A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

COMO EQUILIBRAR O DEVER DA FUNÇÃO E OS ANSEIOS DA CATEGORIA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "COMO EQUILIBRAR O DEVER DA FUNÇÃO E OS ANSEIOS DA CATEGORIA."— Transcrição da apresentação:

1 COMO EQUILIBRAR O DEVER DA FUNÇÃO E OS ANSEIOS DA CATEGORIA

2 Papel da perícia médica previdenciária: garantia da proteção do trabalhador e de sua família Papel da perícia médica previdenciária: garantia da proteção do trabalhador e de sua família situações de conflitos situações de conflitos reivindicações dos peritos médicos/ Delegado ANMP reivindicações dos peritos médicos/ Delegado ANMP O INSS: chefe do SST, realizará a gestão dos atos de Perícia Médica O INSS: chefe do SST, realizará a gestão dos atos de Perícia Médica interação perícia médica/INSS: uma boa relação entre as partes para que os problemas sejam resolvidos minimizando ao máximo as divergências. interação perícia médica/INSS: uma boa relação entre as partes para que os problemas sejam resolvidos minimizando ao máximo as divergências.

3 COMO EQUILIBRAR O DEVER DA FUNÇÃO E OS ANSEIOS DA CATEGORIA Exemplos de situações geradoras de conflitos: Visão do perito médico: 1. Acolhimento na instituição não é o mais adequado. 1. Acolhimento na instituição não é o mais adequado. 2. Treinamento ineficaz que não o capacita totalmente obrigando-o a buscar autodidaticamente a sua formação. 2. Treinamento ineficaz que não o capacita totalmente obrigando-o a buscar autodidaticamente a sua formação. 3. Sensação de não fazer parte do quadro de servidores (Visão separatista entre o quadro administrativo e a pericia médica). 3. Sensação de não fazer parte do quadro de servidores (Visão separatista entre o quadro administrativo e a pericia médica). 4. Achar-se não valorizado de forma adequada para a atividade exercida que o expõe a riscos diários. 4. Achar-se não valorizado de forma adequada para a atividade exercida que o expõe a riscos diários. 5. Exercer sua atividade diária em ambientes algumas vezes inadequados para a prática médica. 5. Exercer sua atividade diária em ambientes algumas vezes inadequados para a prática médica.

4 COMO EQUILIBRAR O DEVER DA FUNÇÃO E OS ANSEIOS DA CATEGORIA Visão do INSS: Visão do INSS: 1. Achar que o perito não veste a camisa da instituição. 1. Achar que o perito não veste a camisa da instituição. 2. Achar que o perito médico geralmente não cumpre horário adequadamente. 2. Achar que o perito médico geralmente não cumpre horário adequadamente. 3. Achar que o perito médico usa a autonomia médica de forma inadequada, prejudicando à instituição. 3. Achar que o perito médico usa a autonomia médica de forma inadequada, prejudicando à instituição. 4. Achar que qualquer pequeno empecilho é supervalorizado para a não realização das atividades relacionadas à perícia médica. (documentação inadequada do segurado, falta de luvas na sala de exames, processos mal instruídos para pareceres médicos etc.) 4. Achar que qualquer pequeno empecilho é supervalorizado para a não realização das atividades relacionadas à perícia médica. (documentação inadequada do segurado, falta de luvas na sala de exames, processos mal instruídos para pareceres médicos etc.)

5 COMO EQUILIBRAR O DEVER DA FUNÇÃO E OS ANSEIOS DA CATEGORIA Gerenciar conflitos é antes de tudo aceitar que os seres humanos são diferentes, podem pensar diferente, valores diferentes e, mesmo assim, conviverem de maneira saudável e com qualidade. Gerenciar conflitos é antes de tudo aceitar que os seres humanos são diferentes, podem pensar diferente, valores diferentes e, mesmo assim, conviverem de maneira saudável e com qualidade. Vivenciar um conflito é a porta de entrada para o consenso que nada mais é do que uma mistura de idéias comparadas e uma conclusão assertiva e comum sobre um determinado tema. Reconhecer as diferenças não significa, necessariamente, mudar de opinião. Vivenciar um conflito é a porta de entrada para o consenso que nada mais é do que uma mistura de idéias comparadas e uma conclusão assertiva e comum sobre um determinado tema. Reconhecer as diferenças não significa, necessariamente, mudar de opinião.

6 COMO EQUILIBRAR O DEVER DA FUNÇÃO E OS ANSEIOS DA CATEGORIA revista ANMP em foco ano I, n° 3, outubro/2007 em reunião periódica entre Delegados, onde se constatou que - Onde o SST trabalha em sintonia com a perícia, os problemas estão sendo gradualmente solucionados. Importante também, além da obrigatória interação SST – delegado, é a parceria da perícia médica (entendida como um elo SST – delegado – corpo de peritos locais) e a Gerência Executiva. Isso proporcionará uma verdadeira co-gestão. revista ANMP em foco ano I, n° 3, outubro/2007 em reunião periódica entre Delegados, onde se constatou que - Onde o SST trabalha em sintonia com a perícia, os problemas estão sendo gradualmente solucionados. Importante também, além da obrigatória interação SST – delegado, é a parceria da perícia médica (entendida como um elo SST – delegado – corpo de peritos locais) e a Gerência Executiva. Isso proporcionará uma verdadeira co-gestão.


Carregar ppt "COMO EQUILIBRAR O DEVER DA FUNÇÃO E OS ANSEIOS DA CATEGORIA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google