A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Retinopatia da Prematuridade Situação atual no Brasil.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Retinopatia da Prematuridade Situação atual no Brasil."— Transcrição da apresentação:

1 Retinopatia da Prematuridade Situação atual no Brasil

2 Retinopatia da Prematuridade Situação mundial Número estimado de cegos por ROP/região do mundo: >

3 Cegueira infantil é uma das prioridades do Programa Visão 2020 Causas irão variar de acordo com a região e com nível sócio econômico OMS: / crianças cegas por ROP estão na América Latina Causas de Cegueira Infantil no Brasil Toxoplasmose – 21 to 40% Glaucoma congênito– 11 to 18% Catarata infantil – 7 to 19% ROP – 3 to 21% ROP no Brasil???? SBP: 300 unidades neonatais no Brasil Causas de Cegueira Infantil - Brasil

4 Programas de Retinopatia da Prematuridade - Brasil I Workshop no Rio: Out 3-5, participantes ROP limiar: PN 948g IG 28 sem Tratamento: doença limiar Oftalmologista treinado Laser diodo Banco de dados e formulário padronizado Follow-up: Dez 3-4, Comitê Nacional (CBO/SBOP/SBP) Diretrizes-triagem e tratamento IG 32 sem e/ou PN 1500g

5 Retinopatia da Prematuridade Situação atual no Brasil Critérios de exame PN 1.500g e/ou IG 32 semanas Considerar o exame em RNs com presença de fatores de risco: Síndrome do desconforto respiratório; Sepse; Transfusões sangüíneas; Gestação mútipla; Hemorragia intraventricular Primeiro exame: entre a 4ª e 6ª semana de vida; Ref: I Workshop de ROP, Outubro 2002, Rio de Janeiro

6 Retinopatia da Prematuridade Situação atual no Brasil Diretriz de tratamento Pré-limiar tipo 1: Zona 1: qualquer estágio com plus Zona 1: estágio 3 Zona 2: ROP 2 ou 3 com plus Doença limiar: Retinopatia estágio 3, em zona I ou II, com pelo menos 5 horas de extensão contínuas ou 8 horas intercaladas, na presença de doença plus Ref: Early Treatment for Retinopathy of Prematurity Cooperative Group. Revised Indications for the Treatment of Retinopathy of Prematurity. Arch Ophthalmol. 2003;121:

7 Programas de Retinopatia da Prematuridade - Brasil Population of Brazilian cities represented at the ROP Workshop, % of babies with BW < 1,500g, number of neonatal units and known ROP screening programmes: 2002 CityPop (county) Live births % <1,500g No <1,500gSurvival 60% 5-10% ROP3+ No NICUsKnown ROP programme Curitiba 1,500,00027, Manaus 1,300,00038, ??3 Porto Alegre1,360,59037, Belo Horizonte 2,139,12536, Campinas 1,000,00014, Goiânia 1,056,3309, ?? Recife 1,422,90525, Florianópolis 342,3155, (73.5)* Joinville 429,6046,402?? ( ) 22 São Paulo10,434,252213, ,2421, Rio de Janeiro5,600,000103, ,9071,182 (62)* (public) 1 Teresina 800,00011, % Belém 1,322,68229, Fortaleza 3,046,16037, (50)* Vitória 296,0104, (73)* 2-4( ) 101 Salvador2,485,70249,

8 II Workshop no Rio: Dez 3-4, participantes 3 grupos de trabalho Questionário UTIs neo do pais – SBP Questionário escola para cegos Formulário padronizado Banco de dados Follow-up: Dez 1, 2005 Programas de Retinopatia da Prematuridade - Brasil

9 III Workshop em SP: Dez 1, participantes 3 grupos de trabalho Questionário escola para cegos Formulário padronizado Banco de dados Kit divulgação: cartaz, folder, logo Follow-up: Nov 18, 2006 Programas de Retinopatia da Prematuridade - Brasil

10 Programas de Retinopatia da Prematuridade – Brasil 2006 CityPop (county) Live births % <1,500g No <1,500gSurvival 60% 5-10% ROP3+ No NICUsKnown ROP programme Curitiba 1,500,00027, Manaus 1,300,00038, ??3 Porto Alegre1,360,59037, Belo Horizonte 2,139,12536, Campinas 1,000,00014, Goiânia 1,056,3309, ?? Recife 1,422,90525, (90%) Florianópolis 342,3155, (73.5)* Joinville 429,6046,402?? ( ) 22 São Paulo10,434,252213, ,2421, Rio de Janeiro5,600,000103, ,9071,182 (62)* (public)7 (60% dos RNs) Teresina 800,00011, % Belém 1,322,68229, (100% setor publico) Fortaleza 3,046,16037, (50)* (90% RNS) Vitória 296,0104, (73)* 2-4( ) 101 Salvador2,485,70249, São Luis 940,32018, %13133 (100%)

11 IV Workshop em SP: Nov 18, participantes 3 grupos de trabalho Kit Divulgação Follow-up: Nov, 2007 Programas de Retinopatia da Prematuridade - Brasil

12 Resultados de pesquisa enviada pela SBP as unidades neonatais do país Situação dos programas de ROP: % de cobertura das cidades % ROP grave PN e IG dos pacientes tratados Formulário de exame padronizado disponível na página: Cartaz ROP, LOGO, folheto 2007: planos futuros Banco de dados Expansão dos programas existentes e implementação de novos São Luis e Salvador Comissão de honorários Diretrizes de exame e tratamento de ROP

13 Eventos Científicos Congressos de Oftalmologia, Congressos de Pediatria Cursos com SBP, SBOP I LA ROP Workshop: 5 brasileiros Congresso Mundial ROP Lituânia: 3 brasileiros Publicações científicas: JBP, ABO, Pediatrics Projetos de Pesquisa: FIOCRUZ, UFRGS, UNIFESP Interação com Universidades/Institutos de Pesquisa Interação com outros projetos ROP Latinoamérica Integração com Secretarias Municipais/Estaduais de Saúde Apoio: OPAS/OMS, IAPB

14 GRUPO ROP Brasil Grupo Nacional Sociedades Nacionais Plano de Ação Onde estamos? Onde queremos chegar? Como chegar? Evidência científica: melhorar a prática clínica Com produção científica Capacitando outros profissionais, prestando assessoria Buscando recursos Todos com um objetivo comum Redução da cegueira infantil por ROP em nosso país

15 Agradecimentos CBMI SBP SBOP OPTO HOYA ALCON ALLERGAN NOVARTIS LATINOFARMA IBOL-RJ Hospital Albert Einstein – SP Instituto da Visão-UNIFESP


Carregar ppt "Retinopatia da Prematuridade Situação atual no Brasil."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google