A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Aprendizagens profissionais e as relacões interdisciplinares Confêrencia aos estudantes do PPGEA Rio 2009 Marie-Hélène Bouillier ENFA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Aprendizagens profissionais e as relacões interdisciplinares Confêrencia aos estudantes do PPGEA Rio 2009 Marie-Hélène Bouillier ENFA."— Transcrição da apresentação:

1 Aprendizagens profissionais e as relacões interdisciplinares Confêrencia aos estudantes do PPGEA Rio 2009 Marie-Hélène Bouillier ENFA

2 Plano da intervenção I-Currículos profissionais e conteúdos de ensino - uma aproximação para os conhecimentos II -Comprender o trabalho para formar a nível de competências profissionais III -Como ensinar conhecimentos profissionais, para formar a nível de competência? IV -Orientação para o trabalho do grupo

3 II-Currículos profissionais e conteúdos de ensino uma aproximação para os conhecimentos

4 Processo de elaboração de currículos em uma perspectiva profissional Funções, atividades, balizamentos Lista de competências Esperadas e Organizadas em grandes unidades. Situação de avaliação que certificam as competências e os saberes adquiridos Organização em módulos definidos por objetivos pedagógicos Referencial de formação Referencial profissional Referencial de avaliação

5 Capacidade, competência e objetivos pedagógicos Permite agir de forma eficiente para resolver um problema dentro de uma situação definida Potencialidade Competência, descontextualização Disposição a agir de maneira transversal Tradução em torno de conteúdos de formação. Definir os resultados descartados de uma sequência de aprendizagem competência capacidade Objetivo pedagógico

6 Definição de um módulo Unidade de formação ligada à aquisição de um campo de competência que apresenta os objetivos de formação que decorrem e os conteúdos que lhes correspondem Objetivo geral: Objetivos específicos Conteúdos : …………. Título : Campo de competência visado:

7 Daprès Raisky (1993) Modelização dos saberes profissionais agrícolas Contexto (social, familiar, cultural, econômico ) Situação profissional Ações profissionais Saberes Teóricos Saberes Técnicos Saberes Práticos

8 Uma concepção da noção de competência A competência está associada a um conjunto de conhecimentos: saber, saber fazer, saber ser. A competência é vista como a capacidade de mobilizar um conjunto de conhecimentos para resolver um problema.. agir eficazmente dentro de um contexto dado. Le Boterf, 2000

9 II Compreender o trabalho para formar a nível de competências profissionais. As contribuições da didática profissional

10 Comprender a atividade Tarefa Atividade O que a pessoa faz fisicamente e intelectualmente numa situação contextualizada Metas O que uma pessoa deve mudar no seu trabalho? Sobre o que ela age? Qual interpretação ela faz da tarefa? Dentro de quais situações ela age?

11 Atividade e competência O Trabalho e suas finalidades Variabilidade das situações para cada tarefa T1 T2 A competência deve permitir lidar com situações muito diferentes.

12 Toda atividade Modelo operativo: geralmente implícito (difícil de descrever) Modelo cognitivo: Explícito científico o implícito, informal (não apresenta conjunto de conhecimentos bem definidos) Comporta uma dimensão produtiva e uma dimensão construtiva. «Aprendizagem de uma atividade: relação prática e teórica Aprendizagem de uma atividade : relação teoria e prática

13 Relação atividade-conhecimento (Pastré, 2008) Formas de conhecimento PredicativaOperatório Registro de conceituação Epistêmico Como funciona, o que é feito... Pragmático como fazer para...? Ponto de vista da tarefa Conhecimentos homologados Estructura conceitual da situação Indicadores pertinentes para a ação Ponto de vista da atividade Modelo cognitivo Compreensão, justificação, da ação realizada Modelo operativo Estratégias daqueles que disponham de ferramentas para compreender o objetivo da ação

14 As relações que levam ao aprendizado (Pastré, 2008) Formas de conhecimento PredicativoOperatorio Registro de conceituação EpistémicoPragmático Ponto de vista da tarefa ConhecimentoEstructura conceitual da situação Ponto de vista da atividade Modelo cognitivoModelo operativo : Reaproximação entre os modelos de tema e a dimenção objetiva que servem de referência à esses objetos 2 : Evolução conjunta ou separada dos modelos cognitivos e operativos no tema

15 Dispositivo de aprendizagem: Diferentes modos de articulação 1 - O modelo cognitivo teórico é aprendido, independentemente, antes que aluno construa o modelo operativo. A prática deve permitir a construção deste modelo a partir do modelo cognitivo e de exercícios de atividade. A importância da síntese e da análise da atividade após o evento. 2 - Aprendizagem no momento : os dois modelos são aprendidos ao mesmo tempo. O modelo cognitivo é empírico. Ele permite agir, porém, não justifica as ações.

16 Uma outra concepção da noção de competência Transpassa a abordagem analítica de competência, vista como a aplicação de um conjunto de saberes preexistentes a uma dada situação. A competência vista como uma combinação que não se elabora dentro de uma ação. A ação é organizada e guiada por um sistema mental dinâmico e estruturado em fins, regras de ação, procedimentos (invariáveis operatórias e processos que permitem se adaptar às situações).

17 III Como ensinar conhecimentos profissionais, formar a nível de competência?

18 O modelo Didático Socio Construtivista Interativo Jonnaert, Vander Borght, Sócio Construtivista Interativo Com os outros alunos Com o corpo docente Como se constrói a aprendizagem escolar? Colocando o aluno em condição de: Construir seu própio conhecimento De utilizar os conhecimentos prévios Permitindo ao aluno atuar reciprocamente com o meio Em situações A propósito das situações de aprendizagem

19 O que é uma situação de aprendizagem? Noção de situação didática (Brousseau) : Conjunto de condições que o professor reúne para confrontar o aluno com novos objetivos ou novas propriedades: situação de ação, situação de formulação. A situação didática deve ser : -Parecida com o que o aluno já consegue adquirir para movimentar seus recursos. - Nova, para que tenha um aprendizagem - Com mediação: tutela, professor, símbolos (documentos, gráficos)

20 Classes de situação de aprendizagem ( Pastré 2008) metas Registro Epistêmico Registro Pragmático Aprendizagem de um conhecimento Aprendizagem de uma atividade em situação de trabalho Transmission de savoirs Construção de situação–problema Tutorat Transmissão de conhecimentos Tutoria

21 Dupla referência de uma situação-problema em formação profissional Situation- problème Situação- problema Referência a uma tarefa profissional Atividades de transformação do meio Referência a conhecimentos Aprendizagem dos conhecimentos em destaque no programa

22 Corrente teórica sócio-construtivistas: Atividade dentro da qual o aluno é levado a se confrontar com situações-problema que o levam a se questionar Corrente teórica sócio-construtivistas: Atividade dentro da qual o aluno é levado a se confrontar com situações-problema que o levam a se questionar O processo de resolução do problema é parte de uma aprendizagem organizada e conduz a movimentação de conhecimentos de diferentes disciplinas O processo de resolução do problema é parte de uma aprendizagem organizada e conduz a movimentação de conhecimentos de diferentes disciplinas A confrontação (síntese) de diferentes saberes disciplinares brinda a organização de uma produção concreta. A interdisciplinaridade se refere a uma pedagogia de projeto. A idéia de projeto está associada a uma noção que se torna significativa para o aluno, que terá uma tarefa real a realizar A confrontação (síntese) de diferentes saberes disciplinares brinda a organização de uma produção concreta. A interdisciplinaridade se refere a uma pedagogia de projeto. A idéia de projeto está associada a uma noção que se torna significativa para o aluno, que terá uma tarefa real a realizar Y.Lenoir, G.Fourez Modelo didático interdisciplinar

23 Valorização da experiência profissional dentro da formação Conceituação da modelagem. Formalização dos esquemas Aplicação, Tranferência, tranposição, contextualização Experiências profissionais vividas Esclarecimento e aplicação da experiência Contribuições de experiências e conceitos exógenos Contribuições de conhecimentos teóricos Según Le Boterf, 2001

24 V Orientações para o trabalho de grupo

25 Exemplo de um tema, … cf. referencial : desenvolvimento local – qualidade dos produtos Projeto : sensibilizar os alunos à noção de qualidade, de valorização dos produtos regionais definição da situação-problema que vai permitir a construção do conhecimento. Problema concreto Reunir os elementos para justificar o acesso do produto ao label AOC frente ao I.N.A.O. Concretização Elaborar uma modelagem dos conhecimentos mobilizados para alcançar essa meta, (conhecimentos de disciplinas, práticas, etc. Selecionar, organizar, pôr os conhecimentos dentro de um sistema ) corpo docente Elaborar um arquivo de demanda de acesso de um produto ao label AOC.

26 « 4 condições para organizar a aprendizagem em relação à situações-problemas » segùn P. Joannert et C.Van der Borght (1999) - « Créar condiciones de apprentizage » - DE BOECK Université p A situação e seus componentes devem ter um sentido no campo de conhecimento dos alunos Deve se relacionar numa rede de conceitos ricos de acessibilidades para um sujeto que é capaz de ter acesso a esta complexidade. Deve se relacionar numa rede de conceitos ricos de acessibilidades para um sujeto que é capaz de ter acesso a esta complexidade. 2 O sujeto deve conseguir rapidamente o tipo de resultado a alcançar depois de resolver o problema

27 3 O sujeto deve disponibilizar de um conjunto de recursos que permitem iniciar uma estratégia eficaz. Esta estratégia deve o conduzir a relacionar seus conhecimentos e competências aos recursos materiais e humanos presentes nessa situação. 4 Sua meta é a criação ou a adaptação de conhecimentos (ou competências) que permitem ao aluno de resolver a situação do problema. A aprendizagem é anterior ou concomitente à resolução do problema : o sujeto aprende para construir os ferramentos que lhe faltavam para resolver o problema.

28 Proposta de progressão BTSA VO 2° ano Ação preparatória de uma mistura seguindo a guia de trabalho ObjetivosMétodo e conteúdoAtividade do alunoParticipantes e recursosAvaliação N°2 : Ser capaz de realizar a síntese de uma ação e de apresentar os resultados Secção N°1 Degustação da mistura Secção N°2 Restituição oral : apresentação do projeto baseado num documento escrito Degustação e comentário sobre os vinho(s) 15min/grupo Enólogo + ESC + chefe da empresa Presença de profissionais 3h Oral baseada numa escala de avaliação D D Apresentação oral de 15 minutos 5 minutos /aluno Todos os professores envolvidos 3h Oral baseada numa escala de avaliação escrita sobre o documento Secção n°3 Balanço geral da ação Comenta, testemunhaTodos os professores 1h30

29 Indicação para o trabalho de grupo Identificar a finalidade da sequência de formação que querem iniciar : palavras-chaves… Modelar os grandes objetivos e conteúdos que a sequência tem como finalidade : As relações com atividades profissionais, relações com conceitos teóricos que necessitam saber aprender Escolher um tema integrador e construir um cenário interdisciplinar –Situar a sequência dentro de um currículum –Definir a situação concreta onde os alunos vão ser colocados, o problema que eles vão ter que resolver e o que eles vão ter que produzir concretamente. –Identificar as principais aprendizagens que estão previstas e as contribuições de recursos necessários. Analisar sua própia experiência : principais dificuldades, condições de transferência em seu establecimento


Carregar ppt "Aprendizagens profissionais e as relacões interdisciplinares Confêrencia aos estudantes do PPGEA Rio 2009 Marie-Hélène Bouillier ENFA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google