A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 Controle de Poluição da Industria de Alimentos Prof. Marcelo Hemkemeier Prof. Paulo Roberto Koetz UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO FACULDADE DE ENGENHARIA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 Controle de Poluição da Industria de Alimentos Prof. Marcelo Hemkemeier Prof. Paulo Roberto Koetz UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO FACULDADE DE ENGENHARIA."— Transcrição da apresentação:

1 1 Controle de Poluição da Industria de Alimentos Prof. Marcelo Hemkemeier Prof. Paulo Roberto Koetz UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO FACULDADE DE ENGENHARIA E ARQUITETURA

2 2 Distribuição da geração de resíduos sólidos industriais (RS) Classe I em 1997 Fonte: Resíduos Sólidos Industriais: Geração e Destinação no RS , SEDAPI/FEPAM. Cortesia: Prof. Hugo Springer

3 3 M.P.: Assistência ao produtor - Fiscalização Transporte e distribuição Insumos e embalagens CP localizada. Responsabilidade no produto pós-expedição. Desenvolvimento ¨sustentável¨ Qualidade x Produção de alimentos

4 4 ¨ Desenvolvimento Sustentável¨ Forma pela qual podemos continuar desenvolvendo nossos países e comunidades sem destruir o meio ambiente e com maior justiça social O Desenvolvimento Sustentável é aquele que atende às necessidades do presente sem comprometer a possibilidade de as gerações futuras atenderem às suas próprias necessidades." (Gro Brundtland, presidente da Comissão Mundial sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento - Relatório Nosso Futuro Comum) Desenvolvimento Sustentável significa usarmos nossa ilimitada capacidade de pensar em vez de nosso limitados recursos naturais" Juha Sipila, Finlandia)

5 5 ¨Desenvolvimento sustentável¨ Sustentável é o que leva nossa floresta em direção das florestas primitivas que podemos observar no entorno, aumentando os estoques de carbono e a área de expansão dos processos biológicos e da biodiversidade." (André Vieira Ramos de Assis, Brasil)

6 6 ¨Desenvolvimento não sustentável¨ O Direito ao Desenvolvimento não sustentável 1/3 da população ativa A WWF considera que 1/3 do capital ecológico foi consumido nos últimos 25 anos A inverdade do desenvolvimento sustentável tem servido apenas para garantir a boa vida dos mais ricos, com a resignação dos mais pobres. Eles aproveitariam, pelo menos, o fim da festa.

7 7 ¨Desenvolvimento sustentável¨ O termo está consagrado na mídia, na economia e na política mundiais. Como outras modas semelhantes. Estamos obrigados a usá-lo.

8 8 Resíduos na indústria e em serviços do setor metal-mecânico Matéria prima Insumos Aquecimento - Refrigeração Embalagens Limpezas Administrativos Alimentação Sanitários

9 9 Insumos Sólidos Líquidos Orgânicos Inorgânicos

10 10 Embalagens Papéis Papelão Vidros Madeiras Materiais expandidos

11 11 Limpezas Águas de limpeza Águas de piso Papel Resíduos

12 12 Administrativos Papéis Embalagens Plásticos Vidros Águas de lavagem

13 13 Alimentação Restos da produção de refeições Restos de serviços de alimentação Águas de lavagens

14 14 Sanitários Esgoto sanitário Material de higiene

15 15 Tecnologias Limpas Controle da emissão de resíduos no processo Diminuição do consumo de água Ações para reduzir a emissão de poluentes O antigo controle de poluição no processo –que foi empacotado para ser vendido...

16 16 Controle de Poluição no Processo ¨Tecnologias Limpas¨ ANTIGO oConstatação do problema oDecisão de controlar a poluição oContratação do serviço ATUAL oContratação do serviço oExecução da obra

17 17 Evolução da mentalidade Concientização cada vez maior da produção com CP Integração das práticas de CP em todas as etapas de fabricação e comercilização Acompanhamento da matéria prima desde o seu local de produção Acompanhamento do produto desde a distribuição até o seu consumo final. Acompanhamento dos resíduos gerados pelos produtos na zona de consumo, incluindo embalagens

18 18 Medidas de Gestão Ambiental Sistemas de Gestão Ambiental Auditoria Ambiental Indicadores Ambientais Análise do ciclo de vida Uso Software Ambiental, Redução de Riscos. Determinação do Custo Total

19 19 Medidas de Gestão Ambiental Auditoria interna Caracterização e quantificação dos resíduos Planejamento em C.P. Práticas de minimização de resíduos Treinamento específico Profissional especializado

20 20 Ações de controle de poluição Integrar a produção, distribuição e comercialização com o CP. Aumentar o rendimento das matérias-primas, água e energia. Minimizar ou reciclar os resíduos gerados.

21 21 Ações dentro da indústria Otimização de práticas operacionais Padronização de procedimentos Melhoria no sistema de informações

22 22 Ações de C.P. no processo Prevenção da geração de resíduos Seleção de M.P Insumos Redução desperdício Coleta resíduos na planta

23 23 Matérias-Primas, Insumos e Produtos Modificação no produto Substituição de matérias-primas Melhoria no preparo da matéria-prima Substituição de insumos Substituição de embalagens Separação de sub-produtos

24 24 Processos e Tecnologias Planejamento e controle de produção Modificações de equipamentos e tubulações, Lay-Out e controle de processo Adoção de reciclagens interna e externa Automação e controle Mudança de tecnologia implantada Uso de Tecnologias Limpas

25 25 Ações de C.P. após processo Remoção de resíduos Coleta e disposição de resíduos atmosféricos Coleta e disposição de resíduos sólidos Tratamento de efluentes

26 26 Ações corpo técnico Produzir com qualidade e competitividade sem usar tecnologias poluidoras; insumos tóxicos ou geradores de resíduos tóxicos; economizando energia e água. Treinar, capacitar e incentivar os trabalhadores e técnicos para o uso de tecnologia e programas de redução ou eliminação de fontes de poluição. Divulgar no meio funcional, em todos os níveis, os problemas e as soluções das questões ambientais da empresa.

27 27 Reduz o consumo de materiais, água, energia. Reduz o custo do tratamento de efluentes e da disposição de resíduos. Aumenta a produtividade e torna o ambiente de trabalho é mais participativo Melhora a imagem da empresa junto à comunidade, consumidores e agentes de marketing Benefícios do Controle de Poluição

28 28 O termo é oficial e deve ser sempre usado para a descrição destas ações Tecnologias Limpas


Carregar ppt "1 Controle de Poluição da Industria de Alimentos Prof. Marcelo Hemkemeier Prof. Paulo Roberto Koetz UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO FACULDADE DE ENGENHARIA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google