A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A AULA COMEÇARÁ EM BREVE. AULA TÉCNICA 39 2007 INSTRUTOR: SCOPINO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A AULA COMEÇARÁ EM BREVE. AULA TÉCNICA 39 2007 INSTRUTOR: SCOPINO."— Transcrição da apresentação:

1 A AULA COMEÇARÁ EM BREVE

2

3 AULA TÉCNICA INSTRUTOR: SCOPINO

4 SCOPINO TREINAMENTOS INJEÇÃO ELETRÔNICA SISTEMA: MULTEC-H FLEXPOWER VELOCIDADE E MEDIDOR DE NÍVEL

5 ENVIE SUAS DÚVIDAS À UMEC TEMOS PLANTÃO DE DÚVIDAS AO VIVO COM O INSTRUTOR SCOPINO NO FINAL DESTA AULA.

6 INFORMAÇÕES TÉCNICAS AO ALUNO UMEC SOMENTE NA UMEC VOCÊ ASSISTE AS AULAS AO VIVO OU GRAVADAS ! NO SITE DA UMEC, VOCÊ TEM O FÓRUM COM DICAS E SOLUÇÕES E OS MANUAIS DOS PRODUTOS DE NOSSOS PATROCINADORES. PARTICIPE E PRESTIGIE !

7 Já tivemos aula sobre SONDA LAMBDA E DETONAÇÃO na injeção eletrônica MULTEC-H. Agora veremos: FLEXPOWER CELTA 2007 VELOCIDADE E MEDIDOR DE NÍVEL

8 DIAGRAMAÇÃO FLEXPOWER E C U MULTEC H TEMPERATURA DE ÁGUA * TEMPERATURA DE AR + MAP* ROTAÇÃO * POSIÇÃO BORBOLETA* DETONAÇÃO * SENSOR DE OXIGÊNIO * 04 INJETORES BOBINA CANISTER ATUADOR DE M. LENTA RELÉ BOMBA LÂMPADA DE DIAGNOSE CONECTOR DIAGNOSE PADRÃO OBD2 AR CONDICIONADO VSS – VELOCIDADE * PARTIDA A FRIO SENSOR DE FASE * ELETROVENTILADOR IMOBILIZADOR

9 SENSOR DE VELOCIDADE A MARCAÇÃO E INDICAÇÃO INSTANTÂNEA DE VELOCIDADE DO VEÍCULO APARECE NO MARCADOR DO PAINEL DE INSTRUMENTOS, E É FORNECIDA PELO SENSOR VSS DA INJEÇÃO ELETRÔNICA. TRATA-SE DE UM SENSOR DO TIPO HALL, QUE ENVIA OS PULSOS PARA A ECU CONFORME VARIA A VELOCIDADE DO VEÍCULO.

10 SENSOR DE VELOCIDADE

11 RECEBE ALIMENTAÇÃO VIA CHAVE DE IGNIÇÃO, ESTÁ ATERRADO NA OUTRA EXTREMIDADE DE SEU CONECTOR E O TERMINAL CENTRAL ENVIA PULSOS ELÉTRICOS PARA A ECU. É MOVIMENTADO PELO PINHÃO DO VELOCÍMETRO DA CAIXA DE MUDANÇAS, ATRAVÉS DO MOVIMENTO DA COROA.

12 PAINEL DE INSTRUMENTOS

13 ESQUEMA DE LIGAÇÃO VSSVSS ECUECU PAINELPAINEL LINHA MASSA SINAL A07 PINO 21

14 FUNCIONAMENTO O SINAL DO VSS, É COMPARTILHADO ENTRE A ECU DA INJEÇÃO E O PAINEL DE INSTRUMENTOS. ESTE SINAL É UTILIZADO PELA ECU PARA ADEQUAR OS PARÂMETROS DA INJEÇÃO E IGNIÇÃO DE ACORDO COM AS VARIÁVEIS DA VELOCIDADE DO VEÍCULO.

15 DICA COM DEFEITO EM SEU SINAL, A ECU IRÁ INDICAR FALHA NO SENSOR ATRAVÉS DA LÂMPADA DE ANOMALIA NO PAINEL, ALÉM DE NÃO MARCAR A VELOCIDADE. O SINTOMA COMUM É O MOTOR APAGAR NOS MOMENTOS DE DESACELERAÇÃO.

16 TESTE PODEMOS TESTAR COM A CANETA DE POLARIDADE, OSCILOSCÓPIO OU MULTÍMETRO EM FREQUÊNCIA: VELOCIDADEFREQUENCIA Hz

17

18 MEDIDOR DE NÍVEL LOCALIZADO NO MÓDULO DE COMBUSTÍVEL, JUNTO À CARCAÇA DA BOMBA ELÉTRICA, TEM A FUNÇÃO DE INDICAR A POSIÇÃO DO NÍVEL DE GASOLINA E OU ÁLCOOL NO TANQUE. ESTÁ LIGADO AO PINO 20 NO PAINEL DE INSTRUMENTOS.

19 DIAGRAMA MEDIDOR DE NÍVEL PAINELPAINEL CONECTOR DA BOMBA 20 3

20 AS VARIAÇÕES VARIAÇÕES NA MARCAÇÃO DO COMBUSTÍVEL CORRESPONDENTE A 5 LITROS, FARÃO COM QUE O SOFTWARE DA INJEÇÃO ALTERE OU ENTRE EM VERIFICAÇÃO IMEDIATA DO MAPEAMENTO DO SISTEMA, PARA IMEDIATA CORREÇÃO, POIS NÃO HÁ COMO SABER SE FOI ALTERADA OU NÃO A MISTURA.

21 LOCALIZAÇÃO

22 APRENDIZADO COM O MEDIDOR SEM MUDANÇA Leia Nível do Tanque Não Mudou Aumentou Partida Aguarda Condições Estáveis Aprendizado de Adaptação

23 APRENDIZADO DO MEDIDOR COM MUDANÇA Leia Nível do Tanque Aumentou Partida Calcula as misturas possíveis Mudança Pequena Mudança Grande Aprendizado Rápido Aprendizado Lento Tempo Morto

24 PERGUNTA O QUE OCORRE QUANDO O MEDIDOR DE NÍVEL APRESENTA FALHA ?

25 RESPOSTA O SISTEMA DE GERENCIAMENTO FICA COM PARÂMETROS ALTERADOS E TERÁ O SEU FUNCIONAMENTO IRREGULAR, PODENDO INCLUSIVE NEM PERMITIR A PARTIDA DO MOTOR.

26 OBRIGADO PELO ACOMPANHAMENTO DAS AULAS. ATÉ A PRÓXIMA: INJEÇÃO ELETRÔNICA 2007 / 41 MULTEC-H AULA 09 CELTA FLEX Instrutor Scopino

27 E AGORA VAMOS AO VIVO AO PLANTÃO DE DÚVIDAS COM O PROF. SCOPINO UMEC – UNIVERSIDADE DO MECÂNICO

28


Carregar ppt "A AULA COMEÇARÁ EM BREVE. AULA TÉCNICA 39 2007 INSTRUTOR: SCOPINO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google