A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Autor (es): Acadêmico 1 (FASF) Acadêmico 2 (FASF) Acadêmico 3.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Autor (es): Acadêmico 1 (FASF) Acadêmico 2 (FASF) Acadêmico 3."— Transcrição da apresentação:

1 Autor (es): Acadêmico 1 (FASF) Acadêmico 2 (FASF) Acadêmico 3 (FASF) Acadêmico 4 (FASF) Acadêmico 5 (FASF) Orientador: Prof. Patrício Vasconcelos Disciplina: Gestão da Informação e Processo Decisório Ponta Grossa, xx de Junho de 2013.

2 Tópico 1 Tópico 2. Tópico 3 *Frases que justificam este estudo e a sua importância.

3 Identificar se uma empresa do ramo de (inserir área da empresa) adota às sete dimensões e práticas gerenciais da gestão do conhecimento de acordo com o autor Terra (2001) na percepção de seus gestores.

4 Nonaka e Takeushi (2001) Terra (2001) Vergara (2007) Outros (ano) * Autores que foram utilizados para as análises dos resultados.

5 A pesquisa foi desenvolvida junto a uma empresa do setor (inserir área da empresa) tendo como objeto de estudo os gestores (inserir as áreas), localizada na (inserir as informações de localização desde que resguarde o sigilo da empresas pesquisada). Para o desenvolvimento deste trabalho realizou-se uma pesquisa aplicada, qualitativa e exploratória conforme tipologias de Vergara (2007), com procedimentos técnicos via estudo de caso, através de um questionário composto por 41 (quarenta e uma) questões que buscam identificar e diagnosticar se a empresa adota às sete dimensões e práticas gerenciais da gestão do conhecimento de acordo com o autor Terra (2001) em sete dimensões. A população desta pesquisa foi circunscrita a XX gestores, com uma amostra de xx dos entrevistados, selecionados por acessibilidade.

6 I – PERFIL SÓCIO-DEMOGRÁFICO DOS PESQUISADOS; II. EXISTÊNCIA DAS PRÁTICAS DAS SETE DIMENSÕES DA GESTÃO DO CONHECIMENTO NA EMPRESA EM ESTUDO.

7 1. Fatores estratégicos e o papel da alta administração Existe elevado nível de consenso sobre quais são as core competences da empresa, ou seja, quais são os pontos fortes da empresa em termos de habilidades e competências A macro estratégica da empresa é comunicada, amplamente, para todos os níveis organizacionais A alta administração estabelece, frequentemente, metas desafiadoras em um sentido de urgência para a mudança da realidade em direção a uma visão estabelecida Existe elevado nível de consenso sobre quais são as core competences da empresa, ou seja, quais são os pontos fortes da empresa em termos de habilidades e competências A macro estratégica da empresa é comunicada, amplamente, para todos os níveis organizacionais. Fonte: Pesquisa de Campo

8 2. Cultura e valores organizacionais A missão e os valores da empresa são promovidos, de forma consistente, por atos simbólicos e ações Há um elevado sentimento de confiança entre empresa e funcionários, existem de maneira geral, um grande orgulho em trabalhar para a empresa As pessoas não estão focadas apenas no curto prazo Estimula-se a experimentação. Há liberdade para tentar e falhar Existe uma grande honestidade intelectual na empresa, ou seja, as pessoas são autênticas e deixam evidente aquilo que conhecem e também o que não conhecem As pessoas estão preocupadas com toda a organização e não apenas com sua área de trabalho, ou seja, buscam uma otimização conjunta Reconhece-se que tempo é um recurso importante para o processo de inovação Novas ideais são valorizadas. Há permissão para discutir ideias bobas As realizações importantes são comemoradas Há grande tolerância para piadas e humor. Fonte: Pesquisa de Campo

9 3. Estrutura organizacional Realizam-se, com frequência reuniões informais, fora do local de trabalho, para a realização de brainstormings Os layouts são conducentes às trocas informais de informações (uso de espaços abertos e salas de reunião). São poucos os símbolos de status e hierárquicos Há um uso constante de equipes multidisciplinares e formais que se sobrepõem à estrutura formal tradicional e hierárquica Há um uso constante de equipes adhoc ou temporárias, com grande autonomia, totalmente dedicadas a projetos inovadores Pequenas reorganizações ocorrem com frequência, de forma natural, para se adaptar às demandas do ambiente competitivo As decisões são tomadas no nível mais baixo possível. O processo decisório é ágil; a burocracia é mínima. Fonte: Pesquisa de Campo

10 4. Administração de recursos humanos O processo de seleção é bastante rigoroso. 4.2 Há uma busca de diversidade (personalidades, experiências, cultura, educação formal, etc) e aumento da criatividade por meio do recrutamento. 4.3 O planejamento de carreira busca dotar os funcionários de diferentes perspectivas e experiências. 4.4 O escopo das responsabilidades dos cargos é, em geral, bastante abrangente. 4.5 Há um elevado investimento e incentivo ao treinamento e desenvolvimento profissional e pessoal dos funcionários. Estimulam-se treinamentos que levam ao autodesenvolvimento. 4.6 Estimula-se o aprendizado pela ampliação dos contatos e interações com outras pessoas de dentro e fora da empresa. 4.7 O treinamento está associado às necessidades da área imediata de trabalho do funcionário e /ou às necessidades estratégicas da empresa. 4.8 Há um baixo turnover (número de pessoas que se demitem ou são demitidas) na empresa em comparação as outras empresas do mesmo setor. 4.9 A evolução dos salários está associada, principalmente, à aquisição de competências e não ao cargo ocupado Existem esquemas de premiação e reconhecimento por resultados e contribuições extraordinárias Existem esquemas de pagamentos associados ao desempenho da equipe (e não apenas ao desempenho individual). Os créditos são compartilhados Existem esquemas de participação nos lucros envolvendo a maior parte dos funcionários Existem esquemas de participação societária envolvendo a maior parte dos funcionários. Fonte: Pesquisa de Campo

11 5. Sistemas de Informação A comunicação é eficiente em todos os sentidos (de cima para baixo, de baixo para cima e entre as áreas) 5.2 As informações são compartilhadas. Existe amplo acesso, por parte de todos os funcionários, à base de dados e conhecimento da organização. 5.3 Há grande disciplina, eficiência e incentivo para a documentação do conhecimento e Knowhow existente na empresa. Fonte: Pesquisa de Campo

12 6. Mensuração dos resultados Existe uma grande preocupação em medir resultados sob as várias perspectivas (financeiras, operacionais, estratégicas, aquisição do conhecimento). 6.2 Esforços para avaliar as competências e conhecimentos dos colaboradores da organização são realizados com frequência e os resultados são amplamente divulgados internamente. Fonte: Pesquisa de Campo

13 7. Aprendizado com o ambiente A empresa aprende muito com seus clientes. Existem vários mecanismos formais e informais bem estabelecidos para essa finalidade. 7.2 A empresa tem habilidade na gestão de parcerias com outras empresas. 7.3 A empresa tem habilidade na gestão de parcerias com universidades e institutos de pesquisa (contratação de pesquisa externa). 7.4 A decisão de realizar alianças está, frequentemente, relacionada a decisões estratégicas e de aprendizado importantes. Os funcionários da empresa percebem, muito claramente, esse objetivo de aprendizado. Fonte: Pesquisa de Campo

14 Com as respostas e dados obtidos na pesquisa, pode-se constatar que as dimensões da gestão do conhecimento existente na empresa em estudo são X, Y, Z... Os resultados comprovam a relevância desse assunto, pois... *Exemplos que podem ser utilizados nas conclusões.

15 TERRA, J.C.C. Gestão do Conhecimento: o grande desafio empresarial. 3ª ed. São Paulo: Negócio, VERGARA, Silvia Constant. Projetos e Relatórios de Pesquisas em Administração. 9.ed. São Paulo: Atlas, 2007.


Carregar ppt "Autor (es): Acadêmico 1 (FASF) Acadêmico 2 (FASF) Acadêmico 3."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google