A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Recuperação de Áreas Degradadas. - Aula 2a – Passivos Ambientais -

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Recuperação de Áreas Degradadas. - Aula 2a – Passivos Ambientais -"— Transcrição da apresentação:

1 Recuperação de Áreas Degradadas. - Aula 2a – Passivos Ambientais -

2 Seminários!!!????!!! Solo (parâmetros morfológicos, físicos e químicos). Rafael Muraro Bases ecológicas: População, Comunidade, Interações ecológicas, Nicho Ecológico, Capacidade de Suporte. Paula Ecossistema - Conceito e sua evolução - Sucessão Ecológica (Primária e Secundária, Clímax e Desclímax). Leandro Dalla Valle Mineração - principais tipos e impactos associados. Nelio Recursos Hídricos - conceitos sobre quantidade e qualidade da água - impactos associados. Alessandra Interação solo-planta-atmosfera. Fabíola.

3 Diferença entre recuperação e restauração: lioteca_virtual/bv_teses_congressos/Dra%20Beatriz%20Lopes%20de%20Oliveira- Dr%20Fernando%20Reverendo%20Vida.htm Lei de Política Nacional do Meio Ambiente (LF n° 6.938/81). Lei Maior de 1988, posto que consigna em seu artigo 225, § 1°, inciso I, que para consecução dos objetivos constitucionais de garantir o meio ambiente equilibrado a todos, incumbe ao Poder Público preservar e restaurar. Trabalho: Plano de RECUPERAÇÃO de área degradada ou Plano de RESTAURAÇÃO de área degradada?

4 Diferença entre recuperação e restauração: A Lei n° 9.985/2000 (S.N.U.C.) dispõe que: * Recuperação é a restituição de um ecossistema ou de uma população silvestre degradada a uma condição não degradada, que pode ser diferente de sua condição original. * Restauração é a restituição de um ecossistema ou de uma população silvestre degradada o mais próximo possível da sua condição original.

5 - Passivo Ambiental – (Environmental liability) - Definição de Passivo Ambiental. - Identificação do Passivo Ambiental / Avaliação do passivo ambiental – modelos. - Implicações legais do passivo ambiental.

6 Um empreendimento tem Passivo Ambiental quando ele agride, de algum modo e/ou ação, o meio ambiente e não dispõe de nenhum projeto ou plano para sua recuperação, aprovado oficialmente ou de sua própria decisão. História...

7

8 O termo "passivo ambiental" pode ser definido como uma obrigação adquirida em decorrência de transações anteriores ou presentes, que provocaram ou provocam danos ao meio ambiente ou a terceiros, de forma voluntária ou involuntária, os quais deverão ser indenizados através da entrega de benefícios econômicos ou prestação de serviços em um momento futuro (Galdino et al., 2004).

9 Segundo a CETESB: Passivo Ambiental: constitui o valor monetário necessário para custear a reparação do acúmulo de danos ambientais causados por um empreendimento, ao longo de sua operação. Todavia, o termo passivo ambiental tem sido empregado, com frequência, para conotar, de uma forma mais ampla, não apenas o custo monetário, mas a totalidade dos custos decorrentes do acúmulo de danos ambientais, incluindo os custos financeiros, econômicos e sociais.

10 Identificação do Passivo Ambiental / Avaliação do passivo ambiental – modelos. Passivos ambientais: - Reconhecimento. - Contabilização. (*) Informações contidas no EIA - Estudo de Impacto Ambiental - e no RIMA - Relatório de Impacto ao Meio Ambiente - servem como uma das formas possíveis para se identificar o (futuro) passivo ambiental.

11 Modelos de Avaliação de Passivos Ambientais Há várias técnicas, segundo a E.P.A. (Environmental Protection Agency), para se estimar um passivo ambiental, as quais têm sido desenvolvidas e aplicadas em combinação para cada tipo de passivo ambiental.

12 Modelos de Avaliação de Passivos Ambientais Técnicas atuariais (Actuarial techniques) - envolvem uma análise estatística de dados históricos ou eventos (como acidentes) ou consequências (adversas à saúde), os quais podem conduzir a um passivo ambiental.

13 Modelos de Avaliação de Passivos Ambientais Julgamento profissional (Professional judgment) - inclui uma análise baseada na experiência de profissionais ligados a área de meio ambiente ou correlata. - Identificação de conformidades e remediação de atividades, bem como estimar a probabilidade de acontecerem acidentes. * Análises científicas (?) Podem ser usadas para avaliar o perigo, o transporte e destino de substâncias lançadas no ambiente, o potencial de reação das plantas, animais, seres humanos, as propriedades dos ecossistemas, bem como um julgamento pode ser usado tanto para avaliar as bases legais do passivo, quanto os danos que podem ser potencialmente recuperáveis e métodos de recuperação.

14 Modelos de Avaliação de Passivos Ambientais Técnicas de análises para a decisão (Decision analysis techniques) - são usadas na construção de análises baseadas na experiência, as quais refletem incerteza na avaliação, caracterização e apresentação dos resultados na avaliação do passivo ambiental. Incertezas essas relativas à magnitude, à probabilidade e à determinação do potencial do passivo ambiental, produzindo um conjunto de passivos baseado nas suas respectivas probabilidades.

15 Avaliação Identificado risco de Contaminação/passivo ? Fase I Levantamento Preliminar Não Arquivar documentos Fase II Diagnóstico Preliminar Confirmada Contaminação/passivo ? Não Sim Sim

16 Fase III Diagnóstico Detalhado Arquivar estudos e avaliar necessidade de monitoramento Fase IV Análise de Riscos Riscos são relevantes ? Não Sim Caracterizaçãoquali-quantitativa Remediação/controle Avaliação/Mensuração

17 Fase V Diagnóstico Complementar Plano de Remediação (conceitos e metas) Órgão Ambiental Fase VI Implementar

18 Modelos de Avaliação de Passivos Ambientais Modelagem (Modeling) - é usada como uma alternativa ou suplemento para análises profissionais quando os dados históricos são limitados ou não-avaliáveis e o custo ou ocorrência de valores pode ser simulado devido a muitas variáveis prováveis ou interações complexas. A modelagem é tipicamente extraída de dados disponíveis, de julgamentos de profissionais, dos relatórios de poluentes emitidos, destino, exposição e consequências de análises técnicas estatísticas.

19 Modelos de Avaliação de Passivos Ambientais Técnicas de Cenário (Scenario techniques) - são usadas para descrever e direcionar futuras situações que podem gerar passivos ambientais, assim como mudanças de requerimentos regulatórios, políticas de remediação, padrões legais para compensar danos em recursos naturais e políticas de aplicação. (*) Simulações.

20

21 Modelos de Avaliação de Passivos Ambientais Métodos de valoração (Valuation methods) - incluem uma variedade de papéis legais e técnicas econômicas que colocam valores legais sobre as consequências ambientais para compensação de passivos por danos em recursos naturais. (*) Métodos legais para avaliar danos para pessoas, suas propriedades e seus negócios, englobam práticas aceitáveis que podem ser desenvolvidas e usadas para dar valor monetário nas compensações exigidas em processos. Diferentes tipos de exigências (medo de câncer, riscos de acidentes, defeitos químicos, dor, sofrimento, mortalidade, entre outros) têm suas próprias aproximações de avaliação, para as quais podem variar através das jurisdições legais. Aproximações econômicas para avaliar os serviços determinados por recursos naturais que não são de propriedade privada constituem um conjunto de técnicas usadas para avaliar, direta ou indiretamente, o exercício ou não de atividades prejudiciais devido ao lançamento de poluentes.

22 O papel da CETESB (e da Política Nacional do Meio Ambiente)...

23 Grandes geradores de passivos ambientais:

24 Ver site:

25

26 Referências: CETESB - GALDINO, Carlos Alberto Bezerra et al. Passivo ambiental: revisão teórica de custos na indústria do petróleo. Prod., São Paulo, v. 14, n. 1, KASKANTZIS, G. Valoração Econômica de Passivo Ambiental. de-passivo.html


Carregar ppt "Recuperação de Áreas Degradadas. - Aula 2a – Passivos Ambientais -"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google