A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE – UFCG CENTRO DE TECNOLOGIA E RECURSOS NATURAIS – CTRN PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL E AMBIENTAL ÁREA DE ENGENHARIA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE – UFCG CENTRO DE TECNOLOGIA E RECURSOS NATURAIS – CTRN PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL E AMBIENTAL ÁREA DE ENGENHARIA."— Transcrição da apresentação:

1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE – UFCG CENTRO DE TECNOLOGIA E RECURSOS NATURAIS – CTRN PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL E AMBIENTAL ÁREA DE ENGENHARIA DE RECURSOS HÍDRICOS – AERH DISCIPLINA Sistemas de Informação Geográfica e de Apoio à Decisão PROFESSORES: Carlos de O. Galvão Iana Alexandra A. Rufino

2 Aplicações de SIG Adriana C. Tavares ( Marina S. de A. Vilar Suzana M. S. Lima Discentes:

3 Os Sistemas de Informação Geográfica (SIG) Constitui-se numa ferramenta imprescindível para um número crescente de estudos e tem se revelado como uma ferramenta poderosa na tomada de decisões.

4 ESTUDOS DE CASOS Utilização do SIG nas seguintes áreas: Saúde Ecologia; Ambiental. Gerenciamento; Vigilância Epidemiológica

5 Aplicações na Saúde: No estudo de John Snow sobre as origens da cólera (1854). No estudo de John Snow sobre as origens da cólera (1854).

6 Simulação de Cenários para intervenção Simulação de Cenários para intervenção Mapa da Cidade de Natal; Legenda – Densidade demográfica de Crianças na Cidade; Postos de saúde; Área atendida pelo posto de saúde (buffers); SIG e Saúde na Cidade de Natal

7 Simulação de Cenários para intervenção Simulação de Cenários para intervenção Otimização da distribuição dos postos de vacinação e das vacinas pelos postos; Planejamento do atendimento de populações diante de catástrofes, naturais ou não, como enchentes, incêndios, acidentes nucleares. SIG nos serviços de saúde: garantia de acesso, mercados, qualidade da assistência.

8 Simulação de Cenários para intervenção Simulação de Cenários para intervenção Residências dos pacientes atendidos; Hospitais de Emergência do SUS; Áreas de concentração de casos. O SIG permite analisar em detalhes os mercados hospitalares e estabelecer políticas que possibilitem organizar melhor o acesso da clientela, garantindo maior eficiência, e principalmente qualidade no atendimento.

9 Mapeamento de doenças D Descrição do processo espacial de distribuição das doenças; Delimitação de áreas de risco para: - mortalidade, - incidência de eventos mórbidos; orientar a alocação de recursos; levantar hipóteses etiológicas; Predição de epidemias.

10 Mapeamento de doenças Comparação entre um indicador socioeconômico de risco com o coeficiente de detecção de hanseníase, visando identificar as áreas onde o programa de controle deve ser intensificado

11 Mapeamento de doenças Índice Parasitário Anual de Malária no Estado de Rondônia, 1991 e 1997.

12 SIG e Estudos Ecológicos SIG e Estudos Ecológicos Utilização em Utilização em modelos preditivos da distribuição de espécies de fauna e flora; Caracterização e cartografia de habitats; Em estudos mais diretamente aplicados à conservação e gestão de recursos naturais.

13 SIG e Estudos Ecológicos SIG e Estudos Ecológicos Distribuição de duas espécies de aves: um passeriforme, a calhandra-comum (Melanocorypha calandra), e uma estepária, o alcaravão (Burhinus oedicnemus).

14 SIG e Monitoramento Ambiental SIG e Monitoramento Ambiental Acompanhamento de potenciais fontes ambientais de problemas de saúde: poluentes químicos, insolação (Raios UV), vegetação, clima, etc; Cluster: identificação de focos de doença ou avaliação de aumento de risco ao redor de fonte suspeita de risco ambiental; detecção de epidemia; Avaliação e monitoramento ambiental: estimativa e monitoramento da distribuição espacial de fatores ambientais relevantes para a saúde; È possível por meio do SIG, unificar e correlacionar dados ambientais de regiões em estudo para possibilitar constante atualização das condições ambientais regionais; Mais recentemente tem-se recorrido aos SIG para modelar as conseqüências da mudança climática global.

15 SIG e Monitoramento Ambiental SIG e Monitoramento Ambiental Espacialização e visualização da contaminação por Selênio da água subterrânea no Município de São Francisco de Itabapoana.

16 SIG e Monitoramento Ambiental SIG e Monitoramento Ambiental Poços monitorados e os índices de contaminação ; Poços monitorados e os índices de contaminação ;

17 SIG e Monitoramento Ambiental SIG e Monitoramento Ambiental Distribuição Distribuição das ocorrências ambientais atendidas pela PATRAM em 2002/2003.

18 SIG e Monitoramento Ambiental SIG e Monitoramento Ambiental C Correlação áreas de maior densidade e os tipos de crimes ambientais mais comuns na região.

19 Uma proposta de utilização de SIG na cidade do Recife Localizar áreas sujeitas a deslizamentos e inundações e com ocorrência de doenças como a filariose, o dengue e a leptospirose, levando-se em conta a localização espacial dos casos e a densidade de vetores em relação à altitude; A relação desse conjunto de dados possibilitará estudar padrões de distribuição geográfica de doenças e agravos e sua relação com fatores socioambientais de risco. O SIG pode ampliar a capacidade de monitoramento e prevenção de acidentes nos morros da capital pernambucana por integrar, num sistema de visualização em três dimensões, imagens de satélite, bases de dados e imagens de logradouros.

20 OBRIGADA! Aplicações de SIG


Carregar ppt "UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE – UFCG CENTRO DE TECNOLOGIA E RECURSOS NATURAIS – CTRN PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL E AMBIENTAL ÁREA DE ENGENHARIA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google