A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

TM361 - Sistemas de Medição 1 Prof. Alessandro Marques www.metrologia.ufpr.br.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "TM361 - Sistemas de Medição 1 Prof. Alessandro Marques www.metrologia.ufpr.br."— Transcrição da apresentação:

1 TM361 - Sistemas de Medição 1 Prof. Alessandro Marques

2 FICHA No 1 (permanente) Disciplina: Sistemas de Medições I Código: TM361 Natureza: (x) obrigatória ( ) optativaSemestral ( ) Anual ( ) Modular (x) Pré-requisito: MetrologiaCo-requisito: Modalidade: (x) Presencial ( ) EaD ( ) 20% EaD C.H. Semestral Total: 20h PD: 01 LB: 01 CP: 00 ES: 00 OR: 00 C.H. Semanal: 02h EMENTA (Unidades Didáticas) Caracterização estática e dinâmica dos sistemas de medições; Conceitos de instrumentação; Fundamentos de estatística, incerteza de medição e propagação de incerteza; Efeitos físicos aplicados em sensores; Medidas de deformação e força, posição, velocidade angular e velocidade tangencial, pressão. EMENTA DA DISCIPLINA – TM361 SM1 Legenda: Conforme Resolução 15/10-CEPE: PD- Padrão LB – Laboratório CP – Campo ES – Estágio OR - Orientada

3 BIBLIOGRAFIA BÁSICA (3 TÍTULOS) 1)BALBINOT, A.; BRUSAMARELLO, V. J.; Instrumentação e fundamentos de medidas, volume 1 e 2, )DOEBELIN, E.; Measurement Systems - Application and Design, Ed. McGraw Hill 4th Edition, )FIGLIOLA, R.S.; BEASLEY D.E., Teoria e Projeto para Medições Mecânicas, 4a Edição, LTC, BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR (2 TÍTULOS) 1)ALBERTAZZI, A.; SOUZA, A. R.; Fundamentos Metrologia Científica e Industrial. 407p., Editora Manole, )Bolton, Willian: "Instrumentação & Controle", São Paulo-SP, Hemus Editora Ltda, Chefe de Departamento: ___________________________________ Assinatura: __________________________________________ EMENTA DA DISCIPLINA – FICHA No 1 (permanente)

4 FICHA No 2 (variável) EMENTA DA DISCIPLINA – TM361 SM1 Disciplina: Sistemas de Medições ICódigo: TM361 Natureza: (x) obrigatória ( ) optativaSemestral ( ) Anual ( ) Modular (x) Pré-requisito: Metrologia Co-requisito: Modalidade: (x) Presencial ( ) EaD ( ) 20% EaD C.H. Semestral Total: 20h PD: 01 LB: 01 CP: 00 ES: 00 OR: 00 C.H. Semanal: 02h EMENTA (Unidades Didáticas) Caracterização estática e dinâmica dos sistemas de medições; Conceitos de instrumentação; Fundamentos de estatística, incerteza de medição e propagação de incerteza; Efeitos físicos aplicados em sensores; Medidas de deformação e força, posição, velocidade angular e velocidade tangencial, pressão.

5 PROGRAMA (itens de cada unidade didática) CARACTERIZAÇÃO ESTÁTICA E DINÂMICA DE SINAIS: conceitos de sinais de entrada e saída, faixa de indicação; faixa de medição; faixa nominal; fundo de escala; valor de uma divisão (da escala); incremento digital; threshold; resolução; curva característica de resposta; sensibilidade; relação estímulo/resposta. CONCEITOS DE INSTRUMENTAÇÃO: o método científico; grandezas físicas; unidades de medidas; definições e conceitos, resposta dinâmica; transformada de Laplace, análise de sistemas de ordens zero, primeira e segunda. FUNDAMENTOS DE ESTATÍSTICA, INCERTEZA DE MEDIÇÃO E PROPAGAÇÃO DE INCERTEZA: teoria da medição estatística; estatísticas finitas; análise de regressão; erros de medição; fontes de erros; erros aleatórios e sistemáticos; propagação de erros; analise de incerteza de estagio avançado. EFEITOS FÍSICOS APLICADOS EM SENSORES: resistivo; indutivo; capacitivo; fotocondutivo; fotovoltaico; piezelétrico; potenciométrico; eletromagnético. MEDIDAS DE DEFORMAÇÃO E FORÇA: fundamentos teóricos; tensão mecânica; deformação elástica; balança e medição de peso; transdutores de força: piezelétricos, capacitivos, sensor de força, extensômetro de resistência elétrica (strain gages). MEDIDAS DE POSIÇÃO, VELOCIDADE ANGULAR E VELOCIDADE TANGENCIAL: transdutores potenciométricos; sensores capacitivos e indutivos; sensor magnetorresistivo. PRESSÃO: definição e conceitos; manômetros: diafragmas e foles, tubos; sensores capacitivos, piezelétricos e piezorresistivo. EMENTA DA DISCIPLINA – FICHA No 2 (variável)

6 OBJETIVO GERAL Aprofundar o conhecimento dos alunos nos diversos tipos de instrumentos de medida, enfocando seus princípios de funcionamento, aplicações e restrições, bem como seus elementos auxiliares tais como registradores e processadores de sinais. PROCEDIMENTOS DIDÁTICOS As aulas teóricas serão expositivas, contando com os recursos tais como quadro negro e projetor multimídia. As aulas práticas serão iniciada com demonstrações sobre os equipamentos, seguida da execução e repetição das atividades em grupos de no máximo 3 alunos por bancada, orientados pelo monitor e/ou pelo professor. EMENTA DA DISCIPLINA – FICHA No 2 (variável)

7 FORMAS DE AVALIAÇÃO A nota final do conjunto de avaliações será determinada conforme os critérios abaixo: Avaliação dos conceitos teóricos adquiridos: Serão realizadas duas avaliações, como provas individuais, sendo a primeira ao final da 1ª parte da disciplina e a segunda avaliação teórica ao final da 2ª parte da disciplina com apresentação de seminários pelo alunos. O peso da média destas avaliações será de 50 % da nota final da disciplina. Avaliação prática: Ao final das aulas práticas é proposto ao aluno que faça um relatório das atividades da aula prática. O Peso da média destas avaliações será de 50 % da nota final da disciplina. As avaliações serão feitas mediante apresentação de relatórios elaborados por grupos de até 3 alunos. A nota é dada ao grupo. Os relatórios deverão ser entregues até 1ª semana após a realização da aula prática. EMENTA DA DISCIPLINA – FICHA No 2 (variável)

8 A nota final será calculada pelos critérios acima, se for maior que 70 o aluno é aprovado. Se a nota final estiver entre 40 e 70, o candidato será submetida a uma avaliação que cubra toda a ementa ministrada durante o módulo. A nota média mínima de aprovação é de 50. O cálculo da Nota Final (NF) será efetuado segundo o critério abaixo: NF = 0,5 x (Média das avaliações dos conceitos teóricos) + 0,5 x (Média dos relatórios das aulas práticas). NF 70 Aprovado; 70 > NF 40 Exame final, considerando a frequência (Resolução 37/97 – CEPE (Artigo 95). NF < 40 Reprovado. EMENTA DA DISCIPLINA – FICHA No 2 (variável)

9 BIBLIOGRAFIA BÁSICA (3 TÍTULOS) 1)BALBINOT, A.; BRUSAMARELLO, V. J.; Instrumentação e fundamentos de medidas, volume 1 e 2, )DOEBELIN, E.; Measurement Systems - Application and Design, Ed. McGraw Hill 4th Edition, )FIGLIOLA, R.S.; BEASLEY D.E., Teoria e Projeto para Medições Mecânicas, 4a Edição, LTC, BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR (2 TÍTULOS) 1)ALBERTAZZI, A.; SOUZA, A. R.; Fundamentos Metrologia Científica e Industrial. 407p., Editora Manole, )Bolton, Willian: "Instrumentação & Controle", São Paulo-SP, Hemus Editora Ltda, Professor da Disciplina: ____________________________________ Assinatura: ______________________________________________ Chefe de Departamento: ___________________________________ Assinatura: __________________________________________ EMENTA DA DISCIPLINA – FICHA No 2 (variável)

10 Forma de Avaliação: I) Avaliação dos Conceitos Teóricos adquiridos: Datas previstas para as provas: PROVA 1: 02/07 (Turma A) - 04/07 (Turma B) Seminários : 06/08 (Turma A) - 08/08 (Turma B) II) Avaliação Prática : A) Entrega de relatórios de Aulas Práticas Data prevista para o Exame final: 13/08 (Turma A) - 15/08 (Turma B) 70 > NF 40, considerando a frequência (Resolução 37/97 – CEPE (Artigo 95). É assegurado o direito à segunda chamada ao aluno que não tenha comparecido à avaliação, nos casos e condições constantes no Artigo 106 da Resolução 37/97 – CEPE. TURMA 2013 – 2


Carregar ppt "TM361 - Sistemas de Medição 1 Prof. Alessandro Marques www.metrologia.ufpr.br."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google