A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Aula 3 : Sistema de Projeções Universidade Federal da Bahia – UFBA INSTITUTO DE CIÊNCIAS AMBIENTAIS E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL IAD176 - Desenho Técnico.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Aula 3 : Sistema de Projeções Universidade Federal da Bahia – UFBA INSTITUTO DE CIÊNCIAS AMBIENTAIS E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL IAD176 - Desenho Técnico."— Transcrição da apresentação:

1 Aula 3 : Sistema de Projeções Universidade Federal da Bahia – UFBA INSTITUTO DE CIÊNCIAS AMBIENTAIS E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL IAD176 - Desenho Técnico Prof. Dennis Coelho Cruz

2 Índice: UNIDADE 2 – SISTEMAS DE PROJEÇÃO 2.1 CONCEITO DE PROJEÇÃO 2.2 CLASSIFICAÇÃO DAS PROJEÇÕES GEOMÉTRICAS PLANAS UNIDADE 3 – PROJEÇÕES ORTOGONAIS MÚLTIPLAS 3.1 VISTAS ORTOGONAIS COMUNS 3.2 ESCOLHA DAS VISTAS 3.3 ROTEIRO PARA A EXECUÇÃO DE DESENHOS EM MÚLTIPLAS VISTAS 3.4 EXERCÍCIOS

3 Conceitos de Projeção: ( ) Projetar – representar graficamente, um fenômeno físico que ocorre na natureza e que pode ser reproduzido pelo ser humano (A)(B)(C) – pontos objetivos no espaço a ser projetada α - plano de projeção A, B, C – pontos projetados de (A)(B)(C) sobre o plano ( ) (O) (A) (B) (C) A B C (O) – Centro de Projeções Projetante 1. Projeção cônica ou central.

4 2. Projeção Cilíndrica ou paralela 2.1 Oblíqua 2.2 Ortogonal (A) (B) (C) A B C (O) (A) (B) (C) A B C Tipos de Projeção:

5 Classificação das Projeções: (A) (B) (C) A B C O A B C (A) (B) (C) (O) Projeção cônica Projeção ortogonal

6 Classificação das Projeções: Exemplos Projeção cônica Projeção ortogonal Fonte: UFRGS (2009)

7 Projeções Geométricas Planas Projeções Cilíndricas ou Paralelas Ortogonais Oblíquas Axométricas Perspectiva Cavaleira Projeções Cônicas ou central Perspectiva Exata Vistas Ortográficas Isométrica Dimétrica Trimétrica Perspectiva Gabinete Perspectiva Militar Vistas comuns Vistas auxiliares Vistas seccionais Classificação das Projeções:

8 Projeções Ortogonais Múltiplas

9 Padrão da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) N BR Norma européia Projeções Ortogonais Múltiplas

10 Vista Frontal Vista Superior Vista Lateral Esquerda Projeções Ortogonais Múltiplas Rebatimento dos planos

11 Projeções Ortogonais Múltiplas Seis planos

12 Lateral Esq. Superior Frontal Inferior Lateral Dir. Posterior Projeções Ortogonais Múltiplas Seis planos E F I S D P

13 Projeções Ortogonais Múltiplas Escolha das vistas - Vista Frontal

14 Projeções Ortogonais Múltiplas Escolha das vistas -Número de Vistas (Supressão de Vistas)

15 Projeções Ortogonais Múltiplas Escolha das vistas - Escolha da vista frontal ou ?

16 Projeções Ortogonais Múltiplas Escolha das vistas - Escolha da vista frontal

17 Vista frontal (necessária) Vista posterior (desnecessária) Vista lateral esquerda (desnecessária) Vista lateral direita (necessária) Vista superior (necessária) Vista inferior (desnecessária) Projeções Ortogonais Múltiplas Escolha das vistas - Linhas invisíveis

18 Espaçamento constante entre vistas, permitindo a correspondência entre pontos nas diferentes vistas. - Vistas excessivamente próximas ou excessivamente afastadas umas das outras tiram a clareza e dificultam a interpretação do desenho. As superfícies curvas ou inclinadas devem ser representadas em verdadeira grandeza. Pode-se recorrer a vistas auxiliares. Algum detalhe não fica totalmente explícito com a utilização de vistas comuns ou auxiliares, recorre-se às vistas seccionais (cortes e seções). Projeções Ortogonais Múltiplas Outras considerações

19 1) Selecionar as vistas necessárias e suficientes para a completa definição do objeto, de modo que não apareçam ou que apareça o menor número possível de linhas tracejadas; 2) Estudar o posicionamento das vistas na folha de desenho, optando pelo formato e escala adequados; 3) Imaginar o menor paralelepípedo que contém o objeto e desenhar a traço muito leve as figuras geométricas simples que circunscrevem as projeções, observando que as distâncias entre as vistas devem ser visualmente iguais; 4) Com traço leve, detalhar as vistas, trabalhando simultaneamente em todas elas. Primeiro devem ser desenhadas as linhas de eixo e/ou simetria, depois as linhas curvas (circunferências e arcos de circunferência) e por fim as linhas retas; 5) Conferir cuidadosamente o desenho resultante; 6) Apagar as linhas-guia feitas no início do desenho; 7) Acentuar com traço definitivo os contornos de cada vista; 8) Acentuar em cada vista os pormenores visíveis; 9) Desenhar as linhas correspondentes aos detalhes invisíveis; 10) Inserir as dimensões. Projeções Ortogonais Múltiplas ROTEIRO PARA A EXECUÇÃO DE DESENHOS EM MÚLTIPLAS VISTAS

20 1 Exercícios

21 2

22 3

23 4


Carregar ppt "Aula 3 : Sistema de Projeções Universidade Federal da Bahia – UFBA INSTITUTO DE CIÊNCIAS AMBIENTAIS E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL IAD176 - Desenho Técnico."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google