A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1. SENSORIAMENTO REMOTO 1.3. Energia Eletromagnética

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1. SENSORIAMENTO REMOTO 1.3. Energia Eletromagnética"— Transcrição da apresentação:

1 1. SENSORIAMENTO REMOTO 1.3. Energia Eletromagnética
Espectro Eletromagnético Regiões mais importantes do espectro eletromagnético para o Sensoriamento Remoto

2

3 FONTES DE RADIAÇÃO Emite Radiação Eletromagnética
Resultado de suas oscilações atômicas e moleculares Geleiras, nuvens, pessoas, objetos, planetas, estrelas, culturas Temperatura superior à zero absoluto (0 K ou -273o C)

4

5 NATUREZA DA RADIAÇÃO ELETROMAGNÉTICA
MODELO CORPUSCULAR (OU QUÂNTICO) REM É CONCEBIDA COMO O RESULTADO DA EMISSÃO DE PEQUENOS PULSOS DE ENERGIA MODELO ONDULATÓRIO REM SE PROPAGA NA FORMA DE ONDAS FORMADAS PELA OSCILAÇÃO DOS CAMPOS ELÉTRICO E MAGNÉTICO

6 PROPRIEDADES DAS ONDAS
Refração: quando a onda passa de um meio menos denso para outro, mais denso, a mudança de velocidade resulta em mudança de direção. Quando uma onda encontra uma superfície de dois meios, ela se refrata e se reflete.

7

8 TEORIA ONDULATÓRIA Características Físicas:
Velocidade (V) de propagação no vácuo: 3 x108 m/s Freqüência (f): número de ondas que passam por um ponto no espaço num determinado tempo. Comprimento de onda (λ): distância entre dois pontos semelhantes da onda.

9 REPRESENTAÇÃO DA ONDA ELETROMAGNÉTICA

10

11 λ= V/f

12

13 Detectar radiação eletromagnética numa extensa faixa espectral
Tecnologia Atual Detectar radiação eletromagnética numa extensa faixa espectral Espectro Eletromagnético

14 ESPECTRO ELETROMAGNÉTICO
Conjunto de comprimentos de onda que compõem a REM e que pode ser dividido, didaticamente, em um certo número de regiões espectrais.

15 ESPECTRO ELETROMAGNÉTICO

16 Fonte:http://educar.sc.usp.br/otica/luz.htm

17

18 LEIS DA RADIAÇÃO Explica as variações de intensidade da radiação eletromagnética, ao longo do espectro eletromagnético. Acima de 0 oK ou -273 oC: absorve ou emite.

19 Corpo Negro Corpo que absorve toda a radiação que nele incide; nenhuma radiação é refletida ou transmitida;

20

21 Lei de Planck Explica a radiação emitida por um corpo negro em todo espectro eletromagnético; Forma característica da curva de emissão de cada corpo.

22

23 Lei de Wien (Lei do deslocamento)
Determina o comprimento de onda em que a radiação emitida é máxima; Radiação é tanto maior quanto mais quente for o corpo. λ = C/T C = 2,898 X 10³ ºK: constante de Wien (µm) T = temperatura absoluta (ºK)

24

25 Lei de Stefan-Boltzmann
Radiação total emitida varia com a quarta potência da temperatura do corpo. M = ε x σ x T4 σ = 5,6693 x 10-8 W /m-2 ºK4: constante de Stefan-Boltzmann ε = emissividade O Sol, com T~6000 K, emite centenas de milhares de vezes mais energia que a Terra, com T~288 K.

26 CONCEITOS RADIOMÉTRICOS

27 IRRADIÂNCIA intensidade do fluxo radiante,
proveniente de todas as direções, que atinge uma dada superfície.

28 IRRADIÂNCIA

29 O ESPECTRO DE EMISSÃO SOLAR

30 Fluxo de radiação que deixa a superfície em
EXCITÂNCIA Fluxo de radiação que deixa a superfície em todas as direções

31 EXCITÂNCIA

32

33 REFLECTÂNCIA e o fluxo nele incidente.
razão entre fluxo refletido por um objeto e o fluxo nele incidente.

34 Fonte: http://educar.sc.usp.br/otica/

35 Fonte: http://educar.sc.usp.br/otica/

36 Fonte: http://educar.sc.usp.br/otica/

37 Fonte:http://educar.sc.usp.br/otica/

38 razão entre fluxo absorvido por um objeto e o fluxo nele incidente.
ABSORTÂNCIA razão entre fluxo absorvido por um objeto e o fluxo nele incidente.

39

40 razão entre fluxo transmitido por um objeto e o fluxo nele incidente.
TRANSMITÂNCIA razão entre fluxo transmitido por um objeto e o fluxo nele incidente.

41

42

43

44 Unidades de medidas da radiação eletromagnética
Angstron (1Å = metros) Nanômetro (1nm = 10-9 metros) Micrômetro (1µm = 10-6 metros) Quilohertz (1KHz = 103 Hertz) Megahertz (1Mhz = 106 Hertz) Gigahertz (1GHz = 109 Hertz)

45 REGIÕES MAIS IMPORTANTES DO ESPECTRO ELETROMAGNÉTICO PARA O SENSORIAMENTO REMOTO
:

46

47

48 EFEITOS ATMOSFÉRICOS NA PROPAGAÇÃO

49 “bandas de absorção da atmosfera”
atmosfera é opaca = não permite a passagem da radiação eletromagnética “bandas de absorção da atmosfera” atmosfera é transparente = permite a passagem da radiação eletromagnética "janelas atmosféricas"

50 ABSORÇÃO A ENERGIA DE UM FEIXE DE RADIAÇÃO ELETROMAGNÉTICA É TRANSFORMADA EM OUTRAS FORMAS DE ENERGIA. É UMA ATENUAÇÃO SELETIVA CONSTITUINTES: VAPOR D'ÁGUA, OZÔNIO, MONÓXIDO DE CARBONO

51 O Espectro de Emissão Solar

52 RADIAÇÃO ELETROMAGNÉTICA MUDA DE DIREÇÃO.
ESPALHAMENTO RADIAÇÃO ELETROMAGNÉTICA MUDA DE DIREÇÃO. CONSTITUINTES: FUMAÇA, POEIRA, NEBLINA, NUVENS

53 Tipos de espalhamento Molecular ou Rayleigh (E = 1/λ4) Mie (E = 1/ λ2)
Não Seletivo

54

55 Regiões mais importantes do espectro eletromagnético para o sensoriamento remoto
Visível: 0,4 a 0,72 m Infravermelho Próximo: 0,72 a 1,3 m Infravermelho Médio: 1,3 a 3,0 m Infravermelho Termal: 7,0 a 15,0 m


Carregar ppt "1. SENSORIAMENTO REMOTO 1.3. Energia Eletromagnética"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google