A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A Psicologia do Desenvolvimento Psicologias Uma introdução ao estudo de Psicologia M. Bahia Ana Bock, Odair Furtado. Maria de Lourdes t. Teixeira Saraiva.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A Psicologia do Desenvolvimento Psicologias Uma introdução ao estudo de Psicologia M. Bahia Ana Bock, Odair Furtado. Maria de Lourdes t. Teixeira Saraiva."— Transcrição da apresentação:

1 A Psicologia do Desenvolvimento Psicologias Uma introdução ao estudo de Psicologia M. Bahia Ana Bock, Odair Furtado. Maria de Lourdes t. Teixeira Saraiva 1995 Psicologia do Desenvolvimento Uma área da psicologia

2 Estuda o desenvolvimento do ser humano em todos seus aspectos: físico-motor, intelectual, afetivo- emocional e social –desde o nascimento até a idade adulta, isto é, a idade em que todos estes aspectos atingem o seu mais completo grau de maturidade e estabilidade.

3 Existem várias teorias construidas à partir de observações, pesquisas com grupos de indivíduos em diversas idades ou culturas, estudos clínicos acompanhando indivíduos desde o nascimento até a idade adulta.

4 Dentre elas destaca-se a teoria de Jean Piaget ( , psicólogo e biólogo suiço, pela sua produção e rigor científico e pelas implicações práticas de sua teoria: como e porque o individúo se comporta de determinada forma O desenvolvimento humano refere-se ao desenvolvimento mental e ao crescimento orgânico.

5 O desenvolvimento mental é uma construção contínua, que se caracteriza pelo aparecimento gradativo de estruturas mentais, formas de organização da atividade mental, que vão se aperfeiçoando até todas estarem plenamente desenvolvidas, levando a um estado de equilíbrio quanto aos aspectos da inteligência, vida afetiva e relações sociais.

6 Algumas dessas estruturas permanecem por toda a vida.Por exemplo, a motivação sempre desencadeia a ação, quer seja por necessidades fisiológicas, quer por necessidades afetivas ou intelectuais. Elas garantem a continuidade do desenvolvimento.Outras são substituidas a cada nova fase.

7 Estudos e pesquisas de Piaget demonstraram que existem formas de perceber, compreender e se comportar, próprias de cada fase etária: existe uma assimilaçãoprogressiva do meio ambiente que implica uma acomodação das estruturais mentais a este novo dado do mundo exterior.

8 Planejar o que e como ensinar implica em saber quem é o educando e levar em conta os diversos fatores que o influenciam: hereditariedade, crescimento orgânico, maturação neurofisiológica e o meio em que vive. A desenvolvimento pode ser estudado a partir de quatro aspectos:

9 Os fatores do desenvolvimento que permanecem em constante interação são: Hereditariedade - carga genética estabelece potencial do indivíduo Crescimento orgânico – aspecto físico Maturação neurofisiológica – torna possível determinado padrão de comportamento Meio – conjunto de influências e estimulações ambientais

10 Aspecto físico motor: crescimento orgânico e maturação neufisiológica aspecto intelectual: capacidade de raciocínio e pensamento Aspecto afetivo-emocional: modo particular como o indivíduo integra suas experiências, é o sentir. A sexualidade faz parte desseaspecto Aspecto social:reação diante de situações que envolvem outras pessoas

11 A teoria de desenvolvimento de Jean Piaget Divide os períodos de acordo com o aparecimento de novas qualidades de pensamento, o que interfere no desenvolvimento global 1º sensório-motor - 0 a 2 anos 2º pré-operatório – 2 a 7 anos 3º operações concretas – 7 a anos 4º operações abstratas – anos em diante

12 Vigotsky foi um teórico que buscou uma alternativa dentro do materialismo dialético para o conflito entre as concepções idealista e mecanicista da Psicologia Um pressuposto básico é que a origem das formas superiores de comportamento consciente – pensamento, memória, atenção voluntária, etc.devem ser achadas nas relações sociais que o homem mantém;

13 Entendia o homem como ser ativo, que age sobre o mundo e transforma essas ações segundo um plano interno. O desenvolvimento infantil é visto a partir de três aspectos: instrumental, cultural e histórico. E Luria esclarece:

14 O instrumental se refere à natureza mediadora das funções psicológicas complexas O aspecto cultural envolve os meios socialmente estruturados pelos quais a sociedade organiza os tipos de tarefa que a criança enfrenta O elemento histórico funde-se com o cultural pois os instrumentos usados foram criados e modificados ao longo da história social da civilização

15 Através da mediação dos adultos os processos psicológicos mais complexos tomam forma. Inicialmente, são interpsíquicos. A medida que a criança cresce acabam por ser executados dentro dela, - intrapsíquicos.


Carregar ppt "A Psicologia do Desenvolvimento Psicologias Uma introdução ao estudo de Psicologia M. Bahia Ana Bock, Odair Furtado. Maria de Lourdes t. Teixeira Saraiva."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google