A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – 2003 1/4/2014 14:23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes1 Arquitetura.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – 2003 1/4/2014 14:23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes1 Arquitetura."— Transcrição da apresentação:

1 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes1 Arquitetura

2 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes2 Transferência de Arquivos – FTP Transferência de arquivos em sistemas remotos Utiliza o protocolo FTP sobre uma conexão TCP Estabelece conexão TCP com um servidor. Serviço transparente. Possui mecanismo de autenticação

3 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes3 Transferência de Arquivos - FTP Permite operações de visualização e alteração de estrutura de arquivos A sessão é um resultado de uma operação de comandos entre o FTP cliente e o servidor. Utiliza de um mecanismo adicional de segurança que é a criação de um segundo canal de comunicação. Trabalha com portas efêmeras

4 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes4 Características FTP Transferência Interativa: Informações sobre sistema e transferência Especificação do formato dos arquivos: Transferência nos formatos ASCII, binário e EBCDIC Transferência Autenticada: Informações sobre o usuário Baseado em um modelo servidor: Utiliza uma conexão para troca de comandos e uma para transferência de dados

5 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes5 Transferência de Arquivos – FTP Vantagens do FTP Acesso interativo : Interação direta com servidores Especificação de formato (representação) : O usuário pode especificar o tipo e formato dos dados Controle de autenticação : Autenticação de clientes através de login e senha

6 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes6 Transferência de Arquivos – FTP Processo PAI para aceitar conexões Cria processos filhos para administrar as conexões Os filhos criam escravos para tratar as transferências

7 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes7 Transferência de Arquivos – FTP Transferência de dados Processo de Controle Sistema Operacional Transferência de dados Processo de Controle Sistema Operacional Inter-rede Inter-rede Conexão de dados de cliente Conexão de controle de cliente Conexão de dados de servidor

8 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes8 Transferência de Arquivos – FTP FTP Server Cliente Inter-rede Inter-rede Pedido de conexão porta 21Transferencia de dados porta 20

9 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes9 FTP - Conexão de Controle Utiliza definições NVT Comando FTP ComandoArgumentoSignificado CWDdirAltera o diretório DELEfileRemove arquivo MKDdirCria o diretório dir PWD---Mostra o diretório corrente RETRfileTransfere dados para o sistema local LIST(dir)Lista o conteúdo do diretório STORfileSalva dados local para o remoto PORTaddrInforma ao remoto a porta do sistema local TYPE(I,A)Informa transferência binária(I) ou ASCII (A) QUIT---Encerra conexão de controle

10 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes10 FTP – Conexão de Dados Sempre que houver a transferência de dados, deverá ser enviado junto um comando indicando o PORT, sobre a qual o servidor transferirá as informações. FTP Server Cliente pwd Porta X Aguardando conexão Porta 21 Servidor recebe pedido para executar um LIST

11 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes11 FTP – Conexão de Dados FTP Server Cliente Porta X Porta 20 Porta 21 Servidor aloca uma porta Y e envia o endereço desta porta pela conexão de controle via o comando PORT Porta Ips, Y Porta Y

12 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes12 FTP – Conexão de Dados Cliente aguarda a conexão entre sua porta e a 20 do servidor FTP Server Cliente Porta X Porta 20 Porta 21 Porta Y Conexão de controle Conexão de dados

13 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes13 FTP – Conexão de Dados FTP Server Cliente LIST Porta X Porta 20 Porta 21 Porta Y Conexão realizada – Segue comando

14 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes14 FTP – Conexão de Dados FTP Server Cliente Porta X Porta 20 Porta 21 Porta Y Conteúdo do diretório Servidor devolve o resultado do comando

15 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes15 FTP – Conexão de Dados FTP Server Cliente Porta X Porta 20 Porta 21 Ambos os lados encerram a conexão e o cliente libera a porta Y

16 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes16 Tipo de Usuários FTP Ligação tipo privada As ligações particulares, destina-se essencialmente a transferências de arquivos que existam na área de trabalho do usuário de um computador remoto para um local. Para tal precisa obrigatoriamente de ter conhecimento da password de acesso à respectiva área. Ligação tipo Anônima As ligações anônimas são usadas no acesso a arquivos de software em que não é necessário que o utilizador possua uma conta na máquina remota. Existe um login padrão a nível da Internet chamado anonymous em que password é o endereço de correio eletrónico do usuário. Por norma em todos os arquivos existe um diretório padrão em que se encontra todo o software de domínio público, o /pub

17 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes17 SCP – Secure Copy O Secure Copy permite a um administrador copiar arquivos e diretórios em partições NTFS, enquanto mantém a segurança intacta, criando shares e transferindo grupos locais. O Secure Copy permite a um administrador copiar arquivos e diretórios em partições NTFS, enquanto mantém a segurança intacta, criando shares e transferindo grupos locais. Toda essa funcionalidade esta disponível em um formato GUI, o que faz com que você acompanhe o processo de cópias em andamento, bem como com quaisquer erros que possam ocorrer.

18 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes18 SCP – Secure Copy Mantém a segurança enquanto copia Se você utiliza os comandos do Explorer do Windows NT ou de "copy" ou de "xcopy" para copiar arquivos, os direitos não são copiados junto com eles. Outro utilitário pode permitir que você copie arquivos e diretórios com segurança, mas não cria shares já existentes, nem transfere grupos locais como o Secure Copy. Cria shares enquanto copia Agora você tem a opção de transferir shares existentes no servidor fonte para o servidor de destino, enquanto estiver usando o Secure Copy. Como o Secure Copy copia cada diretório de uma vez, ele primeiro confere para ver se ha uma share associada. Se houver, o Secure Copy criará a share no servidor de destino e copiará os direitos para a share. Esse recurso excepcional faz do Secure Copy um investimento que vale a pena.

19 CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – /4/ :23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes19 SCP – Secure Copy Transfere grupos locais enquanto copia O Secure Copy é a única ferramenta que transfere grupos locais enquanto copia arquivos. Um grupo local é local para a máquina em que foi criado. Se um grupo local tem direitos em um arquivo no seu servidor fonte, o Secure Copy irá criar o grupo local no servidor de destino e modificar a lista de direitos no arquivo de destino para refletir o grupo local recentemente criado. Utilizando o programa "scopy.exe" do kit de recursos do NT, cada grupo local irá aparecer como "Account Unknown" na lista de direitos do arquivo de destino. Se o nome do grupo local já existe no servidor de destino, você pode ser perguntado por um novo nome ao selecionar um prefixo ou um sufixo convencionais de nomeação. Suporta comando de linha O Secure Copy agora tem toda sua funcionalidade atraves de comandos de linha. Informações sobre os comandos de linha estão disponíveis no Help File incluído na versão para avaliação.


Carregar ppt "CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO – REDES DE COMPUTADORES – UTP – 2003 1/4/2014 14:23Professor Roberto Amaral – Serviços de Redes1 Arquitetura."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google