A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Prof. José Minuncio Neto 1 INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO Prof. José Minuncio neto.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Prof. José Minuncio Neto 1 INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO Prof. José Minuncio neto."— Transcrição da apresentação:

1 Prof. José Minuncio Neto 1 INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO Prof. José Minuncio neto

2 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada de dados Dispositivos de entrada de dados Teclado Teclado – Principal meio de entrada de dados

3 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada de dados Dispositivos de entrada de dados Mouse Mouse – É o dispositivo de entrada do tipo apontador

4 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada de dados Dispositivos de entrada de dados Touch Pad Touch Pad –mouse para notebook

5 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada de dados Dispositivos de entrada de dados Scanner Scanner – È um dispositivo capaz de capturar imagens de uma página impressa.

6 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada de dados Dispositivos de entrada de dados Scanner Scanner

7 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada de dados Dispositivos de entrada de dados Câmera Digital Câmera Digital – Dispositivo para captura de imagens – Resolução – Número de cores

8 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada de dados Dispositivos de entrada de dados Leitor de Código de Barras Leitor de Código de Barras – Principal meio de entrada de dados na automação comercial

9 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada de dados Dispositivos de entrada de dados Mesa Digitalizadora Mesa Digitalizadora Touch screen Touch screen Joystick Joystick

10 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de saída de dados Dispositivos de saída de dados Monitor de Vídeo Monitor de Vídeo – Principal meio de saída – Resolução – Dot pitch – Tamanho – Cores – Freqüência – MPR-II

11 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de saída de dados Dispositivos de saída de dados Monitor de Vídeo Monitor de Vídeo – Placa de vídeo CGA CGA EGA EGA VGA VGA SVGA SVGA XGA XGA Memória de vídeo

12 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de saída de dados Dispositivos de saída de dados Impressora Impressora – Impacto Matricial Matricial

13 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de saída de dados Dispositivos de saída de dados Impressora Impressora – Não Impacto Laser Laser Jato/bolha de tinta Jato/bolha de tinta Térmica TérmicaPPMResoluçãoCores

14 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de saída de dados Dispositivos de saída de dados Impressora Laser Impressora Laser

15 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de saída de dados Dispositivos de saída de dados Impressora Jato/bolha de tinta Impressora Jato/bolha de tinta

16 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de saída de dados Dispositivos de saída de dados Impressora Térmica Impressora Térmica

17 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de saída de dados Dispositivos de saída de dados Plotter Plotter

18 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Dispositivos de entrada e saída de dados Porta paralela Porta paralela Porta serial Porta serial USB USB Placa de rede Placa de rede Modem Modem

19 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Dispositivos de entrada e saída de dados

20 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Dispositivos de entrada e saída de dados

21 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Porta Paralela A porta paralela é uma interface de comunicação entre o computador e um periférico. Ex: Impressora, Scanner, Câmeras de vídeo Também pode-se conectar dois computadores através da porta paralela

22 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Porta Paralela Permite a comunicação com dispositivos através de uma comunicação paralela, isto é, os bits são enviados/recebidos simultaneamente, em paralelo. Existe um bit de paridade para verificação de erros.

23 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Porta Paralela

24 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Porta Paralela Os cabos paralelos possuem 25 pinos. Podem haver várias portas paralelas num computador. O DOS/Windows conhece as portas como LPT1:, LPT2:,...

25 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Porta Serial Transforma os bytes em uma seqüência de bits, que são transmitidos em uma única linha de comunicação (saída serial). Transforma também uma seqüência de bits recebidos.

26 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Porta Serial

27 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Porta Serial Dois são os principais cabos seriais: o de 9 pinos e o de 25 pinos. Podem haver várias portas seriais num computador. O DOS/Windows conhece as portas como COM1:, COM2:,...

28 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Porta USB Universal Serial Bus Permite a conexão de vários periféricos a uma única porta USB. Plug and Play Plug and Play Número máximo de conexões: 127 Número máximo de conexões: 127 Alta velocidade de transmissão Alta velocidade de transmissão

29 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Porta USB Conector USB

30 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Placa de Rede Permite a interligação de computadores em rede.

31 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Placa de Rede A placa de rede é responsável pela envio e recebimento dos dados. Ela necessita de um meio físico para trafegar, o cabo. Os principais cabos são: cabo coaxial, par trançado e fibra ótica. Outros dispositivos são necessários para montar- se uma rede, além de softwares de comunicação.

32 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Cabos

33 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Modem MO dulador/ DEM odulador Equipamento que converte os sinais digitais do computador em forma analógica – de forma que eles possam ser transmitidos na forma de ruídos através da linha telefônica-, sendo, também, capaz de executar a operação inversa.

34 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Modem

35 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Modem Os modems podem ser internos ou externos. Os externos são ligados ao computador pela porta serial.

36 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Hardware – Dispositivos de entrada e saída de dados Modem A característica mais importante de um modem é a sua velocidade de transmissão ou taxa de transmissão. Tradicionalmente, a taxa de transmissão era medida em baud (baud rate). Atualmente os fabricantes fornecem a velocidade de transmissão em bits por segundo (bps), um valor que representa de forma mais precisa a velocidade de transferência de dados. Padrão atual: bps (56 kbps)

37 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados REDES E COMUNICAÇÃO DE DADOS

38 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados A possibilidade de conectar vários computadores resulta em tantos benefícios que se tornou uma das áreas de maior crescimento no mercado de microcomputadores. Os computadores se comunicam de duas maneiras importantes: por meio de modems e de redes. Os modems permitem que os computadores usem linhas telefônicas para trocar dados. As redes conectam os computadores diretamente, seja por intermédio de fios especiais ou de alguma maneira de transmissão sem fio.

39 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados MEIOS DE COMUNICAÇÃO Refere-se aos fios, cabos e outros recursos usados pelos dados para viajar de sua origem para seu destino. São eles: Fio de Par Trançado Fio de Par Trançado Cabo Coaxial Cabo Coaxial Cabo de Fibra Ótica Cabo de Fibra Ótica Conexões sem Fio Conexões sem Fio

40 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados Fio de Par Trançado Consiste de dois fios entrelaçados um em torno do outro. Capacidade de 100 Mbits/s.

41 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados Cabo Coaxial Há dois fios condutores em um cabo coaxial. Um deles é um fio simples no centro do cabo; o outro é uma blindagem que envolve o primeiro cabo com um isolante no meio. Existe o cabo grosso, em desuso, e o fino. Capacidade aproximada de 10 Mbits/s.

42 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados Cabo de fibra ótica É um fino fio de vidro que transmite vibrações de raios de luz em vez de freqüências elétricas. Quando uma extremidade é exposta à luz, o fio transporta a luz para a outra extremidade. Imune a interferências eletromagnéticas.

43 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados Conexões sem fio Com a popularização da comunicação de dados, houve um impulso na direção de meios mais flexíveis e de meios que alcancem distâncias maiores. Vários tipos de conexões para comunicação sem fio oferecem essas vantagens. As redes permanentes sem fio são usadas especialmente em situações nas quais é difícil a passagem física dos dados. Ex: ondas de rádio, microondas, infravermelho,...

44 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados COMUNICAÇÃO POR MEIO DE REDES A palavra rede (network) tem várias definições. Aplicada aos computadores, rede é uma maneira de conectar computadores para que eles tenham consciência um do outro e possam juntar seus serviços.

45 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados Vantagens da rede Permitir acesso simultâneo a programas e dados importantes Permitir acesso simultâneo a programas e dados importantes Permitir às pessoas compartilhar dispositivos periféricos Permitir às pessoas compartilhar dispositivos periféricos Facilitar o processo de realização de cópias de segurança (backup) Facilitar o processo de realização de cópias de segurança (backup) Agilizar as comunicações pessoais Agilizar as comunicações pessoais

46 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados Tipos de rede Uma dificuldade na discussão de redes é que elas são apresentadas em uma variedade incrível de formas e tamanhos. A rede pode ser um grupo de 5 micros conectados a uma impressora a laser, ou pode ser um grupo de 5 mil micros, minis e mainframes espalhados por todo o globo. São eles: Redes Locais Redes Locais Redes Metropolitanas Redes Metropolitanas Redes de Longa Distância Redes de Longa Distância

47 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados Redes Locais LAN – Local Area Network Os computadores estão localizados relativamente perto um do outro. Qualquer rede que exista dentro de um único prédio, ou mesmo em um grupo de prédios adjacentes, é considerada uma rede local.

48 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados Redes Metropolitanas MAN – Metropolitan Area Network Os computadores estão localizados dentro de uma área maior, geralmente de uma cidade.

49 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados Redes de Longa Distância WAN – Wide Area Network Os computadores estão localizados em uma área geográfica extensa.

50 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados Topologias de Redes Topologia de rede é o layout físico dos fios que conectam nos nós da rede. Há 3 topologias comuns: barramento linear, estrela e anel. Há vários fatores que devem ser considerados para determinar-se qual a melhor topologia para uma certa situação, tais como: tipos de computadores, tipo de fiação, custo e desempenho.

51 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados Barramento Linear É um único veículo ao qual todos os nós e periféricos da rede estão conectados. Os nós transmitem dados e esperam que eles não colidam com os dados transmitidos por outros nós. Em caso ed colisão, cada nó espera um tempo e tenta retransmitir os dados.

52 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados Barramento Linear

53 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados Estrela Coloca um hub no centro dos nós da rede. Os dados são encaminhados por meio do hub central para os pontos de destino. Esse esquema tem a vantagem de que o hub monitora o tráfego e impede colisões.

54 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados Estrela

55 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados Anel Conecta os nós da rede em uma cadeia circular – cada nó é conectado ao seguinte. O nó final da cadeia é conectado ao primeiro para fechar o anel. Com essa metodologia, cada nó examina os dados que estão sendo enviados pelo anel. Se os dados não estão endereçados ao nó que os está examinando, eles são enviados ao nó seguinte.

56 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados Anel

57 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados Anel Conecta os nós da rede em uma cadeia circular – cada nó é conectado ao seguinte. O nó final da cadeia é conectado ao primeiro para fechar o anel. Com essa metodologia, cada nó examina os dados que estão sendo enviados pelo anel. Se os dados não estão endereçados ao nó que os está examinando, eles são enviados ao nó seguinte.

58 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados

59 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados

60 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados

61 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados

62 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados

63 Prof. José Minuncio Neto 1 Introdução à Computação Redes e Comunicação de Dados Software e Protocolo de Rede O software de rede é o programa que gerencia as comunicações entre os nós da rede. O software de rede utilização um protocolo de rede, que é um conjunto de padrões de comunicação. O protocolo permite que as informações possam chegar ao destino. Os principais protocolos de comunicação atuais são: TCP/IP e Ethernet.


Carregar ppt "Prof. José Minuncio Neto 1 INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO Prof. José Minuncio neto."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google