A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Telessaúde na Atenção Primária em Saúde em Belo Horizonte

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Telessaúde na Atenção Primária em Saúde em Belo Horizonte"— Transcrição da apresentação:

1 Telessaúde na Atenção Primária em Saúde em Belo Horizonte
Alaneir de Fátima dos Santos Apoio: Instituições Participantes:

2 Objetivo geral Implantar a rede BHTELESSAÚDE, voltada para atenção primária, contemplando atividades direcionadas para educação permanente em serviço e um sistema de suporte assistencial, baseado em segunda opinião, consultoria e discussão de casos clínicos.

3 Objetivos específicos
Aumentar a resolutividade da atenção básica Promover a educação permanente dos profissionais de saúde no próprio ambiente de trabalho Prestar suporte assistencial através de segunda opinião e consultorias para os profissionais de saúde que estão nas Unidades Básicas de Saúde

4 Metodologia 1. Definição de software de interatividade Conceito:
Um sistema virtual de sala de aula que utiliza concomitantemente recursos de voz, vídeo, dados e gráficos em um ambiente estruturado para aprendizagem em grupo. Áudio e videoconferências integradas Texto de chat integrado – público e privado Ferramentas de feedback Aplicações compartilhadas Quadro negro interativo Web browsing Salas fechadas Pesquisas e testes

5 Metodologia 2. Disponibilização de acesso aos recursos propedêuticos e lesões dermatológicas. Não estruturação de PACs (Picture Archiving and Communication System) – possibilidade de acesso às imagens médicas e lesões dermatológicas, com ferramentas de aquisição e visualização de imagens médicas Sametime e e-film 3. Estruturação e análise do teste de performance do software na rede interligando as unidades básicas de saúde e as unidades de ensino da Universidade Federal de Minas Gerais

6 Metodologia 3. Definição do hardware
4. Definição e desenvolvimento do software de gestão de teleconsultorias e videoconferências 5. Avaliação do sistema de videoconferência e de imagens pelos médicos e enfermeiras 6. Montagem das estruturas do BHtelessaúde nas unidades de saúde e das salas de telessaúde na SMSA e na UFMG

7 Metodologia 7. Definição de teleconsultores
8. Estruturação dos grupos de gestão do projeto envolvendo secretaria e UFMG nas áreas de Medicina, Enfermagem e Odontologia 8. Sensibilização e treinamento das equipes

8 Modalidades do BHTelessaúde
TELECONSULTORIAS ON LINE OFFLINE LAUDO DE ECG Á DISTÂNCIA VIDEOCONFERÊNCIAS REALIZAÇÃO DE CURSOS À DISTÂNCIA

9 Implantação do BHTelessaúde
2004 2005 2006 2007 Início da implantação com 15 unidades piloto (Telemedicina e Telenfermagem) Introdução da Telessaúde Bucal Ampliação para 76 unidades básicas Estrutu- ração do CEM Ampliação para 151 unidades. Incorporação do eletro digital. Ampliação da teleconsultoria para a área de enfermagem e odontologia.

10 BHTelessaúde – Forma de Interação

11 Encontra-se implantado :
SITUAÇÃO ATUAL Encontra-se implantado :

12 Infra-estrutura local
Conexão à Internet Computador com Webcam Impressora Câmera fotográfica digital

13 Objetivo: aumentar a integração entre as equipes de saúde da
Estruturação de uma unidade de referência secundária articulada com os médicos do PSF utilizando recursos de Telessaúde . Concepção: Os especialistas das áreas de Cardiologia, Neurologia, Dermatologia, Endocrinologia, Otorrinolaringologia, dividem-se entre as equipes responsabilizando-se pelos casos dos pacientes da área de abrangência daquela equipe. Objetivo: aumentar a integração entre as equipes de saúde da família e os especialistas para aperfeiçoar o processo de referência e contra-referência. Esta interação está centrada na utilização de recursos de telessaúde - 2 Unidades de Referência secundária estruturada com esta lógica

14 Sistema de Gestao de Teleconsultorias Online

15 Sistema Gestão de Teleconsultorias - Off Line

16

17 Detalhamento das Atividades Realizadas no Projeto BHTelessaúde
TIPO DE ATIVIDADE Nº DE ATIVIDADE Nº DE PARTICIPANTES TELEMEDICINA Videoconferências 36 1487 abril/04 a set/07) Teleconsultorias 260 412 Total 296 1899 TELENFERMAGEM 41 2414 TELESSAÚDE BUCAL 30 4547 TELESSAÚDE 16 2177 TOTAL GERAL 383 11037

18 Resultados

19 Resultados

20 Resolutividade das Teleconsultorias

21 46% utilizam recursos propedêuticos digitalizados
54% não utilizam recursos propedêuticos digitalizados

22 Avaliação do projeto BHTelessaúde
Estudo qualitativo e quantitativo sobre percepção dos usuários do sistema BHtelessaúde na SMSA abrangendo as atividades de teleconsultorias e videoconferências Universo: 545 questionários aplicados, utilizando escala de lickert

23 Avaliação das teleconsultorias

24 Avaliação das teleconsultorias

25 Avaliação das teleconsultorias

26 Avaliação das teleconsultorias

27 Avaliação das teleconsultorias

28 Avaliação das videoconferências

29 Avaliação das videoconferências

30 Avaliação das videoconferências

31 Avaliação das videoconferências

32 Avaliação das videoconferências

33 Avaliação das videoconferências

34 Avaliação das videoconferências

35 Principais benefícios da Telessaúde na APS em Belo Horizonte
Estruturação de uma ampla rede de formação permanente em serviço, a partir de problemas assistenciais cotidianos Melhor resolutividade da atenção básica Contribuição do projeto de telesaúde para a estruturação do sistema de saúde de forma integrada e hierarquizada

36 Principais benefícios da Telessaúde na APS em Belo Horizonte
Utilização de tecnologia de baixa complexidade, com amplo impacto social e replicável em dimensões distintas Modelo de baixo custo Estreitamento das relações entre pesquisa e meio acadêmico (Universidades) e assistência (serviços) Aumento ao acesso à consulta para as especialidades mais estranguladas

37 Curso de Capacitação a Distância para as
equipes de PSF Doenças crônico-degenerativas Curso de Eletrocardiograma utilizando objetos virtuais de aprendizagem

38 Curso à Distância para Equipe de Saúde da Família
EM BELO HORIZONTE Curso à Distância para Equipe de Saúde da Família SMS-BH/FM-UFMG

39 Abordagem das Doenças Crônicas na APS Objetivos estratégicos
Eixo temático Saúde da Família Trabalho em equipe Promoção da saúde como ato contínuo Relação equipe-paciente equipe-família equipe-comunidade Organização da atenção primária Diagnóstico, prevenção e controle das principais doenças crônicas Educação em saúde ESTUDO QUALITATIVO COM GRUPOS FOCAIS DISCUSSÃO ENTRE SMS E UFMG

40 TREINAMENTO PRÉVIO técnicos SMS-BH
CURSO DE INFORMÁTICA BÁSICA CURSO SOBRE PLATAFORMA EXPERIÊNCIA PRÉVIA COM INFORMÁTICA VARIÁVEL (DE 0 A 10)

41 DINÂMICA do CURSO REVISÃO DE CONTEÚDOS E HOMOGENEIZAÇÃO DE LINGUAGEM E ABORDAGEM MONITORAMENTO Contínuo Individual e por equipe Qualitativo e quantitativo DINÂMICA DE MONITORAMENTO Com a gerência das UBS – SMS-BH Suporte técnico por telefone – SMS-BH Presencial- monitores Fac Medicina Plataforma – SMSBH, FMUFMG, F.Celli REUNIÕES SEMANAIS DE COORDENADORES E MONITORES (UFMG, SMS-BH) AULAS PRESENCIAIS PARA INTRODUZIR, REVER CONTEÚDOS E ESTIMULAR PARTICIPAÇÃO

42 CONCLUSÃO: 105 inscritos – 102 concluíram (95%)
Ensino a distância - proposta válida para educação continuada de equipe de saúde da família Curso único para profissionais com diferentes responsabilidades e background acadêmico é possível e desejável Curso no local de trabalho é viável, mas é um desafio para o serviço Linguagem e estratégia pedagógica precisam ser apropriadas para alcançar os objetivos Contextualização temática do curso é essencial

43 Curso de Eletrocardiograma à distância
Capacitação dos profissionais para a realização e indicação do exame. Atualização para a interpretação do exame e conduta adequada. Ensino da abordagem humanizada ao paciente. Tutoria para apoio ao profissional. Uso de vídeos e animações.

44

45 UTILIZAÇÃO DA PLATAFORMA MOODLE - EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA

46 Curso de Eletrocardiograma Digital- UFMG - CETES

47 Potencial para o processo de troca de experiência na área de telessaúde entre Europa e América Latina Estruturação de uma revista latino-americana de telessaúde Elaboração de normas e regimento. Contatos com diversos centros de telessaúde: Divulgação das ações já desenvolvidas e os resultados obtidos. Fórum de discussão entre os diversos serviços. Lançamento já previsto. Proposta de estruturação de um curso à distância de telessaúde com parceiros internacionais Elaboração de uma agenda de videoconferências entre países da América Latina e Europa para relato de experiências em PSF

48

49 CONTATOS Secretaria Municipal de Saúde da PBH Gestão Saúde em Rede
Informações: / pbh.gov.br Faculdade de Medicina da UFMG Informações: / medicina.ufmg.br

50 Belo Horizonte - Brasil


Carregar ppt "Telessaúde na Atenção Primária em Saúde em Belo Horizonte"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google