A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Propostas para o PDI 2009-2014 Reitoria, Pró-Reitorias e Diretorias Sistêmicas (84) 4005-2670 Natal, 16 e 18 de junho de 2009 Mossoró

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Propostas para o PDI 2009-2014 Reitoria, Pró-Reitorias e Diretorias Sistêmicas (84) 4005-2670 Natal, 16 e 18 de junho de 2009 Mossoró"— Transcrição da apresentação:

1 Propostas para o PDI Reitoria, Pró-Reitorias e Diretorias Sistêmicas (84) Natal, 16 e 18 de junho de 2009 Mossoró e Ipanguaçu, 17 de junho de 2009 Currais Novos, 18 de junho de 2009

2 Onde Estamos Quanta responsabilidade temos para alterar o quadro de desenvolvimento do nosso Estado

3 O que é um Plano de Desenvolvimento Institucional? O PDI é um instrumento de gestão planejada que tem como objetivo nortear o Instituto nos próximos 5 anos, em suas ações estratégicas, definir suas metas e como alcançá-las É flexível e poderá sofrer ajustes ao longo de sua implementação Sua construção requer maturidade e um grande conhecimento da sociedade em que está inserido Pretende consolidar ações de EDUCAÇÃO, de qualidade, voltadas para o desenvolvimento científico e tecnológico, integradas com o desenvolvimento LOCAL O PDI de cada Campus, focado para o desenvolvimento de seu polo, deve ser orientado em políticas de ESTADO. Prazo legal de conclusão: 29 de junho de 2009

4 Estrutura Geral do Documento PERFIL INSTITUCIONAL – Função social – Histórico de implantação e desenvolvimento da instituição – Finalidades, características e objetivos da instituição DESAFIOS INSTITUCIONAIS DIMENSÕES (objetivos, ações e indicadores) – Administração – Ensino – Extensão – Gestão de atividades estudantis – Gestão de pessoas – Gestão de tecnologia da informação – Pesquisa e inovação – Planejamento e desenvolvimento institucional

5 Focos Tecnológicos prioritários de atuação dos Campi Campus Natal-Central: Educação, Indústria, Construção Civil, Recursos Naturais e Informática – Cidade Alta: Cultura e Serviços – Nova Cruz: Construção Civil – Parnamirim: Manutenção de Aeronaves e Turismo Campus Natal-Zona Norte: Eletrônica e Gestão e Negócios Campus de Apodi: Agroindústria Campus de Caicó: Indústria Têxtil Campus de Currais Novos: Mineração e Alimentos Campus de Ipanguaçu: Agroecologia e Cerâmica Campus de João Câmara: Agronegócio Campus de Macau: Pesca e Química Campus de Mossoró: Indústria do Petróleo Campus de Pau dos Ferros: Informática e Serviços Campus de Santa Cruz: Mecânica e Serviços

6 Desafios Institucionais A educação tecnológica deve ser realizada de forma indissociada entre E-P-Ext e em atmosfera que preserve as idéias de autonomia e a liberdade acadêmica; Preservar ambiente de convivência e integração entre os níveis para contribuir com a construção de uma visão de responsabilidade social e de desenvolvimento do país; Um modelo acadêmico integrado motivará a comunidade e elevará os seus indicadores desempenho; Identificar necessidades de ofertas associada às demandas sócio-econômicas do pólo, bem como os novos horizontes econômicos e sociais apresentados para o desenvolvimento do RN;

7 Desafios Institucionais Áreas importantes - turismo, agricultura, mineração, construção civil, pesca, química, energia, indústria de petróleo e gás, indústria eletrônica, meio ambiente, serviços, cultura, cerâmica, formação de professores para a atuação no ensino de ciências, entre outros; Funcionar em campi especializados; Modelo pedagógico em constante atualização e de estrutura flexível, associado à ampliação de educação à distância e implantação de ofertas utilizando práticas de multimídia, teleconferência e interação didática na aprendizagem presencial e semipresencial dará aos campi a possibilidade de ofertar sua especialidade em outros campi do Instituto;

8 Desafios Institucionais Apropriar-se do conhecimento sócio-econômico e da realidade educacional de cada pólo para a definição de suas ações, as quais devem estreitar diálogos com a sociedade para pautar o seu desenvolvimento, sendo este acompanhado de análise de indicadores; Os cursos devem estar associados à demanda da sociedade e sua continuidade analisada através de indicadores de desempenho, tais como taxa de sucesso, de evasão, de relação aluno por docente; A verticalização será autorizada de acordo com o desempenho no curso existente, infraestrutura, docência, justificativa socioeconômica e inserção em pesquisa e em extensão.

9 Desafios Institucionais O PPP deve ser concluído até o segundo ano do PDI, através da consulta à comunidade e com o apoio dos grupos de pesquisa envolvidos com a temática; Se caracterizar em suas ações por estar atento às mudanças do setor produtivo e assimilar suas transformações; Ampliar o ambiente para o empreendedorismo como elementos geradores de empreendimentos tecnológicos e sociais, os quais levam ao desenvolvimento econômico regional; Ampliar a qualificação docente que deve nos próximos cinco anos atingir nos campi XX% do seu quadro com título de doutorado e XX% com título de mestrado;

10 Desafios Institucionais Associar à identificação das reais necessidades dos campi e os projetos devem ser validados pelo plano de desenvolvimento institucional do campus; Um programa de curto, médio e longo prazo deve ser traçado com este objetivo - inclusive com a discussão de temáticas de desenvolvimento de projetos a desenvolver para orientar a escolha de projetos de pesquisa; Cria rede de cooperação entre especialidades dos campi do IFRN e Institutos, bem como das Instituições brasileiras que desenvolvam atividades correlatas visando a construção de trabalhos de pesquisa em rede para a construção de soluções conjuntas de problemas, de formação de pessoal qualificado e a busca de mobilidade acadêmica.

11 Desafios Institucionais Elevar os indicadores do envolvimento docentes em pesquisa de 50 para 65% e de publicação de 0,9 para 1,2; Levantar os dados de educação, ciência e tecnologia da área de sua especialidade, analisá-los e em forma de seminário discutir com a sociedade; Observar a influência do Campus nos indicadores de desenvolvimento na região;

12 Objetivos :: Administração Ampliar e melhorar a infraestrutura e instalações dos campi Aperfeiçoar os métodos da gestão no tocante a autonomia e execução orçamentária e financeira dos campi, bem como Auditoria interna Aperfeiçoar os processos de comunicações, com o objetivo de melhorar a divulgação das ações no âmbito da Instituição Melhorar a segurança interna das pessoas e patrimonial, dos campi Otimizar os processos administrativos visando garantir uniformidade, eficácia e agilidade no desenvolvimento das ações

13 Objetivos :: Ensino Aprimorar e criar mecanismos para uma formação científica humanística, ética, política, artístico-cultural e desportiva, articulada com conhecimentos multidisciplinares, possibilitando a educação no âmbito do conhecimento científico e tecnológico Realizar o acompanhamento e o aperfeiçoamento contínuo do currículo e do processo ensino-aprendizagem Avaliar e aperfeiçoar o processo de gestão educacional Desenvolver articulação com as instituições públicas de ensino de níveis médio e superior Diversificar as formas de acesso discente para promover a inclusão social e estender as oportunidades de formação profissional

14 Objetivos :: Ensino (cont.) Elevar os índices de eficiência acadêmica das ofertas educacionais Ampliar e diversificar a oferta educacional, em ação integrada com a pesquisa e a extensão, desenvolvendo sintonia de ações com o desenvolvimento socioeconômico local e regional Ampliar e fortalecer a Educação à Distância, como oportunidade para integração, difusão e ampliação das ofertas educacionais, com a consolidação da oferta institucional própria, nas formas presencial e via internet, e com desenvolvimento prioritário nos campi como pólos especializados (em função do foco estratégico) Realizar acreditação e certificação de conhecimentos e competências em pelo menos uma área ou eixo tecnológico

15 Objetivos :: Extensão Fortalecer as ações institucionais sintonizadas com a Política Nacional de interiorização da acessibilidade à Educação Profissional, Científica e Tecnológica para a sociedade brasileira Implementar as políticas de Extensão, em consonância com a Política Nacional de Extensão e a Política do Fórum de Pró- Reitores de Extensão dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, em sintonia com os arranjos sociais, culturais e produtivos locais Participar ativamente de forma crítica e construtiva da elaboração e implementação de políticas públicas para o desenvolvimento local, regional e nacional, visando também à formação de profissionais com consciência cidadã Promover e valorizar a Extensão de modo a reconhecê-la como parte do pensar e do fazer acadêmico visando à formação integral do sujeito estudante

16 Objetivos :: Gestão de Atividades Estudantis Desenvolver programas e projetos de apoio aos estudantes Expandir o quantitativo de bolsas de iniciação ao trabalho, no âmbito de todos os campi, observada a situação socioeconômica do estudante Ofertar alimentação escolar gratuita e com qualidade a todos os estudantes que, comprovadamente, necessitem permanecer dois turnos na instituição Propiciar atendimento educacional, médico-odontológico, fisioterápico, psicológico e social a todos os estudantes nos diversos campi Apoiar e valorizar os órgãos de representação estudantil Apoiar eventos desportivos e culturais nos diversos campi

17 Objetivos :: Gestão de Pessoas Fortalecer as comissões de apoio e aperfeiçoar os mecanismos de avaliação do desempenho dos servidores, visando garantir a eficácia da atuação profissional Realizar estudos e levantamento do dimensionamento da força de trabalho na instituição, com o objetivo de atender as demandas administrativas e das atividades de ensino, pesquisa e extensão Fomentar programas de capacitação e estabelecimento de convênios e intercâmbios com instituições de ensino nacionais e internacionais, de modo a elevar a titulação de docentes e técnico-administrativos Desenvolver programas relacionados à melhoria da qualidade de vida do servidor

18 Objetivos :: Gestão de Tecnologia da Informação Atualizar o parque de equipamentos Desenvolver e executar o projeto de conectividade dos campi Desenvolver e implantar um programa de legalização de softwares Contribuir para o aperfeiçoamento da gestão organizacional, através da informatização de todos os processos administrativos Implantar uma Central de Serviços de TI nos campi Implantar o sistema de telefonia VoIP e de videoconferência nos campi Desenvolver e implantar o Plano de Segurança da Informação do Instituto

19 Objetivos :: Pesquisa e Inovação Sistematizar a avaliação da pesquisa e inovação no Instituto visando sua responder as ações especializadas dos campi Fortalecer os grupos de pesquisa especializados no foco do campus e induzir a formação de outros Intensificar as ações de empreendedorismo nos vários níveis ofertados Prospectar áreas estratégicas de pesquisa e inovação de forma a consolidar as ações dos campi e dos seus grupos de pesquisa Intensificar e aprimorar a produção técnico-científica nos campi de forma a contribuir para o desenvolvimento regional Construir, ampliar e fortalecer parcerias com instituições e agencias de fomento à pesquisa para o desenvolvimento de ações conjuntas e captação de recursos Ampliar a divulgação dos resultados da pesquisa

20 Objetivos :: Planejamento e Desenvolvimento Institucional Atuar institucionalmente, com vistas à estruturação de projetos de captação de recursos extraorçamentários Consolidar o plano de expansão e de interiorização institucional Desenvolver ações de planejamento estratégico e orçamento participativo, no nível central e das administrações dos campi Estimular a prática de políticas de planejamento, a médio e longo prazo Fortalecer os princípios da nova realidade organizacional, de uma única Instituição composta de várias organizações

21 O que fazer agora? Coordenação da Comissão do Campus A partir do documento básico do PDI reunir a comissão e propor alterações no documento Participar na segunda feira próxima de grupo de trabalho de sistematização de versão com as contribuições dos campi Encaminhar documentos com dados de titulação e infraestrutura do campus Definir dia para retorno e aprovação do documento final


Carregar ppt "Propostas para o PDI 2009-2014 Reitoria, Pró-Reitorias e Diretorias Sistêmicas (84) 4005-2670 Natal, 16 e 18 de junho de 2009 Mossoró"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google