A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Secretaria Municipal de Transportes Companhia de Engenharia de Tráfego AUDIÊNCIA PÚBLICA FISCALIZAÇÃO AUTOMÁTICA DE TRÂNSITO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Secretaria Municipal de Transportes Companhia de Engenharia de Tráfego AUDIÊNCIA PÚBLICA FISCALIZAÇÃO AUTOMÁTICA DE TRÂNSITO."— Transcrição da apresentação:

1 Secretaria Municipal de Transportes Companhia de Engenharia de Tráfego AUDIÊNCIA PÚBLICA FISCALIZAÇÃO AUTOMÁTICA DE TRÂNSITO

2 LICITAÇÃO: Serão realizadas duas concorrências distintas, do tipo técnica e preço, sob o regime de empreitada por preço global, objetivando a contratação de empresas especializadas na prestação dos serviços de fiscalização automática de trânsito, pelo prazo de 36 meses: LICITAÇÃO: Serão realizadas duas concorrências distintas, do tipo técnica e preço, sob o regime de empreitada por preço global, objetivando a contratação de empresas especializadas na prestação dos serviços de fiscalização automática de trânsito, pelo prazo de 36 meses: Equipamento/sistema fixo Equipamento/sistema fixo Equipamento/sistema barreira eletrônica Equipamento/sistema barreira eletrônica Secretaria Municipal de Transportes

3 LOTES As concorrências serão divididas em 4 (quatro) lotes para o equipamento sistema/fixo e em 3 (três) lotes para sistema/barreira eletrônica. Secretaria Municipal de Transportes

4 Distribuição dos Lotes Equipamento / sistema fixo LOTE 1 LOTE 2 LOTE 3 LOTE 4 Secretaria Municipal de Transportes

5 Equipamento / sistema barreira eletrônica Distribuição dos Lotes LOTE 1 LOTE 2 LOTE 3 Secretaria Municipal de Transportes

6 LOTES Será admitida, em cada licitação, a participação em todos os lotes em que é dividida, mas a um mesmo licitante, direta ou indiretamente, isoladamente ou em consórcio, será adjudicado apenas um lote. Secretaria Municipal de Transportes

7 CONSÓRCIOS Será admitida a participação de empresas em consórcio. a exigência de capital social ou patrimônio líquido será atendida pela somatória dos valores comprovados por cada consorciado. a exigência de capital social ou patrimônio líquido será atendida pela somatória dos valores comprovados por cada consorciado. a capacidade técnica do consórcio, na fase de habilitação, será avaliada pela somatória dos documentos apresentados pelas empresas consorciadas. a capacidade técnica do consórcio, na fase de habilitação, será avaliada pela somatória dos documentos apresentados pelas empresas consorciadas. Secretaria Municipal de Transportes

8 CAPACIDADE TÉCNICA controle de excesso de velocidade Atestado de experiência anterior emitido em nome da empresa participante, específica para o equipamento/sistema objeto da concorrência em que está participando, relativamente a controle de excesso de velocidade, durante um período mínimo de 6 (seis) meses, em quantidade mínima que será estabelecida no edital. Secretaria Municipal de Transportes

9 CAPACIDADE TÉCNICA Para a comprovação da quantidade exigida, será admitido o somatório de quantitativos consignados em atestados de origens diversas, vedada, no entanto, a comprovação de quantitativos relativos a períodos de experiência ou demonstração. Secretaria Municipal de Transportes

10 IDONEIDADE ECONÔMICO- FINANCEIRA Capital social ou patrimônio líquido mínimo Comprovação de boa situação financeira da licitante, mediante a aplicação de índices de liquidez geral e endividamento geral. Secretaria Municipal de Transportes

11 PROPOSTA TÉCNICA Memorial técnico descritivo do sistema ofertado. Registro dos requisitos aos quais serão atribuídos pontuação técnica. Secretaria Municipal de Transportes

12 PROPOSTA COMERCIAL Uma proposta comercial para cada lote do qual pretende participar, contendo um valor mensal (valor R) para a prestação dos serviços correspondentes àquele lote. Secretaria Municipal de Transportes

13 PROPOSTA COMERCIAL Valor R = preço dos serviços para cada lote, abrangendo a instalação, operação e manutenção dos equipamentos, locais com infra-estrutura, Centro de Processamento de Imagem etc. e de todas as despesas diretas e indiretas. Secretaria Municipal de Transportes

14 Notas para Julgamento NOTA TÉCNICA NOTA TÉCNICA NOTA COMERCIAL NOTA COMERCIAL NOTA FINAL NOTA FINAL Secretaria Municipal de Transportes

15 JULGAMENTO Classificação das propostas em função da maior Nota Final para cada lote. Secretaria Municipal de Transportes

16 JULGAMENTO A licitante que tiver obtido a maior Nota Final para mais de um lote deverá escolher o de sua preferência e será desclassificada para os demais. Secretaria Municipal de Transportes

17 JULGAMENTO O lote em que ocorrer a desclassificação por desistência será atribuído à licitante que tiver obtido a segunda maior Nota Final para aquele lote, pelo menor preço conhecido. Secretaria Municipal de Transportes

18 MINUTA DO TERMO DE REFERÊNCIA PARA O EQUIPAMENTO/SISTEMA FIXO Secretaria Municipal de Transportes

19 O que é equipamento/sistema fixo? É o conjunto de todos os equipamentos, software, comunicação com o Centro de Processamento de Imagem, instalações e acessórios necessários para fiscalizar automaticamente uma seção de mesmo sentido de tráfego É o conjunto de todos os equipamentos, software, comunicação com o Centro de Processamento de Imagem, instalações e acessórios necessários para fiscalizar automaticamente uma seção de mesmo sentido de tráfego Equipamento / sistema fixo Secretaria Municipal de Transportes

20 Canteiro central Exemplo de dois equipamentos/sistema fixos Equipamento / sistema fixo Secretaria Municipal de Transportes

21 Infrações de trânsito a serem fiscalizadas Equipamento / sistema fixo Secretaria Municipal de Transportes O equipamento/sistema fixo deverá ter a capacidade de fiscalizar simultaneamente até 4 infrações de trânsito distintas.

22 Infrações de trânsito a serem fiscalizadas (até 4) Equipamento / sistema fixo A) Desrespeito à velocidade regulamentada B) Transitar em local/horário não permitido (rodízio municipal) C) Transitar em local/horário não permitido (continua) (continua) Secretaria Municipal de Transportes

23 Infrações de trânsito a serem fiscalizadas (até 4) Equipamento / sistema fixo D) Transitar com o veículo em faixa ou pista regulamentada como de circulação exclusiva para determinado tipo de veículo E) Não conservar o veículo na faixa a ele destinada pela sinalização de regulamentação F) Veículo em situação irregular (veículo roubado e/ou licenciamento irregular) Secretaria Municipal de Transportes

24 Utilização de sistema de Leitura Automática de Placas LAP Equipamento / sistema fixo Secretaria Municipal de Transportes

25 Imagens Montagem de um Centro de Processamento de Imagens. Execução de serviços de processamento de imagens para efeitos de confecção de Autos de Infrações de Trânsito - AITs - pela Prefeitura. Equipamento / sistema fixo Secretaria Municipal de Transportes

26 Comunicação Transmissão de imagens de veículos infratores registrados pelo equipamento/sistema fixo ao Centro de Processamento de Imagens (periodicidade mínima de uma vez a cada 4 horas) Transmissão de dados de tráfego on-line (10 segundos) Equipamento / sistema fixo Secretaria Municipal de Transportes

27 Revezamentos A Contratada deverá implantar bases com infra-estrutura para o revezamento de equipamentos/sistema fixos. Equipamento / sistema fixo Secretaria Municipal de Transportes

28 Quantidade de Equipamentos/sistema fixos por Lote Equipamento / sistema fixo Secretaria Municipal de Transportes

29 Blitz Eletrônica Com comando policial Com comando policial Com envio de alarme e/ou Com envio de alarme e/ou Equipamento / sistema fixo Secretaria Municipal de Transportes

30 Avaliação em campo para fins de classificação e pontuação técnica Descrição da avaliação está no Anexo II do Termo de Referência Equipamento / sistema fixo Secretaria Municipal de Transportes

31 Avaliação em campo Itens classificatórios Itens classificatórios Itens para pontuação Itens para pontuação Equipamento / sistema fixo Secretaria Municipal de Transportes

32 Avaliação em campo Itens classificatórios: Itens classificatórios: Índice de 60% de acerto de leitura - LAP Índice de 60% de acerto de leitura - LAP Configuração e ativação/desativação à distância Configuração e ativação/desativação à distância Simulação de fiscalização de rodízio e de blitz eletrônica com comando policial Simulação de fiscalização de rodízio e de blitz eletrônica com comando policial Simulação de retorno de energia e de comunicação e de atualização de banco de dados à distância Simulação de retorno de energia e de comunicação e de atualização de banco de dados à distância Equipamento / sistema fixo Secretaria Municipal de Transportes

33 Avaliação em campo Itens para pontuação : Itens para pontuação : Índice de acerto de leitura - LAP (acima de 60%) Índice de acerto de leitura - LAP (acima de 60%) Não utilização de laço físico para LAP Não utilização de laço físico para LAP Leitura de placas de motocicletas Leitura de placas de motocicletas Utilização de luz não visível a olho nu Utilização de luz não visível a olho nu Imagens coloridas Imagens coloridas Transmissão de imagem na Blitz eletrônica com comando policial Transmissão de imagem na Blitz eletrônica com comando policial Equipamento / sistema fixo Secretaria Municipal de Transportes

34 Índice de Funcionamento t i = tempo efetivo de operação do i-ésimo equipamento/sistema fixo m = número de dias do mês N = número total de equipamentos/sistema fixos Equipamento / sistema fixo Secretaria Municipal de Transportes

35 Forma de Pagamento r 1 = IF × R (R = número de faixas × preços unitários) r = r 1 - r 2 - r 3 + r 4 r 2 atraso no processamento de imagens Equipamento / sistema fixo r 3 erros de processamento de imagens r 4 = número de Blitz Eletrônicas c/ comando policial × preço unitário Secretaria Municipal de Transportes

36 MINUTA DO TERMO DE REFERÊNCIA PARA O EQUIPAMENTO/SISTEMA BARREIRA ELETRÔNICA Secretaria Municipal de Transportes

37 O que é equipamento/sistema barreira eletrônica? É o conjunto de todos os equipamentos, software, comunicação com o Centro de Processamento de Imagem, instalações e acessórios necessários para fiscalizar automaticamente uma seção de via de É o conjunto de todos os equipamentos, software, comunicação com o Centro de Processamento de Imagem, instalações e acessórios necessários para fiscalizar automaticamente uma seção de via de um ou dois sentidos de tráfego Equipamento / sistema barreira eletrônica Secretaria Municipal de Transportes

38 Canteiro central Painel indicador de velocidade Exemplo de um equipamento/sistema barreira eletrônica Equipamento / sistema barreira eletrônica Secretaria Municipal de Transportes

39 Infrações de trânsito a serem fiscalizadas Secretaria Municipal de Transportes O equipamento/sistema barreira eletrônica deverá ter a capacidade de fiscalizar simultaneamente até 3 infrações de trânsito distintas. Equipamento / sistema barreira eletrônica

40 Infrações de trânsito a serem fiscalizadas Equipamento / sistema barreira eletrônica A) Desrespeito à velocidade regulamentada B) Transitar em local/horário não permitido (rodízio municipal) C) Veículo em situação irregular (veículo roubado e/ou licenciamento irregular) Secretaria Municipal de Transportes

41 Utilização de sistema de Leitura Automática de Placas LAP Equipamento / sistema barreira eletrônica Secretaria Municipal de Transportes

42 Imagens Montagem de um Centro de Processamento de Imagens. Execução de serviços de processamento de imagens para efeitos de confecção de Autos de Infrações de Trânsito - AITs - pela Prefeitura. Equipamento / sistema barreira eletrônica Secretaria Municipal de Transportes

43 Comunicação Transmissão de imagens de veículos infratores registrados pelo equipamento/sistema barreira eletrônica ao Centro de Processamento de Imagens (periodicidade mínima de uma vez a cada 4 horas) Transmissão de dados de tráfego on-line (10 segundos) Equipamento / sistema barreira eletrônica Secretaria Municipal de Transportes

44 Revezamentos Não existe revezamento de equipamentos/sistema barreira eletrônica em bases com infra-estrutura Equipamento / sistema barreira eletrônica Secretaria Municipal de Transportes

45 Quantidade de Equipamentos/sistema barreiras eletrônicas por Lote Equipamento / sistema barreira eletrônica Secretaria Municipal de Transportes

46 Blitz Eletrônica Com comando policial Com comando policial Com envio de alarme e/ou Com envio de alarme e/ou Equipamento / sistema barreira eletrônica Secretaria Municipal de Transportes

47 Avaliação em campo para fins de classificação e pontuação técnica Descrição da avaliação está no Anexo II do Termo de Referência Descrição da avaliação está no Anexo II do Termo de Referência Equipamento / sistema barreira eletrônica Secretaria Municipal de Transportes

48 Avaliação em campo Itens classificatórios Itens classificatórios Itens para pontuação Itens para pontuação Equipamento / sistema barreira eletrônica Secretaria Municipal de Transportes

49 Avaliação em campo Itens classificatórios Itens classificatórios Índice de 60% de acerto de leitura - LAP Índice de 60% de acerto de leitura - LAP Configuração e ativação/desativação à distância Configuração e ativação/desativação à distância Simulação de fiscalização de rodízio e de blitz eletrônica com comando policial Simulação de fiscalização de rodízio e de blitz eletrônica com comando policial Simulação de retorno de energia e de comunicação e de atualização de banco de dados à distância Simulação de retorno de energia e de comunicação e de atualização de banco de dados à distância Equipamento / sistema barreira eletrônica Secretaria Municipal de Transportes

50 Avaliação em campo Itens para pontuação Itens para pontuação Índice de acerto de leitura - LAP (acima de 60%) Índice de acerto de leitura - LAP (acima de 60%) Leitura de placas de motocicletas Leitura de placas de motocicletas Utilização de luz não visível a olho nu Utilização de luz não visível a olho nu Imagens coloridas Imagens coloridas Transmissão de imagem na Blitz eletrônica com comando policial Transmissão de imagem na Blitz eletrônica com comando policial Equipamento / sistema barreira eletrônica Secretaria Municipal de Transportes

51 Índice de Funcionamento t i = tempo efetivo de operação do i-ésimo equipamento/sistema barreira eletrônica m = número de dias do mês N = número total de equipamentos/sistema barreira eletrônica Equipamento / sistema barreira eletrônica Secretaria Municipal de Transportes

52 Forma de Pagamento r 1 = IF × R (R = número de faixas × preços unitários) r = r 1 - r 2 - r 3 + r 4 r 2 atraso no processamento de imagens Equipamento / sistema barreira eletrônica r 3 erros de processamento de imagens r 4 = número de Blitz Eletrônicas c/ comando policial × preço unitário Secretaria Municipal de Transportes


Carregar ppt "Secretaria Municipal de Transportes Companhia de Engenharia de Tráfego AUDIÊNCIA PÚBLICA FISCALIZAÇÃO AUTOMÁTICA DE TRÂNSITO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google