A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

EMBRIOLOGIA PROF EDU RABELO. Embriologia: estudo do desenvolvimento do embrião até a formação do indivíduo adulto.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "EMBRIOLOGIA PROF EDU RABELO. Embriologia: estudo do desenvolvimento do embrião até a formação do indivíduo adulto."— Transcrição da apresentação:

1 EMBRIOLOGIA PROF EDU RABELO

2 Embriologia: estudo do desenvolvimento do embrião até a formação do indivíduo adulto.

3 EMBRIOLOGIA Conceitos básicos Tipos de Óvulos Tipos de Clivagens Embriogênese Destino dos folhetos Classificação embriológica Anexos Embrionários

4 Quanto ao local do desenvolvimento do embrião, podemos dividir os animais em: – Ovulíparos: animais que apresentam fecundação externa e desenvolvimento no interior de um ovo aquático. Invertebrados aquáticos, maioria dos peixes e anfíbios. – Ovíparos: animais que apresentam fecundação interna e desenvolvimento no interior de um ovo aquático ou terrestre. Répteis em geral, alguns peixes, aves e vários invertebrados. – Ovovivíparos:: animais que apresentam fecundação interna e que se desenvolvem dentro de ovos que ficam retidos no organismo materno. Alguns peixes e determinados répteis. – Vivíparos: animais com fecundação interna e desenvolvimento no interior do organismo materno. Maioria dos mamíferos.

5 ovulíparo

6

7 ovíparo

8 ovovivíparo

9 vivíparo

10 Cavalo-marinho, o Pai

11 Gametas humanos óvulo espermatozóide

12

13

14

15 Tipos de óvulos Classificados conforme a quantidade e distribuição do vitelo ou lécito (reserva de lipídio e proteína ) em: – Oligolécito – Heterolécito – Telolécito – Centrolécito

16 Óvulos HETEROLÉCITO (hetero = diferente) Muito vitelo. Distinção entre pólo animal, que contém o núcleo, e pólo vegetativo, que contém o vitelo. Ocorrência: peixes (alguns) e anfíbios. ISOLÉCITO OU OLIGOLÉCITO (iso = igual, lecito = vitelo, oligo = pouco) Possui pouco vitelo, homogênea ou quase homogeneamente distribuído pelo citoplasma. Ocorrência: equinodermos e cefalocordados (anfioxo). Pólo animal Pólo vegetativo Vitelo Núcleo Citoplasma com pouco vitelo Citoplasma com muito vitelo

17 CENTROLÉCITO (centro = meio) O vitelo ocupa praticamente toda a célula, ficando a porção do citoplasma sem vitelo reduzida a uma pequena região na periferia da célula e junto ao núcleo. Ocorrência: insetos Pólo animal Pólo vegetativo TELOLÉCITO (telo = fim) Óvulos grandes, com muito vitelo no pólo vegetativo. Nítida separação entre o citoplasma sem vitelo (pólo animal) e o citoplasma rico em vitelo (pólo vegetativo). Ocorrência: peixes (alguns), répteis e aves ALÉCITO (a = sem) Na maioria dos mamíferos, o óvulo é praticamente desprovido de vitelo, podendo ser considerado como um óvulo alécito, embora também possa ser chamado de oligo ou isolécito. Ocorrência: mamíferos (maioria) Óvulos Citoplasma sem vitelo Núcleo Citoplasma com muito vitelo Vitelo Núcleo Citoplasma Núcleo Cicatrícula

18 Óvulo oligolécito, alécito ou isolécito Pequena quantidade de vitelo, distribuído de maneira mais ou menos uniforme no citoplasma. Encontrados em mamíferos, equinodermos e anfioxo. Grânulos de lécito

19 Membrana vitelínica (plasmática) bioplasma núcleo nucléolo Corona radiata Zona pelúcida

20 Óvulo Heterolécito ou Telolécito Incompleto Quantidade média de vitelo, distribuído de maneira desigual nos dois pólos da célula. Encontrados em anfíbios e alguns peixes.

21 Óvulo Telolécito Completo ou Megalécito. Grande quantidade de vitelo distribuído pelo pólo vegetativo. Encontrados em aves e répteis.

22

23 Óvulo Centrolécito Os óvulos centrolécitos concentram uma parte do seu vitelo no centro do citoplasma, ao redor do núcleo e a outra parte na periferia citoplasmática. Encontrado em artrópodes.

24 Segmentação ou Clivagem

25 Conforme a quantidade e distribuição de lécito. Segmentação ou Clivagem Total ou Holoblástica IgualÓvulos Oligolécitos DesigualÓvulos Heterolécitos Parcial ou meroblática DiscoidalÓvulos Telolécitos SuperficialÓvulos Centrolécitos

26 Segmentação total Igual

27 A - óvulo C – início da 1ª clivagem B – óvulo fecundado D – 2 células E e F – 4 células G – 8 células H – mórula I - blástula

28 Segmentação Total Desigual

29 Segmentação Parcial Discoidal

30

31 Segmentação Parcial Superficial

32 Tipos de Óvulos e Segmentação

33 EMBRIOGÊNESE Resumindo: Zigoto Mórula Blástula Gástrula Nêurula

34 Célula-ovo ou zigoto2 células (blastômeros) 4 células (blastômeros)8 células (blastômeros)

35 Mórula

36 1ª divisão3ª divisão2ª divisão Mórula Segmentação

37 1 - Mórula 2 - início da blastulação 3 - Blástula 4 – início da gastrulação 5 - Gástrula a) ectoderme b) mesentoderme (endoderme) c) arquêntero d) blastóporo

38

39 Anexos Embrionários em Vertebrados Saco Vitelínico ÂmnionCórionAlantóidePlacentaCordão Umbilical Peixes presente X X X X X AnfíbiosVitelo abundante dentro das células X X X X Répteis presente X X Aves presente presente presente X X Mamíferos presente presente presente presente presente

40

41


Carregar ppt "EMBRIOLOGIA PROF EDU RABELO. Embriologia: estudo do desenvolvimento do embrião até a formação do indivíduo adulto."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google