A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova"— Transcrição da apresentação:

1 Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova
O que você deve saber sobre A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, O MUNDO BIPOLAR E A GUERRA FRIA Depois do maior conflito bélico da história, as duas superpotências vitoriosas – Estados Unidos e União Soviética – deram início à era da bipolaridade, caracterizada pela corrida armamentista, pela intensa propaganda ideológica e pela ameaça de um apocalipse nuclear.

2 I. A Segunda Guerra Mundial (1939-1945)
Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova I. A Segunda Guerra Mundial ( ) Fonte: CHALIAND, Gérard; RAGEAU, Jean-Pierre. Atlas politique du XXe siecle. Paris: Sevil, p. 59. Maior confronto bélico da história Cerca de 70 milhões de mortes Professor: escala 1:190 km. Calculada para exibição do mapa em tela cheia na resolução de 800 x 600 pixels. Pode variar em razão das configurações do computador. Ressalte aos alunos que os principais protagonistas da Segunda Guerra foram a Alemanha nazista, a Itália fascista e o Japão militarista, que formavam o chamado “Eixo”, e, de outro, a União Soviética, os Estados Unidos e a Inglaterra, denominados “Aliados”. Muitos outros países, porém, participaram direta ou indiretamente do conflito – inclusive o Brasil, que enviou a Força Expedicionária Brasileira (FEB) para lutar na Itália, ao lado dos Aliados. A Europa no entre-guerras ( ) A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, O MUNDO BIPOLAR E A GUERRA FRIA

3 Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova
A expansão japonesa ( ) Clique na imagem para ver o mapa animado. Professor: a escala original do mapa é 1: 160 km. No mapa animado, ela pode variar em razão das configurações do computador. Lembre-se de que o Japão já disputava a hegemonia do Pacífico com a Rússia e que os conflitos entre eles foram um dos estopins da Revolução Russa. Repare no mapa acima que, além da disputa com a URSS, o Japão disputava com os EUA a hegemonia no território. A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, O MUNDO BIPOLAR E A GUERRA FRIA 3

4 Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova
Avanços ítalo-germânicos antes da Segunda Guerra Mundial ( ) Clique na imagem para ver o mapa animado. Professor: a escala original do mapa é 1:330. No mapa animado, ela pode variar em razão do zoom das configurações do computador. A Liga das Nações preferiu ignorar as ostensivas ambições de Hitler, considerando que poderiam ser muito úteis no bloqueio à União Soviética, formando um cordão contra o avanço do comunismo na Europa. A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, O MUNDO BIPOLAR E A GUERRA FRIA

5 Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova
Alinhamentos europeus ( ) Clique na imagem para ver o mapa animado. Professor: a escala original do mapa é 1:530. No mapa animado, ela pode variar em razão do zoom das configurações do computador. Utilize a animação para detalhar as ações ocorridas durante a Segunda Guerra Mundial. A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, O MUNDO BIPOLAR E A GUERRA FRIA

6 I. A Segunda Guerra Mundial
Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova I. A Segunda Guerra Mundial Potências do Eixo: práticas genocidas; extermínio étnico, cultural, político ou comportamental; escravização; utilização de humanos em experimentos químicos ou biológicos e confinamento em prisões ou campos de concentração Manipulação das massas em prol dos interesses alemães, italianos e japoneses URSS: maior número de mortos – cerca de 26 milhões de pessoas Exército alemão é derrotado na Batalha de Stalingrado, que se prolongou de julho de 1942 a fevereiro de 1943. A partir de Stalingrado, a URSS assumiu a ofensiva e perseguiu os exércitos do III Reich até a conquista final de Berlim, em 1945. A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, O MUNDO BIPOLAR E A GUERRA FRIA

7 II. A nova ordem internacional instaurada no pós-guerra
Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova II. A nova ordem internacional instaurada no pós-guerra Nas etapas finais da guerra, EUA e URSS, as duas potências vencedoras, definiriam a nova ordem internacional. Para intimidar os soviéticos, o presidente Harry Truman prepara ataques a Hiroshima e Nagasaki. Os dois bombardeios provocaram a rendição do Japão, mas não foram decisivos para o desfecho da guerra, que na ocasião já estava praticamente ganha pelos Aliados. ALBUM/AKG-IMAGES/LATINSTOCK Hiroshima após o bombardeio atômico, em 6 de agosto de 1945 A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, O MUNDO BIPOLAR E A GUERRA FRIA

8 II. A nova ordem internacional instaurada no pós-guerra
Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova II. A nova ordem internacional instaurada no pós-guerra Bloco capitalista: economia liberal, regimes republicanos e democráticos e ideologia alicerçada no indivíduo, na liberdade e na propriedade Com o fim da Segunda Guerra Mundial, o planeta foi divivido: Estados Unidos e União Soviética. Bloco socialista: planificação e estatismo econômicos, propriedade estatal dos meios de produção, regime unipartidário e ideal revolucionário que eliminasse os abismos sociais gerados pelo capitalismo. A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, O MUNDO BIPOLAR E A GUERRA FRIA

9 III. A Guerra Fria e as guerras quentes
Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova III. A Guerra Fria e as guerras quentes Abril de 1949: EUA criam a Otan, um pacto militar voltado contra a “ameaça soviética”. Participaram da fundação do organismo Bélgica, Canadá, Dinamarca, França, Islândia, Itália, Luxemburgo, Noruega, Países Baixos, Portugal e Reino Unido. Grécia, Turquia e Alemanha Ocidental aderiram a ele no curso da década de 1950; a França abandonou a Otan em 1966. Agosto de 1949: soviéticos testam sua primeira bomba atômica. 1o de outubro de 1949: ascensão dos comunistas ao poder na China Buscando conter o comunismo, os EUA envolvem-se em um confronto bélico de grandes proporções, que durou de junho de 1950 a julho de 1953, na Coreia. Resultando em 3 milhões de mortes e na divisão em Coreia do Norte (comunista) e Coreia do Sul (capitalista). Corrida armamentista A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, O MUNDO BIPOLAR E A GUERRA FRIA

10 IV. O bloqueio de Cuba e a Guerra do Vietnã
Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova IV. O bloqueio de Cuba e a Guerra do Vietnã Fevereiro de 1962: John Kennedy ordena o bloqueio naval de Cuba para impedir a instalação de mísseis nucleares na ilha, era a Crise dos mísseis. Agosto de 1964: EUA entram na Guerra do Vietnã. O governo pró-americano, artificialmente instalado no sul, não se sustentava sozinho, dependendo cada vez mais do suporte econômico e militar de Washington. Agosto de 1964: Lyndon Johnson forja um ataque dos comunistas vietnamitas a um navio dos EUA, obtendo do Congresso a autorização para o envio maciço de tropas ao Vietnã sem declaração formal de guerra. Abril de 1975: forças comunistas tomam a capital do Vietnã do Sul e reunificam o país. A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, O MUNDO BIPOLAR E A GUERRA FRIA

11 V. O colapso da União Soviética e o fim da bipolaridade
Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova V. O colapso da União Soviética e o fim da bipolaridade A URSS não suportou os custos da Guerra Fria. O investimento nos setores militares comprometeu a produção de bens de consumo e o abastecimento da população, provocando grande descontentamento. Atraso das forças produtivas; falta de mobilidade política e cultural e o desgaste material e moral sofrido pelas forças armadas Em 1991, um Golpe de Estado provocou a queda do regime soviético e dos países socialistas do leste europeu. A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, O MUNDO BIPOLAR E A GUERRA FRIA

12 Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova
1 (UFSC) Cartas de Iwo Jima é o segundo longa-metragem dirigido por Eastwood a respeito do momento-chave da campanha do Pacífico, durante a Segunda Guerra Mundial, depois de A conquista da honra, que apresentou a batalha sob uma perspectiva norte-americana. Em fevereiro de 1945, Iwo Jima, uma pequena ilha vulcânica perdida km ao sul de Tóquio, foi cenário de combates violentos que deixaram mortos nas fileiras americanas e no exército imperial japonês. Cartas de Iwo Jima é bem recebido nos cinemas japoneses. Disponível em: <http://tools.folha.com.br>. Acesso em: 6 jul Sobre a Segunda Guerra Mundial e o período Pós-Guerra, é correto afirmar que: EXERCÍCIOS ESSENCIAIS A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, O MUNDO BIPOLAR E A GUERRA FRIA – NO VESTIBULAR

13 Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova
1 (01) ao contrário das guerras anteriores, a Segunda Guerra travou-se quase exclusivamente na esfera militar, com pequenas baixas entre civis, mas com enormes baixas entre os exércitos envolvidos. (02) a expressão “Guerra Fria” surgiu logo após o término da Segunda Guerra, evidenciando a grande rivalidade entre França e Inglaterra, que disputavam a hegemonia na Europa. (04) a ascensão dos movimentos nazifascistas, prometendo desenvolvimento econômico e segurança social, foi possível devido à adesão popular. (08) a disputa já existente entre japoneses e norte-americanos pelo domínio do oceano Pacífico se intensificou quando os nipônicos bombardearam a base norte-americana de Pearl Harbor. (16) o final do conflito foi marcado pela existência de dois campos de batalha: um no oceano Pacífico e outro no Índico. (32) a construção do Muro de Berlim foi uma decisão tomada pelos aliados, evitando a fuga em massa de alemães ocidentais para o lado comunista. (64) as bombas lançadas em Hiroshima e Nagasaki pelos norte-americanos marcaram o início da Segunda Guerra Mundial. EXERCÍCIOS ESSENCIAIS Professor: comente as alternativas com os alunos. (01) Incorreta. A Segunda Guerra Mundial produziu um saldo de mortos, entre civis e militares, muito superior ao da Primeira Guerra Mundial ( ); e travou-se em todas as frentes, graças ao intenso esforço de guerra entre os países beligerantes e seus aliados. (02) Incorreta. A expressão foi criada por um jornalista americano para identificar o conflito leste-oeste, ou seja, entre a URSS e os EUA. (04) Correta. Essas ideologias, que atenderam, de fato, aos interesses dos grandes grupos capitalistas, mobilizaram com falsas promessas e intensa propaganda as classes médias e as massas trabalhadoras, e contaram com seu apoio para permanecerem no poder. (08) Correta. Desde o século anterior, ambas as potências tinham políticas imperialistas e militaristas em relação à região do Pacífico, tornando-se, por isso, rivais. (16) Incorreta. Os três principais teatros de operações no conflito foram a Europa, o Pacífico e o norte da África. (32) Incorreta. A construção do Muro de Berlim, na Porta de Brandenburgo, foi uma iniciativa da República Democrática Alemã, que fazia parte do “bloco socialista”. (64) Incorreta. As bombas atômicas lançadas pelos Estados Unidos sobre as cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki resultaram, segundo as estimativas, em cerca de 80 mil a 140 mil mortos e 100 mil feridos na primeira localidade e 74 mil mortos e 75 mil feridos na segunda, sem contar os efeitos a longo prazo em decorrência da contaminação radiativa. A maioria das vítimas eram civis, contando-se nela um grande número de crianças, idosos e mulheres (porque os homens em condições de servir às forças armadas estavam fora das cidades, engajados nas ações de guerra). O bombardeio atômico levou à rendição incondicional do Japão. Mas não foi decisivo para definir a sorte do conflito, porque, quando ocorreu, a guerra já estava praticamente ganha pelos Aliados. Sua real finalidade foi uma demonstração de força dos Estados Unidos, com o objetivo de intimidar a URSS e definir favoravelmente aos interesses americanos a nova ordem internacional que seria instaurada no pós-guerra. Considerando-se as estimativas mencionadas, o número de vítimas fatais provocado pelo bombardeamento americano de Hiroshima e Nagasaki foi 35 vezes maior do que o resultante da ação terrorista contra o World Trade Center, em 11 de setembro de 2001, configurando-se o maior ataque a bomba da história. RESPOSTA: Soma: = 12 A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, O MUNDO BIPOLAR E A GUERRA FRIA – NO VESTIBULAR

14 Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova
(UFMG) Os anos posteriores à Segunda Guerra Mundial foram tensos entre as grandes potências mundiais. Considerando-se a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) e o Pacto de Varsóvia, criados nesse período, é correto afirmar que: a) a Otan visava apaziguar os conflitos relacionados à divisão da cidade de Berlim, bem como proteger os países sob sua influência econômica das ameaças de invasão externa e de conflitos militares. b) ambos desenvolveram políticas que incentivaram a chamada corrida armamentista, que, durante o período da Guerra Fria, colocou o planeta sob a ameaça de uma guerra nuclear. c) ambos foram estabelecidos, simultaneamente, para defender os interesses dos países que disputavam, após a Segunda Guerra, uma reordenação dos espaços europeu e americano. d) os países signatários do Pacto de Varsóvia se aliaram e, para defender seus interesses financeiros, formaram um bloco econômico, a fim de competir com a Alemanha, a Inglaterra e os Estados Unidos. EXERCÍCIOS ESSENCIAIS RESPOSTA: B Professor: a Otan, liderada pelos Estados Unidos, e o Pacto de Varsóvia, encabeçado pela União Soviética, foram as duas grandes alianças militares formadas após a Segunda Guerra Mundial e expressaram, no campo militar, a disputa entre as duas superpotências (EUA e URSS) pela hegemonia global. Sua atuação incentivou a corrida armamentista, com a formação de enormes arsenais nucleares e convencionais, que caracterizou a chamada Guerra Fria. Apesar da constante tensão, os dois blocos jamais entraram em confronto direto. A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, O MUNDO BIPOLAR E A GUERRA FRIA – NO VESTIBULAR

15 Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova
9 (UFC-CE) Em 2008, houve mais um conflito no Cáucaso, onde, anos atrás, já havia ocorrido a Guerra da Chechênia. Dessa vez, o litígio envolveu dois países independentes: a Rússia e a Geórgia. Em relação a essa guerra, podemos encontrar causas bem mais antigas. Responda o que se pede a seguir. a) Qual a relação entre o fim da União Soviética e a guerra entre a Rússia e a Geórgia? EXERCÍCIOS ESSENCIAIS RESPOSTA: A União Soviética era uma confederação de nações, cujos integrantes gozavam de hipotética igualdade de direitos. No período de transição abrupta da economia centralizada para a economia de mercado várias repúblicas se retiraram da Comunidade dos Estados Independentes (CEI), inclusive a Geórgia. A região da Ossétia não conseguiu se constituir em Estado independente: uma parte de seu território permaneceu dentro da Federação Russa e a outra, dentro da Geórgia. Os interesses econômicos sobre o petróleo e o gás natural levaram a Rússia a defender a separação da Ossétia do Sul do restante da Geórgia. Esta foi a causa imediata do conflito entre a Rússia e a Geórgia. A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, O MUNDO BIPOLAR E A GUERRA FRIA – NO VESTIBULAR

16 Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova
9 b) Sobre as relações entre a maior parte dos países da Europa Oriental e a União Soviética, a partir do período que se inicia logo após o fim da Segunda Guerra Mundial, responda o que se pede. I. Qual a relação política entre esses países? II. Qual o tipo de economia adotado por eles? III. O que representou o Pacto de Varsóvia? EXERCÍCIOS ESSENCIAIS RESPOSTA: Os países do leste europeu passaram a integrar a área de influência russa. Um dos instrumentos de subordinação era o Pacto de Varsóvia, que reprimiu pesadamente as populações que procuraram se libertar. Foi o caso dos húngaros, em 1956, e dos tchecos, em O sistema todo entrou em crise, em razão do atraso das forças produtivas da União Soviética; a mobilização de enormes recursos econômicos para manter-se na corrida armamentista com os Estados Unidos; a estagnação política e cultural do país; o desgaste sofrido pelas forças armadas soviéticas em decorrência de sua malsucedida intervenção no Afeganistão etc. A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, O MUNDO BIPOLAR E A GUERRA FRIA – NO VESTIBULAR

17 Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova
9 c) O que simbolizou, do ponto de vista político e econômico, a queda do Muro de Berlim, em 1989? EXERCÍCIOS ESSENCIAIS RESPOSTA: A queda do Muro anunciou o colapso da Alemanha Oriental e, por extensão, do bloco soviético. A desestruturação que se seguiu levou de arrastão todos os regimes do leste, inclusive aqueles que mantinham certa independência em relação a Moscou, como Iugoslávia, Albânia e Romênia. A SEGUNDA GUERRA MUNDIAL, O MUNDO BIPOLAR E A GUERRA FRIA – NO VESTIBULAR


Carregar ppt "Hist-cad-2-top-7 – 3 Prova"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google