A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

STALKING HOMO FABER: A COMPARISON OF RESEARCH STRATEGIES FOR STUDYING DESIGN BEHAVIOR David Latch Craig Metodologia - Review.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "STALKING HOMO FABER: A COMPARISON OF RESEARCH STRATEGIES FOR STUDYING DESIGN BEHAVIOR David Latch Craig Metodologia - Review."— Transcrição da apresentação:

1 STALKING HOMO FABER: A COMPARISON OF RESEARCH STRATEGIES FOR STUDYING DESIGN BEHAVIOR David Latch Craig Metodologia - Review

2 Resumo Analisa 4 estratégias para estudar comportamento de design: 1.Think aloud 2.Análise de conteúdo 3.Isolamento de processo (process isolation) 4.Estudos situados (situated studies) Todos são principalmente qualitativos, e requerem muito domínio do analista para aplicação :P

3 Objetivo Investigar como designers resolvem problemas de design. Investigar o quê eles fazem.

4 Idéias interessantes Problemas de design não são resolvidos de formas simples. São resolvidos dentro de uma faixa de configurações sociais, culturais e físicas, e através de esforços de indivíduos e de grupos, usando uma variedade de tipos de conhecimento e habilidades. É possível descrever design (ê ê ê!), se considerarmos design uma atividade de resolução de problemas que resulta na criação de um artefato ou um plano para gerar um.

5 Think aloud Sujeitos falam em voz alta enquanto executam uma tarefa. O objetivo é rastrear os tipos de processos de raciocínio (cognitivos) e de resolução de problemas. Pressupões mapeamento entre representações internas e externas.

6 Think aloud Ericsson e Simon não afirmam que os sujeitos tenham acesso à suas representações internas nem a processos mentais. Eles afirmam que, se o sujeito podia falar CHAVE, ele possui, na STM, uma representação equivalente de CHAVE

7 Think aloud: críticas Como interpretar as falas? Como identificar o espaço (escopo) do problema em problemas abertos e mal definidos (onde por exemplo, não se pode saber se a citação à uma partida de basquete teve influência na resolução do problema). Bom para problemas com escopo bem definido (como a Torre de Hanoi). Pode ser inapropriado para rastrear processos sequenciais (os sujeitos podem não verbalizar o que estão pensando).

8 Think aloud: críticas Verbalizações podem influenciar o raciocínio. Nem todos os processos de design são cumulativos (um estado depois do outro). E processos laterais podem ser importantes para o design. Verbalização pode alocar recursos que poderiam ser utilizados de outra forma, ou direcionar o raciocínio para uma forma particular de raciocínio (lógico).

9 Análise de conteúdo Não objetiva rastrear processos. Procura investigar as representações do solucionador de problemas. Analisar estrutura e conteúdo das representações

10 Isolamento de processo Reduz a complexidade para permitir a manipulação controlada de variáveis independente. São experimentos com variáveis dependentes bem definidas, com tarefas que, de alguma foma, são relevantes para o design.


Carregar ppt "STALKING HOMO FABER: A COMPARISON OF RESEARCH STRATEGIES FOR STUDYING DESIGN BEHAVIOR David Latch Craig Metodologia - Review."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google