A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

PROJETO POLÍTICO- PEDAGÓGICO. I - O conceito de projeto político- pedagógico É um processo de mudança e de antecipação do futuro, que estabelece princípios,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "PROJETO POLÍTICO- PEDAGÓGICO. I - O conceito de projeto político- pedagógico É um processo de mudança e de antecipação do futuro, que estabelece princípios,"— Transcrição da apresentação:

1 PROJETO POLÍTICO- PEDAGÓGICO

2 I - O conceito de projeto político- pedagógico É um processo de mudança e de antecipação do futuro, que estabelece princípios, diretrizes e propostas de ação para melhor organizar, sistematizar e significar as atividades desenvolvidas pela Escola como um todo. (Padilha, 2003)

3 Não se constrói um projeto sem uma direção política, um norte, um rumo. (...) O projeto pedagógico da Escola é, por isso mesmo, sempre um processo inconcluso, uma etapa em direção a uma finalidade que permanece como horizonte da Escola. (Gadotti, 1998)

4 II - Princípios para a Educação no século XXI A educação ao longo de toda a vida baseia-se em quatro pilares: Aprender a conhecer, combinando uma cultura geral, suficientemente vasta, com a possibilidade de trabalhar em profundidade um pequeno número de matérias. O que também significa: aprender a aprender, para beneficiar-se das oportunidades oferecidas pela educação ao longo de toda a vida. Aprender a conhecer, combinando uma cultura geral, suficientemente vasta, com a possibilidade de trabalhar em profundidade um pequeno número de matérias. O que também significa: aprender a aprender, para beneficiar-se das oportunidades oferecidas pela educação ao longo de toda a vida.

5 Aprender a fazer, a fim de adquirir, não somente uma qualificação profissional mas, de uma maneira mais ampla, competências que tornem a pessoa apta a enfrentar numerosas situações e a trabalhar em equipe. Mas também aprender a fazer, no âmbito das diversas experiências sociais ou de trabalho que se oferecem aos jovens e adolescentes, quer espontaneamente, fruto do contexto local ou nacional, quer formalmente, graças ao desenvolvimento do ensino alternado com o trabalho. Aprender a fazer, a fim de adquirir, não somente uma qualificação profissional mas, de uma maneira mais ampla, competências que tornem a pessoa apta a enfrentar numerosas situações e a trabalhar em equipe. Mas também aprender a fazer, no âmbito das diversas experiências sociais ou de trabalho que se oferecem aos jovens e adolescentes, quer espontaneamente, fruto do contexto local ou nacional, quer formalmente, graças ao desenvolvimento do ensino alternado com o trabalho.

6 Aprender a viver juntos desenvolvendo a compreensão do outro e a percepção das interdependências realizar projetos comuns e preparar-se para gerir conflitos no respeito pelos valores do pluralismo, da compreensão mútua e da paz. Aprender a viver juntos desenvolvendo a compreensão do outro e a percepção das interdependências realizar projetos comuns e preparar-se para gerir conflitos no respeito pelos valores do pluralismo, da compreensão mútua e da paz.

7 Aprender a ser, para melhor desenvolver a sua personalidade e estar à altura de agir com cada vez maior capacidade de autonomia, de discernimento e de responsabilidade pessoal. Para isso, não negligenciar na educação nenhuma das potencialidades de cada indivíduo: memória, raciocínio, sentido estético, capacidades físicas, aptidão para comunicar-se. Aprender a ser, para melhor desenvolver a sua personalidade e estar à altura de agir com cada vez maior capacidade de autonomia, de discernimento e de responsabilidade pessoal. Para isso, não negligenciar na educação nenhuma das potencialidades de cada indivíduo: memória, raciocínio, sentido estético, capacidades físicas, aptidão para comunicar-se. (Delors, 1996)

8 III - Princípios Norteadores do Projeto Pedagógico LDB 9.394/96 - Art. 3º O ensino será ministrado com base nos seguintes princípios: I - igualdade de condições para o acesso e permanência na escola; II - liberdade de aprender, ensinar, pesquisar e divulgar a cultura, o pensamento, a arte e o saber; III - pluralismo de idéias e de concepções pedagógicas; IV - respeito à liberdade e apreço à tolerância; V - coexistência de instituições públicas e privadas de ensino;

9 VI - gratuidade do ensino público em estabelecimentos oficiais; VII - valorização do profissional da educação escolar; VIII - gestão democrática do ensino público, na forma desta Lei e da legislação dos sistemas de ensino; IX - garantia de padrão de qualidade; X - valorização da experiência extra-escolar; XI - vinculação entre a educação escolar, o trabalho e as práticas sociais.

10 a) no desenvolvimento de uma consciência crítica; b) no envolvimento das pessoas: a comunidade interna e externa à escola; c) na participação e na cooperação das várias esferas de governo; d) na autonomia, responsabilidade e criatividade como processo e como produto do projeto. (Gadotti, 1998) Enfim, um projeto político-pedagógico da escola apoia-se:

11 IV - Processo de Construção e Avaliação do Projeto Político-pedagógico 1 - Ato situacional Ponto de partida: a prática social Descreve e situa a Escola no atual contexto da realidade brasileira, do estado e do município Descreve e situa a Escola no atual contexto da realidade brasileira, do estado e do município

12 1.2 - Apresenta uma análise crítica dos problemas / necessidades existentes na Escola: Apresenta uma análise crítica dos problemas / necessidades existentes na Escola: aprendizagem (análise dos dados estatísticos da escola) aprendizagem (análise dos dados estatísticos da escola) formação inicial e continuada (a partir das necessidades específicas de cada segmento de professores e funcionários) formação inicial e continuada (a partir das necessidades específicas de cada segmento de professores e funcionários) organização do tempo e do espaço organização do tempo e do espaço equipamentos físicos e pedagógicos (necessidades e qualificação) equipamentos físicos e pedagógicos (necessidades e qualificação) relações de trabalho na escola (professores-funcionários- pedagogos-alunos-diretor-pais) relações de trabalho na escola (professores-funcionários- pedagogos-alunos-diretor-pais)

13 participação dos pais (descrição e análise com referência à gestão democrática) participação dos pais (descrição e análise com referência à gestão democrática) contradições e conflitos presentes na prática docente (distância entre o discurso e a prática) contradições e conflitos presentes na prática docente (distância entre o discurso e a prática) critérios de organização e distribuição de turmas (por turno, por professor) critérios de organização e distribuição de turmas (por turno, por professor) organização da hora-atividade (problemas e possibilidades) organização da hora-atividade (problemas e possibilidades)

14 2 - Ato Conceitual Ponto de chegada: o projeto político social (prática social transformada: busca uma utopia, a partir do compromisso coletivo) Fundamentos teóricos explicitados clara e objetivamente: Fundamentos teóricos explicitados clara e objetivamente: Concepção de sociedade, homem, cidadania e cultura. Concepção de sociedade, homem, cidadania e cultura. Concepção de educação, escola, conhecimento, ensino, aprendizagem e avaliação. Concepção de educação, escola, conhecimento, ensino, aprendizagem e avaliação. Concepção de gestão democrática e redimensionamento de seus instrumentos Concepção de gestão democrática e redimensionamento de seus instrumentos

15 2.2 - Concepção curricular – o papel do currículo na formação humana do aluno, os limites e as possibilidades da prática docente : Concepção curricular – o papel do currículo na formação humana do aluno, os limites e as possibilidades da prática docente : Eixos norteadores: Representação e comunicação (leitura e expressão oral e escrita) Representação e comunicação (leitura e expressão oral e escrita) Investigação e compreensão (resolução de situações-problema; desenvolvimento do pensamento crítico) Investigação e compreensão (resolução de situações-problema; desenvolvimento do pensamento crítico) Contextualização sócio-cultural (transmissão do legado cultural; respeito à diversidade cultural) Contextualização sócio-cultural (transmissão do legado cultural; respeito à diversidade cultural)

16 Outros pressupostos: Construção do conhecimento em rede (interdisciplinaridade) Construção do conhecimento em rede (interdisciplinaridade) Construção de saberes para o exercício da cidadania (transdisciplinaridade) Construção de saberes para o exercício da cidadania (transdisciplinaridade) Relação dialógica entre professor e aluno (mediação, intervenção, avaliação) Relação dialógica entre professor e aluno (mediação, intervenção, avaliação) Ensino e aprendizagem desenvolvidos sob a perspectiva de colaboração e cooperação Ensino e aprendizagem desenvolvidos sob a perspectiva de colaboração e cooperação Desenvolvimento da autonomia para a aprendizagem (aprender a aprender) Desenvolvimento da autonomia para a aprendizagem (aprender a aprender) Avaliação na perspectiva formativa e continuada (do ensino e da aprendizagem) Avaliação na perspectiva formativa e continuada (do ensino e da aprendizagem) Reflexos do processo de formação continuada do professor em sua prática pedagógica Reflexos do processo de formação continuada do professor em sua prática pedagógica

17 2.3 - Gestão Democrática da escola pública: Gestão Democrática da escola pública: defesa dos princípios da gestão democrática: participação, autonomia, liberdade; defesa dos princípios da gestão democrática: participação, autonomia, liberdade; participação efetiva de todos os segmentos da escola na construção da concepção, na execução e avaliação da proposta pedagógica; participação efetiva de todos os segmentos da escola na construção da concepção, na execução e avaliação da proposta pedagógica; organização, redimensionamento e avaliação contínua dos mecanismos de gestão democrática (Conselho Municipal, Conselho Escolar, Conselho de Classe, Alunos Representantes de Turma, Associação de pais, etc.) organização, redimensionamento e avaliação contínua dos mecanismos de gestão democrática (Conselho Municipal, Conselho Escolar, Conselho de Classe, Alunos Representantes de Turma, Associação de pais, etc.)

18 2.4 - Formação Continuada: Formação Continuada: espaços privilegiados para discussão e análise das práticas educativas da escola espaços privilegiados para discussão e análise das práticas educativas da escola

19 3 - Ato operacional Define as grandes linhas de ação e a reorganização do trabalho pedagógico escolar na perspectiva administrativa, pedagógica, financeira e político- educacional: Define as grandes linhas de ação e a reorganização do trabalho pedagógico escolar na perspectiva administrativa, pedagógica, financeira e político- educacional: delimitação clara das ações relativas à recuperação de estudo dos alunos. delimitação clara das ações relativas à recuperação de estudo dos alunos. proposição de diretrizes para avaliação geral de desempenho dos docentes, dos pedagogos e dos funcionários. proposição de diretrizes para avaliação geral de desempenho dos docentes, dos pedagogos e dos funcionários. organização do trabalho pedagógico e da prática docente, a partir do currículo como núcleo do Projeto político-pedagógico. organização do trabalho pedagógico e da prática docente, a partir do currículo como núcleo do Projeto político-pedagógico.

20 Para refletir... A gestão democrática exige, em primeiro lugar, uma mudança de mentalidade de todos os membros da comunidade escolar. A gestão democrática exige, em primeiro lugar, uma mudança de mentalidade de todos os membros da comunidade escolar. O projeto da Escola depende sobretudo da ousadia dos seus agentes(...) O projeto da Escola depende sobretudo da ousadia dos seus agentes(...) (Gadotti, 1998)

21 Referências Bibliográficas BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional - Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de Brasília, 20 de dezembro de BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional - Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de Brasília, 20 de dezembro de CADEP. A construção coletiva do projeto pedagógico. Secretaria de Educação do Paraná, CADEP. A construção coletiva do projeto pedagógico. Secretaria de Educação do Paraná, DELORS, J. Educação – um tesouro a descobrir. Cortez / UNESCO / MEC, DELORS, J. Educação – um tesouro a descobrir. Cortez / UNESCO / MEC, GADOTTI, M. O projeto político-pedagógico da escola na perspectiva de uma educação para a cidadania. Instituto Paulo Freire, GADOTTI, M. O projeto político-pedagógico da escola na perspectiva de uma educação para a cidadania. Instituto Paulo Freire, PADILHA, P. R. O projeto político-pedagógico. IN Revista Pátio. Ano VII nº 25, Fev./Abr PADILHA, P. R. O projeto político-pedagógico. IN Revista Pátio. Ano VII nº 25, Fev./Abr


Carregar ppt "PROJETO POLÍTICO- PEDAGÓGICO. I - O conceito de projeto político- pedagógico É um processo de mudança e de antecipação do futuro, que estabelece princípios,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google