A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

SÍNDROMES MIELODISPLÁSICAS

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "SÍNDROMES MIELODISPLÁSICAS"— Transcrição da apresentação:

1 SÍNDROMES MIELODISPLÁSICAS
MARIA CRISTINA PURINI CHSP - 15/09/2009

2 DEFINIÇÃO Grupo heterogêneo de doenças originadas por proliferação clonal da célula primordial hemopoética, tendo como principais características hemopoese ineficaz e displásica e aumento da apoptose, resultando em citopenia(s) periférica com medula óssea hipercelular (10 a 15% com medula hipocelular). Doença incurável - 30% evolui para leucemia aguda e restante para falência medular progressiva

3 HISTÓRICO 1938 - Rhoades e Barker - 60 pacientes com anemia crônica;
Hamilton e Paterson - proposta do termo anemia pré-leucêmica; Block e col. - Preleucemia; Rheingold e col. - Leucemia Aguda Smoldering; Leucemia Mielomonocítica Crônica; FAB - critérios diagnósticos para Síndromes Pré-leucêmicas

4 SÍNDROMES MIELODISPLÁSICAS
Grupo heterogêneo de doenças Desarranjo clonal da Stem Cell hemopoética Hemopoese ineficaz Apoptose Citopenias periféricas,medula hipercelular e displasia trilinhagem

5 AUMENTO DA INCIDÊNCIA REAL OU FICTÍCIO?
C.AUL et al. (NORTE DO RENO/DÜSSELDORF) 1,3/ hab./ANO (1976) 4,1/ hab./ANO (1990) : PAC. 4,4/ hab/ANO 0,4/ /ANO <50 ANOS 4,7/ /ANO ANOS 24,5/ /ANO >69 ANOS LEUK.RES.VOL22,1,1998 LEUK.RES.VOL23,SUPPL1,1999

6 DIAGNÓSTICO SMD CLÍNICA LABORATÓRIO CITOLOGIA DO SANGUE E MEDULA ÓSSEA
HISTOLOGIA DA MEDULA ÓSSEA CITOGENÉTICA IMUNOFENOTIPAGEM

7 DIAGNÓSTICO MORFOLÓGICO
ALTERAÇÕES MAIS SUGESTIVAS : Série Eritróide Multinuclearidade Anormalidades Nucleares e/ou Citoplasmáticas Série Granulocítica Pseudo-pelger Hipogranulação Série Megacariocítica Micromegacariócitos Formas mononucleares Núcleos hipolobulados

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17 DIAGNÓSTICO DE EXCLUSÃO
Anemias Por Deficiências Nutricionais Doenças Infecciosas/inflamatórias Doenças Auto-Imunes Exposições Ocupacionais/ Ambientais Medicamentos Aids Neoplasias Alcoolismo Doenças Metabólicas Hemoglobinúria Paroxística Noturna

18 SMD X AIDS Inibição da hemopoese mediada por inversão de CD4/CD8
Alterações do microambiente medular Efeito direto do HIV Destruição periférica: produção de auto-anticorpos Secreção de fatores humorais inibitórios Efeito das infecções oportunistas Ação de drogas BAIN,BR J HAEMATOL.1997,99

19 SÍNDROMES INTER-RELACIONADAS
HPN ARSA LLC AR AREB-T SÍNDROMES LEUCEMIAS MIELODISPLÁSICAS LLA AREB LMA LMC LMMC MMM SÍNDROMES MIELOPROLIFERATIVAS TE PV KOUIDES E BENNETT,SEMIN HEMATOL.1996,33

20 Síndromes Mielodisplásicas
Classificação

21 CLASSIFICAÇÃO FAB 1982 ANEMIA REFRATÁRIA (AR)
AR COM SIDEROBLASTOS EM ANEL (ARSA) AR COM EXCESSO DE BLASTOS (AREB) AREB EM TRANSFORMAÇÃO (AREB-T) LEUCEMIA MIELOMONOCÍTICA CRÔNICA (LMMC)

22 Variantes clínicas SMD com medula hipocelular SMD com fibrose
SMD secundária

23 Classificação OMS-1997-2001 Anemia Refratária (AR)
CR Com Displasia Multilinhagem(CRDM) Anemia Refratária com Sideroblastos em Anel (ARSA) CRDM-SA AREB TIPO I AREB TIPOII SMD –Inclassificavel SMD-del(5q-)

24 FAB OMS Anemia refratária(AR) <5% blastos Anemia refratária(AR) Citopenia refratária com displasia multilinhagem SMD Inclassificável SMD com del (5q) Anemia refratária com sideroblastos em anel <5% blastos +>15% sideroblastos em anel Anemia refratária com sideroblastos em anel Anemia refratária com sideroblastos em anel e displasia multilinhagem Anemia refratária com excesso de blastos (AREB) 5-20% blastos Anemia refratária com excesso de blastos -1 (AREB-1) 5-9% blastos Anemia refratária com excesso de blastos-2 (AREB-2) 9-19% blastos AREB em transformação(AREB-t) 21-30% blastos Leucemia mielóide aguda >20% blastos

25 E a Leucemia Mielo-Monocítica Crônica ?
Doenças Mieloproliferativas/Mielodisplásicas SP : Monocitose persistente >1000/mL Ausência de cromossomo Philadelphia e BCR/ABL MO : < 20% blastos Displasia

26 Leucemia Mielo-Monocítica Crônica
LMMC -1 : blastos <5% SP <10% na MO LMMC -2 : blastos 5-19% SP 10-19% MO

27 MDS SECUNDÁRIA AGENTES LEUCEMOGÊNICOS Alquilantes - 5 a 15 anos
Anormalidades dos cromossomos 5 e 7 Inibidores da Topoisomerase II - <5 anos Anormalidades citogenéticas balanceadas

28 Conclusões FAB/OMS : diagnóstico e categorização IPSS IPSS Modificado
Outros parâmetros : citometria , marcadores angiogênicos e moleculares

29 ETIOPATOGENIA Agressão DNA Interações celulares Fatores humorais
Stem cell + diferenciação + proliferação DMP - diferenciação + proliferação LMA + diferenciação + proliferação SMD

30 “Stem cell” hemopoética Apoptose e Hiperproliferação
Estresse oxidativo intrínseco Patogênese Estresse oxidativo extrínseco “Stem cell” hemopoética Redução da capacidade de reparação do DNA? Clone anormal Macrófagos Linfócitos T-Citotóxicos Citoquinas crescimento Citoquinas inibitórias Alteração nos receptores de adesão Redução do suporte do estroma Apoptose e Hiperproliferação Anormalidades cromossômicas adicionais Perda genes supressores de tumores Anormalidades ciclo celular Falência Medular Leucemia Aguda

31 O Que Desencadeia SMD ? Exposição Ambiental Acaso
Susceptibilidade genética Exposição Ambiental Acaso Estudos Epidemiológicos : Agentes químicos (Petróleo ,Diesel, Solventes orgânicos, Fertilizantes, Gases de escapamentos Fumo Semi-metais : arsênico , tálio Pedras : sílica,poeira de cereais

32 SMD/CITOGENÉTICA DESFAVORÁVEIS Normal -7 del(5q) Complexas Y- del(20q)
INTERMEDIÁRIO +8 Uma aberração adicional DESFAVORÁVEIS -7 Complexas

33 SMD-TRATAMENTO ? ? ? ? ? ? ? ? ? ? ! ? ? ? ? ? ? ? ? ? ?

34 SMD-Desafio Terapêutico
LMA

35 SMD – PROGNÓSTICO(IPSS)
Escore Prognóstico , , Blastos MO < Cariótipo Bom Interm. Ruim (5q-,20q-) (7-, +3 anorm) Citopenias / /3

36 SMD -PROGNÓSTICO Baixo 0 5,7a Interm.I 0,5-1 3,5 Interm.II 1,5-2 1,2
GRUPO ESCORE MÉDIA SOBREVIDA Baixo ,7a Interm.I 0, ,5 Interm.II 1, ,2 Alto >2, ,4

37 SMD-TRATAMENTO FATORES DE CRESCIMENTO QT = LMA
INDUTORES DE DIFERENCIAÇÃO CELULAR TRANSPLANTE AUTÓLOGO DE MEDULA ÓSSEA TRANSPLANTE ALOGÊNICO DE MEDULA ÓSSEA

38 TRATAMENTO IMUNOSSUPRESSIVO
Globulina anti-timócito Ciclosporina

39 CONCLUSÃO Critérios mínimos para o diagnóstico
Morfologia / Citogenética Pesquisar: Doenças Genéticas/enzimáticas Exposições Ambientais/ocupacionais Doenças Imunológicas Drogas Doenças Infecciosas/inflamatórias Neoplasias Tornar o processo diagnóstico mais estruturado e reprodutível Melhor compreensão da biologia molecular Tratamentos dirigidos a alvos moleculares


Carregar ppt "SÍNDROMES MIELODISPLÁSICAS"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google