A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ADEQUAÇÃO DE PC DE BT – RECON 2007 LIGHT S.A. Felipe dos Santos Andrade.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ADEQUAÇÃO DE PC DE BT – RECON 2007 LIGHT S.A. Felipe dos Santos Andrade."— Transcrição da apresentação:

1 ADEQUAÇÃO DE PC DE BT – RECON 2007 LIGHT S.A. Felipe dos Santos Andrade

2 Objetivo Adequar a entrada de energia do Edifício Boa Esperança aos critérios novos do RECON, tendo em vista a antiguidade do atual PC que inclusive apresentou problemas de falhas de curto-circuito. Apresentar os conceitos básicos para a execução de um projeto de entrada de energia elétrica.

3 Ponto de falha

4 Caixa de distribuição

5 Ponto de Entrega

6

7 Carta de Credenciamento; Levantamento do Centro de Medição; Solicitação do Rompimento de selos; Solicitação de Serviço do Cliente; Pedido de Serviços diversos; Quadro de cargas; Avaliação da demanda; Documentos à emitir

8 Definição de painéis, condutores, proteção, eletrodutos ; Planta de localização; Planta baixa com cortes e detalhes dos agrupamentos de medidores; Planta de aterramento; Diagrama unifilar; Especificação técnica dos equipamentos e materiais.

9 Descrição do projeto Entrada coletiva exclusivamente residencial com 2 agrupamentos de medidores, um com 12 apartamentos de 86m² e outro com 12 apartamentos de 60m² e uma cobertura de 300m². Sistema de serviço único com área de útil de 710m², em 220/127 V.

10 Figura do sistema

11 Cálculo das demandas Demanda individual da unidade D (13.1- seção A). Demanda do circuito de serviço Ds (13.1 – seção A). Demanda de agrupamentos de medidores DAG (13.2 – seção B). Demanda da proteção Geral DPG (13.2 – seção B). Demanda do ramal de entrada DR.

12 Alimentadores Individuais

13 Expressão da demanda individual Demanda individual das unidades D(kVA) = d1 + d2 + d3 + d4 + d5 + d6

14 Cálculo da Carga Instalada ÁREA (m²) PREVISÃO MÍNIMACALCULADOUTILIZADO NO PROJETO TOTAL CARGA INSTALADA (Kw) ILUMINAÇÃO E TOMADAS (kW) AR CONDICIONADO (QUANT x POT(cv)) AR CONDICIONADO (QUANT x POT(kW)) ILUMINAÇÃO E TOMADAS (kW) AR CONDICIONADO (QUANT x POT) ILUMINAÇÃO E TOMADAS (kW) AR CONDICIONADO (QUANT x POT(kW)) RESISTÊNCIA DE AQUECIMENTO (kW) 86 2,582 X 1cv1,479,242,749,242,7410,00 21,97 862,58 2 X 1cv1,47 5,45 1,065,451,475,00 11, ,801 X 1cv0,747,781,737,781,73- 9,50 601,80 1 X 1cv0,74 6,19 0,006,190,74- 6, ,582 X 1cv1,476,072,046,072,04- 8, ,582 X 1cv1,479,661,519,661,5110,00 21, ,801 X 1cv0,746,190,756,190,75- 6, ,801 X 1cv0,747,952,487,952,484,40 14,82 Quadro de Cargas

15 TABELA 2

16 TABELA 3A

17 Cálculo de Demanda dos Apartamentos Nº DA UNIDADE CARGA INSTALADACÁLCULO DE DEMANDA (d1) d2d3dtotal ILUMINAÇÃO E TOMADAS (kVA) RESISTÊNCIA DE AQUECIMENTO (kVA) AR CONDICIONADO (QUANT x POT(kVA)) 0,800,750,650,600,500,450,400,350,300,270,24 TOTAL ,0410,002,98 1,00 0,045,08 7,5 0 2,9 8 17, ,925,001,60 1,00 0,92 3,71 5,0 0 1,6 0 11, ,45-1,88 1,00 0,45 4,64 1,8 8 7, ,72-0,80 1,00 0,72 4,04 0,8 0 5, ,60-2,22 1,00 0,60 3,99 2,2 2 7, ,5010,001,64 1,00 0,505,19 7,5 0 1,6 4 15, ,73-0,82 1,00 0,73 4,04 0,8 2 5, ,644,402,69 1,00 0,64 4,69 4,4 0 2,6 9 13,13 Cálculo da demanda

18 Circuito de Serviço

19 TABELA 5B

20 Demanda do circuito de serviço Ds Tabela 2 – Cálculo da Demanda dos Apartamentos CARGA INSTALADADEMANDA Nº DA UNIDADE ILUMINAÇÃO (kVA) TOMADAS (kVA) RESISTÊNCIA DE AQUECIMENTO (kW) QUANTIDADE DE MOTORES ILUMINAÇÃ O (kVA) TOMADAS (kVA) RESISTÊNCIA DE AQUECIMENTO (kW) DEMANDA DOS MOTORES (kVA) TOTAL (kVA) 1/3cv5cv1/35 SERVIÇO BLOCO A 8,101,005,50428,100,205,501,509,03 24,33 SERVIÇO BLOCO B 8,101,005,50048,100,205,50013,85 27,65 Cálculo da Carga Instalada e Demanda da Área de Serviço

21 Demanda dos Agrupamentos

22 (Unidades de consumo que utilizem equipamentos elétricos individuais para aquecimento de água) (MÉTODO DE AVALIAÇÃO - SEÇÃO B) DEMANDAS (kVA) DE APARTAMENTOS EM FUNÇÃO DAS ÁREAS (m²) Área (m²)KVA 601,84 792,37 862,54 TABELA 7A

23 (MÉTODO DE AVALIAÇÃO - SEÇÃO B) TABELA 8 Nº DE APARTAMENTOS FATOR DE DIVERSIDADE 11, ,20

24 Demandas dos agrupamentos DAGs DEMANDA Nº DA UNIDADE Nº DE APARTAMENTOS ÁREA DOS APARTAMENTOS (m²) DEMANDA/APARTAMENT O (kVA) FATOR DE SEGURANÇA FATOR DE DIVERSIDADE (TABELA 8) TOTAL (kVA) PDMD1 1286,002,5410%11,2031,29 DEMANDA Nº DA UNIDADE Nº DE APARTAMENTOS ÁREA DOS APARTAMENTOS (m²) DEMANDA/APARTAMENT O (kVA) FATOR DE SEGURANÇA FATOR DE DIVERSIDADE (TABELA 8) TOTAL (kVA) PDMD21260,001,8410%11,2022,67 PDMD21300,007,7710%1,008,55 31,22 Demanda do Agrupamento de Medidores – PDMD1 Demanda do Agrupamento de Medidores – PDMD2

25 Demanda de Proteção Geral e Ramal de Ligação

26 Tabelas de Demandas DPG e DR DEMANDA Nº DA UNIDADE Nº DE APARTAMENT OS ÁREA DOS APARTAMENTOS (m²) - QUANTIDADE MÉDIA PONDERADA DAS ÁREAS (m²) DEMANDA/APARTAME NTO (kVA) (TABELA 7A) FATOR DE SEGURANÇA FATOR DE DIVERSIDAD E (TABELA 8) TOTAL (kVA) DPG51 60,0 0 86, , , 00 79,002,3710%35,9093,59 DEMANDA Nº DA UNIDADEDEMANDA DA DPG (kVA) DEMANDA DE SERVIÇO (kVA) TOTAL (kVA) DR93,5951,98145,57 Demanda da Proteção Geral de Entrada –DPG Demanda do Ramal de Entrada –DR

27

28 Quadro de cargas e demandas – seção A Identificação das Unidades Área (m²) Carga Instalada Demanda da Unidade (kVA) Proteçã o (A) Condutor es Nx ( mm²) Nº de fases Caixa (tipo) Tipo de serviço solicitado Iluminaçã o e tomadas (kW) Resistivo Quant. (kW) Ar condicionado Quant. (kW) Motores Quant. X (CV) Total (kW) ,2410,002,74-21,9717,04604x16mm²3 PDMD 1RELOCAÇÃO ,455,001,47-11,9211,11404x10mm²3 PDMD1RELOCAÇÃO ,78-1,73-9,507,45702x25mm²1 PDMD2RELOCAÇÃO ,19-0,74-6,925,24602x16mm²1 PDMD2RELOCAÇÃO ,07-2,04-8,117,32704x25mm²3 PDMD 1RELOCAÇÃO ,6610,001,51-21,1715,15604x16mm²3 PDMD1RELOCAÇÃO ,19-0,75-6,955,27602x16mm²1 PDMD2RELOCAÇÃO ,954,402,48-14,8213,13404x10mm²3 PDMD2RELOCAÇÃO Avaliação de Demanda

29 Tabela 11 – Comparativo entre atual e projetado

30

31

32

33

34

35 ITEMDESCRIÇÃOUNIDQUANT 01 PAINEL DE PROTEÇÃO GERAL E MEDIÇÃO DIRETA E PROTEÇÃO INDIVIDUAL PARA 16 MEDIDORES, MATERIAL DE CHAPA DE AÇO GALVANIZADA # 18, IP - 43, PINTURA ELETROSTÁTICA EPÓXI CINZA DIM X 1520 X 270 mm pç01 02 PAINEL DE PROTEÇÃO GERAL E MEDIÇÃO DIRETA E PROTEÇÃO INDIVIDUAL PARA 12 MEDIDORES, MATERIAL DE CHAPA DE AÇO GALVANIZADA # 18, IP - 43, PINTURA ELETROSTÁTICA EPÓXI CINZA DIM X 1140 X 270 mm pç01 03 PAINEL DE PROTEÇÃO GERAL E PARCIAL PARA ABRIGAR, UM MEDIDOR TOTALIZADOR, 3(TRÊS) TRANSFORMADORES DE CORRENTE, 01(UM) DISJUNTOR GERAL DE 300 A E 02(DOIS) DISJUNTORES DE 200 A, MATERIAL EM CHAPA DE AÇO GALVANIZADA E TRATADA CONTRA CORROSÃO, PINTURA ELETROSTÁTICA EM EPÓXI pç01 Especificação Técnica dos Materiais

36 04 CONDUTOR DE COBRE; MONOPOLAR; ENCORDOAMENTO CLASSE 2; ANTICHAMA; 0,6/1kV; PVC; #6mm² m- 05 CONDUTOR DE COBRE; MONOPOLAR; ENCORDOAMENTO CLASSE 2; ANTICHAMA; 0,6/1kV; PVC; #10mm² m- 06 CONDUTOR DE COBRE; MONOPOLAR; ENCORDOAMENTO CLASSE 2; ANTICHAMA; 0,6/1kV; PVC; #16mm² m- 07 CONDUTOR DE COBRE; MONOPOLAR; ENCORDOAMENTO CLASSE 2; ANTICHAMA; 0,6/1kV; PVC; #25mm² m- 08 CONDUTOR DE COBRE; MONOPOLAR; ENCORDOAMENTO CLASSE 2; ANTICHAMA; 0,6/1kV; PVC; #50mm² m- 09 DISJUNTOR CONTRA CURTO-CIRCUITO E SOBRECARGA DE ENERGIA; TRIPOLAR 300 A; Icc 60 kA pç01 10 DISJUNTOR CONTRA CURTO-CIRCUITO E SOBRECARGA DE ENERGIA; TRIPOLAR 100 A; Icc 60 kA pç01 11 DISJUNTOR CONTRA CURTO-CIRCUITO E SOBRECARGA DE ENERGIA; BIPOLAR 70 A; Icc 20 kA pç04 12 DISJUNTOR CONTRA CURTO-CIRCUITO E SOBRECARGA DE ENERGIA; MONOPOLAR 70 A; Icc 20 kA pç01 13 DISJUNTOR CONTRA CURTO-CIRCUITO E SOBRECARGA DE ENERGIA; TRIPOLAR 60 A; Icc 20 kA pç07 14 DISJUNTOR CONTRA CURTO-CIRCUITO E SOBRECARGA DE ENERGIA; MONOPOLAR 60 A; Icc 20 kA pç04 15 DISJUNTOR CONTRA CURTO-CIRCUITO E SOBRECARGA DE ENERGIA; TRIPOLAR 40 A; Icc 20 kA pç07 16 DISJUNTOR CONTRA CURTO-CIRCUITO E SOBRECARGA DE ENERGIA; TRIPOLAR 30 A; Icc 20 kA pç02

37 17CABO DE COBRE NÚ # 95mm² PARA ATERRAMENTOm40 18 HASTE DE ATERRAMENTO, NÚCLEO DE AÇO, COBREADA, C/ 2,4m ¾ pç06 19CONECTOR DE ATERRERRAMENTO. P/ CABO # 95mm²pç06 20 CAIXA DE ATERRAMENTO DIM. 200 X 232 pç01 21 ELETRODUTO FLEXÍVEL EM FITA DE AÇO ZINCADA 1 m- 22 PRENSA TUBO PARA FIXAÇÃO DE ELETRODUTOS 1 pç- 23CONJUNTO DE BARRAS Z PARA DERIVAÇÃO DE CIRCUITOScj01 24TERMINAL PINO ILHÓS PARA COMPRESSÃO DE CABOS # 6 / 10 / 16 / 25 mm²pç- 25CURVA DE 90º DE PVC RÍGIDO 1 ¼pç02

38 Fim Para maiores informações : Felipe dos Santos Andrade Tel: (21)


Carregar ppt "ADEQUAÇÃO DE PC DE BT – RECON 2007 LIGHT S.A. Felipe dos Santos Andrade."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google