A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

UFABC O projeto acadêmico Luiz Bevilacqua Maio 2007.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "UFABC O projeto acadêmico Luiz Bevilacqua Maio 2007."— Transcrição da apresentação:

1 UFABC O projeto acadêmico Luiz Bevilacqua Maio 2007

2 Palavra do Presidente Mais do que formar para o trabalho a educação deve ser sobretudo libertadora. Um país cresce quando absorve conhecimento mas só é forte se for capaz de gerar conhecimento. Deve-se apoiar tanto pesquisa aplicada quanto pesquisa básica Presidente Lula no Congresso Nacional 1de janeiro de 2007

3 As Sementes da Explosão do Conhecimento Capacidade de observação Microcosmos Macrocosmos Telescópios Exploração do espaço Capacidade de calcular Computação

4 Um Mundo Complexo Ciências da Natureza, Ciências Sociais, Humanidades Matemática Modelagem Simulação Representação INTERDISCIPLINARIDADE SISTEMAS COMPLEXOS Tecnologias

5 Colapso das Barreiras Mecânica Elétrica Civil Materiais Física Química Biologia NOVA CIÊNCIA NOVAS TECNOLOGIAS

6 Formação para o Futuro Revisão da estrutura de conteúdos: 100 anos de ciência Ênfase na formação básica: menor obsolescência Liberdade de trajetórias: novos perfís profissionais Eliminar barreiras: interdisciplinaridade

7 A Proposta da UFABC Eliminar departamentos Reorganizar o recorte do conhecimento científico Instituir disciplinas com conteúdos abertos sob a coordenação da pro-Grad. Maior liberdade na composição do currículo Admissão á Universidade

8 Os Centros Centro de Ciências da Natureza e Humanidades. A descoberta. Centro de Matemática, Computação e Cognição. A crítica. Centro de Engenharia, Modelagem e Ciências Sociais Aplicadas. A invenção.

9 O Novo Recorte Estrutura da Matéria Energia Processos de Transformação Informação e Comunicação Representação e Simulação Humanidades

10 Uma Experiência Bem Sucedida Base Experimental das Ciências Naturais Essencialmente Experimental: mão na massa Disciplina do primeiro semestre: exige criatividade e dedicação Apresentação de poster num simpósio de fim de curso: interação com a sociedade

11 Formação Básica Cerca de 35% dos créditos obrigatórios Cerca de 30% dos créditos selecionados dentre as disciplinas BCT (Conteúdo dinâmico) Cerca de 35% livres

12 Exemplos de Disciplinas do BCT ( sob coordenação da Pro-Grad) Dinâmica de sistemas complexos; Estados limite de sistemas naturais; Lógica, cognição e computação; Filosofia da Ciência; Modelagem de Sistemas; Introdução à Teoria dos Jogos; Teoria dos Jogos e Evolução; Filosofia da Religião. Princípios de Mecânica Quantica. Biologia da Célula. Introdução à Genética.

13 As Trajetórias

14 Os Cursos Ciências da Natureza Matemática Computação Engenharias Engenharia de Materiais Engenharia de Materiais Engenharia de Gestão Engenharia de Gestão Engenharia de Instrumentação, Automação e Controle Engenharia de Instrumentação, Automação e Controle Bioengenharia Bioengenharia Engenharia Ambiental -Engenharia Urbana Engenharia Ambiental -Engenharia Urbana Engenharia de Sistemas de Informação Engenharia de Sistemas de Informação Engenharia de Telecomunicação e Tele-processamento. Engenharia de Telecomunicação e Tele-processamento. Engenharia de Energia Engenharia de Energia Engenharia Aero-espacial Engenharia Aero-espacial Acadêmico versus Profissional

15 Mobilidade de Estudantes e Professores Intercâmbio de Estudantes: Gradução e Pós-gradução Intercâmbio de Professores: Universidades e Empresas Professores Conferencistas nos temas profissionais

16 Educar Estimular a criatividade – Mais estudo e menos aula – Pensar Conquistar auto-confiança – Ousar e reduzir a aversão ao risco Tomar decisões e ter iniciativas – Menos queixas e mais soluções

17 Em Construção Docentes 100 todos doutores Funcionários técnicos e administrativos Alunos 1500 alunos Infra-estrutura Espaço físico Equipamentos INSTITUTO DE COGNIÇÃO E SISTEMAS COMPLEXOS

18 Missão Ensino- Para o trabalho e conquista da liberdade Pesquisa- Básica e aplicada sempre original Extensão- Para abrir as portas do mundo da inteligência – Ciência e Arte Regional versus Universal

19 Avaliação Institucional Política Acadêmica. Perfil acadêmico do quadro docente: áreas e titulação Política de qualificação docente e carreira Contribuição ao ensino: Textos didáticos. Presença de ex-alunos em posições de liderança na academia, no meio empresarial, no meio artístico, na administração pública. Prêmios obtidos por alunos e professores na área de ensino. Programa de iniciação científica. Contribuição ao avanço e divulgação do conhecimento. Publicações em periódicos selecionados. (Editados por Associações Científicas) Citações. Projetos aprovados por instituições de fomento à pesquisa. Contribuição à solução de problemas críticos da sociedade. Resultados de contratos com empresas e órgãos de administração pública Patentes e inovações tecnológicas Divulgação científica e artística Reconhecimento da comunidade acadêmica nas suas várias vertentes Bolsistas de produtividade do CNPq. Membros de Academias e membros distintos de Associações Científicas reconhecidas. Prêmios e distinções referentes à atuação acadêmica.

20 Alguns Nós Legislação Autonomia Administrativa e Financeira Desvalorização de outras missões do Ensino Superior Universidade, Elitismo, Inclusão e Avaliação. TCU, CGU e futuros XXU A Torre de Marfim e a Extensão

21 Eu não consigo ver escapatória desse dilema ( exceto se o nosso verdadeiro objetivo seja perdido para sempre) a não ser que alguns de nós nos aventuremos a embarcar na síntese de fatos e teorias, a despeito do conhecimento incompleto e de segunda mão de alguns deles, e com o risco de passarmos por tolos. E. SHRODINGER A propósito da interdisciplinaridade


Carregar ppt "UFABC O projeto acadêmico Luiz Bevilacqua Maio 2007."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google