferentes propostas existentes; Possibilitam verificar a aplicabilidade das teorias, do processo de enfermagem e das classificações.

29 Análise / avaliação da aplicabilidade das Teorias e do PE Possibilitam um refinamento dos modelos teóricos propostos para a prática clínica.

30 Estudos de validação Possibilitam validações clínicas e de conteúdo das classificações; Contribuem para o desenvolvimento das taxonomias; Oferecem subsídios para o refinamento destes elementos da prática e a avaliação da sua utilidade.

31 Pesquisas que contribuem para o desenvolvimento das Taxonomias Possibilitam a análise de conceitos; Promovem o refinamento das classificações; Contribuem com o desenvolvimento de novos diagnósticos, intervenções e resultados;

32 Pesquisas Transculturais Permitem a análise detalhada do processo de tradução e utilização das classificações concebidas em outros idiomas e diferentes contextos culturais; Fortalecem e disseminam o uso das classificações.

33 Contexto brasileiro das pesquisas relacionadas ao Processo de Enfermagem Alba Lucia Bottura Leite de Barros Juliana de Lima Lopes Juliana Soares Jurko

34 Lilacs ( ) – n= 156 artigos

35

36

37 Artigos sobre Processo de Enfermagem quanto à Especialidade Cardiologia11 Cardiologia e Pediatria1 Cirurgia1 Clínica Médica2 Dermatologia6 Educação em Enfermagem1 Enfermagem do Trabalho1 Enfermagem em Emergência1 Enfermagem Neonatal2 Enfermagem Oncológica3 Estomaterapia2 Gastroenterologia2 Ginecologia5 Infectologia3 Nefrologia2 Obstetrícia13

38 Oftamologia1 Ortopedia5 Pediatria18 Perioperatório1 Pneumologia1 Psiquiatria1 Saúde Coletiva1 Saúde da Mulher1 Saúde do Idoso6 Saúde do Trabalhador1 Saúde Pública2 Transplante4 Urologia1 UTI5 UTI Pediátrica1 Artigos sobre Processo de Enfermagem quanto à Especialidade

39 Porcentagem dos artigos quanto ao tipo de estudo

40 Ano de Publicação / Referencial Utilizado Referencial2004 Teoria de King3 Teoria de Jean Watson3 Teoria de Trovelbee1 Teoria de Roy1 Teoria de Paterson e Zderard5 Teoria de Enfermagem1 Teoria das Representações Sociais1 D.E. e intervenções de enfermagem1 Teoria de Neuman2 Fund. e Met. Etnoem G. de Leininger2 Fenomenologia existencial de Martin1 Teoria de Peplan1 Teoria de Ida Jean Orlando1 Teoria de Betty Neumann3 Referencial2005 D.E.12 NANDA8 Wanda Horta1 NANDA e NIC1 CIPE1 Classificações1 CIPE e intervenções1 Prática baseada em evid.1 Referencial2006 D.E. e intervenções de enfermagem1 D.E.11 NANDA6 NANDA e Teoria do Orem1 Wanda Horta1 CIPESC1 NANDA e NIC1 CIPE2

41 Ano de Publicação / Referencial Utilizado Referencial2007 D.E. e intervenções de enfermagem2 D.E.7 NANDA9 CIPESC2 Referencial2008 D.E. e intervenções de enfermagem1 D.E.5 NANDA6 CIPE1 NANDA e Wanda Horta1 Teoria de Orem1 Teoria de Orem e D.E.1 Referencial2009 Teoria de Enfermagem1 NANDA NIC e NOC Class.1

42 Artigos que estão presentes no Medline e no Lilacs 2004: : : : : 9

43 Medline ( ) – n=73

44 Ano de publicação

45 Local de Publicação

46 Artigos sobre Processo de Enfermagem quanto a especialidade Educação13 Cardiologia8 Obstetrícia6 Geriatria5 Nefrologia4 Saúde Pública5 Unidade de Queimados4 Unidade de Terapia Intensiva4 Gastrologia2 Ortopedia2 Urologia2 Clínica Cirúrgica1 Clínica Médica1 Dor1 Endocrinologia1 Médico-Cirúrgica1 Infectologia2 Pneumologia1 Reabilitação1 Saúde da Mulher1 Transplante1 Neonatologia1

47 Porcentagem dos artigos quanto ao tipo de estudo

48 ANO 2005 Diagnóstico de Enfermagem4 NANDA3 NANDA, NIC1 Horta1 ANO 2006 NANDA8 Diagnóstico de Enfermagem4 Processo de Enfermagem4 Horta1 ICNP1 Orem1 CIPESC1 Ano de Publicação/ Referencial Utilizado ANO 2004 Diagnóstico de Enfermagem4 Diagnóstico e Intervenção de Enfermagem1 CIPESC1 NANDA3 Teoria Humanística de Paterson e Zderad2 Teoria de King1

49 Ano de Publicação/ Referencial Utilizado ANO 2007 Diagnóstico de Enfermagem2 NANDA2 NANDA, NIC e NOC2 King1 CIPESC1 NIC1 ANO 2008 NANDA5 Diagnóstico de Enfermagem3 NANDA3 NANDA, NIC1

50 Verdades Divulgação de achados em eventos científicos; Divulgação dos achados em periódicos indexados; Publicação das Classificações de Diagnósticos/ Intervenções e Resultados NANDA/CIPE na língua portuguesa; Grupos de estudo e pesquisa; Programas de Pós graduação.

51 Desafios Educação Permanente (Associações/Conselho/ Escolas/ Hospitais) Cursos sobre o Processo de Enfermagem e suas gerações; Cursos sobre classificações de enfermagem; Cursos sobre métodos de pesquisas em classificações de diagnósticos/ intervenções e resultados.


Carregar ppt "Processo de Enfermagem: Verdades e Desafios na Pesquisa Profa Dra Alba Lucia Bottura Leite de Barros."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google