A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

População Há cerca de 2000 anos atrás, a população global era de cerca de 300 milhões de habitantes. Decorreram-se mais de 1600 anos para que a população.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "População Há cerca de 2000 anos atrás, a população global era de cerca de 300 milhões de habitantes. Decorreram-se mais de 1600 anos para que a população."— Transcrição da apresentação:

1

2 População

3 Há cerca de 2000 anos atrás, a população global era de cerca de 300 milhões de habitantes. Decorreram-se mais de 1600 anos para que a população do mundo dobrasse para 600 milhões. O contingente populacional estimado para o ano de 1750, era de 791 milhões de pessoas, das quais 64% viviam na Ásia, 21% na Europa e 13% na África. A humanidade gastou, portanto, dezenas de milhares de anos para alcançar o primeiro bilhão de habitantes, fato ocorrido por volta de Por volta de 1927, 2 bilhões de habitantes. O terceiro bilhão foi atingido em 1961, e assim por diante. A população mundial em 1950 era de 2,5 bilhões de pessoas. Em 2000 já haviam mais de 6 bilhões de humanos no planeta. Crescimento da população mundial

4 Crescimento populacional Observe o número de população (em milhões) em alguns continentes em 2000 e 2050:

5 População mundial A taxa de crescimento vem caindo desde 1963, quando os índices de crescimento atingiram seu auge. Nossa população está em explosão demográfica desde a Revolução Industrial que começou na Inglaterra, no século XVIII. Densidades populacionais: locais que apresentam elevadas taxas de densidades demográficas: -.-. Sudeste Brasileiro Leste da China Nordeste dos Estados Unidos Sul da África

6 n/a até abaixo de O Índice de Desenvolvimento Humano ( IDH ) é uma medida comparativa da qualidade de vida de diversos países do mundo. Os critérios de avaliação são: renda per capita, alfabetismo e expectativa de vida Quando o IDH de um país está entre 0 e 0,499, é considerado baixo. Quando o IDH de um país está entre 0,500 e 0,799, é considerado médio. Quando o IDH de um país está entre 0,800 e 1, é considerado alto Índice de Desenvolvimento Humano - IDH

7 Taxas de mortalidade e expectativa de vida Quanto maior é a expectativa de vida, menor é a taxa de mortalidade infantil, pois a situação econômica dos países ampara a população, ou não, dando ao recém nascido qualidade de vida e condição de vida longa.

8 Mortalidade infantil: óbito de crianças durante o seu primeiro ano de vida Para facilidade de comparação entre as diferentes áreas da Terra, a taxa de mortalidade infantil é normalmente expressa em número de óbitos de crianças com menos de um ano, a cada mil nascidos vivos. O índice considerado aceitável pela Organização Mundial de Saúde (OMS) é de 10 mortes a cada mil nascimentos.

9 Crescimento da população em alguns países Os países ricos têm um crescimento diferenciado. Logo, a distribuição etária é diferente!

10 As causas naturais são as principais em relação à mortalidade nos países pobres. Mortalidade no mundo

11 ESTRUTURA DA POPULAÇÃO

12 1. Estrutura Ocupacional da População: População economicamente ativa (PEA) ou população ativa; População economicamente inativa (PEI); Atenção: População ocupada e população desempregada; População ocupada # PEA;

13 1. Estrutura Ocupacional da População: Subemprego: emprego de baixa remuneração em atividades não regulamentadas que constituem a economia informal. O grave problema do trabalho infantil; A globalização, as transformações no mercado de trabalho e o aumento do desemprego; Os paraísos fiscais;

14 1. Estrutura Ocupacional da População: População ativa por setores da atividade econômica: Países desenvolvidos: setores terciário e secundário; Países subdesenvolvidos: setor primário; Países subdesenvolvidos industrializados: setores primário, secundário e terciário;

15 2. Estrutura Populacional e divisão do trabalho por sexos Na maior parte dos países, a população feminina representa 50% ou pouco mais da população total; O papel da mulher nas sociedades e a Geografia de Gênero; A participação feminina na PEA é elevada nos países desenvolvidos e baixa nos países subdesenvolvidos;

16 3. Pirâmides etárias Principais elementos de uma pirâmide etária: Base – população jovem; Corpo – população adulta; Ápice ou topo – população idosa; Abscissa – quantidade de pessoas, em valor absoluto ou porcentagem; à direita estão as mulheres e à esquerda os homens; Ordenada – faixas de idade;

17 3. Pirâmides etárias Estrutura Etária: distribuição da população por idades;

18 3. Pirâmides etárias Quanto à estrutura etária da população podemos classificar os países do mundo em três tipos principais de regimes demográficos: 1. Regime demográfico de população envelhecida. Ex: Alemanha e França.

19 3. Pirâmides etárias 2. Regime demográfico de população em fase de envelhecimento (madura ou intermediária): * Países desenvolvidos novos. Ex: Austrália e Estados Unidos; * Países subdesenvolvidos industrializados. Ex: Brasil e China;

20 3. Pirâmides etárias 3. Regime demográfico de população jovem. Ex: Chile e Tanzânia.

21 ESTRUTURA OCUPACIONAL População Economicamente Ativa (PEA): é constituída pelas pessoas de 10 ou mais anos de idade que estão empregadas ou desempregados que estão à procura de emprego até 1 ano. (países desenvolvidos acima dos 15 anos e no Brasil - oficialmente - acima dos 16 anos). População Economicamente Inativa (PEI): é representada pelas pessoas que não estão empregadas (crianças, estudantes, aposentados, subempregadas e desempregados acima de 1 ano) ou que não exercem atividade econômica remunerada (dona-de-casa). Essa população requer grandes investimentos (hospitais, escolas, aposentadorias etc.)

22 POPULAÇÃO ATIVA E SETORES DA ATIVIDADE ECONÔMICA Setor primário: compreende a pecuária, agricultura e o extrativismo (primitivo). Setor secundário: compreende atividades industriais (transformação, mineradora e construção civil) Setor terciário: compreende as atividades de serviços (bancos, comércio, escolas, prestação de serviços, funcionalismo público, turismo, transportes, propagandas etc.) Setor quaternário: está relacionado com a revolução tecnocientífica, compreende as atividades de pesquisa de alto nível (biotecnologia, robótica, aeroespacial etc).

23 Tipos de movimentos migratórios: a)Migrações definitivas – o migrante permanece para sempre no local de destino. b)Migrações temporárias – período indefinido, mas com retorno ao local de origem.

24

25 Subdivisão das migrações temporárias: a) diárias (pendular ou commuting); b) Lazer (turismo); c) Sazonais (transumância); d) nomadismo; c) Tempo indeterminado.

26 Região de Chimborazo, Equador, 1998.

27 Classificação das migrações a) Migrações Internas (dentro do país): Êxodo Rural (campo-cidade) Pendular (diária) Transumância (sazonal) Migração rural-rural Migração urbana-urbana Migração urbana-rural Migração inter-regional Migração intra-regional

28 Campo de refugiados, Tanzânia, 1994.

29 b) Migrações Externas (internacionais): Espontâneas (vontade do migrante); Forçadas (contra a vontade do migrante). Observação: saída do país (emigração) entrada no país (imigração)

30

31 Causas das migrações: Política (desterritorialização); Religiosa (peregrinação); Conflitos étnico-raciais; Naturais (fenômenos naturais); Econômicos (fatores estruturais ou conjunturais)

32 Conseqüências das migrações : Contribui com o processo de ocupação; Contribui com o processo de miscigenação e difusão cultural; Contribui com o desenvolvimento, quando for de mão-de-obra qualificada (fuga de cérebro); Concorrência com a mão-de-obra local, gera o xenofobismo; Solução para problemas estruturais para o país de emigração.


Carregar ppt "População Há cerca de 2000 anos atrás, a população global era de cerca de 300 milhões de habitantes. Decorreram-se mais de 1600 anos para que a população."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google