A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Estatística Aplicada (Aula 3) 1.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Estatística Aplicada (Aula 3) 1."— Transcrição da apresentação:

1 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Estatística Aplicada (Aula 3) 1

2 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Situação: O departamento de vendas de uma empresa está aberto ao público durante 4 horas por dia. As vendas são feitas ao longo deste período sem que haja momentos de maior ou menor volume de vendas. Sabe-se que ocorre pelo menos uma venda por dia. Qual é a probabilidade de venda: Ao longo da primeira hora de trabalho no dia; Entre a segunda e a terceira hora de atendimento; Exatamente 3,5 horas após a abertura. tempo de atendimento: variável aleatória contínua. Distribuição Uniforme de Probabilidade 2

3 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Sabendo que a probabilidade de venda é igual para qualquer hora do dia, qual é a probabilidade de venda em cada hora? – Probabilidade de venda em uma hora = 0,25 Distribuição Uniforme de Probabilidade 3 Horas por dia f(x) ,25 P(x<=1) = 0,25 Área = 0,25 P( 2 <= x <= 3) = 0,25 Área = 0,25 P (x=3,5) = 0 Área = 0

4 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib A área do gráfico indica a probabilidade de ocorrência! A função que descreve o gráfico sob o qual queremos calcular a área se chama: função densidade de probabilidade (f.d.p) Ao tratar as variáveis aleatórias contínuas, é importante lembrar que: 1.A probabilidade não se refere a um valor em particular, mas sim de um intervalo. 2.A probabilidade de uma variável aleatória contínua assumir um valor de determinado intervalo é definida pela área do gráfico da função densidade de probabilidade. Uma vez que um ponto simples é um intervalor que tem largura igual a zero, isso implica que a probabilidade de uma variável aleatória contínua assumir um valor em particular é igual a zero. Distribuição Uniforme de Probabilidade 4

5 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Distribuição de Probabilidade A distribuição de probabilidade de uma variável aleatória descreve como as probabilidades estão distribuídas sobre os valores de uma variável aleatória Vantagem de definir a distribuição de probabilidade de uma variável aleatória é que, uma vez conhecida a distribuição, torna-se fácil determinar a probabilidade de ocorrência de uma série de eventos 5

6 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Distribuição Normal de Probabilidade Distribuições contínuas de probabilidade –A mais importante distribuição de probabilidade para descrever uma variável aleatória contínua é a distribuição normal de probabilidade 6

7 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Distribuição Normal de Probabilidade A distribuição normal de probabilidade tem formato de sino A f.d.p é definida por: 7

8 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Distribuição Normal de Probabilidade Distribuição normal –Curva normal 8

9 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Distribuição Normal de Probabilidade Características da Distribuição Normal –A família inteira das distribuições de probabilidade é diferenciada por dois parâmetros, a média e o desvio padrão –O ponto máximo da curva normal encontra-se na média, que é também a mediana e a moda da distribuição –A média da distribuição pode ser qualquer valor numérico: negativo, zero ou positivo. –A distribuição Normal é simétrica, sendo a forma da curva à esquerda da média uma imagem espelhada da forma da curva a direita da média –O desvio padrão determina o quanto a curva é achatada ou larga 9

10 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Distribuição Normal de Probabilidade Características da Distribuição Normal 10

11 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Distribuição Normal de Probabilidade Características da Distribuição Normal –As probabilidades da variável aleatória normal são dadas por áreas sob a curva. A área total sob a curva é 1. Já que a distribuição é simétrica, a área sob a curva, à direita da média, é 0,5 e à direita também. 11

12 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Distribuição Normal de Probabilidade Características da Distribuição Normal As porcentagens dos valores de alguns intervalos comumente usados são: 68,27%, 95,44%, 99,73% 12

13 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Distribioção de probabilidade ,28 - 1,28 99% 95% 90% 10% 5% 1% + 2,33 + 1,65 - 1,65 - 2,33

14 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Distribuição Normal de Probabilidade Importância da distribuição Normal –Assume grande importância na avaliação de investimentos Aproximação à curva normal dos retornos esperados e outros eventos financeiros 14

15 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Distribuição Normal de Probabilidade Situação: Sabendo eu uma série de retornos de um ativo possui distribuição normal (com média e desvio padrão conhecidos), podemos calcular a probabilidade do retorno deste estar dentro de um intervalo de interesse. Como calcular a área da distribuição normal? Usar a tabela estatística! Determinar a variável padrão! (distribuição normal padrão) 15

16 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Distribuição Normal de Probabilidade Para encontrar a probabilidade de uma variável aleatória estar dentro de um intervalo específico, devemos calcular a área sob a curva normal ao longo desse intervalo. Para a distribuição normal padrão, as áreas sob a curva normal foram calculadas e estão disponíveis em tabelas que podem ser usadas no cálculo das probabilidades. Dizemos que a variável aleatória que tem uma distribuição Normal cuja a média é zero e desvio padrão 1 tem uma distribuição normal padrão de probabilidade Usaremos a letra z representar uma variável aleatória com distribuição normal A tabela apresenta a probabilidade acumulada entre 0 e z1, para uma distribuição normal padronizada (média 0 e desvio padrão 1) 16

17 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Colocar a Tabela estatística de distribuição 17

18 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Como usar a tabela estatística: –Passo 1: calcular o valor z Distribuição Normal de Probabilidade 18

19 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Como usar a tabela estatística: –Passo 2: encontrar o valor z na tabela –Passo 3: encontrar a probabilidade desejada Normalmente a primeira coluna apresenta a parte inteira e o primeiro decimal, e a linha apresenta o segundo decimal. Exemplo: Ache e interprete os seguintes valores na tabela: a)1,73 b)0,59 c)5 Distribuição Normal de Probabilidade 19

20 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Distribuição de probabilidade Como calcular a área da distribuição –Calcular a probabilidade de z estar entre 0,00 e 1,00 –Calcular a probabilidade para z maior igual e 1 a menor igual a 1,25 –Calcular a probabilidade de z estar entre -1 e +1 –Calcular a probabilidade de z ser no mínimo 1,58 –Calcular a probabilidade de z ser maior do que -0,5 –Calcular a probabilidade de Z estar entre 1 e 1,58 20

21 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Exemplos de uso da tabela. 1- As pontuações de um teste de QI em adultos são normalmente distribuídas com média 100 e desvio padrão 15. Calcule a probabilidade de um adulto escolhido ao acaso ter QI entre 70 e 115. Primeiro passo: Calcular z para cada valor de interesse. z1=(70-100)/15=-2 e z2=( )/15=1, portanto devemos calcular a probabilidade de z estar entre -2 e 1. P(-2

22 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib 2- O pesos de coelhos criados em uma granja pode ser representada por uma distribuição normal com média 5kg e desvio padrão de 0,8 kg. Um abatedouro comprará 5000 coelhos e pretende classificá-los de acordo com o peso, do seguinte modo: os 20% mais leves como pequenos, os 55% seguintes como médios, os 15% seguintes como grandes e os 10% restantes como extras. Quais os limites de peso para cada classificação? Distribuição Normal de Probabilidade 22

23 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Distribuição Normal de Probabilidade 23

24 Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib A média de preço das ações das empresas que compõe o índice S&P é US$ 30,00 e o desvio padrão é US$ 8,20. Suponha que o preço das ações se distribua normalmente. a)Qual é aprobabilidade de uma empresa ter um preço de, no mínimo, US$ 40,00 para as suas ações? b)Qual deve ser o preço das ações para que a empresa seja incluída entre as 10% maiores? Distribuição Normal de Probabilidade 24


Carregar ppt "Estatística Aplicada Prof. Afonso Chebib Estatística Aplicada (Aula 3) 1."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google