A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FUNDAÇÃO INSTITUTO DE PESQUISAS ECONÔMICAS – FIPE RESULTADOS DAS PESQUISAS COM A POPULAÇÃO EM SITUAÇÃO DE RUA NA CIDADE DE SÃO PAULO Ana Maria Gambier.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FUNDAÇÃO INSTITUTO DE PESQUISAS ECONÔMICAS – FIPE RESULTADOS DAS PESQUISAS COM A POPULAÇÃO EM SITUAÇÃO DE RUA NA CIDADE DE SÃO PAULO Ana Maria Gambier."— Transcrição da apresentação:

1 FUNDAÇÃO INSTITUTO DE PESQUISAS ECONÔMICAS – FIPE RESULTADOS DAS PESQUISAS COM A POPULAÇÃO EM SITUAÇÃO DE RUA NA CIDADE DE SÃO PAULO Ana Maria Gambier Campos Maria Antonieta da Costa Vieira Michiko Shiroma de Carvalho Silvia Maria Schor SÃO PAULO, AGOSTO DE 2013

2 PESQUISAS COM A POPULAÇÃO EM SITUAÇÃO DE RUA REALIZADAS PELA FIPE Primeiro censo da população em situação de rua na cidade de São Paulo, 2000; Primeiro censo da população em situação de rua na cidade de São Paulo, 2000; Perfil socioeconômico dos moradores de rua da área central, 2000; Perfil socioeconômico dos moradores de rua da área central, 2000; Censo dos distritos da área central, 2003; Censo dos distritos da área central, 2003; Estudo dos usuários dos albergues conveniados com a prefeitura, 2006 Estudo dos usuários dos albergues conveniados com a prefeitura, 2006 Avaliação dos serviços conveniados de atenção às pessoas em situação de rua, modalidades de albergues diurnos e albergues noturnos com núcleos de serviço, 2006 Avaliação dos serviços conveniados de atenção às pessoas em situação de rua, modalidades de albergues diurnos e albergues noturnos com núcleos de serviço, 2006 Censo da criança e adolescente em situação de rua na cidade de São Paulo, 2007; Censo da criança e adolescente em situação de rua na cidade de São Paulo, 2007; Perfil socioeconômico da criança e adolescente em situação de rua em duas subprefeituras da cidade de São Paulo: Sé e Pinheiros, 2007; Perfil socioeconômico da criança e adolescente em situação de rua em duas subprefeituras da cidade de São Paulo: Sé e Pinheiros, 2007; Segundo censo da população em situação de rua na cidade de São Paulo, 2009; Segundo censo da população em situação de rua na cidade de São Paulo, 2009; Perfil sócio econômico dos moradores de rua da área central, 2010 Perfil sócio econômico dos moradores de rua da área central, 2010

3 Tamanho da população e distribuição espacial A trajetória da população: 2000 a 2009A trajetória da população: 2000 a 2009 Moradores de rua: de 5013 para 6587 variação : 31,4% Acolhidos: de 3693 para 7079 variação: 91,7% População total: de 8706 para variação: 56,8% Padrão da distribuição:Padrão da distribuição: Nos 10 distritos da área central, pessoas, 53,7 % da população; Nos 10 distritos da área central, pessoas; Nos 10 distritos da área central, pessoas, 54,7% da população

4 PESSOAS EM SITUAÇÃO DE RUA ÁREA CENTRAL, 2000/2003/2009

5 SUBPREFEITURAS COM MAIOR PRESENÇA DE MORADORES DE RUA, 2009 Demais Subprefeituras = 12,15% do total

6 DISTRIBUIÇÃO DOS MORADORES DE RUA NOS DISTRITOS DA ÁREA CENTRAL 2009

7 CARACTERIZAÇÃO DEMOGRÁFICA Moradores de rua na Área Central (2010 ) População masculina86,0 Não brancos (preto, pardo, amarelo,indígena)64,3 Idade Média40,2 anos Escolaridade % Analfabetos9,5 Ensino fundamental incompleto62,8 Ensino médio completo9,0 Nível superior incompleto2,3 Nível superior completo1,9 Local de origem % Nascidos na região sudeste57,7 Nascidos no nordeste33,1 Nascidos no estado de São Paulo46,2 Nascidos na cidade de São Paulo27,5 Sexo, cor e idade %

8 FAMÍLIA E VÍNCULOS Moradores de rua na Área Central (2010 ) Família e vínculos familiares atuais % Vivem com alguém na rua33,1 Têm filhos59,1 Vivem com filho na rua0,8 Têm atualmente companheira (o) ou esposa (o)16,5 Vivem com companheiro na rua13,1 Têm parentes em SP61,3 Tiveram contato com parentes em SP nos últimos 6 meses31,0

9 TEMPO DE RUA E ALTERNATIVAS DE PERNOITE Moradores de rua na Área Central (2010 ) Alternativas de pernoite % Já dormiram em albergue79,1 Procuraram vaga em albergue na última semana20,2 Conseguiram vaga em albergue na última semana5,9 Costumam dormir em albergue3,8 Costumam dormir em logradouro público94,9 Tempo de rua Tempo que estão na rua (média)5,8 anos

10 MORADIA ANTERIOR Moradores de rua na Área Central (2010) Moradia anterior % Domicílio fora de favela67,0 Domicílio em favela17,1 Domicílio em cortiço, pensão ou cômodo9,6 Domicílio em área rural3,8 Com quem moravam % Membros da família71,9 Pessoas sem relação de parentesco11,2 Moravam sós16,2

11 TRABALHO E RENDA Moradores de rua na Área Central (2010) Situação de trabalho anterior à rua % Tinham ocupação antes de ir para a rua94,0 Trabalharam com registro em carteira67,6 Atualmente, estão há mais de 5 anos sem registro59,4 Mulheres que trabalhavam em serviços domiciliares44,4 Homens que trabalhavam na construção civil32,4 Forma de obtenção de renda e consumo atual % Não recebem nenhum benefício (BPC, Bolsa família)93,3 Obtêm renda pelo trabalho66,9 Catam material reciclável (trabalho mais citado)62,1 Conseguiram algum dinheiro no dia47,0 Valor ganho no dia (média)R$23,45 Gastaram algum dinheiro no dia63,0 Valor gasto no dia (média)R$15,57 Gastaram com alimentação69,0 Gastaram com bebida41,4 Gastaram com cigarro33,0 Gastaram com drogas19,6

12 SAÚDE E SERVIÇOS Moradores de rua na Área Central (2010) Último problema de saúde e como resolveu % Afirmaram não ter problema de saúde46,3 Mencionaram acidente e fratura12,2 Problema respiratório9,7 Problema psicológico/mental/neurológico5,3 Procurou Pronto Socorro/Hospital50,0 Procurou Posto de Saúde21,6 Não fez nada foi socorrido9,9 Use substâncias psicoativas % Usa alguma substância (álcool e/ou drogas)74,4 Bebida alcoólica65,1 Crack27,3 Maconha21,0 Cocaína11,8

13 SAÚDE E SERVIÇOS Moradores de rua na Área Central (2010) Internação em instituições % Passaram por internação52,5% Casa de detenção26,8% Clínica de recuperação de álcool e droga25,1% FEBEM/Casa11,2% Hospital psiquiátrico8,2% Orfanato/internato4,9% Uso de serviços da rede de assistência % Restaurante popular44,3% Casas/Centros de Convivência28,1% Albergues23,7% Tenda/Núcleo de Serviço19,3% Não frequenta nenhum deles32,1%

14 CIDADANIA Moradores de rua na Área Central (2010) Documentos % Não possuem qualquer documento42,6% Possuem Carteira de Identidade50,4% Possuem CPF36,9% Possuem carteira de trabalho33,2% Possuem título de eleitor31,1% Violência % Sofreram algum tipo de violência na rua66,7% Brancos que sofreram violência65,2% Não brancos que sofreram violência67,5% Violência por parte de moradores de rua46,3% Violência por parte da polícia27,9% Participação % Conhecem o Mov. Nacional de População de Rua24,0% Dos que conhecem, participam do Movimento38,1%

15 GRUPOS ETÁRIOS Moradores de rua na Área Central, 2010 e 2000 Grupos etários Variação % 18 a 30 anos18,225,9+ 7,7 31 a 49 anos64,950,1- 14,8 50 anos e mais16,924,0+ 7,8

16 GRUPOS ETÁRIOS Moradores de rua na Área Central (2010) (% em relação ao total de cada faixa etária) VariáveisProporção de: 18 a 30 anos 31 a 49 anos 50 e + anos Total Cor/raçaNão brancos72,865,552,464,3 OrigemRegião metropolitana SP43,234,519,533,3 Uso de álcool e drogas Uso de substância psicoativa80,675,865,174,4 Uso de álcool67,267,861,164,7 Uso de drogas66,534,113,537,4 Uso de crack53,723,57,127,3 Internação em instituições Internados em instituições70,654,230,252,5 Trabalho anteriorTrabalho registrado antes de ir para rua40,074,183,967,6 Atividade atual e renda Coleta de recicláveis39,054,955,651,0 Pedem/achacam47,820,827,029,2

17 LINHAS DE PESQUISA SOBRE A POPULAÇÃO Identificação das condições de risco associadas à perda da moradia/ida para a rua: trabalho/emprego, saúde, vínculos; Identificação das condições de risco associadas à perda da moradia/ida para a rua: trabalho/emprego, saúde, vínculos; Pesquisa sobre saúde mental e dependência química em parceria com instituições da área médica; Pesquisa sobre saúde mental e dependência química em parceria com instituições da área médica;

18 SUBSÍDIOS PARA AUMENTAR A EFICIÊNCIA DOS SERVIÇOS OFERECIDOS PELA REDE Sistematização das políticas de atenção à população de rua nos países europeus, no Canadá e Nos Estados Unidos. Sistematização das políticas de atenção à população de rua nos países europeus, no Canadá e Nos Estados Unidos. Informações para subsidiar a diversificação dos serviços de atendimento diferenciação dos grupos que compõem a população em situação de rua. Informações para subsidiar a diversificação dos serviços de atendimento diferenciação dos grupos que compõem a população em situação de rua. Avaliação quantitativa e qualitativa dos serviços necessários ao atendimento da população. Avaliação quantitativa e qualitativa dos serviços necessários ao atendimento da população. Estimativa dos custos de implementação de novos serviços. Estimativa dos custos de implementação de novos serviços. Avaliação dos resultados obtidos com os abrigos, repúblicas e hotéis sociais, enquanto porta de saída. Avaliação dos resultados obtidos com os abrigos, repúblicas e hotéis sociais, enquanto porta de saída.


Carregar ppt "FUNDAÇÃO INSTITUTO DE PESQUISAS ECONÔMICAS – FIPE RESULTADOS DAS PESQUISAS COM A POPULAÇÃO EM SITUAÇÃO DE RUA NA CIDADE DE SÃO PAULO Ana Maria Gambier."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google