A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda Uma corrida em busca do enriquecimento através do comércio e da criação de colônias.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda Uma corrida em busca do enriquecimento através do comércio e da criação de colônias."— Transcrição da apresentação:

1 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda Uma corrida em busca do enriquecimento através do comércio e da criação de colônias.

2 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda

3 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda

4 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda

5 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda As Cruzadas objetivavam libertar os lugares santos para abrir as rotas para o Oriente – Especiarias. Não conseguiram, os Italianos controlavam o Mediterrâneo, único mar conhecido dos Europeus.

6 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda A única saída era descobrir um caminho marítimo para ir às Índias, buscar diretamente as Especiarias e ouro para cunhar moedas, buscar novos mercados, propagar a fé cristã.

7 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda As rotas marítimas dos três grandes navegadores portugueses: Pedro Álvares Cabral, Vasco da Gama e Bartolomeu Dias.

8 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda Desenvolvimento das técnicas de navegação: caravela, bússola, astrolábio (localizava o navio pela posição das estrelas). –Bússola e astrolábio

9 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda A Burguesia une-se ao Estado Absolutista para a nova empreitada: adentrar ao mar tenebroso, cheio de monstros e superstições.

10 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda

11 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda FATORES QUE PROVOCARAM A EXPANSÃO - Centralização Política: Estado Centralizado reuniu riquezas para financiar a navegação; - O Renascimento: Permitiu o surgimento de novas idéias e uma evolução técnica; - Objetivo da Elite da Europa Ocidental em romper o monopólio Árabe-Italiano sobre as mercadorias orientais; - A busca de terras e novas minas (ouro e prata) com o objetivo de superar a crise do século XIV; - Expandir a fé;

12 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda PIONEIRISMO PORTUGUÊS 1- Localização Geográfica - Escola de Sagres. 2 - Estabilidade Interna. 3 - Nascimento precoce do Estado - Centralização do poder. 4 - Tradição pesqueira e ponto comercial. 5 - Tomada de Ceuta em colônia árabe na África. 6 - Portugueses foram descendo e descobrindo ouro, marfim. –Vista sobre a fortaleza de Sagres

13 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda 7 - Em 1488 Bartolomeu Dias chegou ao Cabo da Esperança ou Tormentas. 8 - Em 1498, Vasco da Gama chegou em Calicute na Índia, voltou à Europa com os navios abarrotados de especiarias e as revendeu com um lucro de 6.000% Estava descoberto o caminho marítimo para as Índias, os portugueses fizeram o Périplo africano pelo Leste. Portugal gastou quase um século e muito dinheiro. –Parte da costa africana conhecida pelos portugueses, através da navegação costeira.

14 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda NAVEGAÇÕES ESPANHOLAS A Espanha, após expulsar os Mouros, também queria ir às Índias pelo Oceano. Cristóvão Colombo, navegador genovês, a serviço dos reis católicos Fernando e Isabel, descobriu a América em 1492 com apenas 69 dias de viagem, viajou pelo Oeste. Colombo pensou estar nas Índias – Cipango. Mais tarde, o português Fernão de Magalhães, a serviço da Espanha comprovou a esfericidade da Terra numa que durou dois anos - Circunavegação. Os reis espanhóis recebem Colombo.

15 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda Os portugueses sentiram humilhados de estarem navegando há quase um século sem grandes sucesso e exigiram a partilha das terras descobertas. O papa Alexandre VI editou a Bula Intercoetera - a partir de Cabo Verde mediria 100 léguas a Oeste, as terras que estivessem a Leste da linha imaginária seriam de Portugal, as do Oeste da Espanha.

16 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda Portugal não aceitou, e os dois países fizeram o Tratado de Tordesilhas aumentando as léguas para 370. E em 1500, Pedro Álvares Cabral veio oficializar a posse das terras portuguesas no Novo Mundo - Brasil.

17 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda

18 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda Rotas Comerciais dos territórios portugueses no mundo

19 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda INGLESES, FRANCESES E HOLANDESES Acreditando ter uma passagem para a Ásia pelo Noroeste, esses povos lançaram-se às navegações no século XV, colonizando terras de clima frio na América do norte. Não aceitaram o Tratado de Tordesilhas e começaram a invadir terras de portugueses e espanhóis na América Latina.

20 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda CONQUISTA DA AMÉRICA OU INVASÃO? Índios autóctone - Estreito de Bering, Ilhas do Pacífico. Principais povos Pré- Colombianos: - *Incas, América do Sul; - Astecas, centro sul do México; - Maias, sul do México e parte da América Central. - Demais índios americanos estavam na época da pedra lascada, viviam da caça, pesca. –Ruínas Maias na Guatemala.

21 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda População ameríndia dizimada- hecatombe demográfica- os sobreviventes foram escravizados. Violências praticadas pelos europeus para apossar das terras, riquezas e até as mulheres indígenas, começa a fome.

22 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda Frei Bartolomé de las Casas - Conquista Sangrenta, uso de canhões, cavalos, espadas. Cultura pré- colombiana foi destruída, a riqueza americana canalizada para a Europa - Eurocentrismo.

23 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda Francisco Pizarro no Peru, Hernan Cortez no México. Tipos de Colonização - interesses mercantilistas.

24 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda

25 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda –Incas

26 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda –Incas

27 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda –Incas

28 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda –Incas

29 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda –Maias

30 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda MEDICINA O saber médico entre os maias contava com um amplo leque de conhecimento sobre o diagnóstico e o tratamento de diversas doenças. Os remédios produzidos tinham origem diversa e utilizavam matérias de fonte animal e vegetal. Além disso, os tratamentos envolviam o uso de banhos, substâncias alucinógenas, infusões e sangrias. Influenciado por uma forte conotação religiosa, os tratamentos eram conduzidos por xamãs que vinculavam os males físicos a tormentas espirituais. Os xamãs compunham uma classe exclusiva de sacerdotes conhecedora de diferenciados tratamentos médicos. Entre os diversos sacerdotes, os hmenes eram os que se incumbiam da tarefa de tratar das enfermidades da população. Exercendo atividades auxiliares, os nacomes e chaacoob realizavam sacrifícios e os rituais necessários para um determinado tratamento ou na fabricação de algumas medicações. Além disso, os maias contavam com hábitos de higiene que incluíam banhos diários e o uso de uma goma chamada chicozapote, muito utilizada na higiene bucal.

31 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda

32 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda ARTE E ARQUITETURA A arte maia tinha suma importância na preservação das tradições religiosas. Ao mesmo tempo em que contava e reproduzia as feições de suas principais divindades, a arte maia também envolvia uma importante questão política. Os murais e as esculturas relatavam a grandeza das dinastias que controlavam uma determinada cidade-Estado. Sendo indicada como uma família abençoada pelos deuses, as expressões artísticas maias eram importantes na legitimação do poder político. Os maias trabalhavam com pedras, matérias em madeira e cerâmica para construírem estátuas e figuras em baixo relevo que adornavam os templos e demais construções urbanas. Na cidade de Bonampak encontram-se várias construções e pinturas da civilização maia. No chamado Templo das Pinturas existem câmaras que relatam a história política, cultural e militar dos povos que se fixaram naquela região. Em outras regiões encontramos ainda o importante legado deixado pela arquitetura maia.

33 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda

34 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda

35 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda Calendário Maia

36 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda

37 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda Pintura do mural de Bonampak mostrando os banhos públicos realizados entre os maias.

38 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda –Grafia dos números Maias.

39 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda ESCRITA A escrita maia representa uma das mais instigantes áreas do conhecimento desta civilização pré-colombiana. Contando com um sistema composto por aproximadamente mil caracteres, sua escrita concebe a junção de um sistema fonético e simbólico. As mais recentes pesquisas, contando com avançada tecnologia, conseguiram decifrar metade dos sons e símbolos da escrita maia. Sem uma sistematização rígida, os escritos maias utilizavam de diferentes recursos para representar uma mesma idéia. A escrita, mais que uma via de expressão, representava um artifício de distinção social. Somente as elites tinham o privilégio sobre essa área de conhecimento. Materiais como a cerâmica e a pedra eram utilizados para o registro de informações. Além disso, os maias conseguiram, através de uma fibra vegetal coberta com resina e cal, fabricar uma espécie de papel. Vários livros e códices foram confeccionados a partir desse tipo de papel. Nesses documentos escritos ficaram registrados muitos dos hábitos e ações cotidianas dos povos maias.

40 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda –As tropas de Fernando Cortez derrotaram o exército asteca na Batalha de Otumba (1520).

41 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda –Astecas

42 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda –Astecas

43 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda –Astecas

44 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda Efeitos da expansão marítima Decadência do Mediterrâneo – substituído pelo Atlântico; Intensificação do processo de transição do feudalismo para o capitalismo; Aumento do poder real – absolutismo; Crescimento da vida urbana e da população; Restabelecimento da escravidão nas áreas colonizadas; Recrudescimento da contradição entre as práticas capitalistas em expansão e a doutrina econômica da Igreja, que condenava o lucro, dando origem à Reforma Protestante.

45 IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda


Carregar ppt "IDADE MODERNA EXPANSÃO MARÍTIMA Adriano Valenga Arruda Uma corrida em busca do enriquecimento através do comércio e da criação de colônias."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google