A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 Pós-Gradução Administração de Agronegócios – Citricultura e Indústria Canavieira Alimentos Orgânicos: Estratégias para o Desenvolvimento de Mercado Professor:

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 Pós-Gradução Administração de Agronegócios – Citricultura e Indústria Canavieira Alimentos Orgânicos: Estratégias para o Desenvolvimento de Mercado Professor:"— Transcrição da apresentação:

1 1 Pós-Gradução Administração de Agronegócios – Citricultura e Indústria Canavieira Alimentos Orgânicos: Estratégias para o Desenvolvimento de Mercado Professor: Denio Arrais 03 e 10 de junho de 2008

2 2 O produto orgânico é cultivado sem o uso de adubos químicos ou agrotóxicos. É um produto limpo, saudável, que provém de um sistema de cultivo que observa as leis da natureza e todo o manejo agrícola está baseado no respeito ao meio ambiente e na preservação dos recursos naturais. Produto Orgânico

3 3 O solo é a base do trabalho orgânico. Vários resíduos são reintegrados ao solo; esterco, restos de verduras, folhas, aparas, etc., são devolvidos aos canteiros para que sejam decompostos e transformados em nutrientes para as plantas. Essa fertilização ativará a vida no solo; os microorganismos além de transformar a matéria orgânica em alimento para as plantas, tornarão a terra porosa, solta, permeável à água e ao ar. O grande valor da horticultura orgânica é promover permanentemente o melhoramento do solo. Ao invés de mero suporte para a planta, o solo será sua fonte de nutrição.

4 4 Produtos Orgânicos

5 5

6 6 Acerola, aguardente, açúcar, açúcar mascavo, arroz, avicultura, banana, cacáu, café, cajú, cítricos, chá, clorofila, carne, cogumelo, ervas medicinais, feijão, frutas, geléia, hortaliças, insumos, laticínios, mel, óleo, palmito, peixes, sobremesa, soja, suco, suplemento alimentar, tecidos, urucum, vinagre, vinho, etc.

7 7 Fluxo de produção

8 8

9 9

10 10 A FAO (Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação) realizou em Roma, entre 3 e 5 de maio de 2007, a Conferência Internacional sobre Agricultura Orgânica e Segurança Alimentar, ressaltando a importância da produção desse tipo de alimentos para o mundo. Segundo o documento que foi apresentado: - a agricultura orgânica não é mais um fenômeno apenas de países desenvolvidos, pois já é praticada atualmente em 120 países, representando 31 milhões de hectares e um mercado de U$ 40 bilhões de dólares em

11 11 Quando lavouras certificadas estão relacionadas a melhorias agroecológicas e aumento de renda de agricultores pobres, isto leva ao aumento da segurança alimentar e à revitalização da agricultura familiar... Esses modelos sugerem que a agricultura orgânica tem o potencial para assegurar o abastecimento global de alimentos, assim como a agricultura convencional faz hoje, mas com reduzido impacto ambiental.

12 12 Mercado Segundo pesquisa da Universidade de Campinas (Unicamp), o mercado de produtos orgânicos cresceu, na década de 90, em média 50% ao ano, chegando a uma receita de US$ 150 milhões. O consumo interno respondeu por US$ 20 milhões apenas, o restante foi exportado para países como Alemanha, França, Japão e Estados Unidos.

13 13 Em 2008, este patamar, já está bastante mais elevado. Segundo o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), as vendas de produtos orgânicos no país devem superar R$ 1,25 bilhões em 2007, com aumento de 25% em relação a A estimativa é da Associação Brasileira de Supermercados - Abas.

14 14 O Brasil já é o segundo maior produtor de orgânicos do mundo O setor tem 70% de suas vendas voltadas para o mercado externo. Com 800 mil hectares de área cultivada, envolvendo 15 mil produtores, dos quais 80% são pequenos produtores, o país fica atrás somente da Austrália. A produção certificada como orgânica é bastante extensa e diversificada. Inclui, além de frutas e verduras, laticínios, café, cachaça, açúcar, sucos, geléias, azeite de dendê, guaraná, cacau, mel, algodão, óleo de babaçu, soja, arroz, carne de gado, de frango, ovos, extratos vegetais, chás, camarão, cogumelos etc.

15 15 Certificação O selo de certificação de um alimento orgânico fornece ao consumidor muito além da certeza de estar levando para a casa um produto isento de contaminação química. Garante também que esse produto é o resultado de uma agricultura capaz de assegurar qualidade do ambiente natural, qualidade nutricional e biológica de alimentos e qualidade de vida para quem vive no campo e nas cidades. Ou seja, o selo de "orgânico" é o símbolo não apenas de produtos isolados, mas também de processos mais ecológicos de se plantar, cultivar e colher alimentos.

16 16 Daí resulta a importância estratégica da certificação para o mercado de orgânicos, pois além de permitir ao agricultor orgânico diferenciar e obter uma melhor remuneração dos seus produtos protege os consumidores de possíveis fraudes. Existem também outras vantagens expressivas como, por exemplo, o fato de que a certificação torna a produção orgânica tecnicamente mais eficiente, a medida em que exige planejamento e documentação criteriosos por parte do produtor. Outra vantagem é a promoção e a divulgação dos princípios norteadores da Agricultura Orgânica na sociedade, colaborando, assim, para o crescimento do interesse pelo consumo de alimentos orgânicos.

17 17 Certificadores IBD - Instituto Biodinâmico AAO- Associação de Agricultura Orgânica MOA - Fundação Mokiti Okada APAN CERTIFICADORA (SP) Associação Orgânica de Santa Catarina AAOPA – Associação de Agricultura Orgânica do Paraná ABIO - Associação de Agricultores Biológicos (RJ) ANC - Associação de Agricultura Natural de Campinas e região (SP) Coolméia Cooperativa Ecológica (RS) Associação de Certificação de Produtos Orgânicos do Espírito Santo – CHÃO VIVO Instituto Holístico de Agricultura Orgânica

18 18 Estratégias Diferencial Competitivo; Consciência Ambiental Consciência Alimentação Saudável Valor agregado

19 19 Posicionamento no Mercado Para que o consumidor e os comerciantes criem uma consciência em relação aos produtos orgânicos, é preciso dotá-los de informação, pois ainda é possível encontrar pessoas que acreditem que os orgânicos são alimentos somente alternativos. Com as informações corretas, os produtos orgânicos deixarão definitivamente o consumo esporádico e ideológico para passar a fazer parte de seu consumo diário. Outro fator que ainda dificulta a venda dos produtos orgânicos é o ponto-de-venda. Na maioria das vezes, quem procura esse tipo de alimento só encontra em feiras especializadas. A pesquisa aponta que 60% procuram as feiras e 31% os mercados. Ainda é preciso posicionar os produtos no mercado consumidor do Brasil, mostrando todos os benefícios que esse tipo de alimentação pode trazer na vida de todas as pessoas, indiferente da idade, ideologias e classe social.

20 20 Estratégias dos varejistas Logística Entrega desde o produtor de mercadoria uniforme, padronizada, classificada,embalada contendo informações,menor manipulação dos produtos desde a zona de produção até o local deconsumo padronização das operações de transações de materiais (ex: embalagenspaletizáveis)estudo da diminuição do custo frete nos locais coleta matéria prima investimento em frota própria para reabastecimento das lojasrevalorização das centrais independentes (contrato de fornecimento, formaçãoautônoma de preços)

21 21 Estratégias dos varejistas MKT e merchandising Diferenciação e especialização das mercadorias em embalagens autopromocionais produtos com marca definida e trabalhada mercadologicamente (promoção e arrumação do ponto venda por conta do fornecedor) devido ao hábito do brasileiro onde 85% decide o que comprar no ato da compra, cresce a importância das promoções;

22 22 Estratégias dos varejistas Profissionalização gerencial modernização setorial do FLV nos supermercados devido importância para atração do cliente e pelo faturamento o comprador de FLV passa a ser o gerente de categoria ( função de otimizar custos de logística, desenvolver ações promocionais, dinamização das vendas FLV integrada aos objetivos da loja). * FLV = frutas, legumes e verduras

23 23 Fontes: htt://www.agriculturaurbana.org.br/ certificadorasnobrasil.htm /atuacao_do_marketing_para_produtos_or ganicos_uma_abordagem_do_mix_de_mar keting/12803/


Carregar ppt "1 Pós-Gradução Administração de Agronegócios – Citricultura e Indústria Canavieira Alimentos Orgânicos: Estratégias para o Desenvolvimento de Mercado Professor:"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google