A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

LIGAÇÕES ENTRE ELEMENTOS PRÉ- MOLDADOS Quanto ao tipo de vinculação: a) Ligação articulada – não transmite momento fletor; b) Ligação rígida – transmite.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "LIGAÇÕES ENTRE ELEMENTOS PRÉ- MOLDADOS Quanto ao tipo de vinculação: a) Ligação articulada – não transmite momento fletor; b) Ligação rígida – transmite."— Transcrição da apresentação:

1 LIGAÇÕES ENTRE ELEMENTOS PRÉ- MOLDADOS Quanto ao tipo de vinculação: a) Ligação articulada – não transmite momento fletor; b) Ligação rígida – transmite momento fletor; c) Ligação semi-rígida – transmite parcialmente os momentos fletores; Quanto ao emprego de concreto e argamassa no local: a) Ligação seca; b) Ligação úmida;

2 LIGAÇÕES ENTRE ELEMENTOS PRÉ- MOLDADOS Quanto ao esforço principal transmitido: a) Ligação solicitada por compressão; b) Ligação solicitada por tração; c) Ligação solicitada por cisalhamento; d) Ligação solicitada por momento fletor; e) Ligação solicitada por momento de torção;

3 LIGAÇÕES ENTRE ELEMENTOS PRÉ- MOLDADOS Quanto à colocação de material de amortecimento: a) Ligação dura (hard): ligação com solda ou concreto moldado no local; b) Ligação macia (soft): com a intercalação de material de amortecimento;

4 LIGAÇÕES ENTRE ELEMENTOS PRÉ- MOLDADOS Nas ligações entre os elementos pré-moldados pode-se recorrer a uma variedade de recursos: a) Armadura saliente e concreto moldado no local: Tem a necessidade de aguardar o endurecimento do concreto para efetivação da ligação; b) Conformação por encaixes, recortes e chaves; c) Cabos de protensão;

5 LIGAÇÕES ENTRE ELEMENTOS PRÉ- MOLDADOS d) Conectores metálicos, solda e parafusos; e) Apoios de elastômeros; f) Dispositivos metálicos; g) Argamassa e concreto de granulometria fina;

6 LIGAÇÕES ENTRE ELEMENTOS PRÉ- MOLDADOS

7

8

9

10

11

12 EXIGÊNCIA DAS LIGAÇÕES Execução e montagem: - ligações parafusadas: facilidade de montagem (sem necessidade de grandes escoramentos), são dificultadas devido à exigência de tolerâncias muito pequenas. - as ligações executadas com interposição de argamassa e/ou concreto entre os elementos admitem tolerâncias maiores, porém necessitam de escoramentos até a cura da massa.

13 EXIGÊNCIA DAS LIGAÇÕES Aspecto: As ligações devem ser claras e limpas, e principalmente, pouco notadas. Evitar fendilhamentos nas superfícies ou zonas de contato de peças pré-fabricadas (Chanfros em bordos e cantos); Economia: ligações complicadas encarecem a obra. Devem ser simples e de comportamento claro. Equilíbrio entre números de ligações e as dimensões dos elementos pré-fabricados;

14 TIPOLOGIA DAS LIGAÇÕES ENTRE ELEMENTOS PRÉ-MOLDADOS Classificação quanto ao processo de execução: a) Ligações de gravidade: Atuando através do atrito introduzido pelas forças de gravidade entre os elementos. Os esforços preponderantes são de compressão; Podem ser realizadas apoiando simplesmente um elemento sobre o outro ou com a interposição de um material de separação (placas de neoprene, teflon, chumbo ou concreto e argamassa)

15 TIPOLOGIA DAS LIGAÇÕES ENTRE ELEMENTOS PRÉ-MOLDADOS b) Ligações parafusadas: Ligação dos elementos através de parafusos, sendo em alguns casos protegidos por chapas metálicas dispostos em suas extremidades; c) Ligações protendidas: Aplicação de protensão aos elementos pré- fabricados através da seção em que se realiza a ligação;

16 TIPOLOGIA DAS LIGAÇÕES ENTRE ELEMENTOS PRÉ-MOLDADOS d) Ligações soldadas: Soldagem de chapas ou perfis metálicos dispostos nas suas extremidades; Deverá ser garantida a soldabilidade das chapas; Grande atenção ao correto posicionamento das chapas evitando desalinhamentos; Compactação eficiente do concreto evitando nichos ou vazios junto às chapas metálicas;

17 TIPOLOGIA DAS LIGAÇÕES ENTRE ELEMENTOS PRÉ-MOLDADOS e) Ligações de continuidade moldadas na obra: Concretagem na obra da zona entre peças em que se realiza a continuidade das armaduras a qual se pode obter por vários processos: (soldagem, sobreposição de vergalhões, luvas de envolvimento, acoplamentos roscados); Evitar a formação de zonas fracas no concreto e evitar a retração diferencial;

18 TIPOLOGIA DAS LIGAÇÕES ENTRE ELEMENTOS PRÉ-MOLDADOS f) Ligações coladas: Normalmente com resinas epóxi, que transmitem os esforços na ligação a qual é completada normalmente com a aplicação de protensão; Cuidados na mistura para formação da cola, na sua aplicação, e principalmente nas propriedades mecânicas do material (ensaios). Limitações quanto à temperatura e ao cisalhamento;

19 TIPOLOGIA DAS LIGAÇÕES ENTRE ELEMENTOS PRÉ-MOLDADOS As principais formas de executar as ligações entre os elementos pré-moldados podem ser divididas em dois tipos: a) Ligações em elementos tipo barra (Inclui as ligações típicas de pilares e vigas); b) Ligações em elementos tipo folha (Inclui as ligações típicas de lajes e paredes);

20 LIGAÇÕES EM ELEMENTOS TIPO BARRA As ligações tipo barra podem ser agrupadas, buscando classificar as ligações com características semelhantes (mas dependendo da ligação, há particularidades);

21 LIGAÇÕES EM ELEMENTOS TIPO BARRA


Carregar ppt "LIGAÇÕES ENTRE ELEMENTOS PRÉ- MOLDADOS Quanto ao tipo de vinculação: a) Ligação articulada – não transmite momento fletor; b) Ligação rígida – transmite."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google